BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

sábado, 5 de novembro de 2016

QUEM MEXEU NO MEU QUEIJO?

     O nosso fundo, no dia de todos os santos, torna pública a tabela de remuneração dos quadros da PREVI. De antemão, quero dizer que quando eu for nomeado interventor na PREVI vou desfazer toda esta ilegal estrutura de remuneração. E por que chamo-a de ilegal? Simplesmente porque o nosso fundo não é entidade de fins lucrativos, como é seu patrocinador que ilegalmente e imoralmente está trazendo para dentro de seu fundo de pensão uma estrutura exclusivamente voltada para o retorno financeiro.
       Pensei em trazer como meu assessor especial o imortal Zé Aristóphanes Pereira, de ilibada reputação. Todavia, como o Zé tem se mostrado muito sentimentalista em relação ao BB, irei substituí-lo (data venia) pelo não menos competente João Rossi Neto. Pensei no Edgardo Amorim Rego, outro ouro 24 quilates, sim...Talvez eu leve os dois ou os três, sabendo que o primeiro deles terei que doutrinar "just a little bit more".
         Vamos, então, à transcrição da notícia no sítio da PREVI:


01/11/2016

Remuneração na PREVI

Conselho Deliberativo revê critérios de remuneração da Diretoria Executiva


A PREVI utiliza em seu quadro funcionários cedidos pelo Banco do Brasil. É uma decisão estratégica para garantir a alta qualidade e o comprometimento  do corpo técnico da Entidade. Com o objetivo de garantir a atração e retenção desses talentos na PREVI, as remunerações da Entidade são atreladas às remunerações do BB. Confira como é a política salarial da Diretoria Executiva, Conselhos e funcionários da PREVI:


Diretoria Executiva

A Diretoria Executiva da PREVI é composta por três dirigentes indicados pelo patrocinador e três eleitos pelos associados. A remuneração desses dirigentes é dividida em duas partes: fixa e variável. Em maio de 2015, o Conselho Deliberativo da Entidade decidiu pela desvinculação da remuneração dos dirigentes da PREVI a dos dirigentes do BB, fixando um índice de correção, além de estipular um teto de até 6 salários para a remuneração variável. Em sua reunião de setembro de 2016, o Conselho Deliberativo determinou que a remuneração fixa volte a ser atrelada ao da Diretoria Executiva do patrocinador, a fim de evitar que os vencimentos dos dirigentes da PREVI fiquem acima de seus pares no BB. Os honorários do presidente da PREVI são equivalentes ao de um vice-presidente do Banco do Brasil e os dos diretores, eleitos e indicados, são iguais às remunerações dos diretores executivos do BB.

A remuneração variável da Diretoria Executiva está prevista na Política de Gestão de Pessoas da PREVI, desde 2005. O recebimento dessa remuneração está atrelado a indicadores de desempenho de gestão, tais como: planejamento da política de investimentos, execução orçamentária e a administração do Plano de Gestão Administrativa.

Conselhos

A PREVI tem os Conselhos Deliberativo, Fiscal e Consultivos. A remuneração dos conselheiros deliberativos corresponde a 25% do salário do presidente da PREVI, enquanto a dos conselheiros fiscais corresponde a 20% desse salário. Os conselheiros suplentes recebem 50% da remuneração estabelecida para os conselheiros efetivos e, quando participam no lugar dos titulares, recebem o valor integral. Os conselheiros consultivos não recebem qualquer tipo de remuneração.

Funcionários

A cessão de funcionários pelo Banco do Brasil tem amparo legal e é regida por um convênio de cessão. O plano de cargos e salários dos funcionários contempla mudança de nível no mesmo cargo, em até sete níveis, o que gera um incremento de 2,5% de remuneração a cada dois anos.

Os funcionários da PREVI recebem uma remuneração variável na Participação nos Lucros ou Resultados, a PLR. De periodicidade semestral, a PLR da PREVI segue a mesma metodologia de pagamento da PLR do Banco do Brasil. Os funcionários da Entidade também têm um acordo de trabalho com metas a cumprir, além de avaliações a cada seis meses na Gestão por Competências, a GDP.

A política de gestão de pessoas da PREVI está alinhada com as necessidades da Entidade e as boas práticas de mercado. Investimos em nosso corpo técnico, que é engajado com a missão da Entidade, de garantir o pagamento de benefícios aos associados de forma eficiente, segura e sustentável.

     Valores aproximados atribuídos pelo blog:

Salário do presidente da PREVI...R$ 56.000,00
(Cada diretor....R$ 48.000,00)

Conselheiro Deliberativo 25%.....R$ 14.000,00

Conselheiro Fiscal 20%................R$11.200,00

Obs: Coloquei o teto máximo, pode haver variação para menos. Ressalto que são números subjetivos, não necessariamente espelham a realidade dos holerites. Seria função da PREVI se fosse 100% transparente informar os valores reais. Mas sentem o maior prazer em não informar corretamente o aposentado.
SERÁ QUE O COMPETENTE CORPO TÉCNICO DA PREVI, DESCRITO NOS DOIS ÚLTIMOS PARÁGRAFOS DO INFORMATIVO, RECEBE OS MESMOS VALORES DO INSS?

38 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia querido,

Eu penso e sou forte o bastante para isto pois sou jovem ainda, deveriamos fazer com que estes abutres se possicionassem. É uma roubalheira atrás da outra, desde quando a previ virou banco?!?

Lamentável!!!!!!

Deveria ser salário minímo para todos os técnicos da previ. Não é assim que nos tratam?

Um grande abraço,

Lú.

Anônimo disse...

Amigo Ari,
Com relação a resposta que você deu para a Titi maravilha, te digo que entrei no BB em 1977 e aposentei em 2007.
Se tenho probabilidade de sucesso na ação de forma proporcional, o que devo fazer?
Primeiro associar me a Anaplac e depois? Enviar a documentação? E as custas?
Te agradeço pela orientação.
Abraços,
Celio

Ari Zanella disse...

Caro Célio,

No meu entendimento e no entendimento do Gilvan você tem direito à proporcionalidade. Porém, submetemos a matéria à apreciação de nosso corpo jurídico para a devida ratificação.
Você já poderia associar-se pelo Autoatendimento do nosso site. A mensalidade hoje é 15,oo mas como estamos há quatro anos sem reajuste na mensalidade, a partir de janeiro/2017 passaremos a cobrar 20,00 que serão cobrados através de boleto bancário, posto que o BB cancelou o contrato DCO que tínhamos com ele (acaba em 31.12.2016). Em vista disso passaremos a cobrar dos novos associados somente de janeiro/17 em diante.
Quanto às custas judiciais são todas pagas pela ANAPLAB, inclusive sucumbências, se houver. Tudo advem das mensalidades usadas na maior parte para este fim. Por isso, não pode ter inadimplência senão desestrutura...
Após associar-se, clique no ícone AÇÕES JUDICIAIS onde abrirá uma tela com dez ações que possuímos; clique sobre RMI (creio que é a última do portfólio). Nela você vai ler a fundamentação, a jurisprudência, quem tem direito, documentação exigida, forma de envio etc.

Anônimo disse...

Caro colega Carvalho,

Como você vê, a FUNCEF está tomando providências concretas visando diminuição de custos administrativos e recuperação de prejuízos causados por investimentos equivocados que causaram danos ao Fundo de Pensão. Outro exemplo que os dirigentes da FUNCEF nos dá em relação ao bem estar dos seus associados, como fiel cumprimento da Lei 10.820/2003 no que diz respeito à utilização de 40% como índice para cálculo da Margem Consignável dos aposentados e pensionistas cujo pagamento de benefício está a seu cargo, em razão de essa Margem Consignável está impactada pelas consignações voluntárias. Agora, eu lhe pergunto:
a) por que a PREVI não tem tomado nenhuma medida concreta no sentido de reaver os capitais investidos nas empresas investigadas pela LAVAJARO, como a OAS, Sete Brasil, dentre outras?
b) Por que o percentual legal de 40% não é aplicado para cálculo da Margem Consignável, já que impactada pelas consignações voluntárias em favor da PREVI, CASSI, CAPEC, etc...? Será que esse Fundo de Pensão só toma medida para prejudicar seus assistidos, a exemplo da suspensão prematura do BET, da volta das contribuições para a PREVI 1, em extinção, etc...?
c) Por que da falta de transparência existente na PREVI, onde os assuntos de interesse dos seus assistidos e discutidos em reuniões, quer da Diretoria Executiva, quer do Conselho Deliberativo, não são levados ao conhecimento dos interessados? Será que é por causa da Lei da Mordaça, também conhecida como Código de Ética?
2. Espero respostas convincentes para os questionamentos por mim feitos, acreditando ser esse o desejo de milhares de aposentados e pensionistas que se encontram em situação por demais vexatória, clamando por algum benefício que lhes venha minorar a angustiosa vida em que foram jogados pela própria PREVI, tais como: mudança da metodologia de cálculo da Margem Consignável, facilitando-lhes acesso ao Empréstimo Simples, alteração na forma de cálculo dos encargos do Empréstimo Simples, abolindo-se a prática do anatocismo e estabelecendo-se parcela fixa para os mútuos, a exemplo do CDC, suspensão das parcelas do Empréstimo Simples, período Dezembro/2016 a Fevereuro/2017, até o momento sem definição por parte do Fundo de Pensão, etc, etc.
Atenciosamente,
Filomeno José Linard Costa - Aposentado Matr. 3.288.840-6

Rubens disse...


Concordando com o anônimo de 05/11/16, das 09:52, tambem li este artigo a respeito da Funcef, que como Fundo de Pensão da Caixa, se uniram em favor de melhor gestão do mesmo, após o rombo bilionário, se uniram com o MPF, por que a Previ e o BB, não fazem o mesmo, deveriam fazer, pois senão a galinha dos ovos de ouro, pode reduzir os Bonus imoral e ai a coisa pode apertar mais ainda para os aposentados e pensionistas, por favor reflitam a respeito deste importante assunto. Obrigado aos que repassarem este comentário, se estiverem de acordo, e obrigado pelo espaço.

Paulo Segundo disse...

Amigo, Filomeno!A FUNCEF está bem na frente da PREVI quando o assunto é gestão.Desde 2006, conseguiram colocar o mesmo índice de reajuste do pessoal da ativa para os benefícios, ou seja, nos anos em que o pessoal da ativa teve aumentos reais, os aposentados também tiveram!Quando não fosse aumen0to real seria o INPC.Os cargos e salários da CEF hoje são bem mais atraentes que do BB, hoje se perguntar a qualquer concurseiro qual banco é melhor para trabalhar, sem dúvidas é a CEF.

Anônimo disse...

"SE ALGUÉM HOJE ESTÁ SENTADO NA SOMBRA É PORQUE ALGUÉM PLANTOU A ÁRVORE HÁ MUITO TEMPO"

Anônimo disse...

6(seis) salários de remuneração variável = Um semestre de proventos)? 19(dezenove) salários em um ano? Um e meio(magnifico) salário por mês, mais décimo terceiro? A cada seis meses de trabalho(?????!!!!!!)
mais 3(três) de remuneração?
O dinheiro destinado a pagamento de benefícios?
Gostaria de falar mais, mas vou ficando por aqui?
Uma vergonha!

Anônimo disse...

Previ, uma corporação cheia de talentos. Tá lento pra tudo, inté pra resolver os problema do saposentado.

Anônimo disse...

Prof.Ari
A proporcionalidade é para quem se aposentou após 2001 e quem se aposentou antes de 2001 está totalmente enquadrado no regulamento da admissão?

Anônimo disse...

Ari,
Boa tarde

Não poderíamos entrar com uma AÇÃO CÍVEL PÚBLICA, a respeito desta vergonha?
Por favor, aguardo sua manifestação.
Grato.
Abs.

Anônimo disse...

Pessoal,

Quanto ganha um superintendente do INSS? Será que ganha mais do que um diretor da nossa Previ?

Nossos diretores tem mais capacidade técnica do que os do INSS, de modo a fazer jus ao salário de 60 mil reais que ganham na PREVI?

O que o PT viu nesses nossos diretores para colocá-los lá, na diretoria do nosso fundo, principalmente da seguridade?

Um abraço.

Anônimo disse...


Célio!!!!!!!Não acredito que você ainda não se associou à Anaplab!!!!
Pega a ficha no site, vivente!!! Preencha logo, tchê!



Anônimo disse...

Tá circulando no Facebook a ideia de fazermos um abaixo-assinado para que os aposentados e pensionistas da Previ tenham direito na participação dos lucros. Achei interessante essa iniciativa, principalmente por terem os dirigentes do fundo embolsado 500 mil cada um, sem dó nem piedade de nós.
Não é sempre que a Previ tem lucro, mas quando tiver, terá que repartir, beneficiando a todos, e não apenas os ricos e privilegiados diretores.

Vamos todos assinar caso o abaixo-assinado começar a circular.

Anônimo disse...

Vai falar o que disso tudo? Se paga uma fortuna pros cabra te enfiarem o caibro?
Será que nos países desenvolvidos os caboco pagam para meterem as mãos nos seus bolsos? Não sei pq nunca saí do Brasil nem pra comprar muamba no Paraguai.
É por isso que se mandarem rolar, deitar, dar a patinha obedecem rindo. Como diz o Filósofo do Instrumento Nobre, se mandarem tomar caju, não param nunca mais de fazê-lo-á doidado.
É um mundo da fantasia no universo de necessitados.

"Dura lex, sed lex" .-.-.-mas gostam só do Duro

Anônimo disse...


Caro 13:46,

Eles não querem resolver os problemas do aposentado. Para eles interessa somente a alegria do patrocinador a a festa deles próprios.

Anônimo disse...

Uma vergonha ! Gostaria de ENTENDER se o salário SUBSTITUI o do Banco do Brasil, ou se são ACUMULADOS.
Ah, sim. Preciso saber como me candidatar ao Conselho Deliberativo ou Conselho Fiscal.
A velhice chegou rápido e os problema$ financeiro$ se acumulam. Claro que é uma brincadeira, teria chance ZERO. Mas de uma coisa tenho certeza: NÃO ME DOBRARIAM JAMAIS!

Nascimento.

Marisa Moreira disse...

Sr.Ari bo tarde !!!

Esta materia foi enviada ao Fale Conosco da Previ e esta postada em varios Grupos do Face e não poderia faltar aqui Foi autorizou a postar em todos os lugares e tb a colar e copiar e enviar para PREVI trocando apenas a matricula. Achei otimo e ja o fiz. Muito obrigada...

Olhaí - o que enviei agora para o "Fale Conosco" da Previ:

Senhoras(es)

Desculpem minha franqueza, mas V.Sas. deveriam ter vergonha de responder a um associado-patrocinador nesses termos burocráticos.

Não estamos falando de informações obrigatórias previstas na legislação que, por óbvio, devem ser divulgadas pela direção da Entidade.

Nem buscamos informação sigilosa cuja divulgação poderia colocar em risco os negócios da Previ - apenas essas, a rigor, se sujeitariam ao controle da informação. No mais, é simples biombo para ocultar o inconfessável.

O que buscamos - certamente V.Sas. compreendem - é explicitar como são tomadas as decisões por aqueles que nos representam (e/ou ao BB) à frente da gestão da nossa combalida Caixa de Previdência.

A Nota citada por V.Sas. é um acinte aos associados e assistidos. O fato do Conselho Deliberativo ter tomado uma decisão em seu âmbito e competência (diga-se a verdade, alterando posicionamento anterior que, por sua vez, já alterara decisões pretéritas sobre o mesmo assunto indigesto) não confere, em absoluto, moralidade ao ato espúrio.

É disso que trata o meu questionamento e de tantos outros ofendidos com a concessão de privilégio aviltante.

Mais um episódio vergonhoso de nossos dirigentes, melancolicamente maquiado pelas assessorias de (não) comunicação.

Melhor acabar com esse Fale Conosco, como diz aquele velho anuncio de aparelhos para surdez: "ouvem, mas não entendem bem as palavras".

Registre-se a minha indignação com os dirigentes e o meu protesto com o franco descaso para com os associados/assistidos.

Que vocês se envergonhem do que fazem!

Leonardo Torres Teixeira Leite
6.211.381-X
Associado desde 31.07.1987
Assistido desde 01.08.2015
Assustado desde sempre!

sss disse...

Professor Ari, acaso tens notícias do Dr. Medeiros? Ele fez a cirurgia? Está bem? Obrigado.

Rubens disse...


Ao colega anônimo, das 15:26 hrs, dia 05/11/16, sobre o abaixo assinado no Facebook, se sair esta Petição/Abaixo assinado, ref. a PLR para aposentados e pensionistas, mesmo que seja em menor valor, comparado com os da ativa, eu assinarei e convidarei aos meus contatos para fazê-lo tambem, vamos mandar brasa, qual o colega que se habilitaria??? Pois na Ação Cesta Alimentação, que seria uma grande ajuda aos aposentados, o STF negou, agora vamos ver se pelo menos alguma graninha viria para nós.

Anônimo disse...

05/11/16 14:49

Não mais do que os 28 mil (ou agora seriam 33 mil) do Presidente da República.

E o diretor de seguridade da PREVI foi colocado lá pelos votos do Previ Futuro, já que os velhinhos ficaram com suas bundas no sofá e deixaram o barco correr.

Agora não adianta chorar...

Anônimo disse...

05/11/16 15:26

Nem adianta pensar em PLR, pois a melhoria de benefícios já está definida nas LC 108 e 109/01.

Só irá deixar todo mundo com esperança de receber mais algum "dim dim", mas no final será somente mais um tiro na água...

O que poderíamos fazer seria contestar o pagamento da PLR, já que a PREVI não tem finalidade de lucro, atentando também para o fato de que nos anos de déficit aí mesmo é que não cabia distribuir qualquer valor a título de PLR.

Aliás, essa foi mais uma inventada pela PREVI: participação positiva nos prejuízos.

Comico se não fosse trágico.

Anônimo disse...

Colega das 17:54, por que será que o STF nega tudo prá nós? acho que eles não sabem do nosso sofrimento, cadê a mídia a nosso favor? nunca ouviu o nosso grito. Colega, quanto a ação cesta alimentação disseram que ia sair só para os inválidos e até hoje, alguem tem notícia ?

Anônimo disse...

Esqueceram de computar os jetons que auferem nos conselhos das participadas. Encastelados no palácio de cristal ad aeternum.

Anônimo disse...

Salário de PARAQUEDISTA está bom pra Kharai! Fazer papel de vaca de presépio e engordar a conta sem ser responsabilizado pelo monte de caca é igual prêmio de loteria.


6 tão é de sacanagem

Anônimo disse...

56.000 X 12 = 672.000,00 sem o 13°, bônus e o tale coisa, coisa e tale, motorista, carro, combustível dá um total de quanto?
E SE PERGUNTAR ONDE FOI FEITO O ESTUDO PARA SUSTENTAR OS ARGUMENTOS?

FOI NA CASA DELA

Anônimo disse...

Os pessoaus,

Vamos enxergar esse assunto do outro lado. Coloquemo-nos no lugar dos laboriosos diretores. Como todo trabalhador dedicado,os diretores devem achar que o que ganham está muito aquém do que merecem. Com toda a capacidade e talento dedicados ao fundo devem lutar por melhorias salariais, assim como deputados, senadores e coisas do gênero. Para tanto, basta que coloquemos pilha num dos diretores para chamar uma plenária com objetivo de fazer uma greve por tempo indeterminado. Se dermos sorte da diretoria ficar um mês de greve, o BET volta.

Anônimo disse...


Notícia no site 'globo.com':

"Dilma está no Uruguai desde quinta-feira para participar de atos e reuniões".

Possibilidades paralelas:

a) preparar sua estadia por lá;
b) comprar fazendas;
c) dar conselhos econômicos ao presidente uruguaio;
d) explicar o que deve e não deve fazer como presidente;
e) solicitar que o Uruguai se retire do Mercosul.

Pergunto: Será que o fretamento do jatinho será pago pelo povo brasileiro?

Anônimo disse...


Dinheiro traz fartura;
Fartura traz gordura...

E tem um diretor no palácio, que logo, logo, vai ter que apelar para uma cirurgia bariátrica. E tudo por conta da nossa Cassi, é claro!

Aristophanes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aristophanes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Professor Ari,

Em face dos tais supersalários e superbônus, dá para imaginar que tem marajá na Previ ( e no BB) que nem fez concurso externo para entrar no BB??? Que entraram pela janela mesmo, via concurso interno apenas, a maioria ex-menores parentes, apoiados por Sindicatos?
Pois é, como já disseram, muitos plantaram a árvore para eles deitarem na sombra. "Entramos de gaiatos no navio, entramos, entramos pelo cano" !!!!!

Anônimo disse...

Vamos mandar essa aberração para a Presidencia da República,Senado Federal, Câmara dos Deputados, ONU e o escambau a quatro. Caramba, enfrentei assalto teabalhei 23 anos no BB comendo o pão que o Diablo não quis amassar e esses caras ganham num mês quase o que ganho no ano.Temos que acunhar (meter a cunha e não o Cunha) na orgia remuneratória desses cabras. Vai ter Senador e Deputados detonando com esses valores. Os bons, é claro!!! Geraria mídia para nosso lado. Já pensou estampar nos jornais a remuneração deles e ao lado algumas aposentadorias nossas e de pensionistas. No rodapé do envio Sr. Ari, diga que vamos assisti-los via TV Senado e Câmara. Ó professor faça isso!!!Quero ver se tem macho pra defender o desmantelo.

Julita disse...

Anonimo 06/11/16 06:enviem para a Jovem Pan, O Villa saberá o que fazer!!
A Previ é uma roubalheira só!Não estão nem ai com os aposentados e pensionistas! Querem encher os bolsos com o nosso dinheiro!

Anônimo disse...

Muito bem lembrado!! Marco antonio Villa, da Rádio Jovem Pan e do Jornal da Cultura de São Paulo. Ele é uma das vozes contra as aberrações e desmandos. Eliane Cantanhede é outro bom nome. É só mandar.
E para os deputados do bem!!
E para os senadores do bem também!!
E para quem mais (MPF?) puder gritar e assim nos ajudar!!!
Vamos acabar com a "banalidade do mal"!!!

sss disse...

Se as coisas na Previ estão conforme o quadro pintado acima, então por que não levar toda essa farra ao conhecimento das Autoridades competentes? Falar, falar e falar como a desabafar não ajudará em nada, visto que nossas vozes não serão ouvidas por eles. Então, que tais falcatruas sejam entregues nas mãos da Justiça.

Anônimo disse...

Aqui na minha cidade,de porte médio,com mais ou menos 300.000 habitantes a qual não vou dizer o nome; o gerente geral foi um menor aprendiz e também não fez concurso externo para entrar no BB. Penso que se tivesse feito, hoje nem seria funcionário do BB.

Anônimo disse...

Prezado e estimado Professor
Veja se consegue me esclarecer uma dúvida.
Quem tomou posse no Banco em 15/09/1969 está sob a égide de que Estatuto?
No site da PREVI o Estatuto mais antigo que aparece é o de 04/03/1980.
Obrigado pela atenção de sempre.