segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

MOVIMENTO FULMINADO

     Em junho do ano passado a classe política assistia entre perplexa e surpresa ao florescer de um movimento de protestos que encantou os brasileiros e o mundo, pela maneira pacífica e ordeira como surgiu. As casas legislativas em Brasília ficaram repletas de gente, inclusive sobre marquises e passarelas.
Todavia, ao passar de outras manifestações, houve infiltrações de grupos extremistas, baderneiros que nada tinham nem nada têm a ver com o espírito das manifestações iniciais, entre eles um grupo denominado "Black Bloc". A respeito deste grupo tivemos neste fim de semana um incidente no Rio de Janeiro em que um manifestante soltou um explosivo, que vitimou um cinegrafista da Rede Band de televisão. Segundo imagens feitas, um jovem repassou o artefato a outra pessoa, a mesma que o detonou no solo instantes depois, resultando na morte do cinegrafista. Hoje o noticiário da TV diz que as pessoas envolvidas tinham respaldo de certo deputado estadual do PSOL. As manifestações jamais podem ser lideradas por qualquer partido político, pois todos são alvos dos protestos. E assim o glorioso e saudável movimento inicial, aquele dos 20 centavos nas passagens de ônibus e dos protestos contra investimentos absurdos em estádios para a copa do mundo, em detrimento de hospitais e atendimentos médicos, foi esvaindo até fenecer. A pergunta que não cala: a quem servem grupos como o "Black Bloc"?


51 comentários:

Anônimo disse...

Ouviram o deputado?
Será que não estão querendo "faturar" em cima do episódio?
O deputado se manifestou e negou.

Anônimo disse...

O INPC de janeiro-14 foi de 0,63%.

Ari Zanella disse...

Parte final do Editorial do Jornal Nacional da Rede Globo, lido pelo âncora William Bonner:

..................................

"Desde as primeiras grandes manifestações de junho, que reuniram milhões de cidadãos pacificamente no Brasil todo, grupos minoritários acrescentaram a elas o ingrediente desastroso da violência. E a cada nova manifestação, passaram a hostilizar jornalistas profissionais.
Foi uma atitude autoritária, porque atacou a liberdade de expressão; e foi uma atitude suicida, porque sem os jornalistas profissionais, a nação não tem como tomar conhecimento amplo das manifestações que promove.
Também a polícia errou - e muitas vezes. Em algumas, se excedeu de uma forma inaceitável contra os manifestantes; em outras, simplesmente decidiu se omitir. E, em todos esses casos, a imprensa denunciou. Ou o excesso ou a omissão.
A violência é condenável sempre, venha de onde vier. Ela pode atingir um manifestante, um policial, um cidadão que está na rua e que não tem nada tem a ver com a manifestação. E pode atingir os jornalistas, que são os olhos e os ouvidos da sociedade. Toda vez que isso acontece, a sociedade perde, porque a violência resulta num cerceamento à liberdade de imprensa.
Como um jornalista pode colher e divulgar as informações quando se vê entre paus e pedras e rojões de um lado, e bombas de efeito moral e bala de borracha de outro?
Os brasileiros têm o direito de se manifestar, sem violência, quando quiserem, contra isso ou a favor daquilo. E o jornalismo profissional vai estar lá - sem tomar posição a favor de lado nenhum.
Exatamente como o nosso colega Santiago Andrade estava fazendo na quinta-feira passada. Ele não estava ali protestando, nem combatendo o protesto. Ele estava trabalhando, para que os brasileiros fossem informados da manifestação contra o aumento das passagens de ônibus e pudessem formar, com suas próprias cabeças, uma opinião sobre o assunto.
Mas a violência o feriu de morte aos 49 anos, no auge da experiência, cumprindo o dever profissional.
O que se espera, agora, é que essa morte absurda leve racionalidade aos que contaminam as manifestações com a violência. A violência tira a vida de pessoas, machuca pessoas inocentes e impede o trabalho jornalístico, que é essencial - nós repetimos - essencial numa democracia.
A Rede Globo se solidariza com a família de Santiago, lamenta a sua morte, e se junta a todos que exigem que os culpados sejam identificados, exemplarmente punidos. E que a polícia investigue se, por trás da violência, existe algo mais do que a pura irracionalidade."

Anônimo disse...

É ISSO. A DONA NECA MERECIDAMENTE CONSEGUI COMPRAR O APARELHO DE NOVE MIL REAIS PARA O MARIDO. EM QUANTO A LENA AMARGURA POR 4 MIL REAIS PARA A SUA CIRURGIA E OUTRAS DESPESAS. PORQUE UNS CONSEGUE E OUTROS NÃO? ESSA
SENHORA ESTÁ COMENDO O PÃO QUE O DIABO AMASSOU. PASSEI UM E-MAIL PARA ELA E ANDA CADA DIA PIOR. MUITA INJUSTIÇA AO MEU VER.
CARO PROFESSOR, A ANAPLAB NÃO PODERIA AJUDA-LA? ESSA PENSIONISTA VAI MORRER. NEM O TAL DOS LIVROS PARA O FILHO AINDA NÃO CONSEGUIU. CONCLAMO A TODOS UMA AJUDA, POR MENOR QUE SEJA. É CRUEL DEMAIS. PELO QUE SEI ELA ARRECADOU APENAS 1.600,00 JÁ CONTRIBUI MAS NÃO DA. É MUITO TRISTE.

Anônimo disse...

Outra pergunta: quem patrocina esses Black Block? Isto é coisa de quem entende de guerrilha.

Anônimo disse...

Caro anônimo das 23:55,

Entendo que Neca ao pedir ajuda para o seu marido Guto no início tambem teve dificuldades de convencer aos doadores, uma vez comprovada a situação teve todas as suas necessidades atendidas.
Não lembro de ter lido qualquer comentário de que o dinheiro que Lena precisava era para uma cirurgia no coração, o que se escreveu é de que tinha problemas no coração e necessitava de medicamentos e de que já os havia comprado com o dinheiro arrecadado.
Temos muitos colegas em situação bastante dificil, a nossa situação tambem não deixa de ser difícil, cada um contribui com o que pode e se pode, afinal estamos em início de ano e todos temos despesas absurdas para pagar.
Quanto a situação da Lena mesmo que arrecade os R$4.000,00, mes que vem estará na mesma situação, a exemplo da Rosalina tem de acionar a lei para que se enquadre nos 30% de comprometimento da sua renda.
Citei a Rosalina pois foi quem teve coragem de expor a sua situação financeira para o grupo e está contornando, o caminho é difícil mas não impossível.

Anônimo disse...



Mestre, o que vou lhe dizer exige que você prometa manter-se com o
mesmo nível de humildade desde que o conhecemos. Você pode estranhar
o que estou pedindo, mas sei que até mesmo quem já tem 50 anos ( * )
pode perder o manto da modéstia. Refiro-me à qualidade do seu blog
após o ingresso do Ossami Sakamori na lista de blogs. Veja que em
time que tem o Mestre Edgardo. CArvalho, Medeiros, Cecília e Leo o
ingresso do nipônico tornou seu grupo igual ao time húngaro de 1954
(acho que do seu grupo de leitores só eu e Mestre Edgardo conhece -
mos. Era uma máquina humana), capitaneado pelo João Rossi e sob sua
direção. Agora, Mestre, pelo amor de Deus, não vá querer cobrar dos
leitores como alguns editores estão fazendo a saber: você mal começa
ler e vem o aviso : sua cota acabou, torne-se assinante.Mas, pensando
bem, talvez Gilvan consiga mandar uma mensagem para os visitantes que
não são assinantes, presumo serem poucos . ( * ) que terminou o cur-
so primário)- Atenciosamente, Divany Silveira-Sete Lagoas-MG-

Anônimo disse...

“Grande Mestre, vejo em todo lugar colegas indagando por que a bolsa está caindo tanto e até quando ela vai continuar assim. Não tenho dúvida em afirmar que quem souber a resposta ficará rico, pois não há lógica no campo bulsátil. (...) dIVANY sILVEIA-SL/mg.”

- Entretanto, segundo a melhor literatura técnica existe lógica no campo bursátil. Neste sentido, conforme se segue:

I- "É o afluxo permanente de capitais de investimento para Wall Street, o que tem possibilitado aos mercados acionários permanecerem tanto tempo em um estado de levitação."
http://pendientedemigracion.ucm.es/info/ec/jec8/Datos/documentos/ponencias/Chenais%20F%20plenario.PDF

II- A liquidez é apenas uma realidade local: para que um indivíduo venda um título, é necessário que alguém o compre, mas o mercado, por sua vez, como um todo, não pode se livrar do titulo. Em outras palavras, não existe liquidez ao nível global da comunidade inteira de proprietários. Quaisquer que sejam os movimentos de compra e venda, o número de ações permanece constante, assim como o lado do capital permanece inalterado na forma de capital produtivo. Por esta razão, a vontade coletiva, durante as crises, de se dispor dos valores mobiliários está fadada ao fracasso e conduz à queda dos preços, sem que a qualquer momento, tenha tido mais vendedores que compradores. Isto é o que chamamos de "paradoxo da liquidez".

http://www.parisschoolofeconomics.com/orlean-andre/depot/publi/RAP2004tBOUR.pdf


III- Os ativos financeiros têm um "valor". Se eu tenho um milhão de ações, cujo preço é de 100 euros, a minha riqueza é de 100 milhões de euros. Se o preço das minhas ações duplica, duplica a minha riqueza, e se cair pela metade, eu perco 50 milhões de euros. Mas esses números medem apenas o valor virtual da minha fortuna financeira. Os lucros (ou perdas) se tornam reais apenas no momento em que eu procuro me livrar de minhas ações, a fim de obter dinheiro para o propósito de comprar algo real, por exemplo, uma casa. A capitalização bursatil, ou seja, o valor total das ações, em si mesmo não quer dizer nada. Os mercados financeiros são, principalmente, os mercados secundários, onde as pessoas vendem, por exemplo, as ações da Vivendi para comprar ações da France Telecom. De acordo com a oferta e a demanda, o preço dessas ações pode flutuar, mas essas transações também são virtuais no sentido de que o preço a que essas trocas são realizadas é relativamente simbólico. Estes preços são de um tipo particular, tais que poderiam ser multiplicados por mil, como se fossem expressos em uma moeda especial, desconectada das moedas reais. Assim, poderíamos imaginar uma economia onde todos seriam bilionários em ações, com a condição de não procurarem vendê-las. Para usar expressões que são realmente muito eloquentes, teríamos uma economia real progredindo a uma velocidade normal, e uma esfera financeira inflando-se a uma velocidade incrível.

http://www.internationalviewpoint.org/spip.php?article1551

Anônimo disse...

Continuação

IV- (...) Este cenário é tipicamente aquele de uma crise de fundos de pensões, quando toda uma geração de aposentados passa ao mesmo tempo da situação de poupadores que compram os títulos a aquela de aposentados, que vendem os títulos para financiar seu consumo.

http://hussonet.free.fr/mhz.pdf

V- Assim, a cada ano, alarga-se a brecha entre o que se deve pagar aos aposentados e pensionistas e o valor dos investimentos dos fundos de pensão.
Não obstante, como esses efeitos “a menor” só serão percebidos diretamente em futuro estimado em dez anos, dadas às peculiaridades demográficas dos grupos de associados, a elasticidade pode ser “absorvida” pelos atuais dirigentes. Nessa estratégia de “passar o mico para frente”, só naquele momento é que irão efetivamente faltar recursos para pagar as aposentadorias.
Como conseqüência das observações mencionadas, existe o risco de que os associados que investiram nos fundos de pensão estatais receberem pouco ou nada depois de se aposentarem, pois o regime de fundos de pensão demonstrou ser um regime de confisco salarial em benefício de “determinado” capital financeiro.

http://www.migalhas.com.br/dePeso/16,MI24901,51045-Fundo+de+pensao+estatal+brasileiro+uma+fundamentacao+equivocada+e

Anônimo disse...

Continuação

IV- (...) Este cenário é tipicamente aquele de uma crise de fundos de pensões, quando toda uma geração de aposentados passa ao mesmo tempo da situação de poupadores que compram os títulos a aquela de aposentados, que vendem os títulos para financiar seu consumo.

http://hussonet.free.fr/mhz.pdf

V- Assim, a cada ano, alarga-se a brecha entre o que se deve pagar aos aposentados e pensionistas e o valor dos investimentos dos fundos de pensão.
Não obstante, como esses efeitos “a menor” só serão percebidos diretamente em futuro estimado em dez anos, dadas às peculiaridades demográficas dos grupos de associados, a elasticidade pode ser “absorvida” pelos atuais dirigentes. Nessa estratégia de “passar o mico para frente”, só naquele momento é que irão efetivamente faltar recursos para pagar as aposentadorias.
Como conseqüência das observações mencionadas, existe o risco de que os associados que investiram nos fundos de pensão estatais receberem pouco ou nada depois de se aposentarem, pois o regime de fundos de pensão demonstrou ser um regime de confisco salarial em benefício de “determinado” capital financeiro.

http://www.migalhas.com.br/dePeso/16,MI24901,51045-Fundo+de+pensao+estatal+brasileiro+uma+fundamentacao+equivocada+e

Anônimo disse...

Srs.,

Muito se comentou que no início, as manifestações eram grandiosas e pacíficas.
Foi só os partidos entrarem em ação e serem dissuadidos pelos pacíficos manifestantes, que entraram em ação os Black Bloc. ENCOMENDADOS POR ELES PERDEDORES QUE NÃO PODIAM LEVAR SUAS BANDEIRAS AGRESSIVAS, AO MUNDO DA MANIFESTAÇÃO PACÍFICA.
QUEM CONVOCOU OS MILITANTES PARA IR ÀS RUAS?
É BOM LEMBRAR DE QAUEM CONVOCAVA GREVES E OUTRAS ATITUDES violentas/GUERRILHEIRAS, INCLUSIVE COM ARMAS EM PUNHO.
HOJE DESCARADAMENTE PEDE OU PEDEM PARA NÃO HAVER VIOLENCIA.
ME POUPEM,POR FAVOR.
Temo acreditar que nosso país não tem mais respeito, autoridade, moral, com políticos atrelados à situação, trancafiados na Papuda.
Poucos dias passados escrevi neste blog, que a situação iria se agravar, mas parece que a propaganda governamental, de que tudo está tranquilo, persiste.
Assim, infelizmente morrerão, triste dizer, muitos mais, por conta da inépcia dos governantes de hoje, que só tem projeto de poder e nada mais.
Tudo indica que teremos muitos entes queridos para chorar em futuro que se acerca.
QUE DEUS NOS PROTEJA DOS DOMÍNIOS DOS vândalos sociopatas.
A tristeza se instala aos poucos em meu, já velho, coração/70anos.

Anônimo disse...

Mestre Ari,

Se você é aposentado ou pensionista, julgue você, clicando abaixo, para ver onde vai o dinheiro público INSS:

www.youtube.com/watch?v=jm7zXywyg-Y&list=UUIpqwvp6-wbti4JETXo_VtQ&index=1&feature=plcp

E PENSAR QUE OS APOSENTADOS QUE RECEBEM MAIS DE UM SALÁRIO MINIMO, PELO QUAL CONTRIBUIRAM COM SEU TRABALHO, ESTÃO SENDO ROUBADOS NOS SEUS DIREITOS. A CADA ANO DIMINUI A SUA APOSENTADORIA.

por esse motivo assinei a petição abaixo:

http://www.avaaz.org/po/petition/Impeachment_da_Presidente_Dilma_1/?copy

abr.

Ari Zanella disse...

Caro Anônimo 10:57, Setentão:

Muito sensato e esclarecedor seu comentário. Ontem mesmo eu acompanhava o noticiário da TV sobre a prisão do Fábio Raposo, 22 anos que mora sozinho no Meier, RJ. O rapaz que acendeu o morteiro teria ligação com o deputado estadual Marcelo Freixo do PSOL. A militante Elisa Quadros foi oferecer ajuda e teria dito que falava em nome do deputado.
Donde, deduz-se, que políticos estão por trás do Black Bloc.

Anônimo disse...

Avaliação
Esse fim de semana estive em um rancho e conversei com aposentados da PREVI.Eram 5 aposentados. Comigo um total de seis. O rancho fica no noroeste paulista.
E para sentir o que se pensa da PREVI levantei o questionamento sobre o BET e situação da PREVI.
Dos seis eu e outro acompanhamos os blogs, o restante não acompanham notícia alguma sobre previ.
Dos seis com exceção de mim não acreditam em mudança nenhuma na PREVI e no BB no sentido de se obter transparência e melhoras nessas instituições.
4 disseram que não acompanham porque a nojeira é tão grande que pode contribuir para agravar as doenças que enfrentam (avc(s), infarto, ansiedade/insônia) o melhor é esquecer.
Um deles foi categórico que estou perdendo tempo, porque a situação da PREVI desde o tempo de FHC o fundo passou quando a ser usado pelo governo. E relembrou quando o Serra tentou investir contra a PREVI. Fato que foi real.
E perguntou: sabe quem está transferindo os recursos da PREVI para o Banco e projetos de Governo? Os que naquela época faziam oposição ao PSDB, ou seja o PT. Vc quer mais?!...
Vc acredita em um banco que quebrou a CASSI admitindo associados para o plano com contribuição 80% de desconto do valor do associado antigo podendo fazer uso dos mesmos direitos?
Vc acredita que já tem prazo para término que mantém regras rígidas sem levar em consideração o conjunto de participantes que a cada ano diminui?
Os argumentos foram tantos, que vi que
o descrédito será mais uma vez vencedor.
Voltei do rancho fazendo os cálculos pedindo a Deus para que não afundem o barco PREVI por os próximos 12/15 anos. Que é o q talvez alcance de vida. E pedindo a Deus que os filhos não desampare a minha esposa que no futuro ficará com a parte do INSS minha e a dela. A PREVI a continuar as contabilidades forjadas, os gastos administrativos atuais e o uso político de sua estrutura terá o futuro do AEROS.
É só verificar que a justiça não responsabilizou ninguém pelos desmandos/desvios que ocorreram naquele fundo.
Muitos vão ler esse comentário e dizer: um pessimista.
E oxalá que a conclusão seja real.
Só Deus. Deus é pai!!!!!!!!

Anônimo disse...

Prezado Anônimo de 11/02/14 as 08:06.

O Endividamento é feito ao longo de muitos anos,todos os participantes da Previ que estão sufocados hoje é porque atingiu o nível máximo de descontos em suas folha de pagamento.

Aliado a tudo isso os nossos benefícios a cada ano vale menos,os reajustes é insignificante perante os compromissos assumidos,restando na minha opinião apenas o judiciário com o limitados dos 30% conforme reza a lei, que é desobedecida na Previ com comprometimentos acima dos 50% em média.

Se a própria previ usa a margem dos 30% para o ES como poderia autorizar outros descontos na folha de pagamento?.

No desespero de pagar as suas dívidas muitos vão contratando ES-COOPERFORTE-CREDISCOOP-FHE-POUPEX-CDC DO BANCO DO BRASIL E ATÉ FINANCEIRA ALFA.

A situação chega ao improvável o Aposentado ou a Pensionista ganha até um salário razoável, mas totalmente comprometido com pagamentos descontados diretamente no benefício ou na própria conta corrente,razão do desespero da aflição e da situação que muitos de nós chegamos.

Já fazem 03 anos que estou tentando me libertar desta angustia, desta doença crônica que é o ENDVIDAMENTO, mas por mais que haja esforço de todos os envolvidos não se paga dívidas contraídas ao longo de 10 anos ou mais da noite para o dia,requer cabeça no lugar, bom senso e muitas vezes audácia para enfrentar os cobradores,os escritórios de cobranças até que se chegue a um acordo pagável.

Sem sombra de dúvidas depois de ter tomado esta iniciativa minha vida melhorou e muito, hoje sou outra pessoa,tenho alegria de viver,como todos tenho problemas ainda,mas a situação hoje é 50% melhor que a 03 anos atrás, e a busca é para que nós próximos 05 anos,eu liquidarei todas as dívidas descontadas no meu contra cheque e o pagamento integral ao BANCO DO BRASIL S/A do montante devido.

Não é fácil, não é rápido, não é um remédio bom de tomar,mas é o único que realmente surte efeito,que torna a gente menos dependente dos bancos e financeiras,temos que aprender a viver com o que ganhamos,com o que podemos pagar,em cima de um orçamento disciplinado por nós mesmos,não me venha com aquelas dicas dos especialistas da PREVI sobre EDUCAÇÃO FINANCEIRA porque aquilo é piada de mau gosto.

Pedi ajuda muitas vezes,para os dirigentes das associações,porque acho e acredito que eles tem o poder para solucionar os nossos problemas,fazendo pressão no Patrocinador e na Previ para resolver esta questão da limitação na folha de pagamento da previ,bem como no aprovisionamento dos cdc no Banco do Brasil S/A.

Se teve em tempos de vacas gordas condições de emprestar além da capacidade de cada tomador, tem que ter condições de um programa para diminuir os descontos a fim de sobrar recursos para as outras despesas de uma família.

Continuação,,,

Rosalina de Souza
Pensionista

Anônimo disse...

Prezado Anônimo de 11/02/14 as 08:06.

Acho que a situação da Pensionista Maria Helena requer sim a nossa Atenção Especial,ela já entrou com pedidos para enquadramento nos 30%,mas a saúde é um bem muito Especial e único,e há meios para fiscalizar e resolver o que deveria ser proto atendido pela CASSI.

Pensionistas descontam a mesma taxa para a Cassi,inclusive 13 salário há que ter sim um bom tratamento e os remédios custeados até por um pedido antecipado de uma liminar para que esta Colega Pensionista possa receber o seu tratamento digno.

Quem não se lembra da nossa Pensionista que foi assassinada,mãe do junior? É isso mesmo Assassinada pela Cassi.

Onde ficou a revolta? como aconteceu com o Cinegrafista que a Globo fez questão de lembrar ontem a noite em horário nobre e nós o que fizemos? Nada assistimos ao desastre de um plano de saúde e nada fizemos e si quer cobramos providencias dos seus gestores e das associações.

A ANAPLAB tem condições de si for o caso mandar a nossa Colega no Rio de Janeiro JANE TORRES DE MELO ir até a residência da nossa Pensionista Maria Helena e
quem sabe até achar outras alternativas para a solução deste problema imediato,até quem sabe usando parte das mensalidades da instituição como empréstimo a ser devolvido em prestações logo depois pela pensionista de maneira que ela se sinta protegida e amparada num momento de desespero.

Que se crie um fundo emergencial para esse fim, que suba 1 real por mês para que se possa fazer filantropia aos necessitados,mas quando há vontade e determinação acredito que nenhum dos mais de 1.600 sócios de negaria a pagar esta quantia sabendo que teria uma destinação justa aos mais necessitados.

É uma alternativa, e pode ter-se várias outras,mas a questão principal é até quando vamos continuar vendo esses desmandos calados sem nada fazer?.

Aos especialistas em criticar uma sugestão:

Vamos unir os conhecimentos e quem sabe saia uma proposta que possa ser levada a âmbito nacional no sentido de acabar de vez com esta situação de penúria que estamos vivendo a muitos anos,sem solução,sem atitudes digna de humanidade,pois até os MENSALEIROS arrecadaram mais que o necessário para os COMPANHEIROS e o que sobrou passou para o outro Companheiro.

Senhor Presidente da ANAPLAB e membros da atual Diretoria em Especial ao Tesoureiro Sr Gilvan Rebouças sei que és homem de fibra e muito humanitário e pode si ter uma ideia de resolver estas questões imediatas.

Com muito respeito em atenção a todos que realmente necessita de nossa ajuda.

Rosalina de Souza,
Pensionista

João Rossi Neto disse...

Caro Ari,


QUAL A ORIGEM DO GRUPO BLACK BLOC?

As manifestações sociais ordeiras e pacíficas dos trabalhadores, dos aposentados, dos oprimidos de qualquer natureza, do povo em geral, na defesa do direito a uma vida digna são legais e consagradas na Constituição Federal Cidadã.

É função institucional dos Governos arrecadarem impostos e devolver esses recursos em forma de benefícios à população, mediante a prestação de serviços públicos, de ótima qualidade, pela União, Estados e Municípios, em setores fundamentais, como: Saúde, Educação, Segurança, Transporte Coletivo, Moradia, Saneamento Básico, etc.

Porém, na realidade, o Poder Público brasileiro não cumpre o seu papel. Os serviços prestados nos segmentos vitais (Saúde, Educação, Segurança, Moradia e Transporte Coletivo) são de péssima qualidade.

O que assistimos é a farra e o desvio do dinheiro público para finalidades estranhas, como gastos exorbitantes e sem controle em “custeio” devido ao inchaço da máquina governamental, acarretando despesas de pessoal, juros da dívida interna e externa, em lugar de “Investimentos Prioritários”, como obras e infraestruturas inadiáveis para o desenvolvimento do país (Portos, Aeroportos, Estradas, Hospitais, Presídios, Salários dignos para professores, Cursos Profissionalizantes (com base nas carências das Indústrias e das Empresas de Prestação de Serviços, enfim, do "Mercado"), Centros de Pesquisas Científicas e Tecnológicas, etc.

Nem é preciso fazer uma retrospectiva dos fatos para comprovar que todo País desenvolvido, que se tornou potencia mundial teve na educação e na capacitação técnica de seu povo, a mola propulsora para esse "start-up".

O Brasil dá um passo à frente e dois para trás, perdendo para os seus parceiros do Brics na corrida para a hegemonia econômica e social, e até para os coirmãos da América Latina, como Chile e Peru, o que é uma situação vexatória e humilhante, isto sem dúvida alguma.

Daí surge à pergunta do título desta matéria, por que os Blacks Blocs se infiltram nos movimentos sociais sadios e os desvirtuam, trazendo a balbúrdia e a desordem? Quem os patrocina? Qual o interesse desses delinquentes mascarados em tumultuar as passeatas que fazem justas reivindicações?

Imagino que a resposta é óbvia, os chefes do crime organizado, insatisfeitos com o status quo, ou contrariados nos seus propósitos, determinam que os seus comparsas que estão em liberdade, experientes em práticas de guerrilhas, promovam as arruaças para desmoralizar os Governos, ganhar as primeiras páginas dos jornais do planeta, fulminar e descaracterizar as solicitações populares e revoltar a sociedade contra esses governantes de plantão, do momento.

Pegando carona nessa história, os partidos políticos que fazem oposição ao PT são favorecidos de graça com a histeria dos vândalos, vez que torcem para o circo pegar fogo e pela teoria do "quanto pior, melhor".

Esses meliantes alcançam êxito nos seus objetivos e tudo isso ganha uma proporção descabida por culpa da polícia e da Justiça que são ineptas para coibir e punir esses bandidos que, presos, são libertados logo em seguida sem o aprofundamento nas investigações.

sss disse...

Segue, abaixo, cópia de email que enviei à Previ e resposta daquela Entidade:

Bom dia, gentileza fazer chegar este comunicado às mãos do Sr. Dan Conrado ou do Sr. Marcel
Senhores Gestores, a nova e dura realidade financeira pelas quais milhares de aposentados e pensionistas dessa Previ passam, é fato. Como bem diz a música de Roberto Carlos: "Nesse submundo onde estou, sobrevivo sem saber quem sou". Essa é a minha realidade no momento. Trabalhei durante 30 anos e hoje na aposentadoria me vejo sem ter onde morar. Sim, porque o dinheiro que recebo não permite, sequer, pagar o aluguel do barraco node moro. Entre passar fome e morar debaixo da ponte, prefiro a segunda opção, os senhores concordam comigo, não?

Em dezembro último passado, tive um salário líquido de R$ 1391,25 que, em janeiro de 2014 caiu para R$ 619,17. Uma redução da ordem de R$ 772,08, ou seja, mais de 50%. Os senhores entenderam, não?

Mas o ponto preponderante onde quero chegar é a retomada da cobrança da mensalidade Previ, por que vir no mesmo momento da retirada de mais da metade de nossos salários? Não poderia vir um ou dois meses depois? Sim, nos daria tempo, ao menos, de usar a leve subida de MARGEM CONSIGADA com a correção de salários para se obter um último empréstimo simples e sanar alguns débitos que, agora, ficarão na inadimplência, já que o desconto da mensalidade negativou a MC de muita gente, tirando-lhes quaisquer possibilidades da renovação do ferido empréstimo simples. Não queremos nada de ilegal que venha da Previ, mas precisamos, MUITÍSSIMO de sua compreensão, e um pouco dessa compreensão seria UM REAJUSTE NA MARGEM CONSIGNÁVEL. Tudo que a Previ tem de fazer é aproveita a suspensão da mensalidade Previ e fazer o reajuste na MC. Será que a Previ correria o risco de falência e não sabíamos desse fato? Não acredito que se nesse mês de janeiro não houvesse o desconto da mensalidade Previ, ela correria o risco de falência.

Por fim senhores, quando eu disse morar debaixo da ponte, é realmente ir morar ali, não é blefe não. Tenho um prazo para acertar meu débito com o dono do barraco, se não o fizer, serei, no primeiro momento solicitado a desocupação e posteriormente serei despejado. O primeiro momento já passou, estou aguardando o segundo. PELO AMOR DE DEUS, façam o ajuste da MC com base no reajuste salarial. Aguardo uma resposta amenizadora. Obrigado.

RESPOSTA DA PREVI:

atend@previ.com.br
11:34 (Há 48 minutos)

para mim
e-mail: manoelsalesde@gmail.com

Senhor Manoel,

Embora sensibilizados com as dificuldades relatadas, não será possÿvel atendê-lo.

Recebemos elevado número de solicitações especiais que não podem ser acatadas individualmente devido ao tratamento isonÿmico que a PREVI procura adotar.

Por oportuno, cumpre esclarecer que o valor da prestação, embora suspensa, continua sensibilizando o cálculo da Margem Consignável para contratação/renovação do ES.

Atenciosamente,



RICARDO OLIVEIRA
Gerência de Atendimento
PREVI

O retorno desta mensagem não é monitorado. Caso necessite respondê-la, encaminhe sua mensagem por meio da seção Fale Conosco, opção Participante.

Lena disse...

Ao anonimo das 23:45. Por favor, não minta dizendo quê entrou em contato comigo por e-mail. Agradeço a sua preocupação mas não é verdade. É feio o que fez.

Quanto ao colega das 08:16. Preciso sim, de uma cirurgia para a colocação de um marca passo. Não disse antes pois o problema maior era a fome, os remédios e meu filho sem o material escolar, e pedindo comida( Leia o post na qual o Sr. Ari fez para mim e o meu APELO. A região onde moro, é distante de tudo, e aqui nem se conhece a palavra Cassi. Para me consultar é necessário que eu pegue 3 ônibus para se chegar ao centro do Rio onde tem médicos credenciados mas nem sempre tenho o dinheiro da passagem. Eu não possuo carro, e mesmo que tivesse, não tenho condições de dirigir por causa das crises que são constantes. Com a ajuda dos amigos consegui algum dinheiro na qual comprei alimentos, remédios, paguei algumas contas tipo: luz, água telefone. Já dei entrada sim no Juizado de pequenas causas e já marcaram a audiência para o mês 3 para me adequar aos 30%. Não fale do que vc não sabe.
Estou muito mal. Um dos remédios de que necessito, e que nunca comprei, custa 156 reais, uma caixa com 3 comprimidos e tomar esses três por dia. Tem como?! Claro que não amiga (o). Tenho passado mal com fortes dores no peito, falta de ar, paralisia do lado esquerdo etc...etc...
Não sei se farei essa cirurgia pois tenho muito medo de não sair viva. Continuo precisando de ajuda e quem puder me ajudar com qualquer quantia será muito bem vindo. Estou sofrendo. Ficar sem ar é horrível!! Quando eu estava bem financeiramente ajudei ao Guto. Neca é merecedora. O que não pode acontecer é ficar falando quem arrecadou mais. Acho sem ética. Agradeço imensamente a todos. Abraços e o meu carinho.

Ag:0127-9 Cc: 37362-1

Obrigada, Sr. Ari.

17055020-6

HELENO PINTO NOBRE disse...


CONCORDO COM O ANÔNIMO 11/02/2014 : HOR .: 11:20 .

A VELHARADA NÃO ESTA NEM AHI ; APOSENTARAM-SE NO TEMPO DOS MARAJÁS .
E NÓS QUE ENTRAMOS NA ÉPOCA EM QUE O BANCO JÁ NÃO ERA MAIS A MESMA COISA . EU JÁ CONTEI E VOU REPETIR ; O MÉDICO QUE FEZ OS EXAMES MEUS DE ADMISSÃO ANTES DE 06/06/1977 ME DISSE TEXTUALMENTE NA ÉPOCA : O BANCO DO BRASIL JÁ NÃO É MAIS O QUE ERA.
LEMBRO E VOU RECORDAR ATÉ MORRER ; MÉDICO E FUNCIONÁRIO JÁ FALECIDO; DOUTOR JOSÉ CHAFF HAAAL.

ENTÃO NÃO ME SURPREENDE O RELATO DO COLEGA ANÔNIMO REUNIDO COM PESSOAS JÁ DE IDADE COM DOENÇAS GRAVES E SOBREVIVENTES .

ESTA TURMA DE MARAJÁS NÃO ESTÁ NEM AHI PARA NINGUÉM . NA REALIDADE PENSAM : " QUE ADIANTA EU ME PREOCUPAR ? QUE SE EXPLODAM .
ENTÃO A SITUAÇÃO É ESTA .

INFELIZMENTE .!! QUEM PUDER SOBREVIVER ; SOBREVIVERÁ QUEM FICAR PELO CAMINHO E ME INCLUO NO MEIO; ESTOU FICANDO PELO CAMINHO .

TIVE O DESPRAZER DE ENTRAR NO BANCO NESTA ÉPOCA .
SE TIVESSE ENTRADO NA 1a. TENTATIVA EM 1970 ; NÃO ESTARIA NA MERDA QUE ESTOU .

ENTÃO VOU VER ATÉ QUANDO SOBREVIVEREI ?????

ENTENDO PERFEITAMENTE O RELATO DO ANÔNIMO QUE SE REUNIU COM OS MARAJÁS .!

ESTA É A NOSSA REALIDADE; NA REALIDADE É O : SALVE-SE QUEM PUDER .!!!

É CADA UM PARA SI E DEUS PARA TODOS

EU MESMO ; HPN; JAMAIS ANÔNIMO ; MATRIC. 3984740-3 . QUANDO EU MORRER ; MANDO AVISAR VOCÊS . CERTO ???

NÃO VOU FAZER FALTA NENHUMA MESMO.
O BB/O GOVERNO A PREVI/ CASSI ; QUER REALMENTE QUE A VELHARADA MORRA .

O BANANÃO É DES-RESPEITOSO COM IDODOS ; E COM TODOS .
O OBJETIVO PRINCIPAL DA CANALHADA É METER A MÃO. NINGUÉM ESCAPA DESTE BANDO DE BANDIDOS .!!!!

NÃO ADIANTA ESTATUTO DE IDOSOS ; NEM NADA .
NA REALIDADE É TUDO FACHADA DESTES CANALHAS .!!!!!

EU AGUENTEI ATÉ AGORA ; JÁ FAZEM 10 ANOS ; JÁ POSSO IR PARA A TERRA DOS PÉ JUNTOS. SERÁ TENHO CERTEZA ; MUITO MENOS SOFRIMENTO .

UMA COISA É CERTA NÃO CONSIGO DORMIR MAIS EM PAZ A NOITE.
AINDA COOM ESTE CALOR DO INFERNO ; O DIA INTEIRO ; E A NOITE TAMBÉM NÃO AMENIZA .

ESTOU CHEGANDO BEM PERTO PODEM CRER .


Anônimo disse...

Anonimo das 11/02/14 09:48, disse:

O FRAGMENTO DE TEXTO EH UM TRABALHO REALIZADO EM 2006; PORTANTO, ESTAMOS EM PLENA ERA DO PERIGO..

Anônimo disse...

Os black blocs nasceram no seio dos movimentos anarquistas internacionais. Aqui, foram estimulados por partidos políticos sim. O meu professor de informática, estudante da PUC Rio, jovem de vinte e poucos anos, filiado ao PSOL participou mascarado de todas as manifestações aqui no Rio. Não sei se praticou atos violentos. Sei, de viva voz, que os achava justos. Tenho a convicção de que este vandalismo foi incentivado para que a população deixasse as ruas.
No mais, muito sensata como sempre a sugestão da Rosalina de que alguém da Anaplab visite a Lena.

claudia do rio

Anônimo disse...

Nenhuma águia caçadora mergulha de cabeça, sem antes definir seu objetivo e focar o seu alvo.

Primeiro você tem que definir aquilo que quer e o que não quer.

Depois de definir seus objetivos, você vai partir pra cima, sem dar ouvidos a ninguém que venha tentar desanimá-lo.

A ANAPLAB em pouco mais de um ano já fez mais que muitas associações que estão vivas a anos luz.

Imagina se uma ANABB ou uma AAFBB destinasse parte dos seus recursos para atender seus associados de verdade como nosso mundo seria bem mais honesto e humano.

Em tempos de Guerra esta é a hora da tão sonhada união dos participantes e que nossos DIRIGENTES acorde para os reais problemas que estamos enfrentando,ninguém aguenta mais tanta humilhação e falta de caráter,estamos vivos e necessitamos de soluções urgentes para os nossos problemas.

Veja a situação dos que tiveram redução de mais da metade de seus proventos,como este colega que se quer tem condições de pagar o barraco como ele mesmo diz,esta de pronto a ser despejado.

Nosso Fundo continua com sua política focada em investimentos na bolsa de valores,e não se preocupa em resolver os sérios problemas domésticos dos seus assistidos.

O atendente da Previ Sr.Ricardo Oliveira levou o desabafo do Colega Manoel ao seus chefes ou é apenas o sentimento do mesmo,impotente por nada poder fazer,afinal este colega também tem família.

Anônimo disse...



Mestre, na parte final do meu post -9,37 h - eu usei a palavra assi-
nante quando deveria usar associado. Grato, Divany Silveira-SLagoas.

Anônimo disse...

LULA-BLACK E DILMA BLOCS.

Estes dois caras de paus, o primeiro mandatário e a Segunda gerentona estão a sugar o povo brasileiro trabalhador.

Nunca vimos tantos desastres ao mesmo tempo, é tanta corrupção que ninguém mais sabe qual rumo tomar.

Nossas cidades estão abandonadas,os pais e mães de famílias assalariados estão perdidos sem saber como pagar as suas dívidas ou rolar as mesmas a ponto de sobrar para o sustento dos seus lares.

Até os mais equilibrados financeiramente estão a fazer contas e descobrir onde cortar,estamos encolhendo as estruturas,casas menores,cortes de gastos e até de alimentos.

Mas a conta não fecha,a a situação se agrava ao ponto de muitos pedir socorro e abrir suas vidas e sua intimidade para salvar o que resto dos seus cacos.

HELENO continue firme,acredito que virá o socorro,ainda temos alternativas que possa ser usadas,mas depende exclusivamente dos NOSSOS GESTORES,DIRIGENTES,ELEITOS,PRESIDENTES DE ASSOCIAÇÕES SE UNIR NO SENTIDO DE FAZER PRESSÃO NO PATROCINADOR E NA DILMA-LULA E ACABAR COM ESSA FARRA QUE VIRO A PREVI A SERVIÇO DO BANCO DO BRASIL.

Anônimo disse...

Vale destacar que foram os milionários desvios do fundo Visanet, oriundos do BANCO DO BRASIL, a principal fonte de recursos do mensalão, como ficou comprovado no julgamento. Sem este dinheiro, não teria havido a compra de apoio parlamentar. E quem foi o organizador deste peculato? Henrique Pizzolatto. Mas teve a colaboração de comparsas, como é possível constatar no relatório final da CPMI dos Correios, e que não foram indiciados pelo procurador-geral Antonio Fernando de Souza, em 2007.

O governo brasileiro, obviamente, prefere que Pizzolato permaneça na Itália. O pedido de extradição é para inglês ver. Hoje, ele é o elo mais fraco entre os sentenciados petistas. E se romper com a lei da omertà poderá ser o homem-bomba da campanha presidencial.

Anônimo disse...

Lula trabalha para ser o candidato presidente

Alguns ministros que saíram dos cargos há dias e dirigentes do PT têm em comum a certeza de que Lula trabalha para assumir a candidatura presidencial, em substituição a Dilma Rousseff. Sua intervenção para impor ministros, como Aloizio Mercadante (Casa Civil), e fazer seu grupo assumir o controle da comunicação do governo fazem parte da estratégia. A única dúvida é se tudo foi combinado com a presidenta.

Anônimo disse...

Pensando bem…

Depois da queima de arquivo do falecido prefeito petista Celso Daniel, nova assombração atormenta o PT: outro Celso (Pizzolato) morto.

Corta pra mim, corta pra mim,

O BB-GULOSO sempre metido nas falcatruas e maracutais.

Anônimo disse...

Mudando de assunto somente para alertar: Encontrei hoje com uma senhora no forum, pois fora fazer uma reclamação sobre o Seguro Ouro Vida. Vi todas as provas . Pagou por 11 anos e meio mais um ano e meio após a morte dele: Resummindo não querem pagar. Precisa entrar judiciamente Que vergonha BB!!!!!!!!!!!!
Seguro Ouro Vida, é friaaaaaaaaaaaaa

jose welto disse...

Lá vai a minha colher de pau que muitos não gostam!
De quando em vez me intrometo a ver os demonstrativos da PREVI e como não sou convencido dou o meu pitaco.
Penso que não podemos nos entregar. Entendo o descrédito de muitos, principalmente, dos que trabalharam nas senzalas (agências) nos últimos 20 anos.
Mas o caminho está traçado, nós pós 97, que somos a maioria, temos que enxugar as despesas, porque as receitas a cada ano vão minguar.
O volume de recursos aplicados em renda variável que, aliás, é a maior fatia do bolo PREVI, só pode ser medido com a venda. Enquanto permanecer em carteira o valor do ativo é virtual. Se a bolsa está com desempenho positivo – reatável –, em alta, não se vende. Quando ela está em baixa – desempenho negativo – vale para estabelecer perdas. O que eu quero dizer: quando está no olho dos paus (por cima) esse lucro não vem para os assistidos/pensionistas. Do contrário, o resultado logo é aplicado.
Ninguém, ninguém mesmo, me convence as cobranças das mensalidades (contribuições) para um plano que está em extinção e já tem as reservas aprovisionadas de todos participantes;
Ninguém, ninguém mesmo, me convence que o número de participante a cada ano diminui, porém o volume de recurso obrigatório para a finalidade do plano não merece reavaliação para menor. Trocando em miúdos: as despesas administrativas aumentam ( quantidade de funcionários da previ faz é aumentar); reserva de contingência continua mesmo percentual.
Será que o plano Previ futuro paga algo para fazer uso da estrutura do plano 1? Ou essa despesa não faz parte de despesas a ser consideradas?
E o pior: desviar o superávit, contrariando o contrato inicial (estatuto), e a cada ano se mitigar as regras sempre em prejuízo dos associados é desvio oficializado, popularmente: assalto.
E o que mais me revolta é falarem em tratamento isonômico. E, escancaradamente, um grupo de privilegiados recebendo acima do teto, contrariando estatuto, leis e órgãos!!!!
Sei que o descrédito é grande, mas esse descrédito é o aliado maior dos nossos inimigos.
Sei que os interesses são muitos. Sei que a cada dia minha angústia aumenta (dor no peito) por saber que somos assaltados e nada posso fazer.
Para não dizer que falei das flores “Vandré”. Espero não estar no plano terráqueo quando a falência do plano for declarada. Pelo andar da carruagem, as rédeas se não forem tomadas, não está muito longe de ocorrer.
Para finalizar, uma pergunta que já fiz há várias associações, diretores da PREVI, diretamente a PREVI e não consigo a resposta, quantos benefícios foram recalculados por ordem da justiça? Complementando: se recalcularam e a isonomia?
Vamos lutar pela PREVI. A CASSI não vislumbro futuro promissor. A propósito, estou aguardando uma resposta de um questionamento que fiz a ANS para questionar na justiça os valores da coparticipação limitada (que é ilimitada).

Anônimo disse...

Viva o amor e a futura pensão vitalícia...
(texto José Ricardo Sasseron) ...Anteontem o senhor Fernando, viúvo de 82 anos, foi ao Cartório formalizar sua união estável com a jovem Patrícia Kundrát, de 36. A vida particular de ambos só interessa a eles, e ninguém tem nada com isso. Que seja feliz, o casal.
Senhor Fernando é aposentado e a união estável formalizada garantirá pensão vitalícia à jovem 46 anos mais nova, quando ele presumidamente falecer. O Estado brasileiro, os contribuintes e as empresas que recolhem para a Previdência vão custear este benefício, garantido pela legislação. Até aí também nada de mais, direito é direito, deve ser respeitado e garantido de maneira isonômica a todo e qualquer cidadão.

Tudo isto não teria nenhuma importância, não fosse o Fernando em questão o Henrique Cardoso, que chamou os aposentados de vagabundos. Aquele mesmo que desejava privatizar a Previdência e só não o fez por conta da forte reação social, popular e sindical e por causa do alto custo da transição para um sistema privado.
Se o Presidente tivesse conseguido seu intento, o cidadão Fernando não precisaria formalizar a união estável pois a consorte não teria mais direito à pensão vitalícia.

Imaginem, amigos diletos, a reação dos grandes jornalecos e redes de tv se o Fernando em questão não se chamasse Fernando, mas Luis Inácio...
Imagem: paraisoweb.com.br/

Anônimo disse...

E muita cara de pau a sargentona mandar recado de que quer que a policia,governo,,,,,,puna os envolvidos na morte do Santiago.
Que as manifestações sao direitos do povo, Ahahahahah!

Anônimo disse...

Esse maldito Fernando Henrique so nos prejudicou para falar a pura verdade para não falar outro nome.
Tomara que receba dois chifres bem grandes, hhahahahahah

Anônimo disse...

Este senhor Fernando Henrique Cardoso formalizou a união com comunhão de bens, Sasseron ?

João Rossi Neto disse...

Caro Ari,

Acho muito perigosa e destemido o comentário feito pela anônima Cláudia do Rio, tendo em vista que este tipo de declaração pode deflagar investigações pela polícia, senão vejamos parte do que disse:
"O meu professor de informática, estudante da PUC Rio, jovem de vinte e poucos anos, filiado ao PSOL participou mascarado de todas as manifestações aqui no Rio. Não sei se praticou atos violentos. Sei, de viva voz, que os achava justos. Tenho a convicção de que este vandalismo foi incentivado para que a população deixasse as ruas".

Tem coisa que a gente pensa, mas não fala. É sempre bom lembrar que em boca fechada não entra moscas.

Anônimo disse...

Texto sasseron 17.22.

Se fosse o lula seria a Rose, que nomeou o Dan segundo comentam e transportou dinheiro sujo para Portugal.
O fernando casa com quem quiser e o lula tem a amante que quiser, já que a Dona Marisa sumiu.
Defender caca meu , para com isso.

Anônimo disse...

Mestre Ari,

concordo com o comentário
do José Welto ( 17:05 h);

com relação a CASSI estou
com sérias intenções de
abondonar o barco: tenho 43
anos de contribuição que não
irão retornar.

penso nisso desde que o
colega Galli ( Goiânia ) não
teve sua internação autorizada
mesmo com 50 anos contribuindo.

no meu caso particular, em
03/10/13 foi pedido autorização
para cirurgia dia 21, da minha
esposa. Alegando materiais
especiais, em 20/11/13 a
CASSI NÃO autorizou e estou
com a dívida de 6 mil reais.

que motivo me obriga a
continuar em um plano
" mal-me-serve ", se as
despesas ficam comigo ?

abr.

Anônimo disse...

Meu querido Rossi, obrigado por se preocupar com a minha segurança. Aos quase setenta anos de idade, segurança é o que menos me preocupa. Passo os dias pensando em fígado, rins, coração, colesterol e dores lombares. De qualquer maneira, grata.

claudia do rio

Anônimo disse...

Verdadeiro ABSURDO um colega aposentado receber um líquido de R$6l9,17. Mas acreditem quem quiser! Tenho uma irmã pensionista, que teve toda sua pensão descontada no mês de janeiro em virtude do cancelamento do seu cheque especial e CDC. A MALDADE DESSA GENTE(bb/previ) NÃO TEM LIMITES.

Anônimo disse...



Cara pálida,

Quem chamou os aposentados de velhos trambiqueiros?

Anônimo disse...

Comentários sobre a Cassi.
Por isso, minha gente, é que é preciso trocar todos. Trocar tudo.
Não adianta eleger os mesmos candidatos de sempre e de alguma forma ligados ao sistema e seus tentáculos. Ou vai ou racha.

sss disse...

R$ 619,17, é o que passarei a receber daqui pra frente. Ainda bem que não devo nada ao banco. Não dá nem para imaginar.

A Previ me enviou correspondência onde um parágrafo diz o seguinte: no seu caso, porém, por força da aplicação do §3º do artigo 87 do regulamento vigente, o ganho foi maior, pois os valores pagos foram superiores aos 20% da regra geral, observado o limite de 70% da parcela Previ.
Alguém poderia fazer uma análise e me dar uma resposta mais detalhada, por favor. Obrigado.

Anônimo disse...

grande José Welto também achei absurdo a PREVI falar em ISONOMIA, logo ela, sou pós 97 e só faço queixas aos colegas que estão no mesmo barco, quando deixo escapulir um comentário com aqueles mais favorecidos, fico até sem graça, um sorriso irônico parece querer debochar da minha situação é triste tanta diferença entre colegas, dia desses fui comentar o BET e o colega nem havia percebido a falta do dito cujo, pode?

Fuzinelli disse...

FOLHA DE SÃO PAULO - NOTICIA.
J & F ESTÁ PEDINDO 2,8 Bilhões aos fundos de pensão PREVI, PETROS E FUNCEF, para dobrar capacidade da industria Eldorado (celulose). Está sob análise na PREVI. Na PREVI dinheiro não é problema.

rafael campagnoli disse...

CAMISA DE FORÇA SOBRE NÓS
Estava analisando as composições das Diretorias de Previ, Previc, Anabb, Sindicatos, Ministérios ...
Previ: governo e PT é que mandam
Previc: idem, não tem autonomia, não produz o contraditório necessário.
Anabb: sua força é direcionada para chancelar decisões do status quo, porque, adredemente, seus estatutos não permitem demandar ou hostilizar o BB ou Previ e Cassi;
Sindicatos: não se colocam mais do nosso lado contra o governo, porque eles são o próprio governo;
Parlamentares: a maioria já não mais nos defende: vejam a atuação do nosso poderoso colega José Pimentel, ex Ministro da Previdência e que assinou a Resolução 26, e agora lider do PT no Senado: nosso maior sonho virou um tremendo pesadelo.
Restam-nos as demais associações, que dependem quase que exclusivamente das decisões demoradas do Poder Judiciário. Fomos fulminados também?

Anônimo disse...

A CASSI TEM NOS ASSUSTADO, MUITO. MINHA MÃE PRECISA DE UM MEDICAMENTO PAAR A DEGENERAÇÃO DA MACULA OCULAR VITALUX E A CASSI DISSE QUE NÃO TEM DIRETO POR SER CONSIDERADA UMA VITAMINA , VITAMINA, PERGUNTO?

Anônimo disse...

Com a resposta da ANABB sobre o BET e contribuições da PREVI muitos colegas deveriam ir aos terminais do BB e acessar a opção de suspender o débito dessa associação pelega, ou seja se desligar do seu quadro de associado.
Cara de pau essa associação. Não sabem os dirigentes dessa ANABB analisar um demonstrativo contábil? Se a carteira da PREVI obteve o desempenho divulgado até nov/2013 não se justifica o superávit que vão divulgar. E mais, em plena era da informática por que não divulgam a porra desse balanço da PREVI? Por quê? Estão martelando? Desse desgoverno se espera tudo!!!!!!

Everton disse...

Grupo J&F negocia mais de 2,8 bilhões com fundos para ampliar industria . Se a ideia for adiante, a familia Batista não colocará nem um tostão na operação
Veja a notícia na Folha de São Paulo - Tá explicado por que não temos dinheiro para o BET é para os apadrinhados do ex-presidente

Anônimo disse...

PARTIDOS POLÍTICOS DE ESQUERDA (PSOL...E QUAIS MAIS) METIDOS NISTO. HÁ QUE SER INVESTIGADO A FUNDO. VALE A PENA LER.
...
12/02/2014 às 11:24
Advogado da dupla que matou Santiago Andrade diz que partidos e outros grupos financiam jovens para criar “terrorismo social” e cobra que imprensa e Polícia investiguem vereadores, deputados estaduais e diretórios regionais de partidos



advogado Jonas Tadeu Nunes

Na manhã desta quarta, Jonas Tadeu Nunes, advogado de Fábio Raposo e Caio Silva de Souza, que acenderam o morteiro que matou o cinegrafista Santiago Andrade, concedeu uma entrevista à rádio Jovem Pan. Participei da equipe que conversou com ele. Nunes faz uma acusação muito grave: segundo diz, jovens, a exemplo de seus clientes, estão sendo financiados “por grupos” — recebendo dinheiro mesmo! — para promover a baderna país afora. Nas suas palavras: “Eles recebem até uma espécie de ajuda financeira, de mesada, para participar dessas manifestações, com o intuito de terrorismo social”.

Segundo o advogado, tanto a imprensa como a polícia devem investigar a atuação de diretório de partidos políticos. A denúncia é muito grave. Segundo o advogado, ao chegar às manifestações, os jovens são municiados com máscaras de gás, explosivos etc. Nunes sugere que a vida de seus clientes está correndo risco. Para ouvir a íntegra da entrevista, clique aqui.

Abaixo, transcrevo trechos da entrevista.

Ajuda financeira para o “terrorismo social”
“Esses jovens… Esse Caio, por exemplo, é miserável. Esses jovens são aliciados por grupos. Eles recebem até uma espécie de ajuda financeira, de mesada, para participar dessas manifestações, com o intuito de terrorismo social”.

Jovens com medo de represálias
“Antes de chegar ao Caio, eu estive com outros jovens, que fazem parte desses movimentos (…) Mas são jovens que são aliciados. Uns três ou quatro jovens foram categóricos ao afirmar, e eles não querem que divulguem o nome porque eles têm medo, muito medo, de represálias…”

Pobre aliciados
“São jovens de preferência revoltados, que têm uma certa ideologia, pobres, são aliciados para participar das manifestações. São jovens que não têm dinheiro para comprar máscaras, não tem dinheiro para comprar fogos…”

Por trás, vereadores e deputados estaduais
“Isso cabe a vocês da imprensa [apurar]. Vocês, da imprensa, são os olhos e os ouvidos da sociedade. A prisão desse rapaz não deveria encerrar essa desgraça que houve com a família do Santiago, a desgraça que está havendo com a família desses dois jovens. Vocês deveriam investigar isso: investigar vereadores em Câmaras Municipais, investigar deputados estaduais…

Diretórios de partidos
“Sim, são agrupamentos, movimentos… Tem até diretórios [de partidos políticos], segundo informações que eu tenho… Eu não posso divulgar porque tenho que preservar vidas… É papel da imprensa, da Polícia Federal, investigar diretórios regionais de partidos, investigar esses movimentos sociais, que aliciam esses jovens, que patrocinam, que fomentam financeiramente essas manifestações.

...PARA LER O ARTIGO NA INTEGRA ACESSAR REINALDO AZEVEDO...

Por Reinaldo Azevedo
Tags: black blocs, Rio, Santiago Andrade, terrorismo, violência

Anônimo disse...

Li um comentário no blog do Medeiros que contra-argumenta a informação da ANABB, cuja informação diz que a maioria votou no acordo dos 7,5 bilhões para o BB e o docinho do BET (engana besta).
Procedente o comentário. Maioria dos que votaram. Acaso existisse quórum o acordo não teria sido firmado, porque foi uma parcela mínima dos que votaram.
A ANABB segue "A estatística é a arte de nunca ter que dizer que você está errado." - C. J. Bradfield;
A ANABB segue tb A estatística mostra que este ano, aumentou em 60% o roubo nos bancos brasileiros. Não diz de que lado." - Millôr Fernandes
ANABB passou da hora de ser aniquilada!!!!

Anônimo disse...

SAIAM DA ANABB ENQTO É TEMPO
ELES NÃO ESTÃO NEM AI COM OS APOSENTADOS E PENSIONISTAS..