sexta-feira, 2 de agosto de 2019

ALGUÉM PORVENTURA JÁ FEZ?

   Muito bom ler os evangelhos, é o próprio Filho de Deus que nos ensina. Em Lucas capítulo 14, versículos doze ao quatorze diz:
"...12 Então Jesus se dirige ao que lhe havia convidado e lhe exorta: Quando deres um banquete ou um jantar, não convides os teus amigos, irmãos, ou parentes, nem teus vizinhos ricos; se assim procederes, eles poderão, da mesma maneira, convidar-te e desta forma, sempre serás recompensado. 13 Pelo contrário, ao deres uma grande ceia, convida os pobres, os deficientes físicos, os mutilados e os que não podem ver. 14 Feliz serás tu porque eles não têm como te pagar. Entretanto, receberás a tua régia recompensa na ressurreição dos justos."
    São muito raras as pessoas que assim procedem. O costume geral é agir convidando pessoas do mesmo convívio social. Por esse motivo as palavras do Filho de Deus soam como quebradoras de paradigmas, altamente recompensadoras. Basta atenta para o texto: "Receberás régia recompensa". Régia vem de real (rei) e o Rei é nosso próprio salvador, o Rei dos reis. Quem se habilita ou quem se propõe a atender o pedido de Jesus?

Um comentário:

Unknown disse...

Ari e amigos,
Um procedimento que tenho comigo é que a possibilidade de dar algo a alguém necessitado constitui se de uma oportunidade que Jesus te da para você aumentar seu tesouro no céu.
É como se Jesus perguntasse a você: queres aumentar seu tesouro no céu?
Vejo que se trata de uma oportunidade que você não deve perder.
Entretanto, a maioria das pessoas veem o dar como ele abrindo mão de algo e portanto ele abre mão do que lhe é supérfluo.
Digo sempre as pessoas: quando você vai fazer sua oferta ao Senhor quanto você da? Uma nota de R$ 2, moedas? Para oferecer ao Senhor o menor valor que você tem no bolso, não ofereça nada, afinal Jesus não é mendigo para precisar de sua esmola.
Lembre se disso quando você for fazer uma oferta ao Senhor, no altar ou através do socorro ao necessitado.
Celio