BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

ES EM PAUTA - PERGUNTAS E RESPOSTAS

Notícias

27/11/2015

Empréstimo Simples: suspensão e renegociação das prestações

A partir de 30/11, essas opções já estarão disponíveis. Veja as principais dúvidas sobre o tema.

As operações de suspensão e renegociação das prestações do ES poderão ser realizadas a partir das 9h do dia 30/11. Alguns participantes têm entrado em contato com a PREVI com algumas dúvidas sobre essas operações. Veja abaixo as perguntas mais frequentes:

1. Quando poderá ser feita a suspensão das prestações?
Resposta: A opção pela suspensão poderá ser feita a partir do dia 30/11 até o dia 4/12/2015.


2. É possível renovar o contrato de Empréstimo e fazer a suspensão das prestações logo em seguida?
Resposta: Sim, caso haja margem consignável para a renovação, porém só os contratos vigentes em 04/12/2015 terão suas prestações suspensas.


3. Por que os participantes do PREVI Futuro não podem suspender as prestações?
Resposta: A suspensão das prestações não será disponibilizada aos participantes do Plano PREVI Futuro devido à escassez de recurso desse plano de benefício. Um aumento substancial na utilização desses recursos poderia resultar na suspensão das operações.


4. Na renegociação haverá algum crédito em conta?
Resposta: Não. A renegociação visa a redução do valor das prestações.


5. É possível renovar um empréstimo e fazer a renegociação logo em seguida?
Resposta: Depende da data de contratação.  Para as operações contratadas a partir de 30/11/2015 terá que ser cumprida a carência de 6 prestações pagas para renegociar.  Para as operações contratadas até 29/11/2015 será liberada a carência para renegociação.


6. Quem possui dois empréstimos poderá renegociar somente um?
Resposta: Sim.


7. Como e quando fazer a renegociação do Empréstimo Simples?
Resposta: A Renegociação estará disponível no Autoatendimento do site da PREVI a partir de 30 de novembro de 2015. Toda a operação será feita diretamente no site.


8. Quais taxas incidem na renegociação?
Resposta: Os juros são os mesmos das operações de empréstimo simples, INPC mais 5% a.a. A taxa para composição do Fundo de Quitação por Morte varia de acordo com a idade do mutuário no momento da renegociação, e será alterada no decorrer do contrato. Também existe a taxa para composição do Fundo de Liquidez vigente no momento da renegociação. Entretanto, para o participante do Plano 1, essa taxa permanece suspensa.


http://goo.gl/WZ92na

50 comentários:

Anônimo disse...

COLEGAS PREVINCIANOS:

2017 SERÁ UM NOVO ANO! TEREMOS MUITAS NOVIDADES. TEREMOS UMA GRANDE FINAL DA SÉRIE B ENTRE BOTAFOGO E VASCO. O JEC SERÁ O CAMPEÃO DA SÉRIE C

AGUARDEMOS

Ari Zanella disse...

Prezada Ivone,

Em princípio só é possível CANCELAR no site a SUSPENSÃO do débito das prestações. Para tanto, basta ir na própria página e clicar em

CANCELAR SUSPENSÃO

No caso de RENEGOCIAÇÃO é preciso entrar em contato com a GESOP pelo 0800 ou pelo "Fale Conosco" NO MESMO DIA para que seja tentado o cancelamento administrativamente. Se deixar passar do dia em que efetivou fica quase impossível.
Eu não fiz a renegociação mas o setor de Operações me informou que o sistema alerta umas três vezes que não é possível cancelar.

Anônimo disse...

Mestre

Veja isso!!! E agora? Como ficamos???

DECISÃO

Valores de previdência complementar recebidos por tutela antecipada posteriormente revogada devem ser devolvidos
Os valores de benefícios de previdência complementar recebidos por tutela antecipada, e que depois foi revogada, devem ser devolvidos. O entendimento é da Terceira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que definiu que tais verbas são repetíveis – isto é, valor pago indevidamente e que deve ser devolvido.

O caso tratou de uma ação de revisão de aposentaria complementar que buscava incluir no benefício o valor do auxílio-cesta-alimentação. A decisão beneficiou a Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil (Previ). A tutela antecipada é uma decisão judicial que atende provisoriamente o pedido do autor da ação. Em regra, é reversível. O relator, ministro Villas Bôas Cueva, levou em conta justamente essa reversibilidade, ausência de boa-fé objetiva do beneficiário e a vedação do enriquecimento sem causa.

O ministro ainda estabeleceu que só podem ser descontados até 10% da renda mensal do salário do benefício previdenciário suplementar, até que o valor total seja alcançado. Para o magistrado, é necessário que a devolução não ocorra em uma vez apenas, porque as verbas previdenciárias complementares são para sustento do beneficiário.

Natureza alimentar

Villas Bôas Cueva lembrou que as verbas de natureza alimentar, definidas no Direito de Família, não podem ser devolvidas porque foram calculadas de acordo com um binômio que leva em conta as necessidades do beneficiário e as possibilidades de quem paga esse benefício, que pode ser um pai de família – caso da pensão alimentícia. Já as verbas oriundas da previdência complementar, por serem sujeitas a variação de contrato, podem ser devolvidas. Esta seria a hipótese em julgamento.

No caso, os valores recebidos foram legítimos enquanto vigorou a decisão provisória da Justiça, o que caracteriza a boa-fé do autor beneficiário. Entretanto, não se presume que tais valores, ainda que destinados à alimentação, façam parte definitivamente do patrimônio do beneficiário.

Caráter definitivo

Villas Bôas Cueva afirmou que a verba previdenciária recebida indevidamente só não será devolvida se ficar claro que ela foi paga por causa de erros administrativos cometidos pela própria entidade pagadora ou de decisões judiciais dotadas de força definitiva (decisão judicial transitada em julgado e posteriormente rescindida).

Anônimo disse...

Prezado Ari,
A PREVI É MUITO BOAZINHA:
VEJA O MEU CASO: se eu fizesse uma renovação para pegar um troco de $1.200,00 (eu já quitei 9 prestaçoes de $1.870,00) , eu iria pagar prestaçoes de $1.887,00.Parece bom,nao é? Entretanto, você multiplica 9 (que eu já havia pago) X $1.887,00 e vai dar quase $18.000,00//////Você recebe $1.200,00 para ter o "direito" de pagar $18 mil//////
Se eu fizesse a renegociação, as prestaçoes cairiam de $1.870,00 para $ 1.851,00. Ou seja, $19,00 apenas a menos e eu teria que pagar as mesmas 120 prestaçoes de $1.841,00///// Parece coisa de louco...

tarcisio augusto bulhoes martins disse...

Ao anônimo 01.12.15 - 10:54. RESPEITE O BOTAFOGO.VOÇE DEVE SER MULAMBO OU FLORMINENSE; E PONTO. Tarcísio.

Anônimo disse...

A Renegociação sem aumento do prazo só reduz a parcela para quem já pagou muitas parcelas que não é o caso da maioria.Para que inventaram essa renegociação?

Anônimo disse...

DÚVIDA - hoje tenho limite mas não tenho margem....quando do aumento da aposentadoria previsto para o mês de janeiro/2016, terei margem para elevar um pouco mais o meu endividamento...

Minha dúvida é a seguinte: quando da abertura da margem, será possível novo empréstimo mesmo com as parcelas suspensas até fevereiro/2016...

Ari Zanella disse...

14:30

Não. Somente ao final da suspensão, ou seja, em fevereiro poderá ser feita nova operação.

Anônimo disse...

Tenho dois ES o ES-A e o ES-B.
Pelo que li e entendi não posso suspender as parcelas de um só deles.
Serão suspensas as parcelas de todos os contratos, é o que diz o site da Previ.
Para renegociar é possível com um só dos contratos.
Como estou ligando direto desde ontem no 0800 (os dois ns.), e a "fila não anda", acredito que não estou sozinho na dúvida.
Alguem já obteve a resposta, se perguntou ?

Anônimo disse...

Fico muito indignado com colegas que se acham no direito de criticar a opção dos que tomam ES e renegociam ou suspendem as parcelas.
Meu Deus! Trabalhamos no BB por décadas sabemos das consequencias desastrosas q causam os empréstimos e financiamentos não somos retardados nem inconsequentes, somos somente pobres , aliás muito pobres.
Mas precisamos de comer todos os dias ainda não aprendemos a sobreviver só com a luz e calor solar, e é porisso que pegamos o ES.

Anônimo disse...

Caro Ary,
É verdade que o reajuste das aposentadoria vai ficar para maio.?

Anônimo disse...

Gente!Fizeram um alarde danado sobre as mudanças no ES, quando na prática o que ocorreu foi o seguinte:
a)a grande maioria deve aderir a suspensão das prestações, mesmo sendo enfatizado de que não seria o melhor dos "cenários":
b)a renegociação reduz as parcelas, em valores expressivos, somente em determinados casos, na grande maioria é trocar seis por meia dúzia:
c) as renovações não sofreram nenhuma modificações.
Assim, as esperanças de melhorias no cenário atual dos aposentados ficam mesmo para janeiro. Com uma advertência àqueles mais otimistas, que a parcela do INSS poderá sofre algumas interferências políticas do Governo.
Aproveito para agradecer ao mestre Ari por tudo que fez pelos associados e desejo a todos nós felicidades, sabedoria e perseverança para 2016.
Cadé - mat. 9.978.780-6

Anônimo disse...

Sugestão para encurtamento de links, através de http://link.zip.net/ ou outro similar.

Vejam que o link no final do artigo ficou resumido ao abaixo:

http://zip.net/bvstqp

Fiz o teste do link encurtado e deu bom resultado.

Anônimo disse...

Parabéns pelo post.
Respostas sucintas e corretas.
Farei a SUSPENSÃO do Empréstimo Simples (ES) até dia 04 e aguardarei para março/16 renegociar, se for favorável, pois já paguei 20 prestações de uns mil reais e hoje devo R$ 80 mil e não tenho margem consignável (MC). Aguardo reajuste dos 10% para janeiro/16.
Um abraço
Paulo Beno- Carazinho (RS)

Anônimo disse...

Pensei que a renegociação seria uma forma de reduzir o valor das parcelas para se aproximar do limite de 30% para todos os descontos.Mas a redução é tão pequena que levaria anos para isso.

Anônimo disse...

Professor onde aparece a aba da suspensão no site da previ. tenho que ligar no 0800? Nem o 1 nem o 2 atendem. Do jeito que está nem com todos os Santos da Bahia ligando!!! rsrsrs
Preciso entrar no autoatendimento na aba empréstimo simples??? Help!!! Socorro!!! Acudam!!!

Ari Zanella disse...

17:41

Sim. Entre no site www.previ.com.br

Clique no AUTOATENDIMENTO

Inserir Matrícula (SEM DV) e Senha

Depois clicar em EMPRÉSTIMO SIMPLES

Para quem estiver apto a primeira tela que abre é a da SUSPENSÃO DE COBRANÇA

E assim vai...

Anônimo disse...


Não faltava mais nada! O poste falou que caso o congresso nacional não legitime suas pedaladas o país para.
Aliás, deveria ser peidaladas que precedem as cagaladas


Chora cavaco

Anônimo disse...

E aí, gente ? Alguem sabe se pode suspender as parcelas de somente um contrato ?
Ou tem que ser ao dois ES A e ES B ?
0800 ? Alô !!! Tem alguém aí ?

Ari Zanella disse...

Caro Wilson Luiz,

Retirei o último parágrafo por considerar ofensivo. Desculpe-me.

WILSON LUIZ deixou um novo comentário sobre a sua postagem "ES EM PAUTA - PERGUNTAS E RESPOSTAS":


Poderá ser feita, até 4 de dezembro, opção para suspender o pagamento das prestações do empréstimo simples nos meses dezembro, janeiro e fevereiro.

Em 2013, para amenizar o cancelamento do pagamento do último ano do BET, a PREVI suspendeu as prestações do ES de janeiro a junho/2013.Talvez não sirva para nada mas, como curiosidade, fiz o seguinte levantamento:

R$ 7.602,00 – crédito referente a 3 parcelas suspensas de R$ 2.534,00 cada (janeiro a março 2013)

R$ 112.350,00 – saldo devedor em 31.12.2012

R$ 116.196,00 – saldo devedor em 31.03.2013, acréscimo de R$ 3.846,00 sobre 31.12.2012

Resumo – deixei de pagar R$ 7.602,00 de prestações, e o saldo devedor subiu R$ 3.846,00

Ari Zanella disse...

20:59

Na postagem Pergunta 6 temos que a resposta é SIM.

Eu tenho os dois (A e B), fiz a suspensão e vou aguardar se vai ser sobre oa dois ou apenas um.

Aliás, amanhã vou ligar para o Major para saber.

Anônimo disse...

Aí Prof Ari obrigado pela força.
A pergunta 6 do post se refere somente à RENEGOCIAÇÂO.
No site não se fala sobre SUSPENSÃO, aliás fala "todos os contratos". Por isso a dúvida.
Aguardamos com ansiedade resposta ao seu contato com o Manoel.
Pois se suspender só um contrato , o que não tiver as parcelas suspensas ( -de menor valor no meu caso- ) continua contando as 3 parcelas dez/jan/fev para o mínimo de 6 parcelas pagas exigido na contratação de novo empréstimo ( liquidando o que está em ser e contratando novo). Não usei "renovação" para não confundir.
Como o prezado Professor e colega disse, também creio que , em por volta de março de 2016, atualizem o limite para no mínimo 160 mil.

Anônimo disse...

Prezado Ari,
Boa noite e aproveitando enquanto tenho ânimo - Feliz Natal!

Colega anônimo das 12:58, você quer saber porque inventaram a renegociação?
Ora meu caro Watson para fazer MARKETING para a suspensão que é a melhor operação
financeira que será realizada nestes tempos de vacas magras.Não teremos escolha vamos
ter que entra nesta. Segura peão!

Anônimo disse...

Caso alguem não queira suspender um emprestimo no caso de ter mais de um, simplesmente faça uma amortização para o dia da folha no mesmo valor da prestação.

Ari Zanella disse...

Sr. Ex-Gerente,

Não pode escrever palavras depreciativas, por isso suprimi sua primeira frase.

"Cadastrei-me para empréstimo imobiliário e recebi aprovação para compra de um imóvel de valor de R# 250.000,00. Encontrei a casa, contratei com o dono e quando voltei lá, no site da Previ tinha caído para 40.000,00. Liguei, e além de não resolver, ouvir da atendente que a Previ estava certa. Me aposentei como gerente do BB e, o valor do imóvel que posso financiar é de 40.000,00.
O ES nem se fala. DE HOJE EM DIANTE, NUNCA MAIS TOMAREI UM EMPRÉSTIMO NA PREVI."

Anônimo disse...

Repetindo a minha indagação de 16:07, o reajuste dos aposentados vai ficar para maio?
Prezado Ary, sabe de algo?

Anônimo disse...

Ilustre Professor Ari Zanella:

Como foi "fácil" e "rápido" fiquei desconfiado. Apareceu esta mensagem: "Mutuário com cobrança de prestação suspensa". Por favor: é isso mesmo? está correto? Muito obrigado.

Anônimo disse...

Professor Ari,

Saberia informar se o campeão da SEGUNDONA tem direito a uma vaga na Libertadores?
Em caso negativo isso é uma injustiça muito grande. A falta de consciência da Confederação Sul americana em ajudar os mais fracos é uma absurdo. Não levam em conta o dispendioso gasto com ajuda de arbitragem. Isso é o fim da picada

Anônimo disse...

m


Mestre, quando você comanda suspensão do E.S. o sistema dá

OK ? No caso negativo, como saberemos se foi aceito o plei
to. ? Cordialmente : Divany Silveira

Ari Zanella disse...

10:24

Caro Divany,

Aparece a expressão:

MUTUÁRIO COM PRESTAÇÃO SUSPENSA

Então o pedido foi aceito.

Vale a resposta para o Anônimo das 09:23

Ari Zanella disse...

00:21

Espalharam esse boato mas eu acredito que não. O nosso reajuste será em janeiro.

Anônimo disse...

QUANDO SE APOSENTAM OS FUNCIONARIOS DA ATIVA PERDEM : 1)PLR-nunca mais vão receber esta participação nos lucros e resultados, esta PLR era como a gratificação antigamente que os funcionarios recebiam a cada 6 meses. 2) CESTA ALIMENTAÇÃO E VALE ALIMENTAÇÃO: se essas ajudas serviam para fazer a feira do mês, também não vai receber nunca mais. Em resumo, quando se aposentam tem uma queda brusca nos rendimentos uma vez que continuam a comer e os gastos não diminuem.

Anônimo disse...

Com a previsão de inflação alta em 2016, o EMPRESTIMO SIMPLES vai continuar com o saldo devedor alto, ou seja, iremos pagar as prestações e o saldo devedor além de não diminuir vai aumentar, isso significa que embora tenhamos um reajuste pelo INPC acompanhando a inflação no mes de janeiro, passaremos 11 meses depois do aumento vendo os nossos rendimentos com o poder de aquisição caindo mês a mês. Os aposentados que recebem pouco e estão endividados vão continuar apertados no proximo ano e uma das soluções para quem não tem vaidade e está passando fome seria procurar os RESTAURANTES POPULARES que existem em algumas capitais onde a refeição custa o valor simbolico de R$ 1,00(um real), a comida é considerada satisfatoria, não é ruim, vem acompanhada de um doce e um refresco e tem a vantagem de ser feita diariamente.

Anônimo disse...

Por favor me tirem uma dúvida, pois estou ligando para Previ e não consigo. Gostaria de saber se for feito uma renegociação do ES(tenho margem que posso liquidar o ES anterior e receber uns trocados) o reajuste da prestação será anual ou mensal.

tarcisio augusto bulhoes martins disse...

ao mulambo ou florminense - 02.12.15 - 9:43 - GRANDE BABACA.........SÓ PODIA SER. QUANTO AO MULAMBO, FALAR EM AJUDA DE ARBITRAGEM......É HILARIANTE.............QUANTOS TÍTULOS???????????? PAPELETAS AMARELAS E POR AÍ VAI. COM REFÊRENCIA AO FLORMINENSE GRANDE CAMPEÃO DA TERCEIRONA E REI DO TAPETÃO. EM SUMA; SE NÃO FOSSE PELA ARBITRAGEM AMIGA, SÓ DEUS SABE ?????????????? Tarcísio.

Ari Zanella disse...

13:31

Na renegociação há somente a dilatação do prazo e a prestação fica menor. As condições são as mesmas do contrato original (repactuado) no qual a correção é feita mensalmente com base no INPC de 60 dias anteriores (apenas contábil) e ANUALMENTE aplicada sobre o valor da prestação.
Assim me explicou a Mônica da GESOP.

Anônimo disse...

Na conjuntura atual, a única forma de pegar um dinheiro extra é suspendendo as prestações. Jamais teremos um novo empréstimo simples. Motivo, saldo devedor altíssimo.

WILSON LUIZ disse...

Caro anônimo 00:21 hs., o que o governo federal estaria estudando, por problemas de caixa, seria a postergação do reajuste do benefício INSS para maio/2016.

WILSON LUIZ disse...

PETROBRAS 49% OFF

A Black Friday continua na Petrobras. Acabam de vender 49% das ações da Gaspetro para uma empresa japonesa. Desesperados para fazer caixa, estão liquidando todas as jóias da vovó.

Pena que FHC não teve coragem de privatizar este elefante branco. Tivesse feito, hoje ela seria uma das empresas mais valiosas do mundo, com a PREVI detendo uma bela participação, já que era obrigada, pelo governo, a participar dos leilões.

Anônimo disse...

Prezado Ari,
Ontem tentei renegociar e o resultado seria patético. Tentei renovar e o resultado seria patético. Tentei suspender APENAS a prestaçao de dezembro/15 mas so posso suspender as TRES ou NENHUMA.Resultado: deixei tudo com o estava e dei mil graças a Deus/////

Anônimo disse...

Com a isenção do IOF e da taxa de administração na renegociação do ES ,minhas prestações foram reduzidas em 100% em dezembro/2015 e em janeiro e fevereiro/2016, não é um Black Friday? rsrsrs

Anônimo disse...

Alguns colegas, eu inclusive, não têm disponível as opções de renegociação ou suspensão de parcelas do ES. Motivo: "dívida" na Previ, referente devolução das parcelas recebidas a título de Cesta Alimentação, cuja ação foi perdida pelos funcionários.
Falta de bom senso, pois essa "dívida" está sendo debitada em nossa Fopag (conforme notificação da Previ) e não temos como escapar, nem fugiremos para a Espanha ou para a Itália.

Hilton Gorresen

Ari Zanella disse...


Futebol é uma paixão para muitos. Por isso, deixo de publicar sobre o tema.
Deletei o que foi publicado e não publico mais, senão a coisa descamba.

Caro Rafael,

Não publiquei sua comparação pelo motivo de hoje ter sido iniciado o processo de "impeachment" no Congresso. E a causa alegada por Hélio Bicudo é justamente a que você se reportou.

Ari Zanella disse...

20:59

Liguei para a PREVI e recebi a confirmação: Quem tiver dois ES (A e B) se optar pela suspensão das parcelas, será sobre OS DOIS CONTRATOS.

Anônimo disse...

Prezados Colegas,

ATENÇÃO: "SOS CASSI"
O BB está se preparando para dar o golpe final na Cassi. Para isto, ELE MENTE, PARA OS FUNCIONÁRIOS DA ATIVA, através de suas mensagens pela Intranet. SOMOS TODOS IGUAIS PERANTE A CASSI, apesar de sermos diferentes nos planos da Previ. PARA A CASSI, SOMOS TODOS "BENEFÍCIO DEFINIDO", o BB é obrigado a nos garantir o direito de saúde. É esta obrigação que o BB quer se ver livre. Em breve seremos, provavelmente, convidados à uma consulta para alteração do Estatuto. DIVULGUE para todos que conhece, aposentados ou ativos. Estamos no mesmo barco.

"NÃO À CRIAÇÃO DO FUNDO CASSI"

sss disse...

Prof° Ari, boa noite. No ítem 2 das perguntas e respostas afirma catericamentel ser possivel renovar o empréstimo e em seguida fazer a suspensão.
Estou questionando porque, salvo engano, não seria possível renovar o empréstimo e suspender as prestações ao mesmo tempo. Diz, ainda, que serão suspensas as prestações dos contratos que estiverem em vigor no dia 04/12/2015, um ponto a mais na minha dúvida. Corrija-me e me ajude onde se fizer necessário, por gentileza.
Por fim, esse é um daqueles momentos que a linguagem técnica atrapalha. Obrigado.

Anônimo disse...

Prof Ari, pensei e nao vou suspender ss prestações, pois sei q em marco, meu saldo devedor ira as alturas e jamais tsrei como renovar. O ditado, ralado, ralado e meio. Simplesmente, triste, ref do emp simples, por mais de, 20 anos.

Ari Zanella disse...

Caro Manoel,

"Resposta: Sim, caso haja margem consignável para a renovação, porém só os contratos vigentes em 04/12/2015 terão suas prestações suspensas."

Portanto, na prática a renovação teria que ter acontecido até 29.11.2015 a fim de estar vigente em 04.12.2015, que é o prazo final para pedir a suspensão.

Anônimo disse...

Aos que pensam que se devem por exemplo 105 prestações do emprestimo e se renovarem vao receber uma mixaria e ainda aumentar o prazo para 120 meses, INFORMO QUE 105 OU 120 MESES TANTO FAZ, SE O SALDO DEVEDOR AO FINAL DESTE PRAZO AINDA EXISTIR OU SEJA, SE AINDA EXISTIR SALDO DEVEDOR TERÁ QUE SER LIQUIDADO. É POR ESSAS E OUTRAS REGRAS QUE A PREVI NÃO PERDE UM CENTAVO COM O EMPRESTIMO SIMPLES. COM A PALAVRA O PROF. ARI.

Anônimo disse...

- Prof. Ari, gracias !
Não resta mais a dúvida sobre suspensão dos ES A e B.
Pediu a suspensão : suspende-se a dos dois contratos.
Se foi o Major que lhe respondeu, dê-lhe dois dias de folga.