BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

terça-feira, 13 de março de 2018

SOMOS MAIS UNIÃO NA CASSI

   Antes de qualquer debate já decidimos  apoiar a Chapa 4 - Mais União na CASSI. Analisamos a qualidade dos membros, notadamente o candidato a diretor de Saúde e Rede de Atendimento Luiz Satoru Ishiyama e o titular do Conselho Deliberativo Sérgio Faraco, ambos de notáveis conhecimentos, decididos a intermediar a delicada relação com o patrocinador, livres das influências sindicais e políticas. Torna-se óbvio que quem é apoiado por sindicato ou partido político visa apenas aos cargos eletivos.
    Nosso colega Medeiros sinaliza na mesma direção em sua postagem pós-debate na AFABB-RS, transmitido via Facebook ("Live") na tarde deste dia 12, com a presença das 04 chapas envolvidas. Logo, estão fechados no compromisso em votar na Chapa quatro "Mais União" praticamente a maioria dos mais de 500 aposentados de Joinville, a maior cidade de Santa Catarina, mais as cidades satélites como Jaraguá do Sul, São Bento do Sul, São Francisco do Sul, Itajaí e Blumenau, dentre outras.
     A ANAPLAB co-patrocina a vinda nesta quinta-feira, 15, véspera do início da votação; de Luiz Satoru Ishiyama e Sérgio Faraco para um encontro na AABB da cidade de Joinville. Todos serão bem-vindos! Da exposição faremos um pormenor para divulgação na sexta-feira, 16.
       Então é isso. Nada obstante, teremos o maior apreço por quem tem preferência por outras chapas no pleitos. Somos adversários, jamais inimigos. Queremos todos o melhor para a CASSI e que consiga atravessar este período de déficit e muita turbulência.
Um forte e fraterno abraços a todos.


Quem são os candidatos e quem os apoia: 
👇👇

CHAPA 1:
Atual Diretor William Mendes concorre à reeleição.
Apoio: Contraf/CUT, PT-Articulação, FENABB, 1.400 AABB, diversos sindicatos, mais de 1.000 delegados sindicais.

CHAPA 2:
Candidata Karen, atual Conselheira Deliberativa da CASSI.
Todos os candidatos aos Conselhos são dirigentes sindicais, apoio politico PSTU, PSOL.

CHAPA 3:
Cláudio Said, atual gerente executivo da CASSI, homem de confiança do Diretor Humberto, eleito em 2016.
Apoio: Intersindical, Contec, grupo Valmir Camilo, Cecilia Garcez, atual Diretora de Adm da PREVI, diversos sindicatos, Conselheiro Carvalho, que foi eleito junto com a Cecília Garcez.
Apoio político Contec/UGT. Ligada ao PSDB.

CHAPA 4: 👍👍👍💙💙🙏🙏
Candidato a Diretor: Luiz Satoru Ishiyama
Conselho Deliberativo: Sérgio Faraco
Independente.
Profissionais com experiência comprovada em gestão no Banco e no mercado.


Para Ver o Programa da Chapa 4 Clique AQUI

60 comentários:

Humberto Stumpf disse...

Prezado Ari: um grupo de colegas aqui de Caxias do Sul assistiu,via telão, os debates realizados na AFABB-POA entre os candidatos eleições CASSI. Após os debates, nosso grupo, em grande maioria, resolveu apoiar a CHAPA 4 É MAIS UNIÃO, por representar aquela que melhor poderá representar nossos interesses, uma vez eleita. Estamos trabalhando no sentido de ampliar esse apoio junto a outros colegas, tanto em nossa cidade e região como também outros estados, inclusive SC onde temos antigos colegas, até mesmo em Brasília. Assim, confirmamos que estamos juntos nessa eleição. Humberto

Anônimo disse...

Prezado Senhor Ari Zanella,

Ao seu conselho, mais uma vez, apoiarei sensata indicação.

Ainda, em que pese sua delicada indicação "Real", subscrevo-me

Ghost Writer

Ari Zanella disse...

Caro Ghost Writer,

Siga a tua consciência. Se você acha melhor, por favor, NÃO siga a minha delicada indicação "Real". Fique à vontade, meu caro.

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:


É "mera curiosidade". No "site" da PREVI, no certame para Auditor, consta que o candidato tem de ter um "determinado curso" realizado na UNIVERSIDADE CORPORATIVA BANCO DO BRASIL (UniBB). Nunca ouvi falar nesse "Organismo". Onde é sua Sede? Endereço? Etc., etc., etc., ... Muito obrigado se puder esclarecer.

Anônimo disse...

Professor é 4 na cabeça.

É noix

Anônimo disse...

Dear Professor,

Please remember, if i can say:

“Your life as a teacher begins the day you realize that you are always a learner.”


My respects

Ghost Writer

Em tempo: Caro Mestre, quando me referi a -Real- me reportei ao que escrevestes em outra postagem, que me considerava - Real Writer - em não Ghost.

E desculpa o atrevimento em escrever no idioma que dominas.

Fraterno abraço

ricardo o.c. albuquerque disse...

Hoje, pela manhã, já solicitei minha curiosidade por ler mensagem de apoio ao candidato bolsonaro, já que não pude le-la ontem. obrigado ricardo

José Roberto Eiras Henriques disse...

Também vou de Chapa 4, renovar a gestão na CASSI é necessária.

Ari Zanella disse...

Desculpa, Ghost Writer, agora é que caiu a ficha. E quanto à tua frase em inglês, é verdade pura.



Colega Ricardo - Devido a controvérsias, preferi torná-lo rascunho, o mesmo que excluído. Lamento, mas é preferível às contendas.

Anônimo disse...

Mestre Ari,

gostaria de manifestar minha estranheza com relação a ausência de comentários sobre a apresentação de resultados feita pela Previ no último dia 09.Voltei a ter esperança de alguma melhora para nós a curto. Por favor, o que pensas à respeito.

Paulo César Fernandes.

Anônimo disse...

A Petros - Fundação Petrobras de Seguridade Social, está oferecendo aos seus participantes a possibilidade de suspensão das prestações dos empréstimos por um período de seis meses, além do refinanciamento desses mesmos empréstimos para pagamento em 240 meses, o dobro do prazo que é oferecido hoje.

https://www.petros.com.br/PortalPetros/faces/Petros/arqnot/not?_afrLoop=2038384646286725&content=WCC046547&_afrWindowMode=0&_adf.ctrl-state=imis59844_78

Anônimo disse...

Professor,

E o amigo de Valdirene? Será que foi um balão de ensaio?
Tipo: ou vcs me tiram daqui com os bolsos cheios, ou, jogo tudo no ventilador

Ester Martins disse...

Vou votar na chapa 4 DR ARI pq não tem sindicalistas abraços

Anônimo disse...

240 X 240 já se não vou visitar o amigo de Valdirene.

Professor,

Eu cheguei a postar brother do Ghost é mole?

Vade retro

Anônimo disse...

Sr. Zanella,

Permita-me transcrever parágrafos finais do blog do ED, ultimo post, que penso dever ser lido por todos os colegas.

"O valor supremo da pessoa humana impõe que, ao longo de toda a sua existência, se comporte com a máxima dignidade - conduta ética irrepreensível – e usufrua de condição de vida confortável, isto é, numa sociedade organizada, democrática, operosa e do bem-estar social.

É, pois, incompreensível, absurdo, nos dias atuais, e ante as cláusulas do contrato constitucional brasileiro, que se pretenda colocar sob a responsabilidade do assistido – o incapacitado, o inválido – o ônus previdenciário de sua sobrevivência, tanto mais que, desfalcado seja pelo motivo que for, esse seguro já foi pago, na época de atividade e nos valores tecnicamente calculados que lhe foram impostos, e colocado pela LC 109/2001 sob a supervisão do Patrocinador, o proprietário de toda a renda, e a fiscalização do Estado."

Saudações

Ghost Writer

Anônimo disse...

https://exame.abril.com.br/negocios/apos-carne-fraca-brf-e-processada-por-acionista-nos-eua/
Lá impera a máxima "dura lex, sed lex", e a PREVI vai contabilizar mais um prejuízo da participada BRFoodeu.

Anônimo disse...

Professor Ari Zanella e Colegas,

ESCREVI O TEXTO ABAIXO EM 26 06 2017, que foi capa do BLog.
Isto deve provar que NÃO SOU O BODIÃO do Terceira Via.

Ghost Writer ou REAL WRITER COMO QUISER O DIGNÍSSIMO PROFESSOR!

"Caríssimos Colegas,

Posso estar equivocado, mas estamos vivendo em tempos muito difíceis, ainda mais para quem já passou do 70 anos.
Penso que o mundo dos charlatões, dos vigaristas, dos aproveitadores, dos sem alma, está prosperando.
Abre-se o jornal, vê-se na televisão, escuta-se no rádio somente notícias que falam de ladrões da dignidade humana, em todas as partes do mundo, mormente aqui na nação Brasil, onde mais pululam bandidos de colarinho branco.
Na minha idade nem sei se vou ver essas excrescências serem punidas exemplarmente.
Espero que o mundo mude para melhor, por pouco que seja, diante do descalabro de agora qualquer mudança será salutar.
Bom dia!

(Anônimo na postagem "O Corporativismo é forte" 26.06.2017)

Perfeito colega, bela fotografia de nossa realidade! Chamam a atenção certos anônimos porque têm a simplicidade de expressar assuntos tão complexos. Esta postagem é uma justa e merecida homenagem a quem sabe concatenar um ótimo texto, dizendo quase tudo em tão poucas linhas, o mais importante, sem ofender ninguém. Meus sinceros parabéns, com minhas humildes felicitações...
Com efeito, você não está equivocado!

ESSA IMAGEM JÁ PASSOU, EM ALGUM TEMPO, NO BLOG DA QUERIDA ROSALINA DE SOUZA COM QUEM NOS CONGRATULAMOS.

Postado por Ari Zanella às 00:00 13 comentários:
Enviar por e-mail
BlogThis!
Compartilhar no Twitter"

Anônimo disse...

Isso 14h07. A Petros também ofereceu a seus participantes a excelente oportunidade de recolher 19,2% de contribuições adicionais. Parece um ótimo negócio.

Anônimo disse...

Pois é, se dá pouca importancia ao comentario das 14.07 hs de hoje.
Parece que tudo que dizia respeito a beneficios aos associados e participantes da Previ foi esquecido.
Mesmo que a Petros esteja concedendo facilidades aos devedores do ES, em função das contribuições que irão fazer para cobrir o rombo, prova que é possível se tomar emprestado seu próprio dinheiro sem quebrar o fundo.
Já que voltamos a contribuir na Previ, em função de deficits e nos retiraram o BET, porque não é possível uma compensação. Afinal somos superavitários. Nós não, o fundo é superavitário.

WILSON LUIZ disse...

ASSIM NUM QUERO...

Caro anônimo 14:07 hs., a PETROS está concedendo condições mais favoráveis em seus empréstimos devido ao arroxo que seus associados estão sofrendo pelo brutal aumento de suas contribuições para cobrir o déficit apresentado por aquele fundo.

Pr.guima disse...

Debate da Anabb não assisti. Fui assistir direto na AABB Brasília. Mas, não aguentei e retirei-me durante o debate, quando uma representante da chapa 2 limitou-se a fazer um discurso político e acusar o governo de "ilegítimo" (não defendo este governo), mas fui para assistir um debate sobre a Cassi. Proposta objetiva da chapa 4, portanto merece apoio.

WILSON LUIZ disse...


NOMEAÇÕES E ELEIÇÕES NA PREVI

Só por curiosidade, já que nada “apitamos” no assunto, o site O Antagonista informou que o atual presidente da PREVI, Gueitiro Genso, está “mexendo os pauzinhos” para continuar no cargo, seu atual mandato expira em pouco tempo.

Já para a eleição de diretores, da qual participaremos, parece que as coisas estão de “vaca não reconhecer bezerro”. Candidata à reeleição, que ressuscitou seu blog em primeiro de janeiro, teve até hoje, 13 de março, 72 dias depois, míseras 8 postagens. Acho que não é a volta triunfal que ela estaria esperando.

CHAPA 4 4EVER NA CASSI

Ari Zanella disse...

Ghost Writer (21:28)

É possível que o referido tenha te plagiado, Tchê! Se tu puderes me enviar um email e te mostro a tua (suposta) mensagem.

Anônimo disse...

Caro Professor,

Podes me informar o endereço eletrônico direto, seu.
Assim posso enviar endereço e-mail.
Grato pela compreensão.

Real Writer

Anônimo disse...

É verdade que a Petros está oferecendo alternativas aos seus participantes por conta da contribuição extraordinária de 19,2% para o seu fundo. Mas é verdade também, que os participantes da Previ viram seu BET ser suspenso, a volta da contribuição mensal para a Previ e a contribuição extraordinária para a Cassi e, diferentemente da Petros, a nossa Caixa de Previdência ficou insensível a isso tudo.

Cade Araujo disse...

Professor Ari, registro que também estou com a chapa 4. Vamos votar e incentivar a todos votem.
Professor, já faz alguns dias que não se toca no assunto do ES. Considerando o reajuste pífio que tivemos em janeiro, o superávit do plano 1 e o fim do déficit, não seria um momento ideal para um reajuste no prazo e no limite do empréstimo simples? Haja vista que caso ocorresse um aumento no limite e uma ampliação no prazo melhoraria a liquidez de muitos colegas que desde janeiro estão sem liquidez nenhuma. Além do mais, seria bom se voltássemos a solicitação, antes que chapa da situação conceda e com isso adquira alguns votos. Pensa no assunto com carinho.
Cadé
PS. Registro que a Universidade Corporativa Banco do Brasil existe a algum tempo. A sede é em Brasília. Até a minha aposentadoria ministrei aulas de Finanças e Estratégias financeiras. Inclusive existe material de aula com a logo marca da Universidade do BB.
Cadé

Anônimo disse...

É verdade que a Petros está concedendo um refresco no empréstimo por conta da contribuição extraordinária. Mas nós também tivemos grandes perdas e o sufoco dos débitos de empréstimos que extrapolam inclusive o permitido por lei. Se a Petros pode ajudar a Previ também pode.

ricardo o.c. albuquerque disse...

Ari,
Parabéns pela retirada da matéria sobre o cidadão bolsonaro. Aquelas idéias, talvez, fossem na contramão das chapas de queremos . CHAPA 4 ricardo

Anônimo disse...

O pessoal da maldade já começou a espalhar as mentiras de sempre, ao invés de veicular seus próprios programas.
Recebi e-mail de um grupo "compromissocomoassociado" que malha a chapa 4 e diz que ela é do Governo e do Patrocinador, além de que um dos objetivos da chapa seria acabar com a participação do Patrocinador, bem como elevar nossas contribuições (introduzir faixa etária, número de dependentes, etc.).
Infelizmente deletei a mensagem, caso contrário a copiaria aqui.
Como é um modus operandi de eleições anteriores, penso que seja coisa de uma turminha velha conhecida que não trabalha e só quer ganhar bons salários.
Alguém mais recebeu dita mensagem?

Anônimo disse...

Supostamente, a soberba tem impedido que "os senhores do olimpo" repensem suas posições e nos dêem um pouco de alívio como outras entidades do seguimento tem feito com seus beneciários.
As associações premotoras de convescotes, que se dizem protutoras do Guloso, nem para isso conseguem escrever uma linha.
Sem revanchismo, espero que as águas de Curitiba as alcance e as
sacie

Anônimo disse...

PESSOAL,
A Petros flexibilizou as regras de empréstimos para os participantes ativos, aposentados e pensionistas do Plano Petros do Sistema Petrobras (PPSP) que vão contribuir para o equacionamento do déficit acumulado em 2015. A partir de 1º de março, será possível pedir a suspensão da cobrança das prestações de empréstimos no contracheque por um período fixo de seis meses. Esta medida foi adotada para que os participantes tenham tempo de se adaptar às contribuições extras para o equacionamento do PPSP que, conforme já anunciado, começam a ser cobradas em março.
A Petros também vai oferecer uma modalidade temporária de refinanciamento dos empréstimos, com possibilidade de pagamento em até 20 anos (240 meses), o dobro do permitido atualmente. Esta medida, assim como a suspensão, será exclusiva para os participantes que vão contribuir para o equacionamento, o que exclui o grupo pré-70. Mais detalhes sobre o refinanciamento serão divulgados em breve, mas mesmo quem pedir a suspensão agora terá direito a fazer o refinanciamento depois.
QUANDO É QUE NOSSA PREVI VAI FAZER O MESMO? APOSENTADOS DO ES ESTÃO PRECISANDO, E COM URGENCIA, REFINANCIAREM OS SEUS EMPRESTIMOS, ES, COM PRAZO E VALORES MAIS ELEVADOS.

Enio Bebba disse...

Prezado Ari,

Minha intuição (acredito ser opinião, de alguma forma, generalizada) é que terá alguma "treta" pra que uma das chapas diferentes da 4, levante o "caneco", o que seria uma pena!!

Abraços
EPB

Anônimo disse...

Mestre Ari,

Quais os participantes da CHAPA 4. Obrigado

Anônimo disse...

Pois é,se no caso deles que a situação parece pior encontram condições de aliviar, consequentemente, nossa situação é bem mais favorável para que concessões sejam abertas,
Não tou entendendo vocês ...

Anônimo disse...

Prezado Diretor Aristóphanes,

De nós aqui do baixo clero, Vossa Senhoria foi o que ocupou meritosamente os maiores cargos em algumas organizações, por isso, gostaria de ouvir de sua pessoa qual é sua consideração com relação ao Petros estar facilitando a vida dos assistidos que, segundo algumas manifestações, é por conta das estapafúrdias contribuições elevadas, para cobrir falcatruas.
Na visão de um batedor de carimbo experiente, se lá no Petros onde a situação aparentemente está muito pior eles podem fazer esses alívios para os beneficiários, por que não nos aliviam também? Tem que esperar piorar?

Humberto

Anônimo disse...

Trabalhei com um dos integrantes da Chapa 1 na época do Cesec, na Região Celeiro-RS.
Se sua arrogância continua a mesma daquele tempo, jamais deveria ter sido escolhido para compor a chapa.
Vou de chapa 4.

Anônimo disse...

COMEÇOU A BAIXARIA - CHAPA 1, 2 ou quem seria o capacho do BB.

Recebi um e-mail atacando a Chapa 4 que o ARI e o MEDEIROS defendem:

Date Range: "Quem vai pagar o déficit da Cassi?"
Enviado: quarta-feira, 14 de março de 2018 07:26
Para: email@compromissocomassociados.com.br
Assunto: Querem rasgar o estatuto da Cassi

(DESCONHEÇO A ORIGEM - DEVE SER SPAM)

file:///C:/Users/usuario/Desktop/CASSI%20Querem%20rasgar%20o%20estatuto%20da%20Cassi.pdf

OS SEM TETO, DO BB, CASSI e PREVI não querem nenhum intruso = devem estar em pânico com as delações do DIDA.


Anônimo disse...

Leiam alguns trechos do e-mail detonando a Chapa 4: O ataque aos associados vai mais longe. Eles querem retirar do estatuto a obrigação do banco de contribuir com 4,5% sobre salários e aposentadorias...Esta é a competência empresarial que a Chapa 4, patrocinada pelo banco, pretende levar para a CASSI. Quer jogar a conta para os associados e, de outro lado, livrar o banco da responsabilidade. Esse grupo, formado por executivos aposentados do banco, representa a direção do BB e o Governo. Querem tirar direitos dos funcionários e reduzir as obrigações do banco com a CASSI.

Anônimo disse...

Pra melhorar as condicoes do ES, deveria ir uma comissao na previ e fazer questionamento.

Anônimo disse...

19:12

Eu já tinha comentado algo a respeito por volta das 12:00 horas.
Quem será o mentor desse desatino?
É sempre assim em toda eleição, inclusive fora da PREVI/CASSI: tentam jogar lama no adversário, ao invés de mostrar claramente que seu programa é que melhor atende os interesses dos eleitores.

Ari Zanella disse...

14:13

Coloquei no texto os dois integrantes principais da chapa quatro.
Coloquei, ainda, um LINK (ao final) com o programa da chapa 4.

Ari Zanella disse...

Ataques estão partindo da chapa 1 através dos sindicatos CONTRAF E CUT. Amanhã às 18:30 os Luiz SATORU (candidato a diretor pela chapa 4) e o Sérgio Faraco, candidato ao Conselho Deliberativo estarão aqui em Joinville, oportunidade em que levarei o assunto a eles. Darei, então, ciência a todos em nova postagem depois do evento.

Anônimo disse...

Entrei no site da PREVI e o contracheque do mes de março de 2018 ate as 23,50 hs não está disponivel, mas entrando na minha conta corrente do Banco do Brasil, eis que o contracheque está visivel, isso é ridiculo, como é que o contracheque dos funcionarios aposentados aparece primeiro no BB e não aparece no site da PREVI.

Aristophanes disse...

Prezado Humberto(l4/3-16:28)
Fiquei surpreso por você me eleger para a difícil tarefa de tecer considerações sobre recente decisão da Petros, relacionada com “modalidades generosas”, na concessão de empréstimos a seus participantes, a título de compensação por obrigações extras e onerosas cobradas desses mesmos participantes.
Sou incompetente para atender ao seu pedido, pois não conheço os regulamentos de empréstimo da Petros e, sequer, tenho conhecimento dos termos e condições de tal concessão.Entretanto, se tal benevolência foi feita, quaisquer que sejam os seus parâmetros, ela representa uma atitude de compreensão e solidariedade dos executivos do fundo, na busca de um paliativo, para o "imposto" de conjuntura adversa. O que posso dizer é que é um gesto louvável da parte desses dirigentes, e exemplar para outras entidades.
A Previ, que nos diz respeito, também contabilizou, nos últimos quatro ou cinco exercícios – por motivos que não cabe aqui avaliar – perdas bilionárias que abalaram reservas e geraram déficits. De imediato, nós participantes e beneficiários, sem distinção, fomos chamados a contribuir, incondicionalmente, para a reparação de tais perdas, com os recursos da brusca suspensão do saldo do BET e do retorno da contribuição mensal ao fundo. Essas contribuições onerosas se juntaram a outras perdas de nosso poder aquisitivo, como a contribuição extra para a problemática CASSI, a corrosão inflacionária e o ambiente de recessão que se abateu sobre a Economia. Não tenho dúvidas em estimar que essas perdas, diretas e indiretas, ocasionaram uma queda real de renda individual, da ordem de 10 a 12%. Somos mais pobres hoje do que há 4 anos, e cerca de 5.000 passaram desta para melhor, com ganhos atuariais para o fundo.
Recentes comunicados da Previ falam de que se acabou o tempo das vacas magras. Os déficits foram saneados e já há contabilização de expressivas sobras, que tendem a acumular superavits. Os bem remunerados e abonados dirigentes realçam feitos administrativos e proclamam competentes gestões financeiras. Nada se diz, pelo menos num pálido reconhecimento, da sacrificada contribuição de tantos milhares de “pagadores do pato”.
Também, nada diz sobre algum adjutório, para começar a repor os danos e perdas daqueles anos difíceis, que ainda persistem. Como providencias simples, não seria absurdo retomar o pagamento do BET. Nada custaria – vez que se trata de bom investimento – descongelar o ES, com aumento de limite e prazos, inclusive para os velhinhos estigmatizados pelos infame FQM. Com uma penada, poder-se-ia suspender o pagamento de 2 ou 3 parcelas. Enfim, muito se poderia fazer, com pouco. O que falta no Mourisco é o que parece estar sobrando na Petros: compreensão e solidariedade.
Abraço cordial do Aristophanes.

Blog do Ed disse...

Como o diretor Aristophanes pensa, e, por isso, diz e escreve! É uma MENTE, isto é, um organismo superior, supremo no Universo, que reage aos estímulos, SENTINDO e PENSANDO! PENA QUE NÃO DECIDA...
Edgardo Amorim Rego

Anônimo disse...

Parabéns Aristophanes por sua análise 00.00
Concordo com tudo integralmente principalmente por ter comparado a postura da Petros com a da Previ.É evidente que não é justo o aumento da contribuição da Petros para cobrir deficits mas pelo menos eles tiveram a sensibilidade de ajudar. Com o aumento do prazo para pagamento do empréstimo de 120 para 240 parcelas os participantes não sentirão o aumento das contribuições.Nós tivemos inúmeras perdas e nenhuma ajuda da Previ.
Como disse o Aristophanes: "... se tal benevolência foi feita, quaisquer que sejam os seus parâmetros, ela representa uma atitude de compreensão e solidariedade dos executivos do fundo, na busca de um paliativo, para o "imposto" de conjuntura adversa. O que posso dizer é que é um gesto louvável da parte desses dirigentes, e exemplar para outras entidades." Realmente foi um gesto muito louvável independente das causas.

Paulo César Fernandes disse...

Com folder ou sem folder , vou votar na chapa 4.

Paulo César Fernandes.

Anônimo disse...

Colegas,

Se o DIDA contar será que espirrará em algum DIRETOR da nossa PREVI.
Será que tem algum com barbas de molho.
Abs.a todos aí.

Anônimo disse...

Digníssimo Sr. Aristophanes,

De seu texto:
"Enfim, muito se poderia fazer, com pouco. O que falta no Mourisco é o que parece estar sobrando na Petros: compreensão e solidariedade."

Se me permite a ousadia acrescento, que não há "compreensão e solidariedade" COM O USO DE NOSSO PRÓPRIO DINHEIRO.

Assina:
Ghost Writer, o Real não aquele chamado de bode...

divany silveira disse...



Mestres Ari Zanela, Aristophane e Edgard trio de insinuantes Coroas
que continuam fazendo parte do Ativo de Bens Intocáveis e Inalienáveis
do PB-1 estou dirigindo uma questão que a mídia em determinadas ocasiões
não esclarece devidamente ou quando aborda o assunto o faz de maneira
superficial , deixando de focalizar situações acontecidas no decorrer do
periodo que poderiam diminuir o brilho do resultado final. Então, escla-
reçam-me esta dúvida se forem capazes : esse clima de euforia que ocorre
hoje no setor das bolsas de valores, o que já provoca transferências de
profissionais do ramo para grandes operadoras do mercado, causando expec-
tativa de uma fase febril que se avizinha e por isto surge o motivo da
indagação ??? Este periodo de efervescência que assistimos nos últimos
meses deveu-se à recuperação dos negócios no Brasil, à competência dos
profissionais da área ou é uma onda ,como chuva de verão, que passa pelo
mundo e deve voltar à situação anterior? Coisas para reflexão: O BET houve
tempo que podia ser Better e hoje tem o apelido de FAKE.´Lição para quem
vendeu e não recebeu : há,na praça,ciganos com curso superior and nothing
of shame!!!

divany silveira disse...


Senhores :
E o nosso Dida , eu acho que ele está preparado para Folder alguém;
segundo consta tem folder na agulha.Por falar em Dida será que ele vai
pedir à amada o "carrão" de volta ?

Anônimo disse...

Diretor Aristóphanes,

Se o que diz não dominar nos brinda com uma aula dessa, fico a pensar como seria a resposta se conhecesse profundamente o assunto. É intrigante porque nosso Eterno Diretor é o único a "comer com os pobres". Quantos diretores já exerceram esse cargo naquilo que um dia foi chamado de mãe? Onde estão? Estão satisfeitos?
Obrigado e por favor escreva mais sobre tudo

Com muito respeito

Humberto

Blog do Ed disse...

Divany,meu amigo muito estimado
Não venho acompanhando o noticiário econômico. Ouço, todavia,que 48% dos inadimplentes brasileiros pagaram suas dívidas e que a China voltou a desenvolver-se à taxa anual de 7% e que os principais países progrediram no ano passado a taxa não inferior a 3%. Além disso, o Governo Brasileiro pareceu procurar praticar a administração pública com responsabilidade e sem corrupção, isto é, menos onerosa, menor necessidade de juros e tributação, o que traz expectativa de mais eficiência. Assim, a demanda interna e a externa estão acesas.O Brasil se reanima. O importante é manter a vontade de administrar o país corretamente.
Edgardo AmorimRego

Enio Bebba disse...

Caro Ari,

Vou de chapa 4. Espero não me decepcionar mais prá frente.

Grande abraço
EPB

Humberto Stumpf disse...

VOTO, LOGO EXISTO: Parafraseando o ilustre Filósofo e Matemático francês Rene Descartes, autor da célebre frase PENSO, LOGO EXISTO (je pense, donc je suis, original em francês), aproveito o momento para confirmar que as eleições CASSI começam amanhã, 16/03 e vão até 28/03. Temos que VOTAR e mostrar QUE NÓS EXISTIMOS, pois nos últimos anos nós APOSENTADOS, tivemos muito pouca participação nos pleitos de CASSI e PREVI. Deixamos de comparecer e delegamos aos Funcis da Ativa a missão de eleger os dirigentes dessas entidades. Ressaltamos que os Funcis ATIVA votam nos seus computadores de trabalho, enquanto nós, APOSENTADOS, temos que ir até um Terminal de Auto Atendimento. Esse fator não deve ser considerado como desculpa para não participarmos do processo eleitoral, então temos que pedir aos aposentados que compareçam a um Terminal de Autoatendimento e exerçam seu direito de votar, de acordo com sua consciência e sua escolha pessoal. O importante é mostrar a essas entidades que não estamos mortos ou desinteressados pela eleição, mas sim um pouco desmotivados. Então, mostre a todos que NÓS VOTAMOS, LOGO NOS EXISTIMOS.

Anônimo disse...

https://exame.abril.com.br/revista-exame/o-caos-na-brf/
Os erros que derrubaram a gigante de alimentos BRF

Matéria longa, aborda todo os erros que, segundo o título, DERRUBARAM a BRF. Sucessivos prejuízos, já na casa dos bilhões, endividamento de 20 bi, enfim, onde a PREVI entra, com raras exceções - VALE E EMBRAER - a coisa desanda.

Anônimo disse...

vamos de 4 na cabeça.

Anônimo disse...

Quem colocou o Abilio Diniz na presidencia da BRF ?

Anônimo disse...

É 1? NÃO


É 2? NÃO


É 3? NÃO

É 4? É É É É SIM

NA CASSI VAMOS DE 4


4444 4444 4444 4444

Anônimo disse...

Conversei agora há pouco com um colega da ativa. Os sindicatos estão indo nas agências dizendo que a chapa 4 é apoiada pelo Governo. Com este argumento, pedem voto para a chapa 1.
Esse colega inclusive vai votar na 1.