BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

O CARNAVAL DE UM SONHADOR

       País com treze milhões de desempregados sem dor na consciência por desperdiçar tantos dias na diversão...Primeiro o circo, depois o pão.
      Sonhei que na terça de carnaval as Forças Armadas, via General Eduardo Villas Boas, havia tomado o Palácio do Planalto, deposto Temer e fechado o Congresso Nacional. De quebra, havia extinto o STF com alguns de seus (bons) ministros sendo alocados para o STJ, que passara a ser a última instância judiciária.
       Na continuação, uma série de medidas emergenciais tomadas pelo novo governo. Reforma da Previdência via decreto apenas para os servidores públicos que passaram para o mesmo regime do servidor privado. Novo decreto revoga todo e qualquer penduricalho para os ocupantes do legislativo, executivo e judiciário. Não existe mais Auxílio de nada. Sobrou muito dinheiro nos cofres do governo com estas poucas medidas o qual foi investido imediatamente na Saúde e na Educação.
       Depois vi que o General havia determinado a extinção da PREVIC, a revogação da Resolução 26, anulou toda reversão de valores havida com patrocinadores, exigiu transparência nos fundos de pensão e cortou a ingerência do patrocinador. Cada fundo, doravante será administrado pelos próprios associados através de um Conselho supervisionado pelo governo. Exigiu a imediata prisão dos corruptos já condenados e pediu rapidez no julgamento dos réus que tinham foro privilegiado pois acabara de cortar essa regalia.
       Enquanto me deleitava com a intervenção alguém bateu à porta. Acorda! Já são dez da manhã.

EM PLENA TERÇA-FEIRA DE CARNAVAL, ENQUANTO O POVO BRINCAVA NO RIO, EM SÃO PAULO, EM SALVADOR E NO RECIFE...UM SONHO QUE PODERIA SER REAL, SE TRANSFORMOU EM DURA REALIDADE...

16 comentários:

Anônimo disse...

SONHO DE TODO CIDADÃO DE BEM. NESSA QUESTÃO NÃO EXISTE MEIO TERMO. QUEM QUER UM PAÍS COM ORDEM E PROGRESSO ESSE É O CAMINHO.
ELEIÇÃO É PARA ENGANAR INCAUTO.

NESSE PERÍODO DE ASSEPSIA SÓ UMA INTERVENÇÃO COM MALHA FINA

Adaí Rosembak disse...

Caro Amigo Ari Zanella,

Sonhe! Sonhe! O General é gente boa mas ninguém dá jeito nisto!
Estou usando o período de Carnaval para ler e descansar.
Quero distância disso tudo.

Abração Caro Amigo

Adaí Rosembak

caos e ordem disse...

Sonha Ari, vai sonhando. KKKKKK

Anônimo disse...

Sonhar com a volta da Ditadura ? É isso mesmo?

sss disse...

Como diz a música: sonhar não paga nada, e seu sonho é tao real... Tem jeito, sim. Precisa-se, tão somente, de um Homem com agá maiúsculo, de pulso firme, e sobretudo Honesto. HO-NES-TO!

Ari Zanella disse...

08:50

Isso mesmo! E o primeiro que eu sentava o porrete era em você que apoia esta sujeira toda que aí está.

Anônimo disse...

Bom dia Professor,

Alguém amigo, salvo engano Sr. Rossi, disse que o seu amigo que agora passarei a chamá-lo de Sr. AIDS, não largará do seu pé.
Já começo a pensar que é caso freudiano. Talvez se lhe mandar uma penca de banana quinzenalmente ele se acalme.
Ah! Tem que ser nanica ou da terra (a q estiver maior).
Sr. AIDS deixa o teacher em paz

Anônimo disse...

Que bom se o seu sonho se tornasse realidade.Quanto aos altos ganhos dos 3 Poderes entendo que além de acabarem os penduricalhos os salários iniciais também precisam ser reduzidos. É impossível cumprir o teto que deve estar em R$ 33.000,00 se o inicial de um Juiz, por exemplo, é de R$ 27.000,00

Anônimo disse...

Será que se estivéssemos em guerra, seria dado um STOP durante esses dias para o Carnaval?
Economicamente a situação é pior ou no mínimo semelhante a época de guerra.
O carnaval é mais importante que a saúde? Deve ser porque o gasto prioritário é para essa festa onde um bando de idiotas enchem a cara para comemorar que o país está um caos. E político dá a maior força

Anônimo disse...

13/02/2018 08:50

Não enxerga, não ouve, não vè e não ler. Vou-te

Anônimo disse...

Gostei da ideia, quer dizer, do sonho.
E nele não esta embutida a volta da ditadura, mas sim alguem que coloque a casa em ordem, coisa que os políticos não querem fazer.
Pena que se tem que acordar para a dura realidade...

ricardo o.c. albuquerque disse...

Sonho de carnaval é assim mesmo. Muito sonho, belas mulheres, cerveja,....,depois rssaca e arrependimento. ricardo

Anônimo disse...

Anônimo 8:50

Ditadura foi só para os comunistinhas terroristas e os tontos que iama atrás deles!!!
Pra mim que trabalhava e estudava e era pessoa correta, foi a melhor época de nossas vidas!!
DISCIPLINA, RESPEITO, EDUCAÇÃO, ORDEM E PROGRESSO!!!
ALICERCE NECESSÁRIO PARA FAMÍLIA E UM PAÍS DE PRIMEIRO MUNDO!

Marly

Cade Araujo disse...

Caríssimo Ari, com exceção da figura do general, é um bom sonho. Quiçá, todos nós sonhemos com dias melhores e tenhamos a coragem de votar nas próximas eleições. A saída para todos os problemas passa pelo voto consciente e bem estudado. Um voto que não seja pela volta do passado, mas um voto visando o futuro, o novo. Lembremos: "Moisés está morto, tenha fé e coragem". No mundo atual, com o nível tecnológico que atingimos, com a rapidez das mudanças que ocorrem em instantes, o desafio para nós humanos é buscarmos a união e aprender a conviver harmoniosamente com o nosso semelhante. O problema econômico do Brasil é a desigualdade social e financeira do seu povo. Vamos lutar para corrigir estas desigualdades e então teremos um mundo melhor. Temos que nos indignar quando vemos um irmão sem direito a nada e outro com todos os privilégios de um cargo. Qualquer gestor público, tem que lembrar que ele é pago pela sociedade. O Estado não é dele, a previ não dele, ele está ali temporariamente e deve cumprir com as suas obrigações e não visar interesses pessoais ou interesses de grupos.
Coragem, temos o voto, votemos pelas mudanças.
Cadé

antonia disse...

Oh! pena que foi só um sonho!!!

Anônimo disse...

Queria de verdade um general que descesse o cacete nos "Marcos" da vida, mas que desse mil porretadas na cabeça até exterminar. Oh maravilha!!!