BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

sábado, 17 de junho de 2017

MADUREIRA EM BOTAFOGO, HÁ DEZESSETE ANOS

    O companheiro Marcus Martins Madureira é o novo diretor de Planejamento da PREVI. Há 17 anos participando dos destinos de nosso fundo na Praia de Botafogo, no Rio. Marcus já substituía o Zeca por ocasião da delicada cirurgia do retirante. Martins tem em seu currículo 32 anos de BB, 17 deles dedicados à PREVI. Venceu por unanimidade de votos dos eleitos no Conselho Deliberativo,  titulares e suplentes). Ora, toda a unanimidade é sinal de que a pessoa escolhida deve possuir todos os predicados exigidos para o cargo. Deste modo, esperamos o máximo do novo diretor MMM. Que seja muito bem sucedido e que faça por merecer os 50 e tantos mil de soldos mensais.
     Na PREVI, até abril/17, o assim denominado Plano Um acumulou rentabilidade de 3,84% (Meta atuarial de 2,72%). Parece pouco, mesmo que projetado no fim do ano (dez/2017) em torno de 12%, tendo em vista que nosso déficit acumulado em 31.12.2016 foi de R$ 13.138.987. 2017 não parece demonstrar que sairemos do vermelho...

14 comentários:

Blog do Ed disse...

Para mim, esse mercado financeiro brasileiro tornou-se a maior enganação. Coloco meu pixuleco lá e percebo uma enganação. Com meu dinheiro só fica rico o banco que cobra com a maior cara de pau 400% ao ano! Existe maior assalto às claras? Como consequência, fundo de pensão no Brasil é enganação... Com Madureira ou sem Madureira o samba é o mesmo... Madureira sambou, canta lá o Carnaval... Respeito o Madureira, colega do Banco, que nem conheço e de quem ouço falar pela primeira vez... Com tantos anos na Previ, deve conhecê-la muito bem, deve ser competente e honrado, e dele se espera excelente desempenho... Mas, ele não muda o humor chupa renda dos market makers, infelizmente...
Edgardo Amorim Rego

Ari Zanella disse...

Esta do Amorim é lapidar: "Ele não muda o humor suga renda dos que manipulam o mercado!" Genial, Mestre Edgardo. "Brilliant"...

Eu sou de opinião que o que tira nossa maior rentabilidade são as despesas administrativas do fundo. Claro que a maior é o dispêndio com as aposentadorias, cerca de 10 bilhões/ano, mas se as demais despesas fossem pequenas, a diferença do superávit seria muito maior. Ex: Ativo de 150 bilhões X 12% a.a. (rentabilidade prevista) = 18 bilhões
E tem ativos que rendem bem mais que 12%. Concluímos que a diretoria (DIRIN e DIPAR) têm que vigiar 24h para obter a maximização da rentabilidade...

Anônimo disse...

Aposentados do Previ 1 + Previ Futuro,

Espero que o Sr. Madureira esteja o suficiente maduro para planejar maximização do patrimônio dos participantes de ambos os planos.
Experiência, vivência ao que escrevem não lhe falta.

Só espero que não invente ou se submeta aos encantos do igualitário sócio do Fundo o Sr. BB.

Bom fim de semana a todos.

Anônimo disse...

Supostamente:

Cinquentão? Parece a declaração anual de rendimentos da enorme e imensa maioria.

17 anos lá? Isso é positivo? Dizem que toda unanimidade é burra

Mister Ari, Vossa Senhoria como Professor deveria não gostar de MM. Deveria insistir no SS.

No meu tempo as notas eram MI = média inferior, MM = média média, MS = média superior e finalmente o desejado SS que não sei o significado. Será Silvio Santos? Se colocasse o homem do baú lá acredito que ficaria bem divertido.
Quem quer dinheiro?

Eu !!! Quero alongamento do prazo do ES, meu BET, mais transparência, PLP 268.

Por que tudo na Valia é extremamente diferente? Com menos recursos? Em qualquer lugar do mundo onde há abundância de recursos sempre a tendência é que se tenha mais facilidade para aumento dos mesmos. Aquela estória de que a água sempre corre para o mar. Pois aqui no Brasil conseguem inverter essa lógica.
Tudo isso supostamente

JOSE ADMIR DE PAULA DE PAULA disse...

Pessoal,

Tem servidor que, para sustentar o gordo salário que recebe e a mordomia que ostenta, é capaz de vender até a alma. Negar as origens e trair a confiança de seus pares, normalmente são as primeiras coisas que fazem.
De mais gene assim em nossa Previ, oremos pois ao Pai celestial.

Abraço.

JOSE ADMIR DE PAULA DE PAULA disse...

"De mais gente assim em nossa Previ, defendei-nos, o Pai celestial"

Anônimo disse...



AINDA EXISTE COMUNISMO COMO NOS ANOS 60 ????

Mestre, quem disse Yes acertou,pois o modo de administração estabelecido para quem
não tem status na administração da PREVI e´ o mesmo que reinava nos paises comunis-
tas há anos passados. Há de dizer que naquele tempo a economia a que me refiro era
a do Estado, ao passo que a nova forma de estatizar é um arremedo da nova burocra
cia que invade organizações de funcionários que passaram a vida toda poupando e no
ocaso da existência são expropriados por uma elite oriunda do novo esquema estati-
zante mas que só tem know how (? ) para estatizar Fundos de Pensão onde há re -
cursos em abundancia e assim se forma uma nova classe que sem pagar spread não sai
do "vermelho",embora seus salários sejam de pais de 1º mundo. Ah, e os donos, bem,
os donos têm renda do 3º mundo,com tendência de queda. Meu Deus, como está atual a-
quela poesia que cita : no primeiro dia eles roubam uma rosa no jardim, no 2º dia
eles voltam e matam seu cachorro e assim vão até levar o que tem na Caixa e no fim
levam a propria Caixa-Divany Silveira- S.Lagoaas-mg

Anônimo disse...

Fico imaginando o que pensa um integrante da Suprema Corte norte americana, quando toma conhecimento dos vencimentos dos de cá.
De igual maneira, dirigentes de fundos de pensão de lá, ao perceberem o salário dos de cá, devem sentir um terrível constrangimento pela alta capacidade dessas mentes brilhantes.
Apesar disso não de mostrar nos resultados, o que também provoca um nó no cerebelo. E as mordomias?

It is phoda!!!

Anônimo disse...

Renegociações do governo custam mais que reforma da Previdência
Com a liberação de créditos do BNDES para governadores e prefeitos, alongamento de dívidas e edição de MP para Refis, o governo já gastou mais do que será possível economizar com a reforma da Previdência - isso, mantidas as regras atuais

Fonte:http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2017/06/18/internas_polbraeco,603107/renegociacoes-do-governo-custam-mais-que-reforma-da-previdencia.shtml

Anônimo disse...

Algum colega já passou por esta situação e pode me ajudar?
Necessito fazer no INSS uma perícia médica para isenção do imposto de renda.
Sempre residi em Goiânia(GO) e procurei duas agências do INSS aqui em Goiânia,
Fui informado de que o meu benefício do INSS é numa agência do INSS em Brasília, para mim muito difícil deslocar até lá, 220 km, mas talvez não se resolva em uma única ida.
Meu benefício INSS é pago junto com o meu complemento, pela PREVI.
Minha dúvida é que se eu solicitar a transferência do INSS de Brasília para uma agência em Goiânia, se o meu benefício continuará sendo pago pela Previ, que é o meu desejo.
Solicitei orientação à Previ mas solicitaram 12 dias para resposta.

Anônimo disse...

Como foi o resultado do mês de maio/17 para a Previ ?
Confirma toda essa eufórica informação ?
Tem razão o dito: Toda unanimidade é burra.
Para administrar um patrimônio como o da Previ, não podem ser aprendizes.

Ari Zanella disse...

10:33

Não aconselho fazer a perícia no INSS. Melhor marcar um profissional do SUS (Postos de Atendimento) ou nas Secretarias Municipais de Saúde. Leve todos os atestados e exames que possui sobre a doença. LEVE TAMBÉM O FORMULÁRIO ( eu tenho o modelo, basta enviar-me um email que enviarei cópia. Meu endereço de email é azarizanella@gmail.com )

Uma vez preenchido o formulário pelo profissional de saúde pública, deve carimbar no mesmo formulário o nome da repartição ou posto de atendimento com o código nacional inscrito no ministério da Saúde.

ENCAMINHAR O DOCUMENTO À CASSI ESTADUAL para o devido enquadramento da profissional da CASSI. Ela mesma encaminhará, depois de aprovado, à fonte pagadora (PREVI) para que não desconte mais o IR.

Aí em Goiânia, a Lázara Rabelo conseguiu por visão monocular (CEGUEIRA DE UM OLHO). Ela me enviou o formulário e eu também consegui, fazendo o descrito acima. Hoje sou isento do Imposto de Renda.

OBS: Tentei várias vezes fazer pelo INSS e sempre me negaram.

Anônimo disse...

Ari, agradeço muitissimo, sua orientação sobre a pericia médica:
meu email ivanrezende07@hotmail.com

Anônimo disse...

RECADO AO COLEGA DAS 10,33

Colega, quando requeri isenção do I.R procurei um médico do INSS
trabalhava fora do instituto e juntei o atestado do médico par-
ticular que me deu assistência e mandei para a Cassi que tem
autorização , convém confirmar, para a isenção.DSS/31-37712159.