sábado, 20 de junho de 2020

VIVER É LUTAR (JÁ DIZIA GONÇALVES DIAS)

ATENÇÃO!

A ordem é retirar Bolsonaro antes que ele possa indicar ao menos um nome ao STF e antes das eleições para presidência da Câmara.

Com um nome dentro do STF, ele ainda seria minoria, mas poderia atacar o sistema de dentro para fora, escancarando tudo de errado que há lá dentro.

Por sobrevivência, Bolsonaro se uniu ao Centrão e o sistema (mecanismo) já entendeu que é grande a chance de se eleger um presidente da Câmara alinhado ao poder executivo.

O desespero bateu e é por isso que o STF ataca sem parar … e vai piorar.

Estão querendo que o presidente vire a mesa ou, no mínimo, rachar a direita, desunir seus apoiadores … e estão conseguindo.

Não vamos permitir!

Por favor entendam, nesse momento Bolsonaro nada pode fazer, está agoniado como nós … se pudesse, já teria agido.

Não é simples, foram 30 anos de aparelhamento de todos os segmentos da sociedade … em algumas frentes, Bolsonaro luta sozinho.

Por favor, entendam mais ainda, que numa guerra assimétrica como essa, perderemos peças, teremos que entregar cabeças, mas é assim que funciona.

Sei que é difícil dizer isso para quem foi preso, mas assim funciona uma guerra … você não pode abandonar o seu general porque ele perdeu um soldado.

É estressante ver um bom ministro balançar no cargo, alguém que nos representa tão bem, mas repito, é uma guerra, é passo a passo … perde hoje, ganha amanhã.

Esses próximos meses serão absurdamente estressantes para nós.

A grande mídia, o STF, Maia e Alcolumbre irão trabalhar incansavelmente contra nós.

Surgirão escândalos, surgirão narrativas, irão forçar de todas as maneiras possíveis para nos amedrontar, nos calar, nos fazer abandonar o barco, virarmos isentos, deixarmos Bolsonaro sozinho … não podemos, de jeito algum, ser atingidos por isso.

Preparem os físicos, as almas e os corações para uma guerra, uma guerra severa, mas que iremos vencer.

É Bolsonaro no poder ou a esquerda corrupta e comunista de volta, não tem outro destino.

Não vamos abandonar o capitão, não vamos deixar abandonado quem quase deu a vida por esse país.

Tenham certeza absoluta que todas as revoltas internas que nós estamos sentindo, ele também está.

Bolsonaro está liderando uma guerra com o que tem, como pode.

Em janeiro de 2021, ele estará mais forte … vamos levar muita porrada, mas vamos suportar e levá-lo até lá.

Vamos juntos, vamos lutar, vamos vencer!

Você vai abandonar o Brasil?

Fábio C. Ferreira
16/06/2020”

16 comentários:

Blog do Ed disse...

Eu acredito que as Forças Armadas Brasileiras são democráticas, são patrióticas e constituem os melhores quadros de governança e administração brasileiros atuais. Eu gostaria que esse governo, que aí está governando o país, eleito democraticamente pelo voto do Povo, continuasse governando o País.
Edgardo Amorim Rego

Mauro Oliveira disse...

De acordo.

vlademir disse...

O que estamos assistindo não é narrativas, são fatos. Apoiadores com o estimulo do PR simulando bombardeio ao STF, uma maquina de propaganda acabando com reputaçoes, uma economia já capenga antes da pandemia; negação de um problema sérissimo de saude publica, a lista é imensa, não vamos se alongar. O que tem de bom nesse governo? Ficam a todo tempo vendo inimigos imaginários, mas a realidade é uma total incompetencia do PR em governar. A democracia que temos é essa. Temos que aperfeiçoar.

Ari Zanella disse...

Numa democracia é obrigação respeitar a vontade da maioria. Qualquer outro meio de se chegar ao poder é GOLPE antidemocrático. Se não é bom que se tire pelo voto na próxima eleição. Do jeito que querem fazer parece que somente a esquerda "sabe" governar. Pior que vão conseguir dar o golpe sob aparências de legalidade, com apoio do comunismo internacional, principalmente o PCC chinês. Parece que o sr. Vlademir apoia a ditadura da Venezuela e de Cuba. O fim realmente está chegando. Que o Senhor tenha piedade de todos nós.

vlademir disse...

Não apoio ditaduras. Mas o que vemos hoje é os apoiadores do PR vendo conspiração em tudo e em todo lugar. Isso é medieval. Obscurantismo ja tivemos cenas, vamos torcer para não chegar a rituais macabros, bem comun na Idade Média.

Odan disse...

RUIM COM "ELE", PIOR COM "OUTRO".

Unknown disse...

Como aconteceu com a Dilma??

vlademir disse...

Pelo raciocínio do Sr. Ari a Dilma foi vítima de golpe,eu acho que não, ela perdeu a capacidade de governar, por esse motivo caiu. Nenhuma nação chegou a um desenvolvimento economico e social com governos populistas, nem de esquerda como o PT, nem populismo de direita como o atual.

Blog do Ed disse...

Prezado Vladimir
O estilo é o homem. Seu estilo é correto. Você tem boa instrução.Mas, se entendi sua objeção, você pensa que a democracia não é ambiente fértil para o progresso, para o desenvolvimento econômico e social. Ora, os Estados Unidos, a Europa se desenvolveram em regime político democrático, regime em que PT e Bolsonaro proliferaram. É com isso que me defronto na História e isso leio nos livros de Economia e Sociologia. Um fenômeno como Nazismo, fascismo União Socialista Soviética pode até proporcionar progresso maior e mais rápido, mas não é sustentável, porque ao indivíduo humano repugna a situação escravagista. É isso que se aguarda dos fenômenos progressistas atuais, China e Coreia do Norte, a democratização.
Edgardo Amorim Rego

vlademir disse...

Meu caro Edgardo. Acredito que governos devem ser escolhidos democraticamente. O que não acredito é que governos populistas não trazem progresso social e econômico, apesar de serem escolhidos pelo voto. Cabem aos govetanantes após eleitos pararem de pensar em reeleição e governar, essa preucupacao com a próxima eleição leva ao populismo.

Blog do Ed disse...

Entendi. Já o que penso é que na democracia se tem o governo que é a "cara do Povo", o espelho do Povo. Povo bom, governo progressista; povo desqualificado, governo corrupto, incompetente fracassado.
Edgardo Amorim Rego

jair mario disse...

Governo Bolsonaro? Que Governo? Um Presidente que tem como Guru um terraplanista, que tem como conselheiros três filhos que só fazem trapalhadas. Um Governo que em plena pandemia não tem um Ministro da Saúde, mas em seu lugar um militar que nem médico é? E que trocou mais de 20 técnicos experientes na área da saúde por 20 militares experientes em sabe-se lá em que? Um Governo que apoia explicitamente movimentos anti democráticos. Sinceramente, seja lá quem for que o substitua, certamente pior não será. E a alternativa para substituí-lo não se resume a PT ou comunismo, como muitos afirmam. Há muita gente capaz nesse imenso Brasil.

Ari Zanella disse...

Não adianta. Cada um enxerga aquilo que quer. Vamos apoiar, então, o massacre do Judiciário e do Legislativo? Vamos dar vazão aos reclames do plim-plim?
Estava indo tudo muito bem mas chegou um certo vírus...De um país muito interessado a nos dominar...Que Deus salve o Brasil!

Blog do Ed disse...

Vibrante Jair Mario
O seu etilo é combativo, é de quem quer ver os outros calados. Mas, peço-lhe o obséquio de permitir-me citar dois exemplos:Mario Andreazza não era engenheiro e foi um grande ministro dos transportes e Jarbas Passarinho não era pedagogo e foi grande ministro da educação. Um Presidente tem apenas quatro anos para governar: se o delegado não corresponde, elimina logo o incompetente e coloca outro, é o princípio que vigora até para o detentor do poder governante no regime parlamentar.
Edgardo Amorim Rego


jair mario disse...

Ao Blog do Ed,
Minha intenção não é ver ninguém calado, pelo contrário, respeito o contraditório e adoro discutir um assunto, agora você comentou que se o delegado for incompetente, elimina logo e coloca outro. Concordo plenamente, só que, nas entrelinhas estás dizendo que os dois Ministros da Saúde anteriores eram incompetentes. Na minha opinião, eram competentes até demais e foram demitidos, principalmente o Mandetta, porque estavam fazendo sombra ao Mito. Aliás, esse ciúme doentio foi um dos ingredientes que culminaram com a saída do Sérgio Moro.Quanto à comparação que fizestes sobre os Ministros Mário Andreazza e Jarbas Passarinho, eles ocupavam pastas que poderiam ser ocupados por políticos experientes sem especialização na área, mas Ministro da Sáude que não seja médico, não deve haver paralelo no planeta (redondo, não plano).

Blog do Ed disse...

Prezado Jair
Não me alongarei a debater opiniões. Opinião cada um as tem e sabe que valem para si próprio. Apenas, porque você incluiu incidentalmente, e, ao que parece, desconhece o debate, alguns cientistas afirmam que o UNIVERSO É PLANO E INFINITO!... ISSO É MATÉRIA EM DEBATE NA CIÊNCIA.
Edgardo Amorim Rego