sexta-feira, 1 de maio de 2020

NO LONGO PRAZO TODOS ESTAREMOS MORTOS

“A LONGO PRAZO TODOS ESTAREMOS MORTOS”
Aristophanes Pereira
         Aqui, do meu ainda buliçoso cantinho – que bem já poderia ser, pelos mais elevados limites de expectativa de vida, uma cova no cemitério, ou uma urna com as cinzas da cremação – é com um misto de tristeza e desencanto que celebro este 1º de maio de 2020. Data de magnânimo significado, mundialmente dedicada à celebração do Trabalho, Harmonia e Solidariedade.
         Há uma fantástica, inusitada, aterrorizante e imprevisível crise pandêmica da Covid-19 que varre todos os países, mundo afora, com versões de ataques e desempenhos diferentes. Aqui no Brasil, também, mas não é a doença epidêmica, em si mesma, o nosso maior tormento, e causa de maiores preocupações. Estamos sofrendo, em paralelo, outra crise avassaladora, de governabilidade, destrutiva de nosso equilíbrio institucional e de custos incomensuráveis.
         Na busca ponderada e imparcial de uma compreensão realística das forças destrutivas que movimentam essa tormenta nacional, somos confortados pela visão de que o Brasil não é o pior dos mundos.  Temos alguns abismos, porém juntamos, em contrapartida, um histórico de grandes conquistas, invejáveis recursos e potencialidades. Sem ufanismo, com todos os problemas, posicionamo-nos como a oitava economia do mundo. É uma força e tem expressão!
         Entretanto, é desolador, e potencializa nossa decepção constatar que tão promissora nação, ao confrontar suas crises, se expõe, perante o mundo e a inteligência de seu próprio povo, com incompreensível incompetência e estarrecedora desagregação.
         A inarredável ação construtiva do presente não se atrapalha e não se  imobiliza pelos erros e perdas do passado, que existiram. A despeito, deveríamos ter, com clareza e convicção, um projeto de soluções, por modesto que fosse, mas definido por objetivos claros e compreendidos pela Sociedade(agente e paciente), sob a égide de diretrizes de comando, unidade e coordenação.
         Essas  condicionantes, aparentemente óbvias e indispensáveis, sempre careceram –  desde a Arca de Noé a dilúvios mais recentes – de um comando coerente, disciplinado e compreensível, sob quaisquer formas de governo. Ainda nos ensinamentos bíblicos, mais convincentes do que as lições da História, aprendemos o caos, na diversificação linguística da Torre de Babel.
         Na agonia de uma era de desgoverno, precário nos resultados, desacreditado na conduta moral e viciado por distorções ideológicas mal sucedidas, vivenciamos a alternativa eleitoral de entregar o comando do país a “uma dúvida”, mas com a certeza de limpar a casa daquele engano anterior. A curta transição do esforçado, todavia sabotado Governo Temer, subsidiou nossas esperanças de que isso era viável. Essa a motivação maior por que a maioria votante dos brasileiros entregou a presidência da república ao vitimado, tosco, de errático currículo parlamentar-militar e controversas ideias, ao Sr. Jair Messias Bolsonaro, carregador momentâneo de um baú de esperanças.
         A ocupação de novos e importantes espaços estratégicos no Executivo, ao lado de um Legislativo renovado e um Judiciário conhecido, trouxe-nos a esperança de uma caminhada célere e sem muitos atropelos, pelo bem do Brasil. Ledo engano! No tripé institucional presidencialista, se essa perna entorta as demais escorregam e o equilíbrio fica instável.
         Abrevio, pois esse é um seriado, cujos episódios todos assistiram. O presidente Jair Messias Bolsonaro não se quer como presidente-comandante. Entrega-se a fuxicadas, e incorpora ao Governo propostas do clã familiar; compromete-se com grupos corporativistas; adula convicções e interesses de crenças personalizadas; desmoraliza, sem substitutivos convincentes, políticas públicas de interesse global; confunde demite ministros com ingerências e desfeitas contraditórias; cultiva populismo, na exibição diária de demagógicos e banalizados diálogos “disse-me-disse”, pelos portões palacianos e – o que é muito mais grave – não perde oportunidade pra chutar as outras pernas do tripé. 
         Ah! Mas tem um projeto para o País, diria um devotado defensor. Nem isso, meu amigo! Estamos à deriva. Até o competente superministro da Economia – Dr. Paulo Guedes – que incorporou, no “Posto Ipiranga”, vastas atribuições, inclusive do antigo Planejamento – em nome de uma pétrea doutrina monetarista – foge ao propósito de muitos outros, no Governo, de construir, em regime de Guerra, um projeto de obras e emprego. Amarra seus tostões, tece polêmicas reformas futuras e espera que o bolo cresça, para fazer a festa. Esquece, como dizia Keynes, que a longo prazo todos estaremos mortos(In the long run, we are all dead).
Jaboatão dos Guararapes(PE),1º de maio de 2020.
                      Charge de Amarildo, em Humor Político, no Google.

43 comentários:

Blog do Ed disse...

O excêntrico capitão pode estar corroído por grandes defeitos, mas formou governo com feição predominante de planejamento estratégico da construção de uma grande naçao e responsabilidade administrativa militar (a menos corrupta na história pátria). A meu ver, os privilegiados da sociedade corrupta endêmica pátria não se conformam com a antevisão do desmame e, por isso, tentam vigorosamente sabotar o governo do estouvado capitão.
Edgardo Amorim Rego

sss disse...

Salvo engano, o Lula também foi "imaculado" no seu primeiro mandato, e não fez tanta asneira.

antonia disse...

Nem sempre qdo nos calamos concordamos com o que postam neste blog. Justificar o injustificável é o que está acontecendo com muita frequência e os mesmos defensores de plantão fazendo comentários totalmente fora da realidade. Mas esta postagem do Sr. Aristophanes Pereira é muito esclarecedora e vale muito a pena ser lida. Parabéns!!!

rafa disse...

Lista de destaques DO SITE DA PREVI

28/04/2020
Beneficiários do INSS receberão segunda parcela do 13º salário em maio

Previ fará o repasse da antecipação do valor aos assistidos que recebem o benefício na folha da Entidade

A segunda parcela do 13º salário será paga no mês de maio para aposentados e pensionistas que recebem o benefício do INSS pela folha de pagamentos da Previ. O valor corresponderá à diferença entre o valor total do abono anual e o valor da parcela antecipada em abril. O pagamento foi determinado pela Medida Provisória n° 927, publicada no Diário Oficial da União em 22/3/2020, e será creditado no dia 20/5/2020.

Trader anônimo disse...

(1). A crise não vem do fato de que as regras do jogo financeiro foram contornadas, mas do fato de que elas foram seguidas.
(2) Este cenário é tipicamente aquele de uma crise nos fundos de pensão onde toda uma geração de associados passa ao mesmo tempo de poupadores, para consumidores...Logo, o fundo de pensão torna-se um vendedor líquido de ações..

Sérvio Rugga disse...

Impressionante a desarrumação provocada por um capitão, na verdade tenente, neste país, oitava economia do mundo, antes do Jair. Ao levar esse sr. ao Planalto, o desavisado eleitor ganhou de gorjeta, mais 03 acessórios, indo pra um quarto, que são os que perturbam o ânimo nacional. Mas o chefe deles é mesmo aquela cara, que os gerou e educou. Apesar de passados dos 30 anos, são moleques que lidam assuntos sérios como moleques. Tem apoio para isso, além das potentes armas que se deliciam a exibir nas redes sociais. Se sabem realmente como usá-las, por enquanto, só as supostas amizades milicianas cariocas podem afirmar. A intenção é fazer parecer que sim. Era o que faltava para esse país desorientado e em franca decadência moral, economica e de desvios, maléficos, do que se entende, ou entendia, de cristianismo. Que mais se arrependam, que mais tirem as travas dos seus olhos e entendam que o Brasil não é mais uma nação pacífica, moderada, uma ilha num mundo conflituoso. Éramos o Dr. Jekyll, o recatado, diplomatico médico, e, por ora, hoje, somos o Edward Hyde, o ser grosseiro e criminoso. Que saiamos logo dessa loucura.

Ari Zanella disse...

Minha opinião é diferente. Há maciça onda para derrubar o presidente que não é corrupto. Alguns querem que volte tudo como antes, ou seja, o toma-lá-dá-cá. A Globo que de volta as verbas de publicidade (apesar de dever quase 1 trilhão em impostos), os congressistas querem cargos e o STF que derrubar Bolsonaro. Tudo faz parte de uma agenda global. Com a volta da esquerda ao poder, vamos ficar à mercê de potências comunistas como a China e Rússia. Está escrito que o fim vai ser de grande tribulação onde muitos perderão a vida eterna. O controle pessoal (a marca da besta) está às portas. Não vê quem não quer ver. George Soros mexe nos bastidores para incentivar a queda de Bolsonaro (o único contra a agenda global). Ele e o Trump mas esse eles não conseguem derrubar.

Aristophanes disse...

Prezado amigo Ari Zanella.
Somente o fato de você me acolher, espontaneamente, no vistoso espaço do seu blog - quando externo ajuizamentos tão distintos dos seus - mostra a grandeza do seu caráter, a sua honestidade intelectual e o seu apreço aos mandamentos democráticos. Obrigado! Gostaria de estar equivocado, pois não cultivo sectarismos, para celebrar ao seu lado a prevalência de sua verdade.Cordial abraço.

Miro disse...

Coalisão ocasionada pela crise de abstinência por dinheiro público outrora escoado pelos ralos da republiqueta Tupiniquim, que, agora tapados, expõem as "ratazanas famintas dos esgotos das sinecuras", que há décadas vinham minando e inviabilizando o crescimento do país.

Blog do Ed disse...

Só estou discernindo duas concordâncias: todos queremos o Brasil livre da corrupção e progressista. Abracemno-nos nestas duas unanimidades, apesar do covid-19.
Edgardo Amorim Rego

Unknown disse...

Para mim o pouco que a Cooperforte fez foi muito mais do que o Banco do Brasil em se tratando de ajuda

Unknown disse...

O Capitão falou em 2019:

- é preciso desratizar o Governo (Estatais e Fundos?)

A Democracia só é BOA para a Esquerda, quando espalha MENTIRAS como faz a Globo.

Quando qualquer cidadão FALA A VERDADE contra os Comunistas, vem a Globo, eFarsas&boatos carimbar como Fake News.

http://4.bp.blogspot.com/-g_o3toxvLd8/VdlrprjTGEI/AAAAAAAATmo/fdL6cnG-plo/s1600/mendes-ladroes2.png

jair mario disse...

Isso que é otimismo, afirmar que no longo prazo todos estaremos mortos. Acho que é no máximo no "médio prazo".

Ari Zanella disse...

Jair,

O plano da elite mundial é esse mesmo. Redução populacional. Esse vírus é apenas um teste para isolar a população mundial (em casa ninguém protesta), deixar a economia em frangalhos, para então eles aparecerem com a solução pronta para os problemas por eles mesmos criados.

Unknown disse...

Miro, é VERO o que dizes.

Na história da Humanidade. RICOS sempre exploraram os pobres.

No Brasil foi assim por 5 séculos.

Daí em 2002 veio o PRESIDENTE DOS POBRES com a promessa de mudar tudo.

Mudou um pouco, muito pouco. Rapidamente o PT se abraçou com quem os escolheu para os crimes. PSDB+MDB+PT passaram a roubar do País para o bolso dos ricos.

Em 1988 a Imprensa "livre" comemorou - depois se abraçou também com o PT.

HOJE, mais que imprensa LIVRE, o Brasil precisa se LIVRAR DA GRANDE IMPRENSA, quase toda, e quanto maior, MARROM !


Unknown disse...

"... para então eles aparecerem com a solução pronta para os problemas por eles mesmos criados.
02/05/2020 13:39"

A malandragem não tem época, cor, nem nacionalidade.

1 - o PCC chinês mandou o VÍRUS.
Hoje E.U., USA, Brasil brigam pelos Equipamentos da CHINA.

2 - lembrei-me de um Veterinário que vendia CARRAPATICIDA.

Dizia-me nos idos 1984:
- não existe pastagem sem Carrapato.
- não depois de 6 meses do Fazendeiro ter-se negado a comprar os remédios comigo.

É ISSO. Politicamente, para arrebatar milhões de votos facilmente, MANTENHA A POPULAÇÃO POBRE e DOENTE.

Trader anônimo disse...

‪Paulo Beno‬ disse...

[...] Do resultado positivo acumulado até Jan/20 de +R$ 2,231 bilhões, houve, em FEV/20 um PREJUIZO ENORME de -$ 5,973 BILHÕES DE REAIS, ocasionaNdo um DÉFICIT ACUMULADO DE -R$ 3,741 BILHÕES JÁ EM FEV/2020 !!!!

Sabe-se que março também foi um mes ruim para todos...Aguardamos fim da Covid19.
2 de maio de 2020 10:14

- Em sentido inverso ao da expectativa acima a seguinte análise* encontrada na Internet:

[...] Because the problem with the markets isn’t just a lack of liquidity there’s also a fundamental problem of solvency.

[...] But the Fed can come to the rescue. If the rumor is false, the bank has enough assets to cover its debts; all it lacks is liquidity the ability to raise cash on short notice. And the Fed can solve the problem by giving the bank a temporary loan, tiding it over until things calm down. Matters are very different, however, if the rumor is true: the bank really did make a big bad loan. Then the problem isn’t how to restore confidence; it’s how to deal with the fact that the bank is really, truly insolvent, that is, busted.

*KRUGMAN, Paul. After the Money’s Gone. The New York Times, Dec. 14, 2007.

Em sentido semelhante:

Os títulos de "grande liquidez", eg. Petrobras, Vale são simples meios de transferência de riquezas. Portanto, valem Zero. A afirmação acima é o resultado da observação de umas sete ou oito observações independentes: gráficas, relações matemáticas desproporcionais, coincidências.
21/10/2019 05:32 (blog do Professor Ari)

Juarez Barbosa disse...

Tempos difíceis estes que vivemos!
Com a vitória democrática de Bolsonaro no último pleito e uma considerável renovação dos representantes do povo no Congresso Nacional, as esperanças do início de novos bons tempos aumentou em nossos corações e mentes, inclusive com a nomeação de vários militares de altas patentes para a ocupação dos principais postos da governança pátria. Esperava-se que, com tais mudanças, começaríamos a trilhar os caminhos que nos conduziriam a levar o nosso País e nosso povo ao lugar de destaque que merece, no cenário mundial.
Mas esta breve esperança logo se acabou!
Logo no início de seu governo, Bolsonaro começou a dar claras evidências de que não teria competência e sabedoria suficientes para implementar as medidas que iriam ao encontro dos anseios do povo. Não soube aproveitar a oportunidade para formar uma sólida base de apoio parlamentar ao seu Governo, capaz de implementar as medidas necessárias para o início destes novos tempos. E sem esta base, inexoravelmente, não se muda nada neste País.
Como consequência desta grave falha aliada a fatos deploráveis chegados ao conhecimento da população como o de envolvendo de familiares seus em ilicitudes e seus esforços para indevidamente abafá-los e outros que demandaram discussões tolas e inócuas, chegamos aos dias atuais, e ainda com o agravamento dos quadros de crises na saúde (coronavírus) e na economia principalmente.
Estabeleceu-se então o cenário ideal para os oposicionistas antes massacrados nas urnas, se aglutinarem na formação de um poderoso exército com a finalidade de reestabelecer o “status quo” anterior vigente que muito mal já causou a nosso País e nosso sofrido povo. Acrescente também agora a divisão e litígio entre de seus eleitores: temos agora os “bolsonaristas” e os “moristas”.
E ressurge a tristeza de nosso povo, desiludido ao constatar que elegeram um cidadão incompetente para ocupar o mais alto cargo governamental do País. E que certamente sofrerá severas consequências por seu despreparo. Quem sobreviver, verá.
Salvo melhor juízo.

sss disse...

Só digo uma coisa, no final muitos sairão com as mãos queimadas.
Eu falo por mim. Honesto sou eu que sempre trabalhei honestamente para pagar minhas dívidas, sempre vendendo o almoço para comprar a janta e não dormir com fome. Nunca ganhei centenas de milhares de reais para despesas de aluguéis, mesmo com salário nas alturas. Nunca mamei nas tetas do governo.
Trabalhei 30 anos no banco como contínuo ganhando sempre uma micharia, tolerando colegas estúpidos que se achavam superiores num momento, frustrados em outros quando levavam bronca do chefe e, o que faziam quase sempre? Descontavam no contínuo. Na direçao geral, então, tinha todo tipo de gente, inclusive eu. Lá o contador geral, à época, era tratado como um ser superior.
Até hoje pago dívidas contraídas quando na ativa. Aos 63 anos aposentado da previ, ainda sem INSS, ganho menos 800 reais líquido mensal, com os quais mantenho minha casa, que é alugada. Ah, não tenho outra fonte de renda. Sobrevivo e estou aqui. Não engano a Deus me dizendo puro, ou pregando o ódio em nome dele. Repudio todo tipo de fanatismo, mas o político e o religioso, para mim, são naseabundos.
Por fim, reafirmo sem falsa modestia: Honesto sou eu.

Lima disse...

Prezados(as),

Numa abordagem econômica,na visão de Thomas Malthus, estamos vivenciando uma "catástrofe Malthusiana", onde o obstáculo ao crescimento populacional previsto seriam: fome, guerras, epidemias. A única diferença, daquela época para agora, é que não há distinção de classe social nesta pandemia!

Sds,
Lima

Odan disse...

O que é que vem de bufunfa a mais nestes dias por conta da "coronhada virus" - de salário, prestações suspensa e antecipação de 13.

Blog do Ed disse...

Prezado Juarez
Acho que você está com o exato conceito da situação atual do Brasil.
Edgardo Amorim Rego

Blog do Ed disse...

SSS
Conheci muitos maravilhosos contínuos. Lamento o valor de seu benefício previdenciário. Esse líquido tão baixo não me parece facilmente explicável, mesmo para a classe dos contínuos. Você escreve com admirável correção. Como não passou a escriturário?
Edgardo Amorim Rego

Sérvio Rugga disse...

Só posso dizer que concordo com tudo que escreveu, e muito bem, sobre sua carreira e vivência. Quem envelhece sem ter acumulado sabedoria volta a ser um cândido em sua fase infantil. Não existem juízes imparciais, não devemos idolatrar mitos e deuses que são bezerros de ouro. As ilusões são paridas por momentos difíceis. Nessas horas, o lobo ataca a ovelha. E muitas vezes, um lobo ataca outro lobo. Vivemos este momento agora. E quem sai perdendo é sempre o Brasil.

Trader anônimo disse...

Blog do Ed disse...
SSS
. Você escreve com admirável correção. Como não passou a escriturário? 
Edgardo Amorim Rego
03/05/2020 12:41

- Ademais é extremamente inteligente. Sabemos isto pelos comentários que se rivalizam a astúcia de Ji Ling

Ari Zanella disse...

Boa tarde amigo SSS,

Pelo que entendi você ainda não é aposentado do INSS. Poderias nos declinar o motivo? Pergunto porque recebi ligação de alguns colegas se interessando pelo teu caso. Então se puder fazer um breve relato de sua situação funcional nos esclareceria melhor. Valeu?

Ari Zanella disse...

Em 30.04.2020 às 19:48

Vivemos uma crise que vem castigando nossa sociedade, mas evidenciando o papel das instituições nacionais. Com o desemprego alcançando os lares de mais de 17 milhões de pessoas até dezembro, segundo dados do Dieese, o crédito poderá ser, novamente, a esperança de um futuro melhor. E nessa função, a ANABB quer lembrar que o Banco do Brasil é imbatível.

Nos próximos meses, a população poderá, mais uma vez, testemunhar o valor do Banco do Brasil para o desenvolvimento do país. Historicamente, os bancos públicos brasileiros têm sido utilizados como instrumento de fomento à atividade econômica e provimento de financiamento de longo prazo, modalidades em que o setor bancário privado brasileiro pouco atua. Na crise do subprime de 2008, por exemplo, os bancos privados dificultaram a concessão de crédito, enquanto que o Banco do Brasil foi crucial para garantir taxas de juros compatíveis às condições do mercado, e ainda, gerando lucro e distribuição de dividendos para acionistas públicos e privados.

Recentemente, o Banco do Brasil anunciou o reforço de R$ 100 bilhões em suas linhas de crédito para o enfrentamento da crise causada pelo coronavírus. Também vai injetar na economia o saldo da carteira de crédito, estimado em quase R$ 700 bilhões. O setor produtivo, que engloba cerca de 706 mil micro e pequenas empresas, conta com recursos da ordem de R$ 270 bilhões. Em síntese, o que o Banco do Brasil e seus funcionários fazem é digno de nota.

Além disso, o BB destinou R$ 3 bilhões em crédito adicional para prefeituras e governos adquirirem equipamentos e demais insumos para o tratamento da doença. A capilaridade do Banco do Brasil permite que esteja presente em quase todos os municípios brasileiros. É, sem dúvida, a instituição que mais conhece a realidade do País. Sua atuação fomenta o desenvolvimento regional, constituindo-se no grande parceiro das micro e pequenas empresas e dos pequenos produtores rurais.

No pacote do programa Pró Brasil, anunciado pelo governo federal, como forma de fazer a economia crescer, o crédito público deve ser prioridade para tirar o país do colapso. E o Banco do Brasil possui força e experiência para dar respostas vigorosas à retomada da economia.

Milhares de brasileiros sempre contaram com o crédito produtivo do Banco do Brasil. Esse é um dos principais vínculos da instituição com o povo brasileiro. A cada desafio que o Brasil enfrenta, o BB está a postos, utilizando da sua expertise e da sua capilaridade para destravar a economia e iniciar novos ciclos de desenvolvimento.

Fonte: Agência ANABB

Unknown disse...

PT+PSD+PCC - o retorno.

De 2003... a 2015 o PT desviou 500 bilhões do BNDES, Estatais (e Fundos?).

Alguém ainda quer o retorno dos PHDs* JUMENTO e ANTA?


(*) PHD em Corrução e assassinatos.

https://www.oantagonista.com/brasil/palocci-caixa-preta-de-500-bilhoes-no-bndes/

https://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil/lula-e-dirceu-comandavam-esquema-que-resultou-no-assassinato-de-celso-daniel-segundo-ex-petista/

Trader anônimo disse...

Alguns colegas de blog fazem comentários no blog na tentativa de associar as oscilações bursateis a determinadas notícias, como se isso fosse a verdade. Entretanto, tais falsos relacionamentos passam longe da verdade. Temos insistido que o hodierno capitalismo bursatil é apenas uma pirâmide financeira planejada. Entretanto, não nos cabe contestar tais colegas de blog. Pode até estar ocorrendo esforços no sentido de implantar as elocubrações que fizemos neste blog em 16/01/2020. Entretanto, pode não estar acontecendo nada. Neste último caso quem mais perde são os associados do fundo de pensão, pois os últimos a vender são os que mais perdem.

Blog do Ed disse...

Acho que o trader anônimo coloca um princípio objetivo, concreto, experimentável. Já experimentei o fato por ele focado: guardei o patrimônio em títulos que comprei e recebi em prêmio por trabalho e foi tudo consumido, zerado, pela inflação.
Edgardo Amorim Rego

Blog do Ed disse...

Notícia de agora, à tarde: a empresa Harbor, norte-americana, de tecnolgia farmacêutica, que tem uma empresa chinesa, que tem por sua vez uma empresa nos Países Baixos, em Utrecht, descobriu, nesta última, um produto que impede o contágio do coronavírus-19. Trabalho multinacional.
Edgardo Amorim Rego

Unknown disse...

Estados campeões de MORTES como AM PA MA CE PE RJ SP são a Legião LGPTsol🐉CN🐉STF🐉PCC🐉Globo, INIMIGOS do Brasil.

TODOS Bandidos contra BOLSONARO.

https://noticias.uol.com.br/saude/ultimas-noticias/redacao/2020/04/20/amazonas-compra-de-adega-respiradores-inadequados-com-sobrepreco-de-316.htm

Cadé disse...

Com o silêncio erramos menos. Admiro todos aqueles que continuam externando suas opiniões. O mestre e o professor continuam nos informando. Inicialmente agradeço a eles e a todos os outros que nos ajudam. Vivemos um momento que nunca havia sido imaginado. É a realização dos sonhos dos bandidos dos filmes de ficção em que eles tem um plano de contaminar o mundo, e que eles dominariam o mundo. O que vivemos hoje é algo fora do normal.
Aqui no Brasil vivemos uma crise ainda maior do que no restante do mundo. Pois aqui, além do vírus que avança matando a todos e a tudo, temos uma crise politica e institucional.
Na minha opinião o momento é de somar as forças, de união. Mas, observamos o contrário. Enquanto muitos ficam sem emprego e mais pobres outros comemoram os ganhos financeiros. Enquanto uns lutam contra a fome outros lutam pela qualidades de suas lives e mostrar as suas mansões luxuosas. Enquanto o governo central envia recursos para os estados e municípios os governadores e prefeitos comemoram a chegada de novos recursos extra orçamentários, que aliados ao estado de calamidade decretados até o final de ano, podem arquitetar os seus planos de corrupção. Os escândalos de corrupção após depois que passar o vírus, se é que ele passará, teremos o maior ESCÂNDALO DE CORRUPÇÃO DO MUNDO.
Vivemos o momento de desinformação aqui no Brasil. O ministro de saúde explica tudo menos o que ocorre com a saúde. Aqui, na Paraíba o secretário todos os dias informa que se estamos vivendo um momento difícil ainda poderá ficar pior. Ontem após o governador afirmar que dificilmente teríamos um lockdown, ele informa que a solução é o lockdowm.
Pelo exposto, minha opinião é que o povo brasileiro necessita de informações. O isolamento é necessário, oK. Como estamos. O que o governo está fazendo? Pois, é difícil ouvir depois de 50 dias de pandemia que o governo não tem um plano de ação. Ou seja, tudo que foi feito até o presente foi tudo inútil. Deus tenha piedade de nós.
Cadé

Ari Zanella disse...

Bom dia a todos,

O isolamento é uma fase de controle mas deve ser sempre monitorado. Porém, as medidas paralelas são de extrema importância e não podem ser, sob nenhuma hipótese, relaxadas.
-Higiene das mãos
-Distanciamento mínimo 2m
-Não entrar em aglomerações
-USO DE MÁSCARAS

Esses quatro ítens MAIS o isolamento controlado seguramente controlarão o surto do vírus em maior escala.

Por que alguns estado estão com nível baixo de óbitos? O que os diferenciam daqueles que estão à beira de um colapso?

Estados com incidência baixa desde o início: DF, GO, TO, MT, MS, PR, SC, RS e outros.

TODO CUIDADO AINDA É POUCO.

Trader anônimo disse...

Adicionalmente, as medidas acima, sugeridas pelo Professor Ari, devemos ficar atentos a chegada do inverno: o vírus é muito forte de 0 a 10 graus Celsius...

Blog do Ed disse...

"Em meio a notícias de mortes pela Covid-19, um fio de esperança surge. Pesquisadores da Universidade de Utrecht, do Erasmus Medical Center e do Harbor BioMed, divulgaram nesta segunda-feira, na Nature Communications, que identificaram um anticorpo totalmente humano capaz de impedir o coronavírus de contaminar células em culturas cultivadas."Esta informação é da revista científica Nature.
Edgardo Amorim Rego

Paulo disse...

Vamos para frente, pessoal!Aras na PGR, CENTRÃO COM O DESGOVERNO,Valdemar da Costa Neto, Roberto Jeferson, como baluartes contra a corrupção.Moro como vilão, traidor, isentão, comunista, e todos aqueles que contrariem o mito e coloquem sobre investigação seus desmandos.Não, o Mito é um ídolo, um Messias, inerrante, assim como os papas, Vigário, revelação contínua de Deus.pobre sou eu que vivo no país de ídolos e não de homens, haja messias por aqui!

Ari Zanella disse...

Paulo,

Infelizmente nesse país o CN só apoia mediante troca com cargos. Mas sem esse apoio é impossível governar. Como deixamos o Lula governar por oito anos, deixemos também o atual governar seus 4 anos de mandato, ok? Mas não como a Globo está fazendo (ataques diretos, nem discuto se com ou sem fundamentos mas a conduta de um presidente não deve estar atrelada ao agrado da imprensa)além dessas interferências esdrúxulas do STF.

Unknown disse...

Nao sei pq tanto dessa reclamacao contra a globo ela so divulga o real as outras emissoras que se omitem a publicar as irresponsabilidades do presidente

Paulo disse...

Amigo, Ary!Os 4 anos vão depender muito se ele vai conseguir com o centrão 300 deputados e 54 senadores.Boa sorte!

Ari Zanella disse...

Unknown,

Qualquer pessoa enxerga os ataques propositais que a emissora faz contra o presidente. Mas você não é qualquer pessoa, desculpe-me. (Unknown = Anônimo). Eu continua achando que irresponsabilidade é destinar VERBA PÚBLICA para a emissora que tu defendes. Aliás, que deve BILHÕES em impostos ao erário!

Unknown disse...

O VÍRUS CHINÊS e os DIVIDENDOS COLHIDOS PELA ESQUERDALHA.

NOS ESTADOS DO MAL🤮 - morreram 69 por Milhão de habitantes.
NOS ESTADOS DO BEM ❤ - morreram 06 por Milhão de habitantes.

COPA 2020 do COVID-19

GOVERNADORES DO MAL.
X
GOVERNADORES DO BEM.

PLACAR EM 04.05.2020
- Dados por Estados:

Estados-governadores da ESQUERDA:
- hab-mortes- óbitos por milhão.

SP: 44 milhões - 2654 mortes (54)
RJ: 16 milhões - 1065 mortes (62)
PE: 09 milhões - 691 mortes (72)
CE: 09 milhões - 691 mortes (76)
AM: 04 milhões - 585 mortes (141)_
Total: 82 milhões–5686 mortes (*)

MORTALIDADE: 69 mortes por Milhão.
(*) mortes por milhão.

Estados governados por aliados governo:
MG: 21 milhões - 90 mortes
RS: 11 milhões – 74 mortes
PR: 11 milhões - 94 mortes
SC: 07 milhões - 52 mortes
Total : 50 milhões - 310 mortes

MORTALIDADE: 06 mortes por Milhão.

A legião LPTsolPsdb ganha 69 x 06
- mortes por milhão... 10 x mais.

sss disse...

É Seu Cadê, enquanto o governo federal ignorar a pandemia, a desgraça que se abate mais e mais sobre a população, principalmente aos mais pobres, a covid-19 não abandonará este País. Em momentos difíceis como o que estamos vivendo, o governo não poderia, em hipotese alguma, agir com tanta indiferença, o que é pior, com tanta irresponsabilidade, numa demonstração sem precedente de falta de Sensibilidade Humana para com seus governados, exceto os que o seguem cegamente.
Para ele, o governo, os 600 reais oferecidos à massa humana falida é o bastante, e que se virem! Aliás, dinheiro esse pertencente ao povo, cobrado nos impostos do que o pobre pode comprar no dia a dia como arroz, feijão, ovo, etc.
Por fim, a continuar como está, este governo tem que pegar o beco. Não obstante isso, ele anda com idéias muito tortas.