sexta-feira, 25 de setembro de 2020

BRANDÃO VS NOVAES

    Brandão ao que parece conquistou a simpatia dos funcionários do BB. Na comparação inevitável com o seu antecessor, a impressão foi que Novaes teria sido muito limitado se comparado ao novo inquilino da presidência do banco. Lógico, a impressão inicial é a que fica.

    É preciso checar, entretanto, se a postura do banco vai mudar em relação aos créditos ao consumidor. Notamos no momento certa retração ou restrição ao crédito. Apesar de já ter liquidado um empréstimo, no meu caso as novas aberturas se encontram cadeadas. E vejam que sempre havia limite disponível. Sequer para renegociação. Talvez seja um caso particular.

     Os bancos como um todo não nos dão refresco na pandemia. Enquanto a Cooperforte está suspendendo as parcelas, o BB e o ES estão cobrando normalmente. O ES teve aquele momento de suspender dois meses e só. Vamos lá sr. Wagner da Seguridade, dê-nos mais alguma flexibilização, senão complica.

       Problemas de saúde têm me preocupado. Mas na graça de Deus estamos conseguindo atravessar esse momento tão difícil para muitas famílias brasileiras que tiveram perdas devido a essa nefasta pandemia que parece não querer afrouxar. Todo cuidado é pouco. Máscaras constantes, distanciamento, sem aglomerações, infectados isolados para não transmitir a outras pessoas, embora a disciplina brasileira deixe muito a desejar. Que todos continuem com os cuidados e na prevenção indispensável.


André Brandão novo presidente do BB

Crédito imagem: bp.blogspot,com

3 comentários:

Blog do Ed disse...

A história do Banco do Brasil registra muitos notáveis presidentes que não eram funcionários do Banco. Certamente Dr. Brandão pretende passar para a História como grande administrador financeiro. Acho que está começando bem, quando, segundo propalam, disse que não vem com o propósito de privatizar o Banco do Brasil.
Edgardo Amorim Rego

Cadé disse...

Força querido amigo Ari, é claro que senti falta dos seus comentários. Mas, a saúde é o que interessa. Vou inclui-lo em minhas orações diárias. Melhoras, fica com Deus.
Zenílson Cadé

Adaí Rosembak disse...

Caro Ari Zanella,
Estou torcendo pelo Brandão.
Pelo o que ele já falou até agora, pela sua carreira profissional, por sua idade e por sua aparência e apresentação ele passou confiança.
Resta saber se o Guedes, que considera o BB uma "porra", não vai manchar sua trajetória.
Muito bom seu artigo.
Parabéns.
Adaí Rosembak