sábado, 22 de fevereiro de 2014

O MÁGICO E O EQUILIBRISTA

    

     Segunda-feira 24 de fevereiro, a míope Diretoria Executiva da PREVI vai anunciar a medíocre performance que tiveram, no ano de 2013, no mais rico fundo de pensão da América Latina.
     Provavelmente irão dizer que tentaram fazer o melhor, porém fatores externos interferiram na rentabilidade do nosso fundo. Colocarão a culpa na crise de 2008, aquela que o doutor "Honoris Causa" disse tratar-se de uma "marolinha". Sabemos que não vão dizer, por exemplo, que erraram feio em não ajustar o elevado percentual de aplicação em renda variável, acima dos 60%. Neste contexto. com a administração desastrosa na Petrobras pela política governamental de segurar o preço da gasolina e derivados, aliada à ingerência do PT na política da Cia Vale do Rio Doce, que foi privatizada, mas que o governo Lula conseguiu colocar lá seus tentáculos, e outros investimentos equivocados levaram o nosso fundo a um desempenho não desejado. Outro sugador da PREVI é o próprio patrocinador que administra (e mal) as diversas aplicações do fundo através de sua subsidiária BB-DTVM, cobrando alta taxa de administração.
     É por isso que na apresentação do dia 24, os arautos explanadores não permitem questionamentos orais presenciais. Não querem ficar numa saia justa nem ter que responder perguntas embaraçosas como a ingerência do governo central nas decisões do fundo. Tampouco responderiam o motivo real da suspensão do BET e a volta das contribuições, sendo que não houve déficit em 2013, nem diriam o motivo da decisão atabalhoada, intempestiva (antes mesmo de divulgar o balanço) desta atitude desnecessária que nos afetou da cabeça aos pés.
     Portanto, as questões cruciais não serão respondidas. Enrolarão como sempre com a astúcia de um Marcel Barros, um sindicalista chinfrim, infelizmente colocado ali por nós não para nos defender, senão o próprio patrocinador. Um baixinho que se irrita fácil quando é questionado por nós, contudo, na Diretoria goza de grande conceito justamente por ter-se contrabandeado para o lado oposto ao nosso.
     Então, segunda, ouviremos que o teto de 45 mil em nada afeta o fundo, que não há nenhum problema em ter-se estatutários num fundo essencialmente celetista, que a TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) foi interposta pelos ministérios da Fazenda, Planejamento e Previdência, que a PREVIC cumpre seu direito de fiscalizar (embora não seja ouvida), que neste ano, com novos investimentos participativos na J&F (Friboi), na OI e outros, com certeza voltaremos a ter superávit, etc.
     As eleições que se avizinham são um forte aliado para dizermos NÃO a estes esbanjadores do nosso dinheiro. Estamos juntos e vamos que vamos!


21 comentários:

rafael campagnoli disse...

Talvez a queda da popularidade da presidenta Dilma em 4% contribua para o início da quebra do orgulho e arrogância de todos os nossos algozes: até onde consigo imaginar, o atual governo e seus pares não terão os votos dos pensionistas, aposentados e dependentes de fundos de pensão e aposentados em geral ...O duro seria a volta dos algozes de outrora, para terminar o que começaram ... Até onde me lembro, depois da frustrada privatização do BB, o banco foi "fatiado" e a Previ, com a criação do PB 1, foi destinada a ser o próximo alvo...quem iria querem comprar o BB, com o passivo trabalhista que está sendo criado, aumentado drasticamente com a aquisição do BNC Nossa Caixa? é só tirar o patrocinador e ficaremos como um barco à deriva, sem praticamente forças para reagir, já que temos sido objeto de golpes aplicados a conta gotas com a finalidade de ir nos matando aos poucos ... Deus nos ajude e nos livre desses presságios.

Anônimo disse...

Ari,
Sugiro que o presentes que não tiverem suas perguntam colocadas em pauta e respondidas se retirem do recinto em PROTESTO contra o direito de expressão e falta de transparência da PREVI.

Ari Zanella disse...

HELENO PINTO NOBRE deixou um novo comentário sobre a sua postagem "O MÁGICO E O EQUILIBRISTA":


QUE BANDO DE INCOMPETENTES. EU SE PARTICIPASSE NÃO ME CONTERIA ; E COMO NÃO TENHO DIDÁTICA NEM ARGUMENTOS PARA AGUENTAR DEBOCHES/DESAFOROS E MENTIRAS.

ALIÁS O PAI DA MENTIRA IDENTIFICADO PELO PRÓPRIO FILHO DE DEUS ( JESUS ) COMO SENDO SATANÁS O DIABO ; QUE SIGNIFICA MENTIROSO E OPOSITOR AO CRIADOR ; ESTES SÃO OS "ENDEMONIADOS" QUE DIRIGEM A PREVI NOS DIAS ATUAIS.
ESTE É O MEU PONTO DE VISTA E NEM TENHO PANOS QUENTES PARA DIZER O QUE É VERDADE.

EU ESTOU REALMENTE ABALADO COM TODA ESTA SACANAGEM QUE ESTAMOS ENGOLINDO. NÃO DURMO DIREITO DESDE QUE COMEÇARAM A NOS SACANEAR; ENDIVIDADO POIS PARA SOBREVIVER FUI PEGANDO EMPRÉSTIMOS NA PREVI POIS GANHEI DESDE QUE ME APOSENTEI O FATOR PREVIDENCIÁRIO DESDE 2.004 ; QUANDO GANHAVA 2.400 BRUTOS DO BB E PASSEI A RECEBER 1.390;01 E SOMENTE AGORA NESTE JAN/2014 PASSEI A RECEBER OS 2.400 QUE RECEBIA 10 ANOS ATRÁS . IMAGINEM COMO EU ESTOU FELIZ COM TODOS ESTES PRESENTES DESDE O TEMPO DO CAÇADOR DE MARAJÁS ATÉ OS DIAS DE HOJE
E PIOR HOJE EM DIA OS CANALHAS SÃO MUI AMIGOS . COLLOR ; SARNEY; FHC ( MALDITO);LULA; DILMA . TODOS FELIZES NO ENTERRO DO NELSON MANDELA ; COM O PATROCÍNIO DO ERÁRIO PÚBLICO .!! POIS VIAJARAM NO AVIÃO DA PRESIDÊNCIA.
ELA FOI AGORA ONTEM A ROMA CONVIDAR O TAL DO SENHOR FRANCISCO PARA VIR ASSISTIR A COPA DO MUNDO NO BANANÃO .

DESDE O TEMPO DO CAÇADOR DE MARAJÁS ESTAMOS TOMANDO BOLA NAS COSTAS PARA NÃO DIZER NO CAJU .!!!!

SÃO TODOS UNS ENROLÕES E PIOR INCOMPETENTES ; QUE NEM ESTES GOVERNANTES COM ESTES POLÍTICOS SEJA DE QUE SIGLA FOR QUE NA REALIDADE QUEREM É METER A MÃO NO ERÁRIO PÚBLICO.

POSSO ATÉ ESTAR ME REPETINDO ; MAS CADA UM SOFRE POR ONDE SENTE NA PELE .

SEI QUE A SOLUÇÃO NA VERDADE ESTA LONGE ; POIS O ZÉ POVINHO ESTA FELIZ GANHA ; A PARTIR DESTE ANO 724 REAIS E VIVE DE VALES TUDO.

E AGORA TEM CARNAVAL; COPAS DO MUNDO; (IN)LEIÇÕES E OS PATOS QUE NEM SABEM EM QUEM ELEGEM E PIOR QUE NÃO MUDA NADA ; ALIÁS SEMPRE PIORA .

PARA FINALIZAR VI UMA REPORTAGEM NO FACEBOOK QUE A NOTA DE 100 REAIS QUANDO FOI LANÇADA TINHA UM VALOR . SABEM QUANTO VALE UMA NOTA DE 100 REAIS HOJE ??
MUITOS ATÉ NEM LERAM ESTA INFORMAÇÃO .
NÃO LEMBRO O VALOR EXATO MAS NÃO CHEGA A 25. REAIS . NESTES ANOS TODOS QUE ESTA PORCARIA EXISTE COMO SALVAÇÃO DA ECONOMIA NACIONAL.
E NÓS Ó APOSENTADOS SEMPRE TOMANDO NO CAJU .!!!

É A COISA TEM SIDO DIFÍCIL DE SOBREVIVER E ME DECEPCIONO QUANDO ME ILUDI EM 06/06/1977 QUANDO ENTREI NO BB E ACHAVA QUE UM DIA PODERIA TER UMA APOSENTADORIA DECENTE PARA VIVER OS MEUS ÚLTIMOS DIAS .
QUE VERGONHA; QUE TRISTEZA; SEI DE COLEGAS AQUI EM PELOTAS QUE ATÉ NEM TEM GOSTO DE SAIR DE CASA ; O NOME ORLANDO; NEM SEI O SOBRENOME; POIS O ENCONTRO NUM POSTO DE GASOLINA E UM CIDADÃO QUE TRABALHA E TAMBÉM O CONHECE ME FALOU A RESPEITO E ATÉ FIQUEI DE VISITÁ-LO . A ESPOSA DELE RELATOU O FATO . !! POR ISTO ESTOU DECLARANDO.!!

EU MESMO ; JAMAIS ANÔNIMO; E NEM IREI PERDER O MEU TEMPO PARA OUVIR ASNEIRAS.

E MANDARAM MENSAGEM ATÉ PARA O MEU CELULAR ( SIMPLEZINHO) QUE TENHO PARA ASSISTIR ESTA MARAVILHA DE REUNIÃO
DO DIA 24. ESPEREM SENTADOS PORQUE NEM TENHO ESTÔMAGO . ALGUNS OTÁRIOS IRÃO QUEM SABE LÁ BATER PALMAS PARA ESTE TIPO DE GENTE!
HPN. AINDA VIVO ; MATRICULA 3984740-3. ATÉ A MORTE .

Anônimo disse...

Professor Ari,
A melhor defesa é o ataque. Precisamos, pois, contactar os partidos políticos que tem afinidade com os black blocs para reagir. É a única forma de os velhos alienados, contribuintes da Anabb dizerem que foram ao evento e não estão satisfeitos com a Previ.

Um abraço.

Anônimo disse...

Condenado no mensalão, Pizzolato comprou três imóveis na Espanha

A mulher de Pizzolato, Andrea Eunice Haas, esteve num dos imóveis 15 dias antes de ele ser preso na Itália. A polícia não informou se os imóveis foram registrados em nome de Pizzolato ou de sua mulher, nem a data de aquisição ou o costo dos imóveis. Corretores de imóveis ouvidos pela Folha informaram que um apartamento como o do ex-diretor do Banco do Brasil costuma ser negociado por € 450 mil (cerca de R$ 1,5 milhão). Pizzolato foi preso pela polícia italiana no dia 5 de fevereiro.

FONTE:http://noticias.terra.com.br/brasil/politica

Anônimo disse...

Foi financiamento da Carim?

Anônimo disse...

JOSE DIRCEU ARRECADA MAIS DE UM MILHAO PARA PAGAR MULTA IMPOSTA PELO STF. O PT É UM PARTIDO SOLIDÁRIO.

Anônimo disse...

Numa retirada de patrocínio o patrocinador leva junto a BBDTVM ?
Leva junto o Previ Futuro ?
Leva junto os gordos executivos ?
Não leva os 50% ?
-Se tudo isso for possível, let them go !!!

WILSON LUIZ disse...

Sempre escrevo que a burrice petista não tem limites, mas vocês não acreditam, o problema é que o meu, o seu, os nossos impostos pagam pelos erros. Fins de 2012, a popularidade da presidenta Dilmula está nas alturas, se a eleição ocorresse naquela época, ela seria eleita no primeiro turno.Não mais que de repente, ele bola uma jogada de mestre para aumentar sua popularidade, acho que queria que chegasse a 101% de aprovação, comofazeristo? O setor elétrico estava relativamente equilibrado, até com algum lucro, então ela decidiu que iria reduzir as tarifas de energia em 20%(para algumas grandes empresas, chegou a mais de 30%). Foi uma idéia de jerico, ninguém estava nas ruas protestando pela redução das tarifas, e a medida nada acrescentou a seus índices de aprovação, além de terem sido tomadas quase dois anos antes das eleições. Resultado: o setor elétrico parou de investir, uma seca inesperada reduziu drasticamente os reservatórios das represas, começaram a pipocar apagões que já atingiram mais de 20 milhões de pessoas. Resumo da ópera, criou-se um rombo na conta das empresas de energia de mais de R$ 20 bilhões, que somente será solucionado de uma de duas formas, aumento das tarifas em 24%, ou cobertura pelo tesouro, com aumento da dívida pública. Em ano eleitoral, qual solução vocês acham que o governo vai adotar? Até me envergonho de escrever isto, mas torceria pela ocorrência de um grande apagão elétrico no país, alguns dias antes da eleição, se isto ajudasse a chutar o PT para fora do poder. Outra bomba de efeito retardado que armaram são as tarifas de ônibus nas capitais, os prefeitos foram “convencidos” pela presidenta a não reajustá-las até a eleição, após o que ela vai lavar as mãos, deixando que eles acertem dois anos de congelamento, é imprevisível o que pode ocorrer, em termos de manifestações populares mais blackblocs.

Anônimo disse...

Não entendo como todos falam em corte de 20% nas tarifas de energia. É só pegar a conta de set/2013 e dez/2014 e verificar que nestes 4 meses o valor do kwh teve um aumento de 20%. E ninguém fala nisso. Só falam que a presidanta baixou a conta de energia. É que ningém se dá ao trabalho de conferir suas contas. Vamos acordar pessoal. Vamos denunciar para a imprensa essa mentira.

Anônimo disse...

Profº Ari, abra uma ação judicial através da Anaplab com o objetivo de pleitear a devolução das contribuições patronais pagas pelos colegas autopatrocinados já que as mesmas estão sendo retidas indevidamente pela diretoria da Previ.

Anônimo disse...

Essas arrecadações estratosféricas são REFLUXOS dos desvios do mensalão. Não me enganem que eu não gosto.

Anônimo disse...

SERÁ VERDADE?Hoje, a Previ enviou comunicado aos associados, informando que está consultando a Previc, visando distribuir o saldo dos recursos do Fundo do BET para os participantes da ativa, que gozariam de nova isenção de contribuições â Previ.
Talvez o objetivo da Previ seja dividir eventual mobilização de associados, incitando o confronto entre associados da ativa e aposentados.
Mas , na minha opinião, esta proposta é uma afronta, um escárnio em relação a todos os aposentados, que tivemos que contribuir, no mínimo, por 30 anos, para termos direito ao complemento Previ.
Então, esse saldo do Bet, que é de todos nós, vai ser destinado a um grupo exclusivo, negando nossos direitos?
Agora, os recursos da Previ, que se destinam fundamentalmente a aposentados, serão usados para compensar o arrocho de salários aplicado pelo BB em cima dos associados da ativa.
Estou começando a sentir ânsia de vômito com tudo isto.
Isa Musa, acredito que essa iniciativa da Previ merece uma ação incisiva de todas as entidades que nos representam.
O que você acha de tudo isto?

Ari Zanella disse...

Na verdade a iniciativa foi dos sindicatos e da própria Anabb, incitando a PREVI a consultar a PREVIC sobre a possibilidade do pessoal da ativa utilizarem os seus recursos depositados pelo BET para quitar as suas contribuições.
O erro não está no pedido em si. O erro foi ter dado BET a quem ainda não tinha direito ( o pessoal da ativa só tem direito de auferir da PREVI após cumprir o pedágio de 360 mensalidades, isto é, depois de aposentados.

Anônimo disse...

Num futuro próximo todos esses dirigentes do BB e PREVI de uma forma ou de outra (cível ou crime) vão responder processos.
E eles sabem disso. A proteção é esse governo do PT. Governo esse que encerra seu período na próxima eleição.
As pesquisas de intenção de voto tetam inflar a presidenta Lula (como é chamada pelos ministros), mas, ela, a Dilma já criou água. Certeza!
E o BB na maioria dos escândalos desse governo do PT esteve envolvido.
Pensam eles, os aloprados do BB, que estão livres. Ledo engano! Vão pagar caro pelas atrocidades e irresponsabilidades que cometeram.
E a PREVI envolvida, também, quando a caixa preta for aberta sujeitos/criaturas vão seguir o caminho do Pizolatto.
Aguardem os fatos!!!!...
Não queria estar na pele de muitos deles!!!!!

Roberto Martines 8670089-8 disse...

Como é bom fazer reforma na casa dos outros, eu tambem pagai pra caralho e não vejo ninguem preocupado com isso, vou me aposentar com 1400. E o nunca anonimo tambem se fu ou seja todos os aposentados pós 97. Vamos fazer alguma coisa por nos, que tal um salário de no minimo 40% e no máximo 60% do salário médio atual da PREVI para nos e para as pensionistas. com base na contribuição de cada um.

Anônimo disse...

Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1416474-agricultor-de-sc-perde-sitio-por-nao-pagar-emprestimo-de-r-1387.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.

WILSON LUIZ disse...

Amanhã, às 16 hs., a PREVI apresentará, pela internet, os resultados de 2013. Não pretendia assistir, mas li interessante postagem do colega Brito, no blog da Cecília, lembrando que uma baixa audiência fará os diretores acreditarem que não nos interessamos, que eles podem fazer o que quiserem, sem dar satisfações a ninguém.
Resolvi, então, tomar um "rebite" para não dormir, e vou assistir.Os que não pretendem presenciar a palhaçada, podem deixar o computador conectado à apresentação, isto constará como audiência, e ir fazer alguma coisa melhor.Estou repassando esta idéia a vários colegas.


Anônimo disse...

Caros colegas do Plano de Benefícios nº 1 da PREVI:

No embalo do comentário do Roberto Martines (10:30), sugiro:

Sabemos que o nosso Plano 1 é um Plano fechado, com tempo certo para acabar e é, antes de tudo, um Plano BILIONÁRIO muito rentável e que deixará para o governo e para o patrocinador muitos BILHÕES de reais quando acabar. Até lá, muitos de nós nem existirão e ninguém mais se lembrará dos aocntecimentos de agora, principalmente em relação do que era e o do que será no futuro. Só sabemos que sempre existiram mentes maquivélicas para orquestrar resoluções e criar órgãos com a finalidade de desviar e levar o nosso patrimônio. Por detrás de tudo isso existem interesses públicos muito maiores do que imaginamos. Por isso, considerei muito importante o que o colega Roberto(10:30) sugeriu. Acho que deveríamos criar um forte movimento através das associações e das redes sociais, para que se estabelecesse um teto mínimo para os aposentados e pensionistas, tendo como base o teto máximo estabelecido para os diretores da Previ. Acredito que 30% seria um teto mínimo razoável, considerando que muito dinheiro ficará para a posteridade do Plano e que o governo, junto com o patrocinador, já planeja usufruir essa fortuna para "os fins sociais".
Pode até representar pouco, mas pelo menos, nos ajudará enquanto existirmos. Não adianta termos um Plano 1 bilionário, que pertencerá para poucos aposentados no futuro, e recebermosm muito pouco agora.

Vamos apostar que pelos menos um dos candidatos apresente essa sugestão em sua campanha, nas próximas eleições da Previ.

PA/Gyn

Anônimo disse...

Ari, tendo ficado incomodado com o desconhecimento de alguns colegas,resolvi escrever. A proposta do piso ser igual a 30 ou 40% do salário médio pode trazer falsas esperanças aos colegas. Embora o patrimônio da Previ seja bilionário, está todo ele vinculado aos beneficiários pelo chamado cálculo atuarial, que tem por base a expectativa de vida (média) de cada aposentado. Assim, o que podemos dizer que pode sobrar é a margem de contingência de 25% que objetiva compensar eventuais variações nos ativos, principalmente devido a Previ ser fortemente alavancada na renda variável. Segundo a Previ, como a Bolsa hoje está em baixa, os recursos de contingência totalizam menos de 25%. Assim, qualquer melhoria nos benefícios necessita de superavits, mesmo sendo a Previ bilionária. Um dos problemas é quantidade de pessoas que querem "mamar nas tetas" da Previ sem terem contribuído devidamente como, por exemplo, os beneficiários do TAC, em análise na PREVIC. Do jeito que as coisas caminham e da forma que adequam os normativos para beneficiar os da côrte, logo logo nem todos os bilhões do mundo "serão suficientes". Celio

Anônimo disse...

Nada contra nem a favor, muito pelo contrário.