quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

A DENISE TERIA RAZÃO?


      A Denise Lopes Vianna, diretora da Cassi na gestão anterior, faz uma análise bem interessante dos últimos quinze anos da Cassi, nos quais tivemos intensa troca de cadeiras com o rodízio quase sempre dos mesmos personagens. Inclusive o atual diretor de Seguridade da Previ, Marcel Juviniano Barros, fazendo seu belo currículo para, agora, se apresentar como conselheiro na Vale, com salário extra nada desprezível. Todavia, a sra. Denise não pode esquecer que quando a Cassi não era comandada pela Contraf-Cut, era comandada pelo marido Valmir Camilo, via Anabb. Eis o que diz a Denise no Facebook:


CONTRAF CUT É LEVIANA E TENDENCIOSA SOBRE OS PROCESSOS DA CASSI E APESAR DE ENGANAR O FUNCIONALISMO SE COLOCANDO COMO ETERNA OPOSIÇÃO, SEMPRE ESTEVE PRESENTE NA GESTÃO DA CASSI AO LONGO DOS ÚLTIMOS 15 ANOS.
Depois de gastar uma fortuna das contribuições sindicais para eleger a Diretora do Sindicato de Brasília, Miriam Fochi como Diretora da CASSI, o Sindicato, ao invés de defender os interesses do funcionalismo e exigir o cumprimento das promessas de campanha, prefere defender os interesses dos dirigentes do Sindicato, publicando mentiras e leviandades a respeito dos processos da CASSI, com acusações tendenciosas que só servem para encobrir a incapacidade da atual Diretora de assumir suas responsabilidades.

O que a CONTRAF não conta ao funcionalismo é que sempre esteve presente em todas as Gestões da CASSI. Há mais de 15 anos ela indica e apoia gestores como Presidentes, Diretores, Conselheiros Deliberativos e Conselheiros Fiscais. Apesar de enganar a categoria se colocando como eterna oposição, ela tem conhecimento e voz ativa nos processos da CASSI por meio de seus representantes.
Esses mesmos indicados da CONTRAF, que fizeram parte da gestão anterior e continuam hoje na CASSI, devidamente remunerados, para decidir sobre os processos da entidade, acompanharam o processo de auditoria de sistemas que levantou inconsistência nas cobranças de co-participações devidas desde 2003. A Diretoria anterior da CASSI foi responsável o bastante para não cobrar o valor apurado na primeira avaliação e determinou um exame minucioso nas milhares de guias identificadas, para que não houvesse cobrança indevida aos associados. O problema é que a nova Diretora da CASSI, ex-diretora do Sindicato de Brasília, não gostou de ter que cobrar o que é devido à CASSI. Ela achou que iria sentar na cadeira e fazer apenas política. Mas ser Diretora é muito mais que só sair para a galera, há atribuições como apurar e cobrar, que talvez ela ignorasse.
Durante os quatro anos que estive à frente da Diretoria da CASSI assinei centenas de cobranças de inadimplências de funcionários do Banco, relacionadas inclusive a períodos anteriores à minha gestão, num processo normal que acontece em todas as empresas que sobrevivem de contribuições.
Se a CONTRAF CUT não quer arcar com os desgastes de uma administração, não deve indicar ninguém para o cargo de Diretor e Conselheiro da CASSI, pois essas posições exigem assumir responsabilidades que nem sempre são apreciadas pela unanimidade do funcionalismo. Esses cargos exigem mais do que fazer apenas denúncias e politicagens. Quem administra sabe que gerir uma empresa também inclui efetuar cobranças.

Denise Lopes Vianna

Confira AQUI os nomes dos representantes da CONTRAF CUT que estão hoje e estiveram na Gestão da CASSI ao longo desses 15 anos:

ANO             NOME / CARGO
1996       
Deli Soares Pereira    -  Presidente do Conselho Deliberativo
Francisco Sérgio Rayol de Freitas  -  Conselheiro Deliberativo
Joílson Rodrigues Ferreira -  Diretor da CASSI
Sérgio Nóbrega de Oliveira -  Presidente do Conselho Fiscal
José Doralvino Nunes de Sena -  Conselheiro Fiscal

1997
Deli Soares Pereira -  Diretor da CASSI
Joílson Rodrigues Ferreira -  Diretor da CASSI
Francisco Sérgio Rayol de Freitas -  Conselheiro Deliberativo
Sérgio Nóbrega de Oliveira -  Presidente do Conselho Fiscal
José Doralvino Nunes de Sena -  Conselheiro Fiscal

1998
Joílson Rodrigues Ferreira -  Diretor da CASSI
Francisco Sérgio Rayol de Freitas -  Presidente do Conselho Deliberativo
Maria Salete Crippa -  Conselheira Fiscal
Otamir Silva Castro  -  Conselheiro Fiscal

1999
Francisco Sérgio Rayol de Freitas -  Presidente do Conselho Deliberativo
Joílson Rodrigues Ferreira -  Diretor da CASSI
Otamir Silva Castro -  Conselheiro Fiscal
Maria Salete Crippa - Conselheira Fiscal

2000
Francisco Sérgio Rayol de Freitas -  Presidente do Conselho Deliberativo
Celedone Oliveira dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Joílson Rodrigues Ferreira -  Diretor da CASSI
José Amadeu Antunes Alvarenga -  Presidente do Conselho Fiscal

2002
Sérgio Dutra Vianna de Oliveira - Conselheiro Deliberativo
Celedone Oliveira dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Deise Teixeira Lessa -  Conselheira Deliberativa
Ana Maria Dantas Leite -  Conselheira Fiscal
Maurílio Rossi  -  Conselheiro Fiscal
Geraldo Pedroso Magnanelli  -  Conselheiro Fiscal
Mário Fernando Engelke -  Conselheiro Fiscal
Paulo Roberto Lima -  Conselheiro Fiscal

2003
Sérgio Dutra Vianna de Oliveira -  Diretor Superintendente
Celedone Oliveira dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Deise Teixeira Lessa -  Conselheira Deliberativa
Ana Maria Dantas Leite -  Conselheira Fiscal
Maurílio Rossi -  Presidente do Conselho Fiscal
Geraldo Pedroso Magnanelli -  Conselheiro Fiscal
Mário Fernando Engelke -  Conselheiro Fiscal
Paulo Roberto Lima -  Conselheiro Fiscal

2004
Sérgio Dutra Vianna de Oliveira -  Diretor Superintendente da CASSI
Deise Teixeira Lessa -  Presidente do Conselho Deliberativo
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Geraldo Pedroso Magnanelli -  Conselheiro Deliberativo
Milton dos Santos Rezende -  Presidente do Conselho Fiscal
Maurílio Rossi -  Conselheiro Fiscal
João Antonio Maia Filho -  Conselheiro Fiscal
Ana Maria Dantas Leite -  Conselheira Fiscal
Mario Fernando Engelke -  Conselheiro Fiscal
Paulo Roberto Lima -  Conselheiro Fiscal

2005
Sérgio Dutra Vianna de Oliveira -  Diretor Superintendente da CASSI
Deise Teixeira Lessa -  Presidente do Conselho Deliberativo
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Geraldo Pedroso Magnanelli -  Conselheiro Deliberativo
Milton dos Santos Rezende -  Presidente do Conselho Fiscal
João Antonio Maia Filho -  Conselheiro Fiscal
Marcel Juviniano Barros -  Conselheiro Fiscal

2006
Sérgio Dutra Vianna de Oliveira -  Diretor Superintendente da CASSI
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Geraldo Pedroso Magnanelli -  Conselheiro Deliberativo
Urbano de Moraes Brunoro -  Conselheiro Fiscal

2007
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Geraldo Pedroso Magnanelli -  Conselheiro Deliberativo
Urbano de Moraes Brunoro -  Conselheiro Fiscal

2008
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Geraldo Pedroso Magnanelli -  Conselheiro Deliberativo
Marcel Juviniano Barros -  Conselheiro Deliberativo
Milton dos Santos Rezende -  Conselheiro Deliberativo
Ubaldo Evangelista Neto -  Conselheiro Fiscal
Francisco Henrique Pinheiro Ellery -  Conselheiro Fiscal

2009
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Marcel Juviniano Barros -  Conselheiro Deliberativo
Milton dos Santos Rezende -  Conselheiro Deliberativo
Ubaldo Evangelista Neto - Conselheiro Fiscal
Francisco Henrique Pinheiro Ellery -  Conselheiro Fiscal
Marcos José Ortolani Louzada -  Conselheiro Fiscal

2010
Roosevelt Rui dos Santos -  Conselheiro Deliberativo
Marcel Juviniano Barros -  Conselheiro Deliberativo
Milton dos Santos Rezende -  Conselheiro Deliberativo
Fernanda Duclos Carísio -  Conselheira Deliberativa
Ubaldo Evangelista Neto -  Conselheiro Fiscal
Francisco Henrique Pinheiro Ellery -  Conselheiro Fiscal
Marcos José Ortolani Louzada -  Conselheiro Fiscal
Flávio Alexandre Ferreira Medeiros -  Conselheiro Fiscal

2011
Roosevelt Rui dos Santos -  Presidente do Conselho Deliberativo
Milton dos Santos Rezende -  Conselheiro Deliberativo
Fernanda Duclos Carísio -  Conselheira Deliberativa
Ubaldo Evangelista Neto -  Conselheiro Deliberativo
Francisco Henrique pinheiro Ellery -  Conselheiro Fiscal
Marcos José Ortolani Louzada -  Conselheiro Fiscal

2012
Roosevelt Rui dos Santos -  Presidente do Conselho Deliberativo
Fernanda Duclos Carísio -  Conselheira Deliberativa
Milton dos Santos Rezende -  Conselheiro Deliberativo
Mirian Fochi -  Diretora da CASSI
Mario Fernando Engelke -  Conselheiro Deliberativo
Ubaldo Evangelista Neto -  Conselheiro Deliberativo
José Adriano Soares -  Conselheiro Deliberativo
Carmelina P. dos Santos -  Conselheira Fiscal
João Antonio Maia Filho -  Conselheiro Fiscal
Claudio Gerstner -  Conselheiro Fiscal
José Eduardo Marinho -  Conselheiro Fiscal

15 comentários:

Anônimo disse...

Quem é esse ROOSEVELT RUI DOS SANTOS?

Dois anos (2011 - 2012) presidente do Conselho Deliberativo

E DESDE 2007 é conselheiro Deliberativo.

Esse cara deve ser bem apaniguado!

Anônimo disse...

O que a mulher de Valmir nao revela é que ela,e a turma do marido sempre foram aliados dessa turma ai da Contraf CUT e só nessas ultimas eleições foi que romperam. Tendenciosa é ela ao esconder isso.

Anônimo disse...

Pois é, Prof., são sempre os mesmos.O pior é que me permito pensar que a maioria ,99,9%, nada faz, e nem sabe o que fazer.
Será que não vamos aprender a escolher melhor nossos representantes tanto em Cassi como Previ?

Anônimo disse...

Não seria ele membro do diretorio do PT-RJ?

Anônimo disse...

Roosevelt Rui dos Santos era em março de 2012 membro do Conselho Fiscal da Invepar, conforme ata da reunião naquela data.

Anônimo disse...

Senhor Ari, não deveria ter mudado de poste quando Gilvan postou.

Anônimo disse...

Prezado Ari,
Pelo episodio envolvendo a Rose,nós podemos perceber como é que as coisas andam nesse pais governados por petistas.Qualquer um pode indicar diretores dessa ou daquela estatal, desta ou daquela entidade etc.Basta ter a carteirinha.É por isso que devemos estar cada vez mais atentos aos passos desses chamados petralhas e procurarmos cada vez mais nos manifestar sobre qualquer malfeito que porventura vier rondar o nosso fundo de pensao.Fiquemos de olho na reuniao do dia 17, sobre a retirada de patrocínio.

Jurandir Barros disse...

Nessa relaçao, a Denise montou uma pegadinha e pra tal nao fez uma lista por periodos de mandatos e sim anualizou, por isso alguns dos nomes se repetem ao longo dos anos, como se fosse uma nova diretoria. Alem disso, embaralhou os nomes de um ano pro outro, as vezes colocando o nome do diretor da CASSI em primeiro e no ano seguinte em segundo, terceiro, p.ex., o que dá a entender, se nao prestar atençao, de que se trata realmente de uma nova diretoria. Essa mulher deve ter aprendido muita coisa com o Camilo.

Anônimo disse...


Colegas, ninguém precisa ser conhecedor de Direito para saber que um Ministro da Justiça deve ter , além de experiência, saber notório e respeitabilidade. Pois bem, o nosso Ministro disse hoje na mídia que a Procuradora -Adjunta de SP foi envolvida pela máfia e que seu papal foi secundário, pois só indicou /pediu as fontes para socorrer os indicados. Este blá-blá-blá do Ministro me faz lembrar o caso da camponesa que achava que não era pecado ter ato sexual c/ namorado quando só havia penetração da glande ! Como diria aquela grotesca figura : "menas" Ministro, "menas" , , , Um abraço Mestre Ari- Divany Silveira - Sete Lagoas-Mg

Ari Zanella disse...

Amigos,

O blog que incluí ao lado, nominado

PREVI - CASSI - ANABB

é do sr. Antonio José de CARVALHO que embora ligado à Anabb faz estudos profundos do nosso Plano de Benefícios - PB1 e merece ser lido.

Jorge Teixeira - Araruama (RJ) disse...

Atendendo ao seu aceno fiz uma visita ao blog do colega Antonio Carvalho. O perfil indica que foi conselheiro fiscal da Anabb no período de 2008/2011. A proposta idealizada por ele para reajustar os nossos benefícios já foi enviada ao grupo temático da Anabb que cuida dos assuntos da espécie. Achei interessante Dª Isa ter se manifestado demonstrando simpatia e interesse pelo pleito do colega. Escrevi para a ex-diretora Cecília Garcez sobre o assunto e, muito embora imagine que muitos dos que aqui comentam lêem também o que é publicado por lá, transcrevo abaixo o que foi dito já que talvez possa ser do interesse de alguns.
”:: Cecília Garcez :: disse...
Caro Jorge,
Conheço muito bem o Carvalho. Esse baiano arretado é um grande amigo meu e merece todo o nosso respeito. Eu faço parte do Grupo Assessor e já encaminhamos à Diretoria varias propostas, incluindo a proposta de reajuste dos benefícios, resgatando a proposta apresentada pelo ex-conselheiro da Previ, William Bento., que tambem faz parte desse grupo.
Como as sugestões do colega Carvalho chegaram nas nossas mãos no dia da reunião e muitos não tinha lido o material. Decidimos que na próxima reunião discutiremos cada ponto apresentado.
7 de dezembro de 2012 09:13”.

Anônimo disse...

lEGÍTIMO CASO DE ROTO FALANDO DO TORTO.

Anônimo disse...

ESTA DEVE SER A MAIOR "DANÇA DE CADEIRAS" já detectada em todo o planeta terra.

É digno de recorde para o Guiness-Book".

Anônimo disse...

Ao anônimo do dia 6/12, às 16:07 h.

Conhecí muito de perto o Rui Roosevelt dos Santos. Trabalhei com ele na GEROF (RJ). Ele é uma pessoa muito ligada ao Cyro Garcia e à Fernanda Carísio. Nos anos em que trabalhei com ele, sempre mostrou ser uma pessoa muito competente e extremamente correta.

Anônimo disse...

Rui Roosevelt ou Roosevelt Rui?