quinta-feira, 21 de junho de 2018

O ILÍCITO NÃO PASSA RECIBO; E O PLP 268

     Inacreditável que nobres ministros do STF tenham livrado a presidente do PT, Gleisi Hoffmann e seu marido Paulo Bernardo, ex-ministro do Planejamento do governo Lula, por falta de provas. Será que os ministros Dias Tófoli, Ricardo Levandowski e Gilmar Mendes queriam o recibo (registrado em cartório) do recebimento da importância de R$ 1.000.000,00 (Hum milhão de reais) extraído do propinoduto da Petrobras através do delator Paulo Roberto da Costa? Será que Paulo fez declaração falsa?
     Chegamos a um ponto do cúmulo do escárnio. Os senhores ministros não disfarçam mais. Livram réus de partidos dos quais simpatizam. Na terça, Edson Fachin e Celso de Melo abriram 2 a zero contra Gleisi mas o Antônio começou a divergir e foi seguido por Mendes e Ricardo. Antônio e Ricardo são notórios petistas. O primeiro, ex-advogado do PT, o segundo tem relações de amizade com o ex-presidente. Mendes tem histórico de soltura de bandidos presos. Se, ao menos, um dos três repatriassem algum dinheiro roubado dos cofres públicos (como já fez a Lava a Jato) já estariam no crédito com os brasileiros.
      O Estado brasileiro está aparelhado com membros escolhidos a dedo no STF pelos ex-presidentes Lula e Dilma, daí o motivo porque acontecem tais julgamentos absurdos aos olhos das pessoas de bem. O modo de indicação de membros do STF precisa mudar para ontem. Está muito errado um presidente indicar pois depois cobrará "lealdade" dos indicados.
      Em nossa cozinha, o PLP 268 tem parecer favorável na CCJ e prossegue célere para aprovação para desespero do meio sindical. O spbancarios radicaliza e diz em seu site que o fundo está "sob ameaça". Alegam que os "trabalhadores" vão perder a administração nos fundos.

OBS: O Sindicato de São Paulo não autoriza mais acessar ao link. É a "democracia" sindical.
O mesmo conteúdo do link está publicado no blog da colega Rosalina, neste link:
http://rosalinadeouza.blogspot.com/2018/06/plp-268-previ-e-funcef-estao-sob-ameaca.html

Na verdade, a coisa deve melhorar. Na governança 3 X 3, patrocinador e associados perdem um elemento cada, ficando a governança melhor distribuída: 02 do patrocinador, 02 dos eleitos e 02 profissionais de alta envergadura a serem contratados no mercado. Diga-se de passagem que os dois profissionais de mercado serão avaliados pelo fundo que pode substituí-los em caso de rendimento insuficiente. O mesmo deveria ocorrer com os outros quatro, não acham?
       É colocar em prática para saber se é bom ou não. Nenhum método ou sistema é bom ou ruim em si mesmo, necessário que seja testado no jogo. Desde que não haja corrupção ou desvios, a nova formatação tem tudo para emplacar. Com muito profissionalismo.
SINDICATO PAULISTA ESPERNEIA POSTO QUE, SEGUNDO DIZ, VAI DEIXAR DE ELEGER "TRABALHADORES" PARA OS CARGOS ELETIVOS NA PREVI. NA VERDADE, DISTORCEM A VERDADE UMA VEZ QUE DOIS DOS TRÊS POSTOS PERMANECERÃO.

41 comentários:

Anônimo disse...

É isso ai Mestre, vamos colocar profissionais de mercado para gerir nosso fundo. Parabens pela materia

Anônimo disse...

Concordo plenamente com o Mestre, vamos transferir a gestão para um administrador de mercado

Anônimo disse...

A Previ foi mal administrada sendo gerida pelo próprios associados, nelhor trazer gente do mercado mesmo, como defende o mestre. Vamo que vamo

Anônimo disse...

Se o sindicato é contra o PLP 268 é porque ele é bom para nós. Que venha logo!

Anônimo disse...

Prof. Ari, bom dia. COMO DISSE NO BLOG DE D. ROSALINA, SOBRE O MESMO ASSUNTO, ASSINO EM BAIXO. Tarcísio - Uberaba - MG.

Anônimo disse...

VIVA O PLP 268

Anônimo disse...

Também concordo com o Mestre, chega de gerir em casa, vamos terceirizar

Anônimo disse...

Professor, acho que o Sr. esta desatualizado em relação ao PLP 268. Entre no google e coloque PLP 268. Veja que o Deputado do seu estado: Jorginho Melo (filiado ao Fusec), apresentou um substitutivo que muda tudo. Não existe esse 02 do patrocinador, 02 dos eleitos e 02 profissionais de alta envergadura a serem contratados no mercado, Infelizmente. De uma olhada lá.

Anônimo disse...

Sasseron é contra ? Sou a favor.
PLP 268 já !

Anônimo disse...

Colegas,

NEM TANTO AO MAR NEM TANTO À TERRA.

Penso que, salvo melhor entendimento, deva-se tratar o assunto PLP 268, com a máxima prudência e cautela, no que se refere à contratação de profissionais do mercado.

SOU TOTALMENTE EM FAVOR DO PLP 268!

Mas, me faço algumas perguntas:

Quem os irá contratar?

Quem irá fiscalizar a atuação, passo a passo, dos contratados?

Que responsabilidades irão ser determinadas aos contratados?

Qual o vínculo e qual será o patrimônio dos contratados, que dará respaldo ao seu malogro ou quanto receberá em caso de logro?

Irá o patrocinador abrir mão de seu voto de minerva, ou isto não aparece no PLP 268?

Precisamos conhecer bem ao fundo o PLP 268.

E VAI LÁ, NÃO ACREDITO EM SINDICATO, NUNCA ACREDITEI, PORQUE SUSPEITO SE PARECEM COM ARRIVISTAS, SALVO MELHOR JUÍZO PRA QUEM TEM.

Penso também, que os Sindicatos, para se fazerem acreditar, terão que provar por A+B que o PLP 268 é uma AMEAÇA aos Planos de Aposentadoria.

Respeitosas e Cordiais Saudações

Ghost Writer








Anônimo disse...

Melhor ter profissionais do mercado qualificados do que indicados por sindicatos com currículo capenga.

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:


Pior do que ver o limite do ES permanecer inalterado, mesmo chorando "lágrimas de sangue" é ver a televisão tupiniquim ficar trombeteando 24 horas do dia, as babaquices do "janota" do cabelo de espaguete e sua "PSEUDO contusões". Tendo de dar " tratos a bola" para prender os desinteressados torcedores do pós 7 X 1, temos de permeio e a prender nossa pobre atenção, toda a sorte de sobressaltos: assassinatos em massa/série e com grande crueldade, sequestros, roubos, extorsões, incêndios de ônibus e repartições públicas, explosões de bancos, soltura descarada de um monte de "fichas sujas" e "corruptos declarados e assumidos". Acho que a nossa escolha é a seguinte: ou pular no fundo do poço com pés e mãos amarrados ou tentar atravessar o túnel de olhos vendados.

Anônimo disse...

Mestre, se a "cumpanheirada" é contra então eu sou a favor. Nós poderíamos ter melhorado a gestão da Previ através das eleições mas por omissão de um grande número de aposentados e pensionistas isso não foi possível. Estou torcendo muito para que o PLP 268 seja aprovado, muito embora o meu desejo fosse por uma mudança mais radical.

Paulo César Fernandes

ricardo o.c. albuquerque disse...

ATENÇÃO DEFENSORES DO MERCADO. Que tal bradeslizar. MERCADO SO QUER lucro.
Voces estão raciocinando mal. ricardo

Blog do Ed disse...

Meu idolatrado Mestre.
Peço sua compreensão para discordar. A PREVI já teve grandes administradores funcionários. Riscalla, conheci-o em 1958, quando,com três anos de Banco, fui convocado para a Direção Geral para compor a Seção de Concurso do Banco. Riscalla era um dos mais brilhantes secretários de Diretor. Nestor Jost o nomeou Presidente da PREVI. A PREVI tinha seus recursos aplicados em ações do Banco que não rendiam satisfatoriamente. Ele passou a aplicar em ORTN no open market. Nestor Jost reclamou. Ele justificou: "Presidente, V.Exc. nomeou-me Presidente da PREVI para promover o interesse da PREVI, não do Banco. As ações do Banco não estão proporcionando a renda que o interesse da PREVI exige. Se passarem a render o que a PREVI necessita, voltarei a nelas investir. Peço a V.Excª que atente para isso: a boa saúde financeira da PREVI é do interesse do Banco." O Presidente não mais reclamou. Outro grande Presidente da PREVI foi Joaquim Amaro. Conheci-o, na Carteira de Câmbio, em 1965, comissionado Tradutor,quando lá cheguei comissionado Secretário do Gerente. Logo ele, brilhante economista, se transferiu para outra localização no Banco e, por seis anos, na década de 80, ele foi presidente da PREVI com notável, criativa e rendosa gestão. Defendeu ferrenhamente os interesses da PREVI em situações de extrema importância. Temos funcionários altamente capacitados. Os funcionários do Banco foram sempre recrutados para compor as administrações de Bancos, financeiras, empresas estatais e privadas. Por vezes, os fenômenos do mercado estão ligados a operações marginais, como estamos percebendo através dessa ação da Polícia Federal. Ademais, essa administração externa é caríssima. Fundo de Pensão não gera renda para sustentar tanto CEO próprio e lá do Governo (PREVIC e SGPC).Esse projeto parece ter origem em Senador que foi filmado enchendo mala de dinheiro e arrastando-a para casa...
Edgardo Amorim Rego

Anônimo disse...


Queremos
PLP 268 JÁ! PLP 268 JÁ! PLP 268 JÁ! PLP 268 JÁ!
PLP 268 JÁ! PLP 268 JÁ! PLP 268 JÁ!
PLP 268 JÁ!
PLP 268 JÁ!
PLP 268

Abraço.

Adaí Rosembak disse...

Caro Ari Zanella,

Sentimo-nos emparedados e incapazes de reagir.
Veja o desfile de normas e resoluções que estão sendo amontoadas no armário sem que tenhamos tido qualquer progresso na luta contra elas.
Algumas mais antigas, outras mais novas, as que estão saindo do forno e as que estão sendo geradas: Resolução CGPC 26, PLP 268, Resolução CGPAR 23, Decisões absurdas do STF (vide seu artigo), etc.
Qual o caminho a tomar? Diversas iniciativas legais foram tomadas e não tivemos qualquer sucesso. O que fazer? A quem recorrer?
Alguns propõem sair das associações e criar outras. Isso vai mudar a situação? Certamente não.
Só nos resta continuar denunciando os abusos cometidos por governos corruptos, perdulários, desestruturados e obesos. Os governos que já caíram, o atual carcomido pela corrupção, e o que certamente surgirá cheio de problemas e não será muito diferente do que temos agora.
Sou excessivamente pessimista? Prefiro me qualificar como realista.
É isso amigo.

Abraços

Adaí Rosembak

Anônimo disse...

Concordo com o Edgardo. Não devemos generalizar

Anônimo disse...

Colegas,

Peço desculpas por erros de português/concordância em texto anterior.

Saudações

Ghost Writer

Anônimo disse...

PLP 268 X ZILHÕES DE VEZES

CHEGA DE GENTE SEM EXPERTISE CHEGA DE SINDICALISTAS

sss disse...

A vontade que tenho é de gritar a plenos que esse pessoal do sindicato vá para a pqp, mas com palavras explícitas, e não abreviadas. Estou porraqui!!!

Anônimo disse...

Pela primeira vez vamos discordar, em parte, do senhor Edgardo.
Os tempos são outros; como as personalidades citadas, já não se encontram administradores. Basta consultar e rever os ultimos anos (recentes) na Previ e na Cassi.
Falando em fiscalização, o CNPC / Previc editou resolução que cria os COMITES INDEPENDENTES DE AUDITORIA.
A Previ criou o dela, só que com pratas da casa.
O PLP 268 foi originalmente proposto pelo senador Paulo Bauer, posteriormente recebeu emendas de dois outros senadores, um deles Aécio Neves.

divany silveira disse...









Valoroso e exemplar Colega Ed Amorim,

Mestre ED, seus conceitos sempre são plenos de racionalidades mas

o colega e amigo se esqueceu de que há partidos políticos influentes

onde até os mais altos integrantes , alguns ocupando cargos de rara

importância, não se acanham de investir até em recursos de aposenta-

dos, certos de que a justiça cansada de julgar criminosos está fa-

zendo vista grossa , talvez por cansaço ou fastio. Afora isto, acho

sua ideia muito boa , aliás, se tivessemos um governo preocupado

em selecionar pessoas para cargos importantes, o nome do colega es-

taria encimando a relação, para gáudio nosso. Saude, Mestre. Um a-

braço fraternal do admirador e amigo.





Ari Zanella disse...

Prezados Colegas,

Estou tentando achar nos pareceres as mudanças apregoadas ao PLP 268/2016. Originalmente o projeto era do Senado, do Senador paulo Bauer, depois passou por sugestões do então senador Aécio Neves e concluído pelo senador Waldir Raupp.
Desde 29.11.2017 a relatoria passou para o deputado Jorginho Melo (PR-SC) depois que veio aprovado do Senado e tendo recebido várias modificações na Câmara. Jorginho Melo diz ter ouvido a ANABB, o FUSESC (Fundo de Pensão do Estado de SC) e ainda a OAB de Brasília-DF.
Preciso pesquisar mais sobre o ponto nevrálgico das mudanças. Pode ser que os diretores sejam todos previamente escolhidos pelo Conselho Deliberativo do fundo, que a princípio, permanece na paridade. A conferir. (Caso alguém já tenha o texto formatado que irá à votação, por favor, mande-me o endereço onde eu possa acessá-lo. Obrigado.)

divany silveira disse...



Ghost, caro Writer :

Seu prestigio entre seus colegas é tal que se você não mencionasse

ninguém daria pelo fato. Bom fim de semana Ghost.Gostamos de você !!!

divany silveira disse...



Mestre Ari,

Após enfrentar uma jornada das mais extenuantes, é certo que tem

as vantagens que nem todo expert em jornalismo tem e isto eu sei que

todos os frequentadores deste espaço concordam que sua remuneração

é própria das pessoas fiéis à causa e de carater intocável. Refiro-me

ao reconhecimento de sua dedicação e caráter que são os melhores pre-

mios para a alma humana , que somente pesoas especiais recebem.´Mas,

eu queria dizer também e me perdoe a invasão de sua intimidade que o

nobre factotum devia dormir mais cedo,cuidando da da sua integridade fi

sica . Um abraço mestre. Eu sei que você deve estar pensando: mas se

esse mineiro abelhudo está acordado,mesmo sendo mais velho que eu,como

pode ser catimbeiro. !!!Então, ademã !!!

ricardo o.c. albuquerque disse...

Edgardo,
Parabéns. D^aula para esses meninos que parecem que não sabem o que é o MERCADO. Sabem o que é o MERCADO. interroga. Só lucro....para eles. ricardo

Anônimo disse...

Precisamos informar aos deputados que os sindicatos e associações não nos consultaram para saber se queremos ou não o PLP 268. São eles que não querem e não podem falar pelos verdadeiros e legítimos interessados.

Anônimo disse...

Baluarte Mineiro Divany Silveira,

Posso dizer com toda a segurança, que tenho mais um GRANDE AMIGO lá nas Minas Gerais.

Desejo um belo fim de semana pra ti, tua Família e pra todos os colegas do Brasil e do exterior.

Obrigado e um fraterno quebra-costelas do Gaúcho

Ghost Writer

Anônimo disse...

Caro Sr. PROFESSOR Ari Zanella,

"415. Apelação da PREVIC pela AGU, em 30/03/2017
Ação Civil Pública (Reversão de Valores ao Patrocinador)
10ª Vara Federal do Rio de Janeiro"

Peço humildemente, que o Sr. observe o trabalho profundo e didático do Amigo Edgardo no que se refere à Reversão, encaminhando-o ao Advogado como AMICUS CURIAE da Anaplab.

Assertiva incontestável sobre o tema que se arrasta desde muito, embora o Gênio Edgardo já tenha se manifestado em outras oportunidades contestando inteligentemente a Reversão.

Esse trabalho deve chegar às mãos de um Promotor, de um Juiz para apreciação à luz do direito para os idosos aposentados e pensionistas.

NÃO PODE UM PATROCINADOR IGUALAR-SE, EM DIREITO ADJETIVO, A UM APOSENTADO OU A UMA PENSIONISTA, SALVO POR APROPRIAÇÃO INDÉBITO.

Respeitosas e Cordiais Saudações

Ghost Writer

Anônimo disse...

VAI TODO MUNDO PARAR NO SUS! MELHOR TIRAR JÁ A CARTEIRINHA SE OS CANDIDATOS DEFENDIDOS POR ESSE BLOG NÃO O ACABEM!

Anônimo disse...

Projeto do senador Aecio Neves, não precisa dizer nada ne?

Anônimo disse...

Eu gostaria de saber sobre Cassi, o banco colocou uma proposta, temos alguma informação?

Anônimo disse...

Ghost
Apoio plenamente a idéia, temos dar um jeito de encaminhar já este trabalho do Sr. Edgardo. Palmas

Ademir Martins disse...

abaixo resposta recebida por questionamento que fiz ao Dep Jorginho Mello=

Bom dia Ademir!
O deputado Jorginho deu parecer favorável ao PLP 268 porém apresentou um substitutivo (novo texto a esse projeto de lei complementar) que não inviabiliza a participação dos trabalhadores na gestão dos fundos!
Inclusive o novo texto está em consenso com a Funcef e a Previ. Fizemos diversas reuniões com a funcef e a previ.... eles concordam com o novo texto e apoiam o substitutivo.
Encaminho em anexo o substitutivo para o senhor também examinar.
Fique tranquilo que em hipótese nenhuma o deputado prejudicará a gestão dos fundos.

Qualquer dúvida estou a disposição
Att,

Henrique Junqueira
Assessor Legislativo
Gabinete Deputado Jorginho Mello
61 – 3215 5329

Anônimo disse...

Recebi um e mail da Contraf cut falando que o BB quer mudar primeiro o voto de minerva e depois fazer as alterações que quiser no plano da Cassi.

Anônimo disse...

Quero saber é de ES 180 x 180, cade ?

Anônimo disse...

Ari, o relator do PLP 268 deu-o como constitucional.
Pelo que entendi o espirito base do PLP permanece. Ha referencia a eleitos indicados e independentes.

Anônimo disse...

TODO MUNDO NO SUS E COM O BENEFÍCIO DO INSS! ISSO SIM É O MERCADO.

Anônimo disse...


SUS e o setor do serviço publico em que prevalece o principio da solidariedade.

A totalidade da população contribui, na medida de de cada um, para a manutenção do sistema. E o sistema, por principio doutrinario, esta aberto, e acessivel, a todos.

Ari Zanella disse...

Pessoal, desculpem a demora na liberação dos comentários. (Estive fora).

Caro Ademir Martins,

Muito obrigado pelo retorno. Bastante esclarecedor. Gostei.