terça-feira, 23 de outubro de 2012

BINGO! MARCEL ME LIGOU!

      Informo em edição extraordinária: acabei de receber ligação do Marcel (20h) com informações quentes sobre o Empréstimo Simples. Teremos mudanças efetivamente tanto no valor como no prazo. Todavia não serão grandes mudanças para alegrar os mais otimistas. 180X180 nem sonhar. Os estudos já estão praticamente prontos e serão encaminhados para o Conselho Deliberativo para aprovação e implantação na primeira quinzena de novembro. Meu palpite é entre os dias 05 e 09 de novembro. Será um misto entre a fórmula do Valentim e outras sugestões recebidas. Haverá mexida no FQM.
Um alerta dado pelo Marcel é que o ES NÃO É complemento de renda. Por ser "empréstimo" e não "financiamento" seu prazo jamais poderá ser de 15 anos.
O importante foi a confirmação de que haverá mudança tanto no prazo como no valor, para melhor, segundo o Marcel. Quero agradecer publicamente o diretor Marcel pelas informações prestadas.

135 comentários:

Ari Zanella disse...

Obrigado gente! De 68 seguidores já estou com 81!!! Beijos no coração de todos vocês!

Anônimo disse...

Sou pé-quente.Foi só entrar como seguidor, atrai o "tarda mas não falha" diretor Marcel.Brincadeirinha meu caro professor.Mérito seu essa informação que por certo irá tranquilizar muitos de nossos colegas.O sr. quase desistiu, não foi? Mas foi recompensado no seu honestto propósito de auxiliar os colegas.
Parabéns.

Anônimo disse...

Fica muito longe dos 180?
Preciso comprar um HB20 para presente para a secretária.

Anônimo disse...

Espero que nao prejudiquem participantes com idade avançada, tipo 85 anos em diante.
A noticia foi aliviadora,que ELES possam realmente beneficiar a todos, sem discriminação.

Daniel Pereira

Ari Zanella disse...

Vou chutar: Valor: 120 mil, prazo 108 meses(9 anos).

Anônimo disse...

Caro Professor, sei que talvez não possa dizer-nos mas em termos de limite para o ES, seria um valor intermediário entre teto de hoje e o valor sonhado (180), ou muito abaixo do valor intermediário entre os dois. Um abraço e que belo trabalho que o Sr. realiza no sentido de administrar um canal efetivamente aglutinador de idéias e que respeita as opiniões de todos. Identico trabalho também realiza o Dr. Medeiros. Parabéns aos dois.

Anônimo disse...

Credo, Ari Zanella! Só 120 mil.
Aumento só de 10 mil? É o de praxe, não é mesmo? O diretor deve estar ligado no blog para sentir a reação do público fiel da novela.
Só isso de reajuste vai causar é muita decepção, sr. Marcel. Abra mais um pouquinho a mão! Uns 150 mil tá de bom tamanho.

Juarez Barbosa disse...

Prezado colega Ari,

Você está "bingando antes do Dr. Medeiros !!! Cuidado também com o plágio (rsrsrs).

Brincadeiras à parte, parabéns por seu exitoso esforço no sentido de manter um canal de diálogo com o nosso Diretor de Seguridade. Desejo que isto se mantenha por muito tempo. Não existem razões plausíveis para que este relacionamento não possa existir entre nós e nossos representantes eleitos (pelo menos). Extendo este parabéns também para o colega Marcel.

Precisamos de regras claras, automáticas e duradouras com relação aos Empréstimos Simples, para que ele deixe de ser uma "novela" todo o ano.

Aos colegas que atravessam situações difíceis, torço para que utilizem com sabedoria e racionalidade estes recursos emergenciais, para por ordem nas suas casas.

E que passemos a batalhar com esta importante parceria na justa correção dos benefícios dos nossos pares que foram prejudicados após 1997 e na melhoria do percentual das pensionistas para pelo menos uns 80%.

O caminho para se atingir o justo não é tão grande assim se formos analisar bem. Mas temos que percorrê-lo com ações pró-ativas sempre com os ingredientes de sabedoria e de respeito mútuo entre os que podem, a qualquer momento, resgatar os "velhos bons tempos" nas relações Patrocinador/Participantes e Assistidos.

Salvo melhor juízo.

Um fraterno abraço a todos

Anônimo disse...

Não querendo abusar mas já abusando, em concordancia com os dois ultimos comentários aqui registrados o senhor poderia deixar um post-it na secretária do Marcel, ou melhor com a secretária do marcel para ele aumentar bastante o novo limite para que todos fiquem satisfeitos. Se não puder ser 180 mil pode ser perto disso. Não são todos que usam o valor máximo do ES.

Anônimo disse...

Prezado Amigo Ari Zanella.

Arisco um palpite melhor que do colega,para mim vem 120x120 (10 anos).

Mas uma vez obrigado pelo belo trabalho frente ao Blog,sua fé esperança junto aos milhares de colegas endividados com certeza ajudaram a mover a montana(Previ)e os (Eleitos).

Saudações Cordiais

Rosalina de Souza

Pensionista

Matrícula 18.161.320-4

Juarez Barbosa disse...

Prezados Ari e colegas,

Perdoem-me pela grafia incorreta do verbo estender em minha postagem anterior.

Ari Zanella disse...

Tomara Rosalina! O Marcel não falou de valores de jeito nenhum. Só disse que vai ter "boa melhora". Resta saber o que significa boa melhoria. Vamos aguardar novembro chegar, o mais importante é que algo vai sair.
Forte abraço, Rosalina.

Anônimo disse...

Nossa, meu.! Novembro está muito longe
Solta outro bingo no final de semana informando o valor.
Eu não aguento esperar. Meus CDCs já eram, o 13º já foi, só me resta o ES.

HELENO PINTO NOBRE disse...


PELO MENOS JÁ É UM ALENTO PARA QUEM DE NÓS ; REALMENTE PRECISAMOS DO QUE É NOSSO.

PARABENS PARA TI GRANDE ARI QUE PERSEVERASTES E; VEREMOS SE VAI RESOLVER O PROBLEMA PARA A GRANDE MAIORIA .!

VALEU PELA NOTÍCIA ; BOMBÁSTICA. AQUI HPN; MATRICULA 3984740-3; JAMAIS ANÔNIMO E NO AGUARDO DE NOVEMBRO/2012

ManoelSales disse...

O empréstimo poderia ser 120X160, afinal para que tanto dinheiro "disponível" se eu, particularmente não posso usufruir por falta de margem? Estou interessado, muitíssimo interessado mesmo é no quanto possa ser expandido para efeito de prestação. Sinistro.

João Rossi Neto disse...

Meu amigo Ari e colegas,
150x150

Não se trata de colocar o bode na sala, como estratégia negocial. De pedir exagerado para chegar próximo ao valor desejado.

Por outro lado, também não podemos abrir a guarda, em hipótese alguma e dar oportunidade para o azar, como, por exemplo, se aprovado um limite de apenas R$120 mil e o exíguo prazo de 108 meses, podemos considerar como absoluta derrota a revisão na linha de crédito.

É mais relevante à concessão de um prazo mais elástico do que um limite mais vigoroso.

Qualquer coisa inferior a 150 meses para reposição do empréstimo, não vai suavizar as dificuldades financeiras, eis que não reduz substancialmente o valor das prestações e nem enseja o desafogo financeiro pretendido por todos, sem exceção.

Ninguém quer benesses excessivas, facilidades desmedidas, mas sim condições consentâneas com a capacidade de pagamento, de sorte que tenhamos o oxigênio necessário para respirar com mais tranquilidade e alguma folga nos parcos benefícios auferidos para acudir às despesas eventuais, imprevistas, como doença na família e outros gastos esporádicos e pontuais.

Como existe uma amarração técnica entre a Margem Consignável e o Valor do Crédito, o teto do ES poderia ser até de R$1.000.000,00, que, obviamente, não passaria de uma miragem, ou seja, algo inatingível e nunca alcançado.

Portanto, SOLICITO A QUEM DE FATO DECIDE que sopese as ponderações aqui expendidas, autorizando o MAIOR PRAZO possível que o Corpo Social agradece.

Afinal de contas, a PREVI existe para facilitar a vida dos participantes e assistidos e o ES, neste momento, desponta como única saída viável e exequível para mitigar a grave crise financeira que tira o nosso sono e a tranquilidade.

Por último, se de todo impossível aprovar os 180x180, então, que optem, pelo menos, por 150x150, deixando essa bandeira a meio-pau.

Anônimo disse...

Uai, tem gente reclamando que vai poder emprestar só 120 mir? E eu que não tenho nenhum empréstimo só posso pegar 37.000,00. Puxa que merréquinha de Aposentadoria.

Anônimo disse...

120 mil? Ai, Ai, mais um fiasco.
Começo mesmo a acreditar que seguem o velho professor Sasseron.
Nao precisava nem ter eleições na Previ se tudo vai continuar na mesma.

Viana

Anônimo disse...

O ideal mesmo seria seguir a margem de cada um , mesmo porque nem todos estão interessados, assim cada uma pega o que pode pagar e estender o prazo ao máximo para que, mesmo quem não quer pegar mais dinheiro pode renovar apenas para diminuir as prestações, bem democrático né?

Anônimo disse...

Mestre, as pessoas muitas vezes não notam, mas o trabalho de embaixadores é muito importante. Embaixadores como você que tem a vocação para o diálogo, para o entendimento. Mas é da minha cultura não esquecer outros que também pugnaram, tais como o combativo Marcos Cordeiro, o João Rossi, o Medeiros, assessores brilhantes como o Edgardo Amorim, o "oriundi" que apresentou a formula visando vaabilizar o ES(me ajude Mestre Ari, I forgot the name)e, por que não dizer, de modo especial, os ANÕNIMOS, que bateram igual beques do Joinvile. Marcel que o diga! Agora, eu , com toda parcimônia, acredito em 150/150. O mestre Ari que é "cobra" em psicologia deve ter um Az de Paus para exibir na hora certa. Cordialmentae, Divany Silveira - Sete Lagoas-MG

Ari Zanella disse...

Caro Divany,

Não tenho carta na manga, não.
Pelo menos no prazo, com certeza, não haverá muita dilatação.
Marcel (que disse torcer pelo Bragantino) foi claro ao afirmar que EMPRÉSTIMO não é FINANCIAMENTO. Em outras palavras: empréstimo não pode ter prazo muito longo; financiamento, sim. O nome que você esqueceu é Carlos VALENTIM Filho.

PS: Os zagueiros do Joinville não "batem" como os anônimos.

CARLOS VALENTIM FILHO disse...

Prezado Ari,

Parabéns pela primazia na divulgação da tão almejada notícia sobre a reformulação do ES.

De minha fórmula, suponho que, talvez, seja aproveitada a hipótese de vinculação do valor à mergem consignável, sem limite de teto até determinada idade, que imagino seja de uns 80 anos. Acima dessa idade limite, haverá, provavelmente, vinculação do valor e do prazo proporcionalmente à idade.

Quanto ao prazo, imagino que não deva exceder os 120 meses ou, talvez os 108.

Estou falando em tese, em suposições. Nada sei de concreto.
Não me sacrifiquem como se fora eu o responsável pelos parâmetros adotados pela PREVI baseados em estudos executados pela sua área técnica.

Grande abraço do

Valentim

Anônimo disse...

Concordo em Gênero, Número e Grau com o João Rossi Neto...

A maioria(que não tem altos benefícios), e nessa me incluo, preciza é de PRAZO MAIS LONGO, pois limite a gente já tem(eu tenho R$ 40 mil que não posso retirar por falta de margem)...

O impressionante é que os primeiros comentários foram reclamando de mais limites, como alguns ANÔNIMOS e o VIANA...

Mas, repito:

PRECISAMOS,PRIMEIRAMENTE, É DE PRAZOS BEM MAIORES!!!

João

Josue Jorge Jr disse...

A questão do valor não é relevante, porque uma pequena parcela de colegas vai chegar a 150/180, mas o prazo, esse sim é imprescindível, se 180 é utopia então que venha 150, já estaria de bom tamanho. Outra questão, porque não retirar da composição da margem consignável a verba C820 - Cassi Contr. Pessoal? A verba da Capec já não é mais considerada, aí sim ajudaria muitos colegas.

Anônimo disse...

Coitados daqueles que tem mais de 80 anos e vao renovar o ES, me arrisco a dizer que vem bomba grossa para eles.
A Previ sempre aproveita as ideias que so trazem beneficio para ELA.
Espero estar completamente equivocado, mas nao vejo nenhum bongo neste realinhamento do ES.
Acho mesmo é que vem retrocesso para muitos participantes mais idosos.

Viana

Anônimo disse...

Marcel, pelo amor de Deus 10 mil? Isso não dá Marcel. Vou ficar muito triste se isso acontecer. Podes crer. Pensa direito colega ás dividas são IMENSAS. Temos Cooperforte, CDCS, Cartão, BB, etc...etc...
e a própria PREVI! Faz assim não...

Ari, vc é um milhão. Vamos torcer para que o nosso colega nos olhe com os olhos do coração.

Angela.

Lenaaaaaaaaaaaaaaaa entra!!!!!

Felipe disse...

Concodo com o Josue, retirar a composição sobre essa verba C820 que daria em média mais R$500,00 de margem, e principalmente para aqueles que tem limite mas não tem margem o aumento do prazo certamente que de 96 para 120 ajudaria e muito eles, ao contrario do meu velho que tem margem de sobra ainda seria necessario o aumento do limite mesmo. Eles deveriam pensar em todos, mas básicamente alem de pensar mais neles, pensam naqueles que tem beneficios acima de 15 salarios minimos.
Meu velho tendo 80 anos, estou bem preocupado no que pode vir a acontecer nas mudanças para os aposentados dessa idade, pois necessitamos muito mesmo que tenho um aumento de no minimo para 135 mil.

Agradeço.

João Rossi Neto disse...

A VOLTA DOS FUNDOS DE PENSÃO.

Alguém tem dúvidas de que essa determinação (ver mensagem abaixo) da Presidenta Dilma será cumprida à risca? É claro que não. A PREVI vai ser a primeira a investir os nossos recursos em aplicações de rentabilidade baixa e retorno duvidoso, por prazo de vinte a trinta anos, mediante exame de viabilidade técnica feita a toque de caixa, como sempre acontece nos empreendimentos de interesse do Governo, quando as ordens vem de cima para baixo.

Qual tipo de negócio corre mais risco? O empréstimo simples com os associados, com juros fixos de 5% mais INPC, prazo de quinze anos (180 meses) ou os investimentos “micados” com prazo de até trinta anos ou mais, concessões sujeitas às normas e exigências das Agências Reguladoras do Governo, nas quais os empresários da iniciativa privada, com a expertize dos seus assessores, mediante pareceres técnicos que desaconselham os negócios, eles esquivam da parceria em transações inviáveis financeiramente.

Nós todos sabemos que os riscos estão no futuro, quanto mais prazo, mais tempo existe para a derrocada financeira.

Quando se trata de transação segura, de risco desprezível, como é caracterizado no empréstimo simples, é um absurdo o Diretor de Seguridade dizer que um prazo maior é ameaça para dificultar o retorno do capital emprestado e que 180 meses é prazo para financiamento e não para empréstimo!

Acredito que ele nem saiba direito a diferença entre "financiamento" e "empréstimo"!

A guisa de ilustração quero informar que a distinção entre ambos, basicamente é na destinação do crédito.

No primeiro caso (financiamento) os recursos são liberados em consonância com um cronograma físico-financeiro e destinam-se à aquisição de bens, à execução de serviços e uma parte menor para capital de giro, enquanto que o segundo (empréstimo) o dinheiro é creditado em conta de depósitos e o tomador pode aplicá-lo livremente, de acordo com a sua vontade e necessidade.

O prazo do financiamento é dimensionado em função do fluxo de caixa, capacidade de geração de receitas, tradição, conceito, análise do risco, etc.

Outra falha que deve ser evitada, sem dúvida, é o embaralhamento das estações, uma vez que os financiamentos são voltados para as pessoas jurídicas.

O Diretor de Seguridade devia ser alertado de que a operação de empréstimo simples, crédito pessoal direto, etc., são transações banais e é possível que daqui a pouco, sem pilhéria, até a “Financeira do Posto Ipiranga” vai fazer empréstimo com 180 meses de prazo.


Guilherme Barros – Revista ISTOÉDinheiro.

A volta dos fundos de pensão

Nº EDIÇÃO: 785 | 19.OUT.12 - 21:00

A presidenta Dilma Rousseff já determinou que quer ver os fundos de pensão atuando de forma agressiva nos próximos leilões de concessões de ferrovias, portos e aeroportos.
Concessão
A presidenta Dilma Rousseff já determinou que quer ver os fundos de pensão atuando de forma agressiva nos próximos leilões de concessões de ferrovias, portos e aeroportos. O principal argumento é a queda de juros. Para ela, não faz mais sentido os fundos concentrarem investimentos em títulos do Tesouro, que hoje rendem taxas reais de 2% ao ano. A hora é de os fundos serem mais criativos e apostarem no risco. Além disso, investir em infraestrutura deve ser uma vocação natural dos fundos. Os principais a serem mobilizados serão Previ, Petros e Funcef. O exemplo do grupo Invepar, que uniu os três fundos e a OAS para adquirir a concessão de Guarulhos, deve se repetir com muito mais frequência daqui para a frente.

Anônimo disse...

VOCÊS VÃO ME DESCULPAR. MAS EU NÃO TENHO 50 ANOS AINDA. MARCEL MEU ANJO, LARGA AÍ 160 X EM 170.

PRECISO AJEITAR MEU LADO QUE TÁ BRABO. E VAMOS PARAR COM DEMAGOGIA. NINGUÉM AQUI ESTÁ PREOCUPADO COM COLEGAS NÃO. FALEI. PODEM SOLTAR A LENHA Tô nem aí.

Carrasca.

mariano disse...

PARABENS pROFESSOR, PELA NOTÍCIA E SUA BATALHA POR NÓS. vAMOS ESPERAR MAIS UM POUQUINHO PARA SABERMOS VALOR E PRAZO. Viana, colega, deixa de tanto pessimismo.Abs. Mariano

Anônimo disse...

DECEPCIONANTE - para não dizer um
sonoro palavrão - tanto tempo es-
perando e o sr. traz uma notícia
tão contrária às nossas expectativas
e esperança.

Novembro está muito longe.
120 mil é muito pouco.
Credo em cruz.
Jesus seja louvado.

Anônimo disse...

COLEGAS VOCES ESTÃO ACHANDO MELHORAS SE VIER 10.000,00 A MAIS SE JA DEVEMOS 110?
pODERIA SER NO MININO 150, NÃO ESTOU CERTO?

Anônimo disse...

Dr. Marcel torce pelo Bragantino.
Com certeza deve gostar de linguiça.
Refiro-me, claro, ao alimento embu-
tido, lembrando que Bragança
Paulista é a capital da linguiça.

Afe Maria.

Anônimo disse...

ESTRANHO QUE SOBRE AS OUTRAS PROMESSAS NADA TENHA DITO.
NO MINIMO O AUMENTO TERIA QUE SER DE 150X150, NÃO ACHAM?

Carlos - Rio Pardo(RS) disse...

ES - Agradeço Sr.Ari pelo empenho em ajudar a todos nós, e pelo esforço de contatar com o Sr. Marcel, para que na agonia de uma notícia sobre a revisão do ES, ao menos, podemos saber agora que algo virá. Assim como o Sr, também não imagino um prazo maior que 108 meses. Torço pelos 120 meses. Era isso, muito obrigado. Ah, uma pergunta: O Sr.arrisca entre os dias 5 e 9 de novembro por causa da data do ano passado ou o Sr.Marcel deu uma pista de data?
Abraço a todos.

Carlos-Rio Pardo(RS) disse...

ES - Na hipótese de o prazo só ser aumentado para 108 meses (tomara que não seja 102......rs), algúem tem noção de quanto significaria em valores? 108 meses menos 96 meses, dão 12 meses, que significam 12,5% de aumento no prazo. Mas em valores creio que será menos, estou certo?
Por exemplo: Quem hoje tem margem para R$ 100.000,00, teria para quanto aumentado o prazo para 108 meses? Agradeço se alguém pudesse ajudar porque muitos estão curiosos e teremos que esperar mais alguns intermináveis dias....Abraço a todos.

Anônimo disse...

Professor - tenho acompanhado o
seu valoroso JAC na série B.

Não está fácil não.
Em casa o JAC vai bem
Como visitante pontua pouco.
-------------------------------------
Goiás - 67 pontos - ganhou
Vitória 66 pontos - ganhou
Criciúma 65 pontos - perdeu
Atl.Paraná 59 pontos - empatou
S.Caetano - 58 pontos - empatou

J.A.C. 52 pontos - perdeu

Bragantino, do Marcel, ainda na zona de rebaixamento, ganhou.

Ari Zanella disse...

Ao amigo Carlos, gaúcho como o Dr. Medeiros...

Eu falei ao Marcel, no dia 02/11 para anúncio e 09/11 para começar a valer. Daí ele me lembrou que dia 02 de novembro (uma sexta) será feriado. Talvez, então, dia primeiro, não acha?
Um abração a este estadão do RS, o melhor do Brasil, depois de SC, é claro. Estou sentindo a ausência do Bernardo, meu amigo de Lajeado-RS.

Ari Zanella disse...

Anônimo das 08:11

Já perdi as esperanças de subir para a série A. O time perdeu competetividade. A propósito a sigla é J.E.C - Joinville Esporte Clube.
Enquanto o Marcel me ligava, ele acompanhava os jogos da série B. Dizia-me: "Olha, o teu Criciúma já está levando 3 do Barueri".

Anônimo disse...

Pessoal, Sr.João Rossi Neto, caro Professor: Resolvido a problemática anual do saalvador ES, temos que voltar nossas atenções para os " investimentos em infraestrutura" (a palavra da moda/tenho medo disso) que a Previ, através de seus técnicos e suas consultorias especializadas, irá abraçar.Certeza que a Invepar ou outra associação com outra construtora(faz lembrar Sauipe,o ágio de Cumbica, o Perú)será "convidada" pelo governo.
Exatamente aí é que mora o perigo.
Será que o panorama atual, sem reformas necessárias, sem executivos políticos e não técnicos nos ministérios,se sustentará, será duradouro por 20/30 anos?Será que a taxa Selic se sustentará nesse patamar atual?
Infelizmente não participamos de nenhuma das decisões.Não temos acesso a informãções. Será que não se poderia modificar isso? Será que os participantes não poderiam também usar a contra-prova?
Abaixo a ditadura do patrocinador/governo! Abaixo o voto de minerva! O voto de minerva me enerva, segundo Ayres Britto do STF

Anônimo disse...

O diretor Marcel se equivoca.
O ES é complemento de renda, sim.
Nas condições atuais...
Melhorem ou realinhem o plano, aí sim o ES deixará de ser complemento anual de renda.

Ari Zanella disse...

Caro Anônimo 08:29

Eu cheguei a comentar com o Marcel alguns investimentos como os aeroportos e o imóvel na Av. Paulista. Em ambos ele afirmou que a Previ estudou criteriosamente e só fez os investimentos por ter retorno garantido. Em cumbica somente o estacionamento já dará o retorno esperado. O prédio da Av. Paulista já está todo alugado, mesmo antes de ter sido construído.
Falei-lhe, também, do excesso nas aplicações em Renda Variável.

Anônimo disse...

Ainda faltam 18 pontos para o JEC
(agora acertei a sigla) disputar.

Uma cidade com 520 mil habitantes,
da pujança de Joinville, merecia
muito ter um time na série A.
Criciúma com 190 mil habitantes com
65 pontos deve subir para série A.
Jogos restantes do J.E.C.
América MG
Criciúma
Guaratinguetá
Bragantino do Dr. Marcel
Vitória
Goiás

Anônimo disse...

Para maioria dos tomadores do ES o que mais precisa de mudança é no prazo e margem consignavel. Verifiquei no site da PETROS um fundo menor que a PREVI o prazo é de até 120 meses. Quem sabe eles cheguem neste prazo e retirem a CASSI da margem consignavel.

Pensionista disse...

PROF ARI E SOBRE AS MELHORIAS DOS NOSSOS SALARIOS QUE VEM SENDO PROMETIDOS DESDE
A ÉPOCA DO SASSEROM, NÃO FOI DITO NADA?
COITADAS DE NÓS PENSIONISTAS!

Anônimo disse...

Quer me dizer que o ES, não dá retorno para a PREVI????????????????

Anônimo disse...

Olha colega Ari e demais, para o Medeiros no Blog dele, soltar seu ultimo post com o titulo Frustração, é porque ate ele ja sentiu que vai ser decepcionante o tal realinhamento do ES, fara outra decepções que virão ate fechar 2012.
Confesso a todos, que ainda lembro-me quando falavam em "panelaço" e ficarem so de cuecas na frente da Previ em protexto, eu dava boas risadas. Hoje, neste atual cenario, ate EU consideraria participar SERIAMENTE disto, pois estou vendo que a coisa esta muito FEIA para o nosso lado.
Estes gestores da Previ não dão sinais que vão melhorar alguma coisa.

Abraço Guilherme

Anônimo disse...

Nascimento disse: nunca pensei que atravessaria setembro e outubro.Mas Deus foi bom para mim, todos os meus cheques foram compensados e pagos, e assim renovo minhas esperanças para novembro/2012.
Vejam bem, colegas: Se Marcel falou em melhora substancial, certamente não seria R$ 10.000,00 - pois isto seria natural, o arredondamento de 4,68% sobre R$ 110.000,00.
Ele sabe muito bem que o grande impecilho da maioria para contratar o Empréstimo Simples é o PRAZO, que atualmente provoca prestações de alto valor , que não cabem na nossa margem consignável.
Eu acredito num prazo mínimo de 120 mêses, e num aumento de R$ 30.000,00, elevando o teto para R$ 140.000,00. Claro,é só um "achômetro".
Mas, neste deserto que estamos vivendo, é preciso ter ESPERANÇA, que, de verdade, é a última que morre. Que novembro cheque logo.

8.675.451-3 - ROBERTO NASCIMENTO

P.S.: Estive na ag. onde mantenho conta-corrente ontem, e um colega me disse que o Jorlando (coordenador-chefe da campanha do Marcel à PREVI) havia dito que o E.S. "substancialmente melhorado" será anunciado semana que vem, e que as alterações serão "muito boas".Não sei mensurar o que isto significa, no pensamento do Jorlando, mas como realmente é muito ligado ao Marcel, o "bingo " está correto. Vamos esperar.

P.S. 2 : uma promotora de negócios da BV Financeira de Marilia(SP) me acenou com um Empréstimo Consignado com aquela Financeira, com prazo máximo de 58 mêses. Na simulação, os valores ficaram próximos (8% maiores) da Cooperforte (sem o capital) e, segundo ela, a consignação seria em c/c e não no hollerith (por ser a BV coligada ao BB), e sem desvinculação do INSS da folha da PREVI. Não estou acreditando muito..rs..., mas ela vai me confirmar até amanhã. Seria uma boa saida para quitar empréstimos mais pesados, como a Crediscoop.

Anônimo disse...

Ilustre Mestre Dr. ZANELLA:

Não sou dado a esse tipo de coisa, mas a PREVI superou tudo o que conheço em matéria de TRIPÚDIO e ESCÁRNIO no trato com os assistidos do PB1.
Portanto vou radicalizar e "apelar para outras forças".
Caso esse malfadado ES, melhorado ou piorado, não sair até o dia 09.11.2012, mandarei fazer UM BONECO BEM LEGAL do Dr. MARCEL, ao qual, pessoalmente, mandarei apor o MÁXIMO DE ALFINETES. É bom que ele não sorria, mas que procure reforçar os seus planos de saúde.

JOSÉ ALBERTO FIGUEIREDO LINS - João Pessoa - (PB), 24.10.2012

Anônimo disse...

Seguindo a linha de pensamento do diretor Marcel: assim como o ES não é financiamento, a Previ não é banco. Logo, o argumento, além de falho, é sofismático, pra não dizer, fajuto. Dizer que nunca haverá 15 anos de prazo é outra coisa se nexo, ou será que, doravante, também os empresários, proprietários de seus patrimônios, vão abdicar de decidir sobre a as condições de destinação de seus recursos?
Que me perdoe o ilustre professor Ari, mas o diretor está jogando para a torcida e, sendo assim, deve mesmo permanecer na segunda divisão, a exemplo do bravo JEC.

Ari Zanella disse...

Amigo Nascimento,

Com efeito, ele disse que as melhorias seriam boas.
Talvez eu esteja subestimando os valores. Quanto ao prazo, é certeza: não serão alongados mais de um ano.

Ari Zanella disse...

Prezado José Alberto, da Paraíba, terra do meu amigo Marcos Cordeiro.

Não seja tão maldoso com o boneco cheio de alfinetes...vamos aguardar, porque embora não pareça, o Marcel está sim do nosso lado!

Anônimo disse...

Srs.,

O que mais me causa espanto é a diferença de valores, colocados como possibilidade de ES.
Vejo nessas diferenças a distância que se faz ver entre os proventos de aposentadoria.
É de suma importância que se corrijam os valores de aposentadoria, talvez incorporando o BET.
Quanto a questão de Empréstimo versus Financiamento, a distinção está em que o primeiro não tem destino certo e acordado.
Quanto ao segundo (Financiamento), trata-se de dinheiro carimbado, ou seja com destino certo e garantido pela atividade a que se destinará.
Desculpa ser intrometido, sem querer saber mais que os outros.
Infelizmente o Sr. Marcel cometeu pequeno equívoco que poderá gerar grande prejuízo aos tomadores de EMPRESTIMO.
Saúde a todos e ao Sr. Marcel LUZES, para nos entenda como aqueles que pagam seu salário, sempre em dia.
Cujo dito salário é, em boa parte, maior do que o limite, pela margem consignável, do valor a ser empresta\do por muitos Colegas.
QUE VALHA A MARGEM CONSIGNÁVEL SEM LIMITE DE VALOR E COM PRAZO MÍNIMO DE 150 meses.
Bom dia e até 9 11 2012.

Anônimo disse...

Mantidas as condições hoje vigentes para um tomador na faixa de 60 a 69 anos, na modalidade série 12 do ES-Previ, teríamos:
120.000,00
108 meses
1.772,93
120.000,00
120 meses
1.671,26
130.000,00
108 meses
1.920,67
130.000,00
120 meses
1.810,53
130.000,00
130 meses
1.735,70


Anônimo disse...

Caro Sr. Ari, gostei dos outros assuntos que conversou com o Marcel ( me refiro ao seu comentário das 8:50).
Para mim o mais importante são os investimentos da Previ, pois disso depende o futuro do nosso fundo de pensão.
Não devemos nos apegar só ao ES e deixar "eles" fazerem o que quiserem com os investimentos da Previ (senão haverá dilapidação).
Podemos lutar também por uma melhoria nos salários e pelo cumprimento de contrato conosco (turma pré 97).
Obrigada!
Parabéns, realmente foi um bingo,essa ligação.

Anônimo disse...

Escolha melhor as suas amizades. Pelo menos os que eu considero como amigos, quando têm opiniões divergentes das minhas, sabem se comportar com polidez e elegância. Parabéns pelo belo trabalho que vem desenvolvendo aqui no blog.

Anônimo disse...

Dois fatos de suma importância.

Dr. Marcel ligar para o nosso bra-
vo teacher Zanella, dando notícias
sobre o E.S. - assunto que interessa
a quase 100% dos assistidos da PREVI

Ter um colega com tanta disponibilidade e interesse em estar
ao lado de seus companheiros
repassando quase em tempo real as-
suntos que nos interessa.

Refiro-me ao Professo Ari.

Bravo professor e seja sempre
avante.

Anônimo disse...

Caro Ari, creio que nessa mexida no FQM,vão colocar a taxa lá em cima.E vamos ter que engolir. Vão nos aplicando na Cassi, na Previ,Capec-alteração de faixas, já estamos acostumados, e não podemos fazer nada...

João Rossi Neto disse...

“O Triângulo das Bermudas, também conhecido por Triângulo do Diabo, é uma área de varia, aproximadamente de 1,1 milhão de Km2, situada no Oceano Atlântico entre as ilhas Bermudas, Porto Rico, Fort Lauderdale (Flórida) e as Bahamas.

A região notabilizou-se como palco de diversos desaparecimentos de aviões, barcos de passeio e navios, para os quais popularizaram-se explicações extrafísicas e/ou sobrenaturais.

Uma das possíveis explicações para estes fenômenos são os distúrbios que esta região passa, no campo magnético da Terra. Um dos casos mais famosos é o chamado voo 19”.

A PREVI, por analogia, é o Triângulo da Escuridão. As pessoas postulantes a cargos, para iludir, conquistar a confiança dos eleitores, enxergam as irregularidades, metem a lenha na falta de transparência e quando tomam posse, calam-se num terrível pacto de silêncio e nem tempestades, furacões, tsunamis, terremotos, etc., as acordam mais.

No Triângulo das Bermudas as justificativas para os desaparecimentos ficam por conta de fatores físicos, químicos, geográficos e geofísicos, mas na PREVI o doping, a mordaça, o conchave, a negociata, é financeira, é o medo de perder os altos salários que transformam os ELEITOS em cordeirinhos, logo que ultrapassam os umbrais daquela Caixa.

Alí perdem o caráter, a dignidade, a vergonha, se é que um dia as tiveram e vendem a alma ao Diabo e aceitam, sem melindres, o arreio no lombo colocado pelo patrocinador BB. A falta de poderes decisórios não é razão plausível para serem vassalos.

É dificil de acreditar, mas nesse rumoroso caso do ES em que o interesse dos associados é cozido em fogo brando, os Conselheiros Deliberativos não abrem a boca para balbuciar nem os monossílabos: “sim” e “não”. Haja insensibilidade!

Ari Zanella disse...

Caro Anônimo 10:50

Obrigado pelas palavras. Essa tarefa está facilitada porque estou de licença-saúde na escola, convalescendo do tratamento na mão esquerda.
Pensei que o Marcel tivesse me abandonado, felizmente não aconteceu.

Lena disse...

Parabéns Sr. Rossi, penso igual a você.

Lena.

Anônimo disse...

Prof.Ari,
Concordo 100% com os anônimos 10:43 e 10:50
È inegável o seu interesse em querer ajudar se expondo e usando seu tempo que não deve ser muito e sempre de forma cordial e dando esperança a todos nós.Cobrar resultados que não estão ao seu alcance ou querer menosprezar seu trabalho se o resultado não é o esperado não é atitude de pessoas justas e compreensivas que nem merecem atenção.

Anônimo disse...

Eu simplesmente sou fã de carteirinha do colega Rossi, ele sempre faz-me "lavar a alma" com suas palavras, que maravilha.

Abraço Viana

Anônimo disse...

Professor e sobre o Bet, falaste alguma coisa?
Estou muito curioso e nervoso.

Julita disse...

Parabéns, Sr Rossi!!! Concordo plenamente com o senhor!

Anônimo disse...

Não sei em quem acreditar mais. É tudo muito insincero. Ando de saco cheio com tudo. Pelo visto, vai ser a mesma migalha como foi o ano passado e quê não resolveu a nossa, situação. O que vai adiantar 10 ou 20 mil reais para nós que estamos em cala-clados até o pescoço?

Senhor Marcel, por favor, nos ajude liberando ao menos 150 e delatando mais o prazo. Assim poderemos pagar(meu caso) ás dividas contraídas e vivermos com dignidade até o colega, ou Previ, rever os nossos salários que estão muito abaixo do que merecemos e por direito.
Tenho idade para ser seu pai Marcel e um filho não deixa um pai nessas condições. Por favor, não estou apelando como dizem. Estou escrevendo a realidade dos fatos.

Agenor. Muito obrigado amigo Ari Zanella. E meus parabéns pela democracia que há nesse espaço.

O Senhor é o meu pastor e nada me faltara.

Anônimo disse...

Cade o meu
comentário?


Angela

Anônimo disse...

MISÉRIA
POUCA É
BOBAGEM.


Ari Zanella disse...

Anônimo 12:53

Sobre o BET desta vez não conversamos. Mas sabe-se que há intenção do Marcel em mantê-lo permanente.
Conversei agora ao telefone com o Rossi e na opinião dele não afetaria em nada à Previ a manutenção permanente do BET. O único problema é o artigo 24 da Resolução 26 (sempre ela!) que prescreve o caráter temporário, sendo problemático convencer o patrocinador.

Anônimo disse...

O sr. Medeiros deve estar frustrado é com o Congresso.DEvia estar no da Anapar.
Ao Marcel o ES não ser financiamento, só se tivesse começado hoje ou dia 05.11.Pelo tempo que vem "rolando", já virou financiamento e complemento de renda, SIM, jovem diretor.
Meu prestativo e eficiente Professor ARI, meus cumprimentos. O sr. se revelou um ótimo porta-voz
dos participantes, um "auditor" informal ao comentar além do ES, vários outros assuntos de nosso interesse(seu comentário das 8:50).
Tudo o que o diretor lhe disse é o que a Previ informa. Todos os investimentos são excelentes(porém com Sauipe também foi assim),mas veja Cumbica: a maioria dos interessados empresários privados pularam fora.Questionou-se o astronomico agio pago. O próprio diretor da ETAV manifestou restrição ao leilão e seus vencedores.No caso da Av.Paulista, terreno adquirido da OAS, questiona-se o valor pago.O investimento é bom? Pode ser! Mas, poderia ser melhor.
Nos sócios da Previ, sócios no "capital", temos direito à CONTRA-PROVA, como na medicina, a uma segunda opinião.Mas, repito, parabéns pois o caminho é esse.
Precisamos do diálogo, precisamos abrir o túnel do triangulo da escuridão,como diz João Rossi Neto.
Os eleitos devem estar percebendo que estamos acordando.
Continue professor!

Ari Zanella disse...

Angela,

Poderias reenviá-lo? A não ser que tinha ofensas, caso contrário, eu teria publicado.

Anônimo disse...

É... colega Agenor... agora eu chorei. Tão sabias palavras. Deus nos abençoe e que toque o coração do colega Marcel. Será
que ele foi pobre algum dia?

Pensionista triste.

Anônimo disse...

"Onde o Senhor for estarei com ele."

Somos um Universo de mais de 100.000,00 participantes, as chances de termos pessoas ESCLARECIDAS, com ATITUDE, senso de ORGNIZAÇÃO e LIDERANÇA, tais como as que já possuimos eu diria que é uma em 100.000.

Pessoas com este perfil já temos ao menos nos blog's, já que a maioria dos aposentados sequer opinam aqui e muito menos nas eleições.

Tudo leva a crer que estamos aceitando, tal como diz o ditado que quem cala consente.

Jamais conseguiremos alguem como Dr. Medeiros que participa particularmente às suas expensas de tais congressos onde - como simples cuidadores dos negõcios de familia - poderemos participar.

Para se ter uma idéia da magnitude de um congresso desse que norteiam os caminhos que percorrerão os fundos de pensão, só a inscrição, em um dos últimos foi de 10.000,00por participante.

Daí a importância de valorizarmos um pelo menos (dentro de nosso Universo)que participa de tais encontros. Que por aí vemos que não é para qualquer FUNCI BB APOSENTADO.

De alguma forma teremos que tirar proveito disto, em razão da falta de comunicação dos nossos candidatos eleitos que ao entrarem lá, esquecem-nos.

Dá-ns a entender que eles antes de estarem lá são como os Generais os Coroneis ou até mesmo hoje A presidente da Nação que para se elegerem vive na democracia, mas para Governarem padecem de um mal que desconhecemos.

Anônimo disse...

Caro Ari,

o Sr. Marcel falou alguma coisa sobre a antecipação do reajuste para janeiro ?

Obrigado.

Cláudio Roberto Almeida disse...




Prof.

Parabéns pelo bingo. Valeu pela insistência. Conseguir um telefonema do Marcel não é mole. O Prof. é insistente. Continue assim.

Água mole em pedra dura tanto bate até que fura. Bela estratégia.

Em resumo: ES melhorado na primeira quinzena de novembro.

Quanto ao Conselho Deliberativo, é ele que dá a última palavra e a proposta é da Diretoria de Seguridade (Marcel). Sempre é assim.

Tudo certo.

Melhorado é melhorado. Vamos evitar chutes. Vamos aguardar.

Vai ser mais que 108 meses e mais que R$120.000,00(não resisti ao chute).

A frustração do Dr. Medeiros não tem lógica, pois ainda não conhecemos os números.

João Rossi, vamos manter a objetividade, precisamos de você para o que vem por aí.

A Previ me respondeu quando digo que o Bet dos ativos foi aumentado em 7,5%. Não entenderam até agora.
Responderam que não é aumentado "diretamente", pois eu digo que é aumentado em 7,5% "indiretamente".
É claro, o colega ainda não se aposentou, mas quando aposentar a média vai ser feita sobre os 7,5%.

Até o momento o bingo é seu, Prof.

Abraços

Anônimo disse...

Notícia de hoje publicada no blog Unidade-BB pertencente ao movimento sindical.
Marcel é empossado no Conselho de Administração da Vale.
24/10/2012 () - Marcel Barros, diretor de Seguridade de Previ, eleito pelos funcionários do BB, foi empossado na manhã desta quarta-feira, 24 de outubro no Conselho de Administração da Vale do Rio Doce.

Marcel foi indicado pela Previ, que é acionista da Vale.

Marcel é funcionário do Banco do Brasil, fundador do Sindicato dos Bancários de Bragança Paulista, do qual foi presidente. Foi diretor de bancos federais da Federação das Empresas de Crédito do Estado de São Paulo (FETEC SP CUT), Coordeanador da Comissão de Empregados do Banco do Brasil e secretário geral da Confederação dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf CUT).

Ari Zanella disse...

Anônimo 14:01

Sim, o único entrave é o burocrático, porque é preciso mexer no Regulamento. Porém, como não existe resistência de nenhuma parte, é só uma questão de tempo. Tomara que seja possível implantar já em janeiro/13.

Ari Zanella disse...

Anônimo das 15:17

Mais uma bela quantia mensal no bolso do amigo Marcel. Eu não concordo porque ele já tem uma bela remuneração na Previ. Mas como a atual presidenta já ostentou essa condição na Petrobras, nada é escandoloso para quem reza pela cartilha do PT.

Anônimo disse...

Sr. ARI,

Vejo que os sindicalistas brincam com FOGO à toda hora. Vai que um dia se queimem na própria BRASA.
Ganhos e mais ganhos às custas dos inertes e inermes aposentados da Previ.
Suspeito de mensalão disfarçado, mais uma para o STF.
A triteza me invade o coração.
Só a sorte nos livrará dos usurpadores.

Anônimo disse...

Então colegas lendo os relatos me deparei com o que diz em relação ao Sr Marcel.Ele não precisa de dinheiro como nós aposentados e das pobres pensionistas.A Previ deveria nos adiantar o Bet e aumenatr o ES o mais urgente possivel.

Ari Zanella disse...

Estes cargos nos Conselhos de Administração das empresas em que a Previ é acionista são totalmente LEGAIS. Como é indicação da Previ, eu condeno apenas o critério usado por ela, PREVI, para indicar as pessoas. Por que não outro associado que não tenha cargo na Previ?

hermano disse...

Colega Arri, temos que melhorar a nossa margem consignavel, ebtrariia a parcela do BET e tambem, a oarcela da CASSI, logo, a nossa margem aumentariia e poderiamos tirar um ES maior. Nuitos tem a margem baixa decorrente separação do salário PREVI e do INSS que é o meu caso.

Anônimo disse...

Professor, a Cassi e o Pas acabam com a nossa margem consignavel, não acha?

Anônimo disse...

Tudo bem, Ari? Também acho que os cargos de Conselheiro nas empresas controladas pela PREVI é uma "mamata", mas é preciso lembrar que as nomeações de diretores e ex-diretores da PREVI sempre existiram, e não apenas agora. Então, nada de novo no front.
Sabendo que Marcel e/ou assessores acessam seu blog , e que eventuais sugestões aqui postadas podem - quem sabe - ser consideradas, gostaria de sugerir:
1) Nova fórmula para considerar a margem consignável, desconsiderando possíveis débitos, para que todos possam retirar um empréstimo maior.
2) Possibilidade de repactuação do E.S. Finimob no novo prazo, caso este seja dilatado. Como se sabe, o Finimob destina-se principalmente à liberação da hipoteca de imóvel financiado, com redução do saldo devedor.
Sempre teve o mesmo prazo do E. Simples, mas me parece que - uma vez contratado - não pode ser modificado. Seria bom se pudéssemos repactuar o atual saldo devedor num prazo maior, traria um "folego" para muitos.

8.675.451-3 - ROBERTO NASCIMENTO.

João Rossi Neto disse...

Claúdio Roberto Almeida,

Você disse e eu não entendi bem:

(...) "João Rossi, vamos manter a objetividade, precisamos de você para o que vem por aí".

Como foi lacônico e enigmático, deu a entender que estou divagando com assuntos fora do foco? Em caso positivo, favor informar nos quais?
Antes de responder, lembre-se: Nem só de pão (ES) vive o homem!

Um abraço.

Cláudio Roberto Almeida disse...



Prof.

João Rossi Neto

A única coisa de que não precisamos é males entendidos.

Como tenho uma imagem muito positiva de você, objetiva e focada, e entendo que para os próximos embates com a Previ precisamos de muitos conhecimentos específicos sobre a mesma, a realidade por mais crua se impõe.

Você pode nos ajudar a vê-la.

Mas, sabemos que a política é isso mesmo que você escreveu. Chegando lá, eles mudam. Mudam não apenas por pusilanimidade, mudam para sobreviverem.

Vi, através de comentários do Dr. Medeiros e Prof. Ari que Marcel tenta fugir a esse padrão.

O telefonema dele, na minha opinião, é siginificativa, em que pese o fato dele Marcel ser apenas um diretor entre outros.

Não sei se me fiz explicar, mas peço desculpas se não consegui.

Abraços

Anônimo disse...


Caros Mestre, colegas e amigos(sim, eu os tenho aqui neste espaço) , convido vocês para darem uma lida nos assuntos tratados neste blog. Gente, é coisa de louco. Parece a rua 25 de março na véspera do Natal: uns reclamam da Cassi, outros da Previ, a maioria do Marcel (sem saber o valor e prazo do ES), muitos querem o adiantamento da BET, mas outro tanto não acha conveniente a liberação e tem arqumentos sólidos para recusar. Não posso deixar de registrar que a indicação do Marcel para o Conselho da Vale é um atestado de competência que a PREVI passou para o colega. E isto é bom, pois temos muitos interesses naquela empresa e, certamente, ele também ,sendo da nação PREVI, vai olhar os nossos interesses. Eu sei que alguém pode dizer: mineiro, lá na PREVI há centenas! Por que tem de ser ele? Mas colegas, e se ele for o melhor ?. Para não cansá-los, vejam o que contém no post das 15,17, de hoje,(logo ali em cima !). Gente , o menino é bom e isto pode vir em todos os sentidos a nosso favor. Por que não ? Eu. inclusive, se fosse imitar os políticos, deveria tecer criticas ao futuro Conselheiro da Vale, tendo em vista que a Chapa que ele integrou ganhou do meu grupo. A diferença, voces sabem, não foi grande. Mas ganhou ! Colegas, como vocês podem ver , este último tópico é mais um ponto que gera discussão no nosso mundo midiático. Por isto mesmo, recusei o convite de meu filho que tem uma fábrica de vassoura e vive me chamando para ajudá-lo a dirigir a empresa, cheia de ma´quinas. Para resolver o assunto disse ao meu mesmo: um colega meu , bem mais jovem que eu( mantenha-se humilde Mestre) quase perde a mão (houve comentário - o povo é terrível ! - que ele queria imitar um sindicalista - quem será ?) Não conte comigo para atividades perigosas , filho , principalmente depois de ler o blog do Ari após anuncio de ES abaixo das pretensões; pode ser perigoso ! Um abraço , Divany Silveira- Sete Lagoas-MG

Anônimo disse...

Prezado Ari,

Se o alongamento do prazo não for bem superior a dois anos, para mim não serve para nada. Não quero mais dinheiro. Quero Prazo.A concessao maior de prazo é muito mais INTELIGENTE e vável. Ajuda na renda mensal do aposentado, na medida em que reduz o valor das prestaçoes.Se os insumos INTELIGENCIA E TAMBEM SABEDORIA forem utilizados, o alongamento do prazo será BEM SUPERIOR a um ano.

Anônimo disse...


Marisa Moreira- disse:


Sr.Ari Zanella, cordiais saudações!

Quero parabeniza-lo por ser realmente
um privilegiado. O Sr. Marcel liga
para o Sr.apenas para o Sr. enquanto
somos cerca de 119.329 (2011) aposentados e pensionistas a esperar com ansiedade este anuncio do maravilhoso ES, algo que é de direito
e que não deveriamos mendigar.
Pior que não fala nada com nada. Ja
que esta ligação e estreita e peculiar, deverias ter dito ao Sr. Marcel, que se ele não achava injusto demais sua ação, uma vez que se esqueceu das promessas de campanha, quando lotava nossa caixa de e-mails, pedindo voto para a chapa que o nomeou. Sinceramente, na proxima vez que houver um BINGO, que não seja de frangos assados.
Com todo respeito a sua pessoa,que
tenhas uma Boa Noite!

Marisa Moreira

Anônimo disse...

Ari, prá vc.

1 dia 100 querer 10 cobri 100 sacional VOCÊ (o blog).

Parabéns para vc e esse blog porreta.

Angela. Era esse.

Anônimo disse...

Ari, estou tão azarada, sem sorte que perdi os meus documentos todos. Fui no banco, sacar a merreca de um último dindim rsrs. Lá chegando, rsrs o meu gerente(to igual ao Robertinho Nascimento, não consigo parar de rir)queria porq queria enfiar um cartão rsrs. Falei pra ele que eu não podia mais nada e acabamos batendo boca, sem grandes problemas. Na saída foi q notei a perda. O mais importante: é que o meu gerente, rsrs me recomendou esse blog rsrs. Eu vi ele lendo. Ele estava no post anterior.

Tem q rir ou não tem? Fala aí colegas

Anônimo disse...

Um "boi gordo" é o quanto cada um de Nós contribuiu para a Previ. Agora choramos, imploramos por um "bifinho" chamado Empréstimo Simples. Sho satanás! Mas falando sério: será que poderíamos SACAR NOSSAS RESERVAS?

Anônimo disse...

CONCORDO PLENAMENTE COM O ANÕNIMO DAS 19;09.
EU TAMBÉM NÃO QUERO MAIS EMPRESTIMO, SÓ QUERO REDUZIR MINHAS PARCELAS PARA ALIVIAR, JÁ QUE NÃO TEMOS AUMENTO DIGNO DE APOSENTADOS, E NEM A TÃO PROMETIDA REVISÃO DOS BENEFÍCIOS.
PRINCIPALMENTE PARA NÓS PÓS 97.

Anônimo disse...

Não quero só prazo. Quero limite. Quero dinheiro.
Por que será que fomos perder as eleições na Previ?
Prof., sem querer ditar-lhe regras ou ensinar o padre-nosso, alguns comentários deveriam ser deletados e não publicados.
Não só as ofensas prejudicam.

Anônimo disse...


BINGO!!! BATEMOS DE NOVO EM COMENTÁRIOS. VIVA OS ANÔNIMOS?? VIVA!!VIVA!!

AQUI, SÓ TEM ANÔNIMOS DO BEM, É OU NÃO PROFESSOR? CONTA PARA NÓS POR FAVOR

CARLOS VALENTIM FILHO disse...

Prezado Prof. Ari,

Com referência ao seu comentário das 16:03, lembro que a PREVI indica, sim, participantes e assistidos que não detenham cargos na PREVI e, também, pessoas que não tenham vínculoS com a PREVI, para titulares e suplentes de Conselhos Deliberativos e Fiscais das empresas participadas.
Qualquer aposentado poderá candidatar-se enviando currículo.
Em 6/07/2012, havia 231 Conselheiros (titulares e suplentes) representando a PREVI nas empresas participadas.

Interessados deverão Investigar no site da PREVI em "Governança Corporativa".

Claro está que os cargos nas mais importantes empresas, a começar pela Vale, são reservados aos Diretores e Conselheiros da própria PREVI. Sempre foi assim e assim continua sendo.

Grande abraço do
Valentim

Ari Zanella disse...

Amigo Valentim,

É legal mas não convinha que assim fosse. Imagina a sra. Dilma Rousseff quando ministra do governo Lula, ganhando ótimo salário, simultaneamente, era Conselheira da Petrobras, percebendo mais 72.000 reais/mês.
Era tudo LEGAL, mas imoral.

Anônimo disse...

Caro Valentim, se os "amigos" não tivessem nos traído, hoje não estaríamos nesse horror etc...
Sou SEMENTE DA UNIÃO. Porque não votaram certo? Porque não quiseram.

Alo Edison de Bem, aquele abraço! Só ele( Edison) porque nos outros, eu não acreditava.

Se fosse o Edison seu Marcel, ele nos daria os 180 x 180. Mas o senhor...
Espero que mude de ideia, pois não terá uma outra chance de nos cativar. Pense.

Anônimo disse...

Ari quanto a margem consignavel Marcel adiantou alguma coisa em relação a Cassi e ao Bet

CARLOS VALENTIM FILHO disse...

Prezado Ari,

Sugiro que Você mande seu currículo para a PREVI e se candidate a uma vaga de conselheiro em uma das empresas participadas. Uma das condições exigidas é que o candidato detenha curso superior, pormenor que Você tira de letra. Temos várias empresas participadas em Santa Catarina. Aproveite o bom momento de amizade com o Diretor Marcel para candidatar-se. Claro que seu nome será incluído no Banco de Dados e, quando surgir uma oportunidade, Você será contatado.

Abraço do

Valentim

Anônimo disse...

Prof ARI,agradeço o empenho em procurar nos ajudar na obtenção do ES melhorado.

Grande ROSSI, obrigado por nunca desanimar da luta em favor dos mais necessitados.

SR.MARCEL, acreditamos na sua boa vontade em nos ajudar, estamos aguardando ansiosamente, depois de tanta demora não nos decepcione.

Anônimo disse...

Ari, por gentileza, quem é essa pessoa dás 21:39? Consegue saber de quem se trata? Estou muito orgulhoso desse comentário tão fiel. Parabéns por tanta sensibilidade e fidelidade a nossa SEMENTE DA UNIÃO. Parabéns pelo blog caro colega.

Na ativa.

Ari Zanella disse...

Anônimo 22:55
Não falamos sobre margem nem sobre o BET.

Anônimo 23:31
Quando participa como anônimo, eu não consigo identificar.

Amigo Valentim,
Acho que vou me inscrever mesmo.

Anônimo disse...

Nossa mãe, nem lembra colega 21 39. Esse povo merece. Agora chora neném. Verão com quantos paus se faz uma canoa, ou melhor: COM QUANTOS VOTOS SE ELEGEM mentirosos. Para não dizer outra coisa.
Boa noiiitê. Isso é um absurdo!


Anônimo disse...


JÁ TENS MEU VOTO.

Anônimo disse...

Pessoal, o atendimento Previ, no ES, referente o associado está fora do ar, será que aí tem alguma novidade, acho muito estranho ?

Anônimo disse...

Na Ressacada.
Em Floripa.
Figueirense 0 X Fogão 2.
Única felicidade que tive neste dia.
Jesus seja louvado.

Anônimo disse...

106 COMENTÁRIOS
Tá bombando mesmo.
Com assuntos diversos, mas o E.S. pontua mais.
Uns bobinhos que nem que eu falam
de amenidades, como futebol.

Mas, em contrapartida, há a oportuna
explanação de colegas sérios e comprometidos, com didática que es-
clarece muito, tipo assim, os
comentários do nível de um
João Rossi.

Anônimo disse...

Bem, eu so sei que nao acredito verdadeiramente em esperar boas noticias da Previ, estes novos gestores ate o momento não mostraram serviço e nem cumpriram nada que prometeram, nao tenho nenhum Bingo a comemorar, pois nao vejo nada no site da Previ que ao menos projete alguma esperança de melhorias imediatas, então, desculpem a minha franqueza, mas sou mesmo pessimista, so começarei a acreditar em PAPAI NOEL quando como dizia meu saudoso Pai, O OVO SAIR DAQUELE LUGAR DA GALINHA e eu poder come-lo bem fritinho.
Enquanto isto, devo dizer que ninguem vive de rumores, mas sim de fatos verdadeiros, e da Previ ultimamente so temos rumores disto e daquilo.
Quem sabe o REAL BINGO ainda esteja por vir grande colega Ari, vamos aguardar.

Abraço Dilson K.A

Anônimo disse...

Sr. Marcel, o senhor não acha injusto demais sua ação, uma vez que se esqueceu das promessas de campanha, quando lotava nossa caixa de e-mails, pedindo voto para a chapa que o nomeou???? E agora fazendo esse Joguinho com os aposentados e pensionistas???????
O senhor irá cumprir as promessas , pois o sr Sasserom não as cumpriu!

Anônimo disse...

Prezado Ari e Colegas.

Ari escreva sim no banco de dados da previ,quando surgir a oportunidade agarre,muitos reclamam que é sempre os mesmos que estão dentro da previ,mas é porque ninguém se habilita.

Outra coisa acho quase impossível eles calcular o BET como margem para o ES,por um simples motivo é verba transitória,pode acabar aí seria mais um complicador e muitos iriam reclamar depois por o ES estar alto demais sem a verba do BET.

Cassi essa sim deveria estar fora do calculo,pois todos nós sabemos que a Cassi é para a vida toda,independente de margem.

Vai em frente Ari,Escreva-se.

Saudações


Rosalina de Souza

Pensionista

Carlos-Rio Pardo(RS) disse...

ES - Pois é, tenho em meus favoritos o blog do Sr. Ari, do Dr. Medeiros e da Previ. Abro eles várias vezes por dia. Acho que como eu, muitos não entenderam a oposição de informações quase simultâneas. Aqui, no blog do Sr. Ari o BINGO nos deixando mais alegre que não sei o que, mas no do Dr. Medeiros o título era Frustação. Não entendi, e até pensei que o motivo era de que o Bingo ele esperava anunciar.
Talvez eu esteja enganado mas acho que todos devemos nos unir e não vem ao caso se a informação em primeira mão foi para o A ou para o B, interessa que admiro muito o empenho de pessoas lutadoras, que até nem usam o ES, mas batalham por melhorias para nós. Valeu,e abraço a todos....E também estou espantado com os comentários....Vai bater o recorde...

Anônimo disse...

Leiam no Blog Previplano1 do Marcos, a carta de Edson de Bem ao
Presidente da Previ.Diz tudo. Ótima.
É Pácabá.

Anônimo disse...



Sábio Mestre.vocÊ tem lutado com todas as forças pelo sonhado número 180 x180,mas pelo andar da carruagem seu blog (melhor dizer nosso blog) vai conseguir os 180 posts , nesta presente edição, antes do nosso pleito, merecidamente. Mestre, nós assistidos da PREVI temos muito de tordedor de futebol, eu inclusive: em determinados momentos reclamamos do time, da diretoria, quase sempre dos juizes,etc,etc e ficamos nesta toada, como diz o capiau.Onde quero chegar ? A pREVI abriu o cadastro para a formação do quadro de conselheiros, segundo o colega Carlos Valentin são mais de 200 vagas nas dezenas de empresas com participão de nosso Fundo. Então , nós que vimos a clamar por administrações sadias não podemos deixar passar uma ocasião destas, aliás, é uma obrigação olhar pelo que é nosso e dos nossos filhos. Alguém pode perguntar : e temos material humano para isto ? Meu Deus, quem Ari Zanella, João Rossi, Edgardo Amorim, Carlos Valentin, Medeiros e Marcos Cordeiro, Edson de Bem, Juarez, Tollendal (a gente atinge 70 anos e a memória fica igual salario !). Enfim, nosso time é um Barça tropical ! Conclamo os demais colegas deste e de outros blogs para nos irmanarmos nesta luta. O mestre Ari deve ter consciência da sua importância para seus seguidores, assim como, Medeiros, Marcos Cordeiro, Edgardo e colocar em gestão este plano. Basta um olhar para o outro e dizer : Topa ? Cabe a nós incentivarmos, mesmo porque modéstia não pode ser desinteresse. Ajudarei no que for preciso ! Um abraço: Divany Silveira -Sete Lagoas-MG

oscar marinho disse...

Ari Zanella, nome realmente, que significa informação para uma legião de aposentados tripudiados pelos dirigentes da Previ. Se o ES é nosso... como negam informações??? Coisas de nós brasileiros. Somos ótimos pagadores e péssimos contestadores! Quero que o Prof. Ary peça aos grandões da Previ para codificarem as informações constantes nos nossos espelhos pois aqueles dados só interessam a nós mesmos da família Previ, se é que podemos chamar de família. Uma colega chorou copiosamente outro dia quando uma analista de cadastro totalmente despreparada olhou o débito de ES e CARIM e disse na tampa: esses débitos aí com o que a senhora ganha aqui só será pago na sua sexta geração.Acho que é plausível cifrar! Vá em frente Professor lute pelos calados e oprimidos!!! Muito axé aqui da Bahia. Foi muito bom espiar o seu Blog.

Oscar Marinho

Anônimo disse...

Sou um "velho aposentado" que tenho um excelente complemento na aposentadoria.Não estou nem aí pro BET que é beneficio especial temporário não vai durar forever.
Pertenço a minoria descontrolada e quero dinheiro, dindim, money, cascalho agora. Se vou conseguir pagar não sei e não me interessa, quero o dindim antes que acabem com ele e o FQPM que se lasque, se eu não pagar.Deve ser maçante viver planejando tudo, cada passo, ser controlado. Acho que "controlados" são minoria.

Juarez Barbosa disse...

Prezados Ari e colegas,
Nestes últimos tempos observamos a atuação de vários grupos de colegas em diversos encontros promovidos em vários lugares. As questões que nos afligem já foram amplamente discutidas e catalogadas, inclusive a recente questão da Retirada de Patrocínio.
Precisamos formar agora um Grupo de Trabalho composto por representante eleito da Previ (Conselheiro e/ou Diretor), da Federação (FAABB), das Associações (ANABB, AAFBB, AFABB’s,APABB, etc.) e de ativistas de destaque em nosso Movimento e que se reúnam com bastante frequência e total transparência, através de uma rede social a ser criada e bem administrada para permitir nestes encontros, a formulação de propostas bem elaboradas e fundamentadas visando o realinhamento de nosso Plano, melhorias das pensões, transparência nos meios de comunicação da Previ e estudo/implementação de instrumentos de pressão possíveis junto aos representantes do Patrocinador. Tal GT teria um Presidente eleito (talvez um dos representantes eleitos da Previ). Esta indicação para Presidente do GT se deve ao fato de seu fácil trânsito dentro da Previ.
Dentro desta rede social que poderia ser criada colocaríamos uma Sala de Reuniões para possibilitar encontros pelo menos mensais (o ideal seria quinzenal) entre os componentes do GT. Tal sala é fácil de ser criada e acessada por todos, sendo as “conversas tecladas” acontecendo em tempo real e “on line”. Também é fácil catalogar suas Atas. É só estabelecer um calendário onde constem os dias e horários que elas ocorrerão e o compromisso de todos os integrantes estarem lá presentes tempestivamente. Outrossim é o meio mais adequado para tais reuniões, sem despesas de qualquer natureza.
Precisamos promover este veículo oficial de registro documental centralizado de nossas propostas, a serem levadas ao Patrocinador, exigindo-se enfaticamente a reabertura de negociações também frequentes, visando o reordenamento de nosso Plano, regenerando com equidade e correta proporcionalidade, o pagamento de nossos benefícios.
Penso que deve ser de interesse de ambas as partes a pacificação dos conflitos ora existentes para retorno de nossa merecida paz social.
Salvo melhor juízo.

Anônimo disse...

Caro Sr. 13:04,

Caro Abastado e Impiedoso "colega", desejo que se esbalde idosamente como "tio patinhas", que assim se conserve até sua passagem.
Mas, por favor, não tripudie para cima daqueles que não tem suas possiblidades.
OBS: Também sou dos que ainda recebem aposentadoria, DIGNA, por anos e anos a fio defendendo o BB, porque comissionado aos 5 anos de casa e tendo galgado altos cargos, na instituição, outrora maravilhosa.
Tenha mais altivez, senso de humanidade para com os mais humildes financeiramente.
Por favor seja humano uma vez na vida e lhe fará muito bem.
Saúde a todos indistintamente.

Anônimo disse...

BRAVO, ANÔNIMO DE 25/10/12 14:57 !!!

Como você disse: Humildade e Senso de Humanidade faz bem para a gente(Paz de Espírito)...

Um grande abraço.

João

Anônimo disse...

A idéia do Juarem Barbosa(acima) é muito boa. Não sei se os atores seriam exatamente o mesmo...

João

Anônimo disse...

Vejam o último Post do Dr.Medeiros(hoje)..!

Se encontrou com o Marcel, e falaram sobre o ES...


João

Anônimo disse...

Ao Sr. 14:57. O senor não entendeu nada. Leia de novo o comentário.Não tripudio de ninguem.
Esse comentário que fiz foi em resposta a um comentário anterior que o Professor deletou. Aquele sim,poderia causar desconforto. No mais, disse o que penso no meu direito de livre pensar e de manifestação.Repito, altivez tenho, agora quanto a senso de humanidade, onde faltou? Recebo a aposentadoria por força de um contrato de trabalho com o patrocinador e seu fundo de pensão;
nunca estive "anos a fio defendendo o Banco", apenas lhe vendi os meus serviços e ele me pagou.Essa história soa muito piegas.Sem ofensa a quem quer que seja.

Anônimo disse...

Caro Dr. ZANELLA:

Para mim a palavra PREVI soa do mesmo modo que PREVARICAÇÃO.


Eneu Pereira de Oliveira - RECIFE-PE, 25.10.12

Cláudio Roberto Almeida disse...



Prof.

Este trem tá muito comprido para a gente ler e se manifestar.

Abraços

Anônimo disse...

Caros colégas blogueiros, Prof. Ari, a grande realidade é que estamos tensos, nervosos, e não é para menos, pois tudo com a PREVI é assim,
muito lento vagaroso, quando é para nós associados. As primeiras notícias do dr. Marcel era ES para se
tembro/outubro, agora já é novembro e
estão estudando duas ou tres situações, vejam o blog do dr. Medeiros no dia de hoje. Temos que ter muita fé em Deus nosso Senhor, para podermos aguentar, tudo o que está ocorrendo conosco. Calma colégas, não se desesperem, o ES saira 120x108. Merreca, é praga do Sasseron.

Anônimo disse...

124 comentários até 16:34.
Suponho que seja record.
Num falei que tava bombando (int).

Professor - que maravilha sua credibilidade !!!!!!!!

Anônimo disse...

Também acho que sairá apenas os 120.000x108 meses, nada mais.As três propostas é só para ganhar tempo e enrolar.Podiam resolver em uma tacada só, mas preferem o sofrimento,trauma e o transtorno dos aposentados.

Paulo Segundo/Viçosa-MG

Anônimo disse...

Prezado Ari,
Boa a sugestao do Juarez Barbosa. Tao logo acAbe a novela do ES teremos que tomar medidas para exigir tratamento à altura do que somos:DONOS do patrimonio da PREVI.

Anônimo disse...

GENTE VC ESTÃO SE CONFORMANDO COM ESSA ESMOLA? 10? 20? Os 100 mil é da PREVI!! Vamos ficar com 10 mil ou 20?

Se for isso nem pego essa m!

150 x 150 Marcel pelo amor de sua família. Nós temos a nossa, que precisam ser acudidas Marcel. Esqueça essa de q esta preocupado com a nossa situação financeira. Essa não cola mais. Quando o senhor entrava na minha caixa de emails, vc não fava na nossa situação. Lembro que nos prometeu tudo. Fez igual ao Don. Vc ligou para minha residencia lembra? Pois é eu não esqueci.

150 x 150.

Caminhando contra o vento sem lenço e sem documento eu vou...
porque não... porque não...

Ari, liga para ele de novo vai amigo. Sei que é chato mas liga aí. Parabéns pelo espaço muito bom!

Anônimo disse...

Nascimento disse: colegas, vamos esperar e não desanimar.
Marcel falou em melhora SUBSTANCIAL. Vejamos: Não existe motivo para o prazo ser menor que 120 meses, pois tal prazo já é adotado por fundos de pensão menores e com menos possibilidades que a PREVI. Então, provavelmente,o PRAZO será 120 meses.
E para manter uma proporção parecida com 110/96, o valor correto seria R$ 140.000,00, o que pode ser considerado um aumento SUBSTANCIAL(dentro dos parâmetros da PREVI, claro).
Ainda não seria o que precisamos, mas representaria algum avanço.
Já anunciado para inicio de novembro, vamos esperar com calma e esperança - que, repito, é a última que morre.
Sofrer por antecipação é que não podemos.

Abraço a todos.

8.675.451-3 - ROBERTO NASCIMENTO

Anônimo disse...

Sensata a colocação de Roberto Nascimento. - precisamos muito de
calma e esperança.

O diabo é que as contas não param
de chegar - os juros só aumentam
o remédio cotidiano...
os agiotas...
e a gente espera há um bom tempo.

O certo mesmo seria a PREVI dar uma
SUBSTANCIAL melhorada em nossos
benefícios, cumprir o malfadado
acordo de novembro/2010.
Rever os benefícios concedidos pós 97 e por aí vai.

Anônimo disse...

Caro Ari Zanella, eu prefiro pensar e acredito ,que o Sr Marcel foi convidado a ocupar o cargo no Conselho por mérito e se ele aceitou assumir mais compromissos e responsabilidade é porque, assim como nós, precisa de uns trocadinhos a mais , sendo assim, peço a Deus que toque o coração dele e o faça perceber que o teto de 180 não é tão alto assim e poderia salvar até vidas diante do muro de lamentações que infelizmente é real não é mentira, não queríamos estar nessa situação mas estamos! e não é hora de buscar culpados e sim resolver o problema de todos, visto que a Previ tambem é nossa.

Anônimo disse...

Boa noite!
Sou do Previ Futuro. O sr. sabe me dizer se haverá mudanças no empréstimo simples do Previ Futuro também?
Agradeço!
Cecília

Ari Zanella disse...

Cecília,

Não tenho certeza, os estudos são separados mas paralelos. Quero crer que vocês do Previ Futuro também terão algum realinhamento.
Um abraço!

Anônimo disse...

Obrigada, Ari!
Vou sempre acompanhar seu blog para saber das novidades. Mesmo sendo planos diferentes (Plano 1 e Futuro), acredito que somos um só Banco e precisamos estar por dentro do que acontece.
Um abraço!

Cecília