segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

CHANCES DIMINUTAS NAS ELEIÇÕES

    Nossas chances no pleito que se avizinha são mínimas. Nosso calcanhar de Aquiles é encontrar membro forte, no Plano Previ Futuro, já que a chapa necessariamente, para lograr êxito, tem que ser híbrida. A questão não é ceder uma diretoria para esse segmento, é encontrar a pessoa certa para o mister.
    Contatei o nosso velho guerreiro, amigão desde 2013, o nobre doutor Medeiros. Eis o que me escreveu, entre outros assuntos tratados:

" Quanto às eleições, fico honrado que se lembrem do meu nome, mas vou fazer oitenta anos, ao menos estou me esforçando para chegar lá, em maio de 2018, não tendo, assim, condições físicas para concorrer a tal cargo, que exige muito.

Acho louvável a movimentação de vocês, mas infelizmente está acontecendo tarde, pois desde outubro já existem quatro chapas formadas, sendo que uma delas, a do Marcel, é fortíssima, pois conta com o apoio das grandes entidades.

É uma eleição onde a decisão vai estar na mão do pessoal mais novo, na ativa do banco, pertencente ao plano Previ Futuro, o que torna obrigatório que um dos candidatos pertença a esse grupo."

     Logo o nobre doutor, um eterno incorrigível otimista, observa que o nosso mar não está para peixe. O Marcel é um exímio articulista, de fazer inveja ao Lula. Não é bom administrador, no meu pensar não serve para diretor de um fundo como o nosso, porém, faz de seu ofício um sólido patamar para vencer qualquer eleição interna já que conta com o apoio da CUT para penetrar no segmento dos mais jovens, qual seja, os membros do PREVI Futuro. Nosso fundo é muito visado pelo ativo que possui e nesse ponto o "short man" é mestre em jogadas de aglutinação de forças. Estamos no mato sem cachorro.
     Apesar da análise lógica de adversidades, eu me arrisco à contenda, mesmo com chapa pura. Vamos para o nordeste pedir que a Leopoldina e o Ebenezer entrem conosco. Podemos pensar no amigo Aristophanes também, agora totalmente renovado depois da cirurgia. Ou alguém conhece pessoas do Plano Futuro para incluirmos na chapa? Pelo menos no Conselho Consultivo teremos que apresentar quatro nomes...De todo o modo, será uma luta de Davi contra Golias...
      "Se Deus é por nós, quem será contra nós? "(Romanos 8:31).

47 comentários:

Blog do Ed disse...

Meu amigo ARI ZANELLA
SÓ TENHO UM VOTO, O MEU. JÁ VOTEI EM VOCÊ.
Edgardo Amorim Rego

Anônimo disse...

Prof. Ari,

Meu nome é Carlos e moro em Juiz de Fora (MG). Tenho muitos amigos em minha cidade e em várias outras da região. Votamos na antiga chapa 3 por causa de você e do Dr. Medeiros, não obstante, a Cecília Garcês fazer parte da chapa. Então Prof. Ari, bota o time em campo e lance uma chapa e tenha a certeza que "arregaçarei as mangas" e partirei para a luta em busca de votos para a chapa que você lançar. Pode contar comigo para a campanha da chapa que você lançar para a eleição da Previ.
Desejo um feliz natal para você e familiares e um ano de 2018 de muita paz para todos nós.
Forte abraço.

Goulart disse...


Caro batalhador e estimado Ari Zanella, colega aposentado como eu, tambem sou sócio da Anaplab, gostaria, por favor de lhe sugerir algo que voce já deve estar fazendo. Quando houver qualquer comentário, de Anônimo ou não, que esta em desacordo com a ética e da necessidade dos motivos, , exclua, para o bem de todos e felicidade geral dos aposentados e pensionistas, e principalmente dos colegas Ari Zanella e Gilvan, desconfiou do comentário, exclua, para evitar maiores constrangimentos. Desculpe me intrometer em suas decisões, mas acho que o pessoal tem que ter simancol. Fique com Deus e Jesus, tudo de bom, e que venham melhores dias, um Santo Natal, para voce, família e todos do Blog.

Anônimo disse...

Professor a nossa realidade é deveras preocupante. Sempre procurei ser o mais realista possível mas nem sempre é possível porque balançamos sempre para o lado do otimista exagerado ou para o lado do pessimista em tudo que só vê desgraça e infortúnios no seu caminho. O nosso presente e futuro em relação à quem vai ser o gestor representante dos "donos da Previ" na diretoria nos levam a uma encruzilhada: ou vai ser alguém que representa o movimento sindical e suas afinidades políticas que deixaram o país no estado em que está ou vai ser alguém que representa o liberalismo em toda a sua plenitude o que significará possível privatização do BB e uma cada vez maior ingerência na PREVI - quer seja via leis atuais ou pelo surgimento de novas. A falta de outras opções neste caso como em qualquer situação que temos nas nossas vidas sempre é o pior cenário que pode existir.

Anônimo disse...

Prezado Professor Ari Zanella,

Tenho duas ações judiciais contra a PREVI (CARIM e RMI). Adicionalmente, estou no SERASA. Pergunto, é possível, se não conseguirmos Leopoldina, Ebenezer, Aristophanes e/ou outro candidato participar como candidato. Tenho 65 anos, aposentado do PB1 - revascularizado - e com muita energia para tentar dar volta por cima. É possível ? Contribuo há 44 anos para a PREVI, não me é permitido nada : Empréstimo Simples, antecipar décimo terceiro (garantia real). Já consultei a PREVI e CLÁUSULAS me impedem para tal. Porém estar contribuindo para a manutenção do plano - há 44 anos -, inexiste CLÁUSULA IMPEDITIVA. Anônimo, até manifestação desse nobre colega.

Anônimo disse...

Ari,
Boa tarde!

Eu comprometo-me a angariar os que puder por aqui, acho pouco mas o que puder o farei com prazer.
Já conte com o meu voto.

CELSO BERNARDES
FORMIGA/MG

Anônimo disse...

Anônimo ou não os inconvenientes devem ser excluídos pois só assim eles param de incomodar. Muito ajuda quem não atrapalha.

Ari Zanella disse...

Prezado colega das 14:21

Claro que é possível, a chapa ainda não tem nenhum nome. O importante é ter alguma visibilidade nacional, ter curso superior, preferência cursos em previdência privada. Quem puder sugerir nomes, fique à vontade. Só tenho o nome da chapa formado (não abro mão) "DAVI CONTRA GOLIAS" ou outra frase que some palavras no mesmo sentido de embate.

Anônimo disse...

Ari,

É do conhecimento de todos. Sugiro o nome de JOÃO ROSSI NETO, inclusive acho que ele deverá ter nos seus alfarrábios nomes para compor.
Também acho que o Dr. Medeiros poderá ajudar-nos.
Vamos entabular negociações.
Abs.

CELSO BERNARDES
FORMIGA/MG

Anônimo disse...

Não é para mudanças ?
Deixem o Dr. Medeiros descansar.
Quais seriam as grandes entidades que foram citadas além dos sindicatos ?
Seriam aquelas em que seus dirigentes estão sempre orbitando o poder ?

Anônimo disse...

Ao anônimo de 18/12/17 16:54

Concordando com você, o Dr. Medeiros entraria somente com indicações de nomes para compor, haja visto seu enorme repertório, com certeza. Exclusivamente isto.
Abs.
Celso Bernardes
FORMIGA/MG

Anônimo disse...

A semelhança dos eventos vale a transcrição:

(1) Outro indício de sustentabilidade da hipótese de que o hodierno capitalismo bursátil é apenas um meio de transferência de riquezas,
encontramos  na seguinte assertiva:

―[...] Independente da mesma, o  que define a propriedade É O PODER DE ALOCAÇÃO E, principalmente, o DESTINO DAS RIQUEZAS PRODUZIDAS QUE, CADA VEZ MAIS, SE CONCENTRAM EM POUCAS MÃOS‖. (maiúsculo nosso) (9) 

Entretanto, inicialmente neste item encontramos a seguinte citação:
Isto significa “[...] um impulso intensificado para as orgias de especulação, que CADA VEZ TÊM MENOS RELAÇÃO COM A REALIDADE ECONÔMICA. (9) 

Quer nos parecer que a inteligência destas duas citações, acima mencionadas, é a mesma.

(2) [...] Quanto ao artigo do Ricardo Loureiro, ele me lembrou de uma frase de um grande operador de mercado de Wall Street que relatou em seu depoimento aos controladores da SEC que “[...] A NOSSA FUNÇÃO PRINCIPAL ERA MANTER OS INVESTIDORES CALMOS ATÉ O ÚLTIMO MOMENTO [...] PARA ENTÃO FODÊ-LOS AO MÁXIMO”
(maiúsculo nosso).

(9) VACCARO, Stefania Becattini. Fundos de Pensão : Um Caminho Socioeconomicamente Viável ? Universidade Federal do Espírito Santo. Centro de Ciências Econômicas e Jurídicas, Vitória, 2009 ;

Trader anônimo

Anônimo disse...

Se são diminutas nossas chances de vencermos as eleições da Previ, então por que não passarmos a torcer pela aprovação do PLP 268? Pois, se esse projeto for aprovado, seguramente alguma mudança deverá acontecer, seja em nosso favor ou em desfavor de quem está nos sacaneando. Portanto, PLP 268 já! PLP 268 JÁ! PLP 268 JÁ!

Abraço

Anônimo disse...

Podemos formar um grupo forte, ainda que minoritário, e depois aliarmos a uma chapa que mais se aproxima dos nossos objetivos,(plano 1, aposentados, pensionistas), etc.

Anônimo disse...

Se as chances de uma chapa própria são consideradas diminutas, então não devemos perder tempo.
O negócio é procurar uma outra que esteja em vias de formação e entabular entendimentos, inserindo em seu programa os nossos anseios.
Não devemos descartar também a possibilidade de que tal chapa aceite um ou outro nome por nos proposto.

Anônimo disse...

A participação de aposentados sempre foi pífia. Sempre!
Falar em votação para quem está com passaporte carimbado para o exterior? Quem tá com pé na forca não consegue sensibilizar quem tá com o burro na sombra, com raríssimas excepções (Seu Rossi por exemplo).
No mais, o mesmo de sempre. Aposentados que poderiam decidir se omitem e zefiní


Era isso

Ari Zanella disse...

Vale lembrar que ano que vem não teremos a chapa Semente da União.

Anônimo disse...

Colegas,

"Trader anônimo" 19:04.

Uma simples troca de palavras, pode?

”NOSSA FUNÇÃO PRINCIPAL É MANTER OS PARTICIPANTES CALMOS ATÉ O ÚLTIMO MOMENTO [...] PARA ENTÃO FERRÁLOS AO MÁXIMO”

Anônimo disse...

também tenho 1 nome=JOÃO LEITE - pessoa idônea, grande articulador e negociador (nos tempos do CESEC-Chapeco(SC), acredito que poderíamos incluí-lo numa chapa contra esse Sr Marcel e fora nomes que depois de eleitos nos deram uma "banana"- tipo Cecília Garcez e Antonio Carvalho, etc.

José Hermano disse...

A minha chapa com o meu voto é João Rossi e outros indicado por ele.

Anônimo disse...

Professor,

Para os que pensam que o pessoal da sua cidade é ruim de bola, informo que o Joinville tá ganhando de 3 X 1 do Concórdia. Concórdia, dizem por aí, que é melhor que o Barcelona (futsal)

Aproveitando a viagem, desejo sucesso aos vices flamenguistas KKK


É nóix na fita

Anônimo disse...

Gilmar Mendes concede prisão domiciliar a Adriana Ancelmo
Em novembro, o TRF2 determinou que a ex-primeira-dama fosse transferida para o regime fechado

ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes decidiu nesta segunda-feira (18/12) que a ex-primeira dama do Rio de Janeiro Adriana Ancelmo deve voltar a cumprir prisão domiciliar. O ministro atendeu a um pedido de habeas corpus feito pela defesa de Adriana.

Em novembro, o Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2) determinou que a ex-primeira-dama fosse transferida para o regime fechado. Antes da decisão, ela cumpria medida cautelar de recolhimento domiciliar em seu apartamento no Leblon, zona sul do Rio, por ter filhos menores de idade.

Leia as últimas notícias de Política

Adriana Ancelmo está presa na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, onde também está preso seu marido, o ex-governador Sérgio Cabral, e outros políticos do Rio de Janeiro. Ela foi condenada a mais de 18 anos de reclusão por associação criminosa e lavagem de dinheiro em um dos processos da Operação Calicute, da Polícia Federal, um desdobramento da Lava Jato, que investiga desvio de recursos públicos em obras realizadas pelo governo fluminense com empreiteiras no estado do Rio de Janeiro.

Fonte:http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2017/12/18/internas_polbraeco,648432/gilmar-mendes-concede-prisao-domiciliar-a-adriana-ancelmo.shtml

PARECE QUE O SER $UPREMO ESTÁ COM O RABO PRE$O

Anônimo disse...

JOINVILLE É HEXA CAMPEÃO ESTADUAL DE FUTSAL


NÃO VICE


CAMPEÃO


PARABÉNS

Anônimo disse...

A união com outros colegas para formação de chapa foi tentada em 2014.
Não foi um bom resultado. A chapa se desintegrou , para nosso lado, restando os outros uma diretora e um conselheiro deliberativo, em seus cargos e um diretor renunciando.
Essa chapa , assim formada , apoiava uma chapa para a eleição Cassi com candidatos ligados àquele mesmo grupo que apoiava a chapa 3.
Vemos assim que não deu certo. Como já comentaram, é preciso analisarmos os nomes nos quais votar. Tem que ter gente nova pois os mesmos de sempre já devem estar cansados.

Anônimo disse...

BRASIL


42 MILHÕES DE JOVENS FORA DA ESCOLA E SEM EMPREGO


FICA DIFÍCIL PRECIFICAR O ESTRAGO QUE ESSES POLÍTICOS, PRINCIPALMENTE OS PETRALHAS, CAUSARAM AO PAÍS.

WILSON LUIZ disse...


SAI ANÔNIMO, VOLTA ANÔNIMO, SAI ANÔNIMO, VOLTA ANÔNIMO...

Caro Professor Ari,

Parabéns, novamente, pela volta dos comentários dos anônimos. Desculpe expressar, esta última vez, minha opinião sobre os anônimos provocadores e mal-intencionados. Vocês, administradores de blogs, somente conseguirão erradicá-los quando, simplesmente, deletarem suas postagens mal-intencionadas e não comentarem nada a respeito, eles vão cansar e desaparecer.

Atualmente, estes desclassificados jogam suas cascas de banana na calçada do outro lado da rua e você, de braços dados com o Medeiros e a Rosalina, atravessa a via para ir lá escorregar. Escorregar, no caso, significa demonstrar que vocês ficaram, no mínimo, incomodados com o que o anônimo escreveu, a alegria deles é ver a reação de vocês. Se não fizerem isto, preparem-se para o inferno que será durante a campanha para a eleição da PREVI.

Exemplo do poder deletério de tais comentários é a postagem das 21:34 hs., que o tirou do sério, a impressão que vai ficar é que o Mestre não conseguiria apoio de 0,5 % dos associados para se candidatar, o que não é verdade.

Prometo não voltar a este assunto.

Anônimo disse...

Isso mesmo anônimo das 22:24 chega dos mesmos

WILSON LUIZ disse...

MESTRE, AFASTA DE MIM ESTE CÁLICE

Caro Professor Ari,

Agradeço a imerecida inclusão, na postagem de 14.12, de meu nome como alguém que teria condições de assumir uma diretoria em nosso fundo de pensão, ao lado de notáveis, estes sim dignos de tal investidura.

Felizmente, nunca fui confrontado com esta possibilidade, sinceramente não sei como me comportaria, aceitar um cargo decorativo, ser capacho do patrocinador, por um elevadíssimo salário como “cala-boca”, sendo obrigado a enganar os colegas com promessas que não serão cumpridas, para vencer a eleição.

Isto me remete à eleição de dois “diretores” no próximo ano. É certo que, novamente, vamos nos decepcionar com a atuação deles pois, mesmo bem intencionados, nada vão poder fazer em nosso benefício, serão mais duas vaquinhas de presépio no curral do patrocinador. Discordo, também, que o diretor de seguridade tenha algum poder decisório, ele é outro que reza pela cartilha do patrocinador, apenas penso que o diretor Marcel foi escalado para ser a “geni” da diretoria, o judas para ser malhado, deixando os outros dormirem em paz.

Ari Zanella disse...

Dileto Wilson Luiz,

Concordo contigo quando diz que devo deletar mais e nem responder certos anônimos provocativos.

Discordo da função da diretoria de Seguridade (Marcel). Tem sim autonomia relativa, certo poder decisório sobre o ES. Se ele prefere obedecer ao patrocinador, já são outros quinhentos.

Obrigado por participar e opinar.

Anônimo disse...

Sobre a postagem:

"Anônimo disse...
Mestre, acabei de ler no site da Previ, não terá contribuições adicionais em 2018?
15/12/2017 18:45".

COMENTÁRIOS:

Considero incompleta e MALICIOSA a "Noticia PREVI":
"Bons resultados do Plano 1 evitam contribuições extraordinárias.
Desempenho dos investimentos até novembro de 2017 cobriu a parte do déficit técnico de 2016 que deveria ser equacionado."

Notícia cuja redação correta deveria ser:

1) o bom desempenho do PB1 em 2017 evitará NOVAS CONTRIBUIÇÕES EXTRAS em 2018, mantendo-se apenas as contribuições extras desde 2015...
OU
2) o bom desempenho do PB1 em 2017 SUSPENDERÁ AS CONTRIBUIÇÕES EXTRAS que vinham sendo cobradas desde 2015... até hoje.

DUVIDO QUE A PREVI SUSPENDERÁ COBRANÇA DAS CONTRIBUIÇÕES EXTRAS EM CURSO.

MOTIVO: AS CONTRIBUIÇOES EXTRAS SÃO RECEITAS A GARANTIR SUPERAVITS e os "BONUS COMPETENCIA" .

Anônimo disse...

Deveríamos parar de referendar esse faz de conta

DiGA SIM AO VOTO NÃO


Não participe dessa farça

Cade Araujo disse...

Querido professor Ari, declaro o meu voto a tua chapa. Considerando que sou professor de Finanças e Mercado Financeiro coloco os meus conhecimentos ao seu dispor e a serviço da tua chapa. Além do mais, envidarei esforços para catar votos com o pessoa da previ futuro que são ou foram meus alunos. Desde já conte comigo.
Professor Cadé

João Rossi Neto disse...

Caro Ari e colegas

VENDA DE RECEBÍVEIS ORIUNDOS DE AÇÕES JUDICIAIS TRANSITADAS EM JULGADO NO MERCADO FUTURO.

Poderia surgir no mercado um novo nicho de negócios, de risco baixo, que seria a venda dos créditos a receber, provenientes de ações judiciais em fase de execução de sentença, estágio em que a sentença do mérito já transitou em julgado e os chamados “Recebíveis” são líquidos e certos.

Hoje já se tornaram transações banais bancos comprarem dívidas vencidas de clientes de outros bancos, transferir esse “ativo podre” para as suas carteiras e solucionadas posteriormente com os devedores inadimplentes, em condições mais favoráveis, diferencial mercadológico para atrair o devedor. Claro que isso é analisado caso a caso e o deságio que o banco credor terá que conceder é o ponto alto da negociação.

Penso que os prováveis adquirentes para esse tipo de transação seriam os próprios bancos, os grandes escritórios de advocacia com bala na agulha para fazer tais investimentos e outras pessoas que gostam do risco calculado e de investimentos de longo prazo, como os das Bolsas de Valores, etc. Aliás, coisa parecida já é feita com a compra de Precatórios.

antonia disse...

Prof Ari,
Meu voto tb é seu. Acho que vc foi o único que continuou fiel à nossa causa até hoje. Sucesso e boa sorte!!!

Ari Zanella disse...

Professor Cadé,

O amigo tem tudo para participar da chapa, basta dar o seu sim, mencionando o cargo pretendido.

-Diretor de Planejamento (DIPLA)
-Diretor de Administração (DIRAD)
-Conselheiro Deliberativo (efetivo e suplente 1 vaga de cada)
-Conselheiro Fiscal (efetivos e suplentes 2 vagas de cada)
-Conselho Consultivo 2 titulares e 2 suplentes)

Anônimo disse...

PREZADO PROFE

O DOUTOR MEDEIROS NAO E TAO VELHO ASSIM PARECE UM GURI COMO SE DIZ AQUI NO RGS BEM Q ELE PODIA TOPAR PARTICIPAR DA CHAPA, COM ELE TEMOS MUITO MAS CHANCE. É O QUE ACHO. OBRIGADO

joão maria lima bedran Bedran disse...

Pode contar com meu voto aqui no Piauí! E pedirei aos meus amigos mais uma vez.

Anônimo disse...

Mais maldades à vista:

https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/12/1944411-plano-de-saude-de-estatal-federal-custa-o-triplo-do-privado.shtml

João Rossi Neto disse...

Caro Ari e colegas,

O que falou o colega Wilson Luiz sobre os anônimos faz sentido, não ouvindo os ruídos das suas comunicações torpes, ofensivas e deturpadas, eles enfiam a viola no saco e vão cantar em outra freguesia. No seu caso parece que é um anônimo caviloso, pontual, um lobo solitário travestido de “Cordeiro” que consegue fazê-lo perder as estribeiras, até pelo mau cheiro de lobo que exala da redação dos seus exíguos textos. Escreve pouco, de propósito, para dissimular e não se revelar. Todavia, não podemos generalizar, porque a maioria dos anônimos são decentes e produtivos.

Anônimo disse...

Discordo do anônimo das 10:40. Foi a melhor coisa que ele fez ao fechar o blog por tempo indeterminado, ainda mais agora que não haverá mais remuneração para conselheiro suplente. Já octagenário deve cuidar da saúde e priorizar o lazer ao lado da família.

Anônimo disse...

Colega de 18/12/2017 14:21,

Depois da última eleição tinha decidido não participar mais. Ocorre que depois de ler o seu relato mudei minha posição.

Parabéns pela disposição de luta

ricardo o.c. albuquerque disse...

Prezados Colegas.
Quero aqui me referir a dois assuntos:
a) voces acham que essa PLP 286 vai trazer alguma melhora interroga. Voces já viram esse desgoverno favorecer trabalhadores. Favorecem os patrões com desonerações fiscais e outros presentes;
b) é bom antes de desancarem a ANABB lembrem que na hora da privatização apenas ela vai nos defender. Quando Calazans e outros incentivaram sua criação
este era seu principal objetivo.
Por favor raciocinem. Já somos muito velhinhos e experientes.Bom Natl. ricardo
8607300-1

Jose Flávio- JUIZ DE FORA-MG disse...

Prof.Ari,

Pode contar com meu voto e de outros que vou conseguir por aqui.

Ademir Martins disse...

CARO ARI, CONTE CONOSCO AQUI DE BALNEÁRIO CAMBORIÚ(SC), estaremos a postos para "arregimentar" votos para chapas indicadas e, se houver necessidade, faremos como nas últimas eleições em que conseguimos vários votos de colegas que quase nunca votam por total falta de alguém que facilite seu acesso à internet ou aos terminais, portanto estaremos a postos, basta nos convocar - conte conosco
Ademir Martins-BC/SC

Anônimo disse...

A principal exigência que faço ao meu candidato é, a princípio, que ele disponibilize um blog, um canal por meio do qual eu, nós, aposentados, possa fazer críticas, elogios e sugestões. Nesse quesito, o Professor Ari continua nota dez. Nota dez porque já passou confiança bastante para nós todos. Não fará como certos que, depois que conquistaram o voto e se elegeram, tiraram o os seus blogs do ar. Chamo isso de traição. E traidor para mim não merece ser reeleito.
Abraço.

Anônimo disse...

Sr. Ari Zanella,

Viajo no seu blog deste a criação.
Tenho informações boas e ruins, também notas e críticas maliciosas, esdruxulas, temperamentais, impulsivas, moderadas, DESAFORADAS, mal-educadas, muitas observações de ALTÍSSIMO PADRÃO - feitas por anônimos.
Em que pese ser sempre "anônimo" ou Ghost Writer (algumas vezes), penso ser coisa difícil de entender este anonimato, pois a qualquer momento pode se saber, via judicial, quem está postando.

E no caso se pode mover uma ação por danos morais, financeiros, etc...
Dizem que existe meio de escamotear a verdadeira origem de mensagens, mas ninguém pode se esconder a vida toda, penso eu, sem ter o conhecimento de informática.

Quanto às eleições para o Previ:
1) Devemos separar os do Plano 1, dos do Plano futuro, pelo simples motivo de que as maiores e mais quantitativas contribuições para o sustento das despesas administrativas saem do PLANO 1.
2) Os Planos 1 e Futuro foram concebidos de forma TOTALMENTE DIFERENTE.
3) Os projetos de cada Plano são diametralmente opostos.
4) É injusto que pessoas acima de 60 anos contribuam atreladas aos "condicionados" do Plano Futuro.

Concluo:

O rapazes do Plano Futuro, são inteligentes e devem perceber que pouco existe de comum, ou quase nada, na concepção e andamento dos
dois Planos.
Admiro os funcionários do Plano Futuro, mas não concordo com o fato de estarem juntos ao Plano - Finito - 1.

Quanto a chapas me dá URTICÁRIA.

Anônimo disse...

PLP 286 ?
De que trata esse projeto de lei ?
Nunca ouvi falar. Poderia alguem esclarecer ?