terça-feira, 7 de outubro de 2014

AÉCIO VAI ACABAR COM O FATOR PREVIDENCIÁRIO

     Antes de abordar o assunto do título, recomendo a todos a leitura da colunista da Folha de São Paulo, Eliane Cantanhede sob o título "Ventos daquele junho 2013". Estupendo Eliane!

http://www1.folha.uol.com.br/colunas/elianecantanhede/2014/10/1528493-ecos-daquele-junho.shtml

     Outro assunto que o PT, partido que guarda semelhança ao nazismo embora o envernizem de democracia,

http://www.folhapolitica.org/2014/10/feldman-diz-que-pt-usa-tecnicas.html

nunca tomou iniciativa para acabar é o prejudicial fator previdenciário que diminui a aposentadoria dos trabalhadores. Pois Aécio vai acabar com esse fator previdenciário. Ele afirmou no último debate promovido na Globo, no primeiro turno. É a melhoria do padrão de vida de grande parte de aposentados.
     Vamos lá, meus patriotas! Retirar esta chaga do nosso Brasil. Lula, Dilma e seus asseclas precisam ser derrotados. Não vai ser fácil. Dilma tem identificação com aqueles que maquinam o mal. Precisamos da ajuda das pessoas de bem, do poder do Altíssimo que há de nos proteger contra as forças do malígno.
Dia 26 não temos outra escolha. É mudar ou mudar. É vencer ou vencer! Tenham a certeza de que vamos vencer! Vai dar Aécio aliado com Marina e todas as pessoas do bem.


24 comentários:

Anônimo disse...

O fator previdenciário foi criado no governo FHC, tendo como um dos idealizadores o Sr. Reinhold Stephanes.

Considerando que o candidato Aécio é uma das crias do famigerado FHC, que tanto prejudicou os funcionários da ativa em seu governo (8 anos sem reajuste salarial), será mesmo que o fator será extinto ou é somente promessa de campanha.

Ari Zanella disse...

Considerando que a Dilma e o Lula tiveram doze anos para CORRIGIR os "erros" do FHC e Considerando que foi o PT que criou o nosso maior pesadelo (Resolução 26) que transferiu mais de 15 bilhões (dinheiro nosso ao patrocinador ILEGALMENTE...

fica mais fácil acreditar na mudança já do que nestes ladrões do PT/PMDB.

Será que você tem CORAGEM de se identificar?

Cláudio Almeida disse...


Prof.

Até o fim do mês a Diretoria da Previ deve se definir sobre os novos parâmetros do ES.

A revisão de julho, no dizer da Previ, foi emergencial e os parâmetros valem só até 28.10.2014.

Abraços

Ari Zanella disse...

Meu Caro Cláudio Almeida,

O diretor de Planejamento, meu colega de Chapa 3, Décio Bottechia Júnior, irá me ligar hoje no período da tarde.
Pretendo abordar este assunto com ele. Nem que for preciso ele tomar explicações do Marcel. Aliás, o Marcel está me ignorando por causa de minhas convicções anti-petistas. Como ele é petista de carteirinha tem-me deixado de lado. Ressalto que não consegui renovar meu ES até agora por falta de MC. Na minha opinião a PREVI tinha obrigação de ajustar o ES com as condições de alguns tomadores. Afinal, sempre fui um excelente pagador, nunca atrasei qualquer compromisso com o fundo. Sou honesto, trabalhador e pagador de impostos. O dinheiro do patrimônio do fundo também é meu. E não formei a minha reserva matemática como está formando o nosso "amigo" Marcel, isto é, de 2006 a 2013, com as contribuições pagas pelo FUNDO PREVIDENCIÁRIO (Superávit). A minha reserva foi constituída com percentual descontado do meu salário.

Carlao/Joinville disse...

Caro Ari, acabar com o famigerado fator previdenciário agora?
E quem já se aposentou e sofreu a incidência do fator? Como fica? Alguém pensou nisso?
Vale lembrar, que no governo lula, o congresso derrubou o fator e o barbudinho VETOU!

blogtreze disse...

O MAUS escreveu no Blog do D.D. Dr. medeiros:

Pessoal, independentemente de quem vencer dia 26/10, entendam que a função do Dr. Medeiros na AFABB-RS e na PREVI (Conselho Fiscal) será importante para APURAR, DENUNCIAR, COBRAR, RESSARCIR o que FHC e o PT fizeram na PREVI.

O Medeiros deve se preocupar com isso, e não administrar rusgas políticas.

Engraçado: as postagens pró PT são SEMPRE ANÔNIMAS.

Atentem para o fato de que a turma do PT ainda vai estar mandando no BB e PREVI até 31/12 e pouco adiante, porque a transição pode levar meses.

QUEM VAI VIGIAR os PeTralhas no APAGAR DAS LUZES ? E se NÃO APAGAREM ?

Quem vai devolver os 30 ou 50 BI que sumiram desde 1997...1980 ?
Não tem como identificar e punir esses ROMBOS históricos.
É preciso termos consciência de que EH HORA DE CONVERGIR na Diretoria da PREVI, para acharmos soluções de ATENUEM as Injustiças dos PRE79, 80, 24.12.1997, Pensionistas (60% eh pouco, 75% seria mais justo), etc.

Aprovar ES 160.000,00/120 - cabe se reduzir os Juros a 4% ou 3% a.a. reduzindo as PARCELAS iniciais e elevando-as pelo INPC acumulado ateh JANEIRO de cada ano, com carência de 12 meses para Renovação.

Imaginem 108 ou 120 Parcelas fixas sem renovação do ES até o final, todos os encargos com INPC impactariam apenas nos primeiros 12, 24 ou 36 meses. Por que não diferir parte deste custo financeiro para as parcelas seguintes?

Somos uma Entidade de PREVIDÊNCIA PRIVADA e FECHADA - podemos e DEVEMOS nos esforçar para ter soluções INTERNAS, inclusive desfazendo o TETO dos "Sem Teto", e que o BB resolva e pague o problema dos Bônus, devolva em 20 ANOS a propriação Ilegal dos 15 ou 7,5 BI - a PREVI pode compensar injetando o DOBRO em Investimentos no BB.

Não estamos vendo nenhuma atitude da CECÍLIA e do CARVALHO que, até agora, não informaram nada...

Marcelino MAUS

Anônimo disse...

Marcel e cia estão mais preocupados em encher os bolsos antes de abandonar a presa, isso certamente vai acontecer, porque tudo que feder a PT Aécio vai exterminar. É só crer e aguardar.

Josué Jorge Junior
Castro PR
Aécio 45, Presidente do Brasil.

Anônimo disse...

Não entendi a frase "Será que você tem CORAGEM de se identificar" - meu nome é ANTONIO SILVA, resido em Curitiba. O que quis manifestar é que, será podemos confiar no candidato AÉCIO notadamente pelo fim do fator previdenciário, considerando que foi criado no governo FHC...só isto...


Cláudio Almeida disse...


Prof.

A revisão do fim deste mês não é criação da minha imaginação. Foi a Previ que veiculou o prazo dos parâmetros atuais: 28.10.2014.

É por isso que temos oportunidade de pedir melhores condições para novembro.

Entre as diversas sugestões, uma em particular chamou minha atenção, a redução das carência para 3 meses, ou a dispensa da carência em novembro/14, se nada mais for concedido.

A renovação para aqueles que não conseguiram ainda renovar por falta de margem (caso dos auto patrocinados que voltaram a contribuir em dobro e ficaram sem margem) é outra sugestão.

Mas, tudo depende de boa vontade e não apenas de critérios técnicos.

Aproveite a ligação do Diretor.
Boa sorte.

Abraços

Jaime Murari disse...

Caro Ari,

"Quem vai em corrida de pato é ganso". Foi no governo FHC (PSDB) que foi criado o Fator Previdenciário; alterações maléficas na aposentadoria dos funcionários do BB (Estatuto PREVI 1997); intervenção na PREVI; criação do voto de minerva do patrocinador; enxugamento do BB para privatização; vendeu 30% das ações da "PETROBRAX" (PETROBRÁS) a preço de banana na bolsa de NEW YORK; criou o PDV, prejudicando milhares de colegas do BB e suas gerações seguintes, causando até suicídios em colegas. Tens a obrigação de informar corretamente os colegas.
matr. 4.583.805-4 - Jaime Murari

Anônimo disse...

Não sou petista, não sou tucano, sou apartidário. Caro mestre, já cheguei a ganhar menos que o vigilante, classe que respeito muito, quando trabalhava no INSS como Agente Administrativo estatutário e estável. Itamar Franco estava na presidência, tendo FHC, da linha neoliberal, no MF. Ganhando 1,5 Sl.Mínimo no INSS, migrei para o BB, já gestão FHC, e fiquei 8 anos sem ver aumento e, ainda, me esquivando do terrorismo dos PDVs. Aposentei-me, sofrendo duas reduções na aposentadoria, da proporcionalidade ao tempo de contribuição (33 anos) e a do fator previdenciário, mesmo pagando o pedágio. Por favor, estimule o seu candidato predileto a se manifestar publicamente sobre a sua política para o funcionalismo público, aposentados dos fundos das estatais e do INSS, bem como sobre outros assuntos relevantes inerentes à nossa classe. Aí sim, firmarei convicção ao meu voto.

Anônimo disse...

Colegas,
nunca depois de uma greve os bancários saíram com tão pouco. Os bancos ofereceram 7%, os bancários pediram 12% e como não houve acordo começaram a greve. Então os bancos ofereceram 8% e os bancários voltaram correndo. Por que será?
Tá na cara que a greve estava gerando perdas eleitorais à Dilma. Tá na cara que que os petistas se reuniram com o comando de greve para aceitarem qualquer coisa visando a permanência do PT na mamata do poder.
Isso precisa acabar. Lembrem-se da Resolução 26, dos R$ 7,5 bi para o BB, dos R$ 500 mil de abono para os diretores da Previ, das aposentadorias de R$ 45 mil acima do teto da Previ, do fim do BET, do retorno das contribuições, da situação de penúria das pensionistas e de milhares de colegas.
Lembrem-se e votem. Isso não pode continuar. O momento é agora. É a oportunidade de dizermos NÃO a tudo isso que está aí.

Anônimo disse...

Caro Ari e colegas,
Parece-me que os colegas da ativa estão desantenados e alienados em relação ao que ocorre na Previ.
Mais do que nunca precisavam manter a greve por mais alguns dias visando causar algum estrago na candidatura da Dilma. Mas não, por qualquer 8,5% (estavam pedindo 12%) voltaram ao trabalho. Ano passado a greve durou 22 dias. Este ano pouco mais de 7. Depois não adianta chorar. Celio

Vejam a manchete do Globo:

Bancários de vários estados decidem pelo fim da greve
Greve começou no dia 30 de setembro em todos os estados mais o DF.
Fenaban ofereceu 8,5% de aumento; sindicatos pediam 12,5%.

Anônimo disse...

Bom, entendi pela fala de Aécio de que irá rever o fator previdenciário, não acredito que vá tira-lo totalmente, e que deveriam ser analizadas as condições dos que se aposentaram com esse fator e a recuperação dessas perdas em seus benefícios.

Não vamos recuperar as perdas num passe, disso tenho certeza, mas o que importa que vai estudar e acredito nele.

Anônimo disse...

Profº Ari,

Fora PT de qualquer jeito. Não dá para aguentar sindicalistas travestidos de executivos surrupiando o patrimônio do fundo com super salários.

Agora estimado professor: Não gere muita expectativa com relação ao PSDB. Vamos usá-lo nesse momento para extirpar esse mal chamado PT. Depois como sempre, precisaremos combatê-lo

João Rossi Neto disse...

DUAS VARIÁVEIS:"POLÍTICA E BOLSA DE VALORES";AMBAS ENTRARAM FORÇADAS NAS NOSSAS VIDAS DE APOSENTADOS DO BB/PREVI

Admiro muito as pessoas que criticam o que está errado e elogiam o que é correto e bem feito. Nós temos que nortear a nossa vida pelo caminho do bem, com a exclusão do mal. Neste particular, como a política permeia todas as relações sociais no mundo e tudo o que acontece nas esferas do poder depende da vontade política, é imprescindível que discutamos esse vital tema para melhorar a qualidade de vida do povo no planeta.

Fazer como avestruz, escondendo a cabeça no buraco, vai resolver o quê? Evidentemente, que as discussões têm que ser pautadas em clima civilizado, respeitando a Constituição Federal e democraticamente, tanto assim que foi concedido ao cidadão o poder do voto para poder escolher os seus representantes no Legislativo e também para fazer as mudanças que se fizerem necessárias.

Cada cabeça é uma sentença, a começar pela nossa família. É claro que a maioria dos assuntos é polêmica, entremeada por discordâncias de todos os matizes, mas é a assim que caminha a humanidade e se não existissem os debates, as trevas na cabeça do ser humano, não nasceria a luz, a evolução social, espiritual, política, econômica e cientifica.

Nos principais jornais e revistas da galáxia as matérias giram em torno da política. Nas conversas mais comezinhas entre pessoas humildes o tema resvala sempre para a política.

Portanto, como excluir os blogs dessa matéria prima de primeira necessidade, apaixonante, se fervilha de notícias políticas nas redes sociais do mundo e são indissociáveis. A não ser que retornemos às cavernas e a idade da pedra.

A prova inconteste de que a política modifica cenários nos estrados da pirâmide social, à medida que foi anunciado o Aécio Neves para o 2º turno das eleições presidenciais, a BOVESPA saltou para mais de 58.000 pontos e o viés é de que vai continuar subindo.

Deus queira que a Bolsa de Valores alcance os 65.000 pontos até o dia 31/12/14, com vistas a garantir uma nova revisão no PB1.

Como não sou a favor da corrupção e da improbidade petistas, não estou preso e nem dependendo de políticos, que tenho convicção do caminho certo a seguir, neste momento, sem dúvida alguma, vou de Aécio Neves para Presidente da República, na esperança de que ele faça as mudanças que o País tanto precisa.

Não nasci para viver em cima do muro e nos braços da omissão. No próximo dia 26 vamos para a vitória. Caso o Aécio seja eleito e não faça o que vem prometendo, no futuro acertaremos as contas com ele.

Anônimo disse...

Professor Ari, e o nefasto Pimentel, vai continuar atrapalhando? Foi candidato? Foi eleito? Como fica a 275?

Anônimo disse...

Pois é Prof. Ary. No sábado, um dia antes da eleição, encontrei um colega já aposentado e ele me disse que não votaria no Aécio porque o PSDB durante oito anos dera somente abonos salariais e não aumento e que ia votar na candidata da situação. Reforcei com ele o motivo e ele confirmou que era por isto. Aí eu fiz a colocação abaixo e me retirei porque por incrível que pareça tem gente que nunca vai acordar ou se faz de ignorante/ingênuo para se esconder. " QUER DIZER QUE PARA VOCÊ O MAIS IMPORTANTE ERA TER TIDO OITO AUMENTOS E NÃO QUE A SUA APOSENTADORIA HOJE (PREVI) ESTEJA INDO A PASSOS LARGOS PARA MORRER NA PRAIA?"

Anônimo disse...

Um absurdo, quase dois anos pagando o Es sem margem.Será que terei em novembro?
Saldo devedor total R$ 118.083,34
Valor das prestações R$ 1.875,00
Limite disponível R$ 26.916,66
Prestação máxima (margem disponível) R$ -715,08


Empréstimos concedidos
Modalidade Data crédito Prestação Prestações contratadas Prestações pagas Saldo devedor
ES-A 120 SÉRIE 12 PL1 60 A 62 27/11/2012 R$ 1.875,00 108 17 R$ 118.083,34

Anônimo disse...

Concordo com anon 11:44
Não voto e nunca votei no PT. Quanto a grandes mudanças.....Só falta também dizer que não prometeu nada

Ari Zanella disse...

Tem um enjônimo insistindo parta que eu dê uma olhada num tal site feito por petistas. Não insista, meu desafeto, se você tiver 13 razões para não votar EU TENHO 45 PARA VOTAR.
Por favor, volte para o seu porão, lugar de ratos é ali, tá bom?

Anônimo disse...

Todos podem suportar uma plano que nos prejudicou para conter a inflação; qdo o presidenciável sai sem enriquecer. Mas ninguém suporta uma maneira de governar corrupta, onde todos do poder saem com as bufas cheias de dinheiro!

Anônimo disse...



"COLEGAS, LEMBREMOS QUE CRISTO FOI INCOMPREENDIDO NESTE MUNDO DO PT "


Mestre, não se esqueça que você está convalescendo e não pode perder o
humor, OK ? Mas, a bem da verdade,Mestre, tem hora que não tem jeito e
a vaca vai pro brejo ! Veja você que o colega anônimo das 12,55 hs diz
que não conseguiu convencer seu companheiro , pois o mesmo alega que não
gosta de Fernando Henrique porque ele só deu abonos salariais, em núme-
ro de 08 . Quer dizer, o homem derrubou uma inflação que no meio do ano
de 1994 beirava 50%; trocando em miúdos, se você ganhava R§ 1.000.00 re
ceberia cerca de R§500,00 no fim do mês. Sei que a maioria dos colegas
sabe disto, pelo menos os que tem boa intenção, que a inflação no 1°
semestre de 1994 foi de 506%( fev/jun-94 ) enquanto de lº de jul/94 até
amanhã ela perfaz 360% . Outra coisa que cabe registrar é que quando lu-
la cresceu na pesquisa houve uma retomada de inflação e muitos empresá -
rios ameaçaram transferir seus negócios para o exterior, a ponto de o
mesmo ser obrigado a declarar que não ia alterar nada, quer dizer, i-
ria manter a mesma política do Fernando Henrique e, lembram-se do pior ?
Teve de fazer por escrito, gente, por escrito ! Amigos, na terra onde eu
nasci, a palavra de um Homem ( olhem o tamanho do H )é suficiente ,dis
pensando o escrito. Pra terminar, vamos treinar : 3 x 3 ; 9 x 5 ? É o
que vai dar , se o bom Deus ajudar. Um abraço,DivanySilveira-S .Lagoas-MG

Ari Zanella disse...

Sr. Jaime,

O PT teve doze anos para consertar tudo (foi para isso que mudamos, não?) mas fizeram tudo pior. Acabaram com a Petrobras e com outras estatais; e no caso do BB poderiam ter acertado o funcionalismo com a devolução do superávit da PREVI. (Reversão de valores ilegal). Por isso eu digo. Vocês sabem muito bem falar mal dos outros. Mas por que vocês fazem pior???