BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

terça-feira, 28 de julho de 2015

EDITORIAL DA GAZETA DO POVO (PR) DE ONTEM

EDITORIAL
Duas CPIs mais que necessárias
As motivações nada republicanas de Eduardo Cunha para instalar CPIs não tiram a importância da investigação sobre os empréstimos do BNDES e a gestão dos fundos de pensão
·        Gazeta do Povo
Texto publicado na edição impressa de 27 de julho de 2015
Quando voltarem do recesso, em agosto, alguns deputados federais terão trabalho novo: a CPI do BNDES, que terá o objetivo de vasculhar os empréstimos feitos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social desde o início do primeiro mandato do presidente Lula. A comissão foi instalada pelo presidente da Casa, Eduardo Cunha, em 17 de julho, pouco depois de anunciar publicamente seu rompimento com a presidente Dilma Rousseff. A CPI do BNDES, cujo requerimento de instalação foi feito pelo paranaense Rubens Bueno, já era uma necessidade havia muito tempo; é uma pena que, agora, sua criação se dê quase que única e exclusivamente como vingança pessoal de Cunha contra Dilma – o deputado culpa o Planalto por sua inclusão na lista de políticos investigados na Operação Lava Jato. Mas as motivações nada republicanas de Cunha não tiram a importância da investigação.
Em dezembro do ano passado, os congressistas incluíram na Medida Provisória 661, que autorizava um repasse de R$ 30 bilhões do Tesouro Nacional ao BNDES, um dispositivo que levantava o sigilo nas operações de crédito do banco de fomento. A iniciativa veio da Câmara e foi mantida pelo Senado. Dilma, no entanto, vetou o fim do sigilo em maio deste ano. A oposição está especialmente interessada nos dados relativos aos empréstimos que viabilizam vultosas obras de infraestrutura em países cujos governos são ideologicamente afinados com o petismo, como os de Cuba, Angola, Argentina, Equador e Venezuela. Além disso, o BNDES foi participante ativo na equivocada política de escolha de “campeões nacionais”, empresas selecionadas a dedo com critérios nem sempre transparentes, muitas vezes capazes de se expandir para o exterior com dinheiro próprio, em vez de obter empréstimos a condições camaradas com um banco de fomento que poderia direcionar mais recursos aos empresários que efetivamente deles necessitam.
O “capitalismo de compadres” e o aparelhamento da máquina pública são fundamentais para se entender o Brasil sob o comando do PT
E, em uma demonstração de que os escândalos acabam se entrelaçando, entre os grandes beneficiários de empréstimos do BNDES está a empreiteira Odebrecht. O presidente da empresa, Marcelo Odebrecht, está preso na carceragem da Polícia Federal em Curitiba, por suspeita de envolvimento nas roubalheiras da Petrobras, investigadas pela Operação Lava Jato. Além disso, a empreiteira seria uma das beneficiadas pela ação do ex-presidente Lula, investigado pela Procuradoria da República no Distrito Federal por suposto tráfico de influência. Ou seja, o potencial explosivo da CPI do BNDES é imenso, e por isso é compreensível a apreensão no Planalto, por mais que os líderes do governo tentem mostrar tranquilidade.
Outro motivo para tensão, aliás, é a CPI dos fundos de pensão na Câmara (já existe uma sobre o mesmo tema no Senado). Sua criação, também motivada por requerimento de Bueno, foi autorizada por Eduardo Cunha, mas ela não começará a trabalhar logo: por causa do limite de comissões que podem funcionar simultaneamente, ela terá de esperar pelo encerramento de alguma CPI – mais provavelmente, a do Sistema Carcerário. A investigação deve se centrar no uso político e em irregularidades cometidas na gestão de Funcef, Petros, Previ e Postalis, fundos de pensão respectivamente da Caixa Econômica Federal, Petrobras, Banco do Brasil e Correios. Em alguns deles o rombo é tão grande que surgiu a proposta de elevar a contribuição previdenciária dos servidores para compensar o estrago.

As duas investigações, se bem realizadas, poderão ajudar a lançar muita luz sobre estes pouco mais de 12 anos de petismo no poder. Por mais que a máquina de propaganda petista tente manchar as CPIs como produto da vingança pessoal de Cunha, sua importância não pode ser minimizada. O “capitalismo de compadres” fomentado por Lula e Dilma e o aparelhamento insaciável da máquina pública, incluindo os fundos de pensão, são fundamentais para se entender o Brasil sob o comando do PT.
ROMPIDO COM O PLANALTO, CUNHA AUTORIZA DUAS CPIs QUE VÃO DE ENCONTRO COM OS ANSEIOS DO GOVERNO FEDERAL.

46 comentários:

Anônimo disse...

Diria eu: neste momento, mesmo com a pecha de vingativo, Eduardo Cunha colocou a boca no trombone e vai deixar rolar. O Planalto que se vire em dar explicações. O Juiz Sérgio Moro deve estar dando gargalhadas, pois como ele mesmo disse -- ou teria sido o Ministro Teori: toda vez que a PF puxa uma pena vem uma galinha (ou avestruz).
E talvez tenhamos como resultado das duas CPIs a punição para quem as merecer.

Anônimo disse...

Entenda por que os titulos de VALE e PETRO tendem para ZERO...

Anônimo disse...

' MESTRE , MESMO NÃO QUERENDO PLAGIAR COLEGAS . ..."

Você se superou abordando esta temática, que tudo indica vai dar
samba Aliás, não entendi por qual razão Dilma vetou o sigilo nas
operações da espécie , uma vez que a bola vai estourar no peito
do amigo, para gáudio nosso. Mestre, aqui e acolá tenho ouvido fa-
lar em seu nome e do Marcos Cordeiro para diretoria da Previ, mas
vejo um problema que nós, seus amigos, temos de ajudar resolver ,
pois como são honestos, dificilmente vão dar o chute inicial. A-
liás, tudo que pode ser bom para nós, torna-se difiicil em funão
de nossa apatia. Mas nesta olimpiada gostaria de me empenhar, se
Deus quiser .Cordialmente, DivanySilveira-Sete Lagoas-mg

Anônimo disse...

Acho que não podemos colocar muita fé nesta CPI dos fundos de Pensões uma vez que pode ser interrompid, aliás ela só vai ser criada quando uma das CPI findarem. Melhor continuarmos a nossa luta do que colocar toda nossa esperança nesta CPI. NÃO VAMOS CRUZAR OS BRAÇOS, TEMOS QUE CONTINUAR LUTANDO.

EMPRÉSTIMO VINCULADO A PROCESSOS NA ANABB disse...

A ANABB E COOPERFORTE PODERIAM ESTUDAR ESSA OPÇÃO....

Por que não estudar a possibilidade aventada por anonimo em post anterior.
Conceder um empréstimo ao grande contingente de endividados, amparados em ações na justiça que, embora demorados, já contam com jurisprudência favorável.
O problema em especial é a lentidão na condução, principalmente por parte da ANABB.
A minha ação IR 1/3 PREVI, JÁ RECONHECIDA ATÉ PELA RECEITA FEDERAL, está em andamento há cerca de 15 anos. Os embargos aa execução ocorrem desde 2008. E PASMEM, está CONCLUSOS PARA SENTENÇA DESDE 06/02/2013. Ou seja, há mais de 2 anos na mesa do juiz para sentença. E a anabb responde que o processo eh mesmo lento.
Já vi, anteriormente, pedidos diversos quanto aa possibilidade da ação ser tirado da anabb para alguma associação. Mesmo à custa de novos honorários, mas o assunto não prosperou. Tem associação que conseguiu desfecho favorável de ação do IR 1/3 previ em poucos anos.
Seria um empréstimo amparado no resultado CERTO de ações judiciais em andamento e que seria de grande ajuda a um grande contingente de necessitados desesperançados e que não encontram amparo, especialmente da previ.
Luiz

Anônimo disse...

A ANABB FAZER EMPRESTIMO BASEADO EM AÇÃO QUE NÃO TEM DATA CERTA PARA RECEBER ?? MELHOR PENSAR EM OUTRA OPÇÃO, POIS QUE A DIRETORIA JAMAIS IRA FAZER ISSO E ADEMAIS ELA NÃO TEM DINHEIRO PARA BANCAR ESSES EMPRESTIMOS. SEI QUE DESESPERO LEVA A PESSOA A SONHAR, MAS TEMOS QUE MANTER OS OLHOS ABERTOS E NÃO SE ILUDIR. POR EXEMPLO ESTA AÇÃO DA CESTA ALIMENTAÇÃO QUE ERA DADA COMO CERTA E DE REPENTE SE VIROU CONTRA TODOS QUE VINHA RECEBENDO.

Anônimo disse...

Colegas,

quando a PF começará prender os ex-presidentes do BB e da Previ/Cassi?
Outros tais, senadores e deputados, que estariam comprometidos com as farsas nos fundos de aposentadoria e assistência.
Tá na hora.

Anônimo disse...


PROF. ARI,

Acho boa essa ideia, 09:18.

Se a ANABB aceitar e puser em pratica, vou correndo me refiliar a entidade.

Um abraço.

Anônimo disse...

Este mes de agosto o meu ES vai fazer aniversario, ou seja neste mes a parcela vai ser reajustada pelo INPC ACUMULADO NOS ULTIMOS DOZE MESES. Então agosto ja começa me dando este desgosto, como pago atualmente R$ 2.032,51 vai ser reajustado por mais ou menos uns R% 200,00. É isso aí mesmo, menos 200 reais no meu orçamento que já não comporta mais nada, fora a previsão e talvez ter que arcar com aumento na CASSI. Já vi que vou ter que apertar cada vez mais o cinturão, só que não tem mais nenhum furo para fechar o cinto. Enquanto isso os MARAJAS DA PREVI não estão nem aí para nossos problemas , enquanto estamos num barco a deriva eles estão NUM NAVIO DE ALTO LUXO. Tudo isso foi feito num governo do PT. A PREVI foi dividida em DOIS GRUPOS: os MARAJAS E OS MISERAVEIS.

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:



Esses EMPRESÁRIOS e nossos POLÍTICOS são uns ETERNOS APROVEITADORES. Estão ABOCANHANDOO EGOISTICAMENTE as POUCAS VAGAS QUE RESTAM em nosso EXEMPLAR Sistema Carcerário. Quem sabe vão até RECEBER AUXÍLIO-PENITENCIÁRIO (sem dar um prego numa barra de sabão). Que bom que após a Operação LAVA-JATO, vem a Operação LEVA-TODOS.

João Rossi Neto disse...

Caro Ari e colegas,

A OUTRA FACE DO PATERNALISMO

Do couro se tira a correia e do Superávit Técnico se retira a Reserva de Contingência. Se o saldo for suficiente, o superávit cobre os 25% da RC e o havendo excesso, sobra técnica, essa constitui a Reserva Especial que é utilizada na revisão do PB-1 e desfiada em melhoria dos benefícios. Por determinação da Resolução 26/2008, esses benefícios distribuídos são temporários-BET.

Os resultados financeiros estampados no balanço da PREVI, de R$ 24.7 bilhões em 2013 e R$ 12.5 bilhões em 2014, são provas inequívocas de que a cada ano a situação financeira do nosso Fundo, com viés descendente, se agrava em face da crise econômica, política e de confiança que se abateu sobre o nosso país, com uma corrupção endêmica em fase de metástase que se alastrou sobre s órgãos públicos, estatais, notadamente na Petrobras, carro chefe da nossa economia e também sobre empresas empreiteiras do Governo Central (Odebrecht, OAS, Andrade Gutierrez, UTC, Camargo Corrêa, etc.).

Sem dúvida, o desempenho da Diretoria Executiva na gestão dos nossos recursos foi péssimo, tanto que a Reserva de Contingência de 25% sobre a Reserva Matemática no valor R$ 29.6 bilhões em 2013 (25% x R$ 118.4 bilhões) e de R$ 30.5 bilhões em 2014 (25% x R$ 122.0 bilhões) não foram integralmente cobertas, eis que, em 2013, faltaram R$ 4.9 bilhões (R$ 29.6 bilhões – R$ 24.7 bilhões) e em 2014 o equivalente a R$ 18.5 bilhões (R$ 30.5 bilhões – R$ 12.5 bilhões). Em suma, o Superávit Técnico, em termos percentuais, amparou apenas 20,90% e 10,25% da Reserva de Contingência de 2013 e 2014, respectivamente.

Com fulcro no balanço de 2013 que, embora superavitário (R$ 24.7 bilhões), foi julgado insatisfatório pela Diretoria Executiva e classificado como desempenho deficitário, tanto que foi o fator balizador para o corte do BET e volta das contribuições. Imaginem, então, o que faria a Diretoria Executiva se a análise recaísse sobre o superávit de 2014 (R$ 12.5 bilhões), onde houve queda expressiva de 50% em relação a 2013, caso tivéssemos algum BET em vigor?

Por incrível que pareça esses mesmos dois balanços, repito, em que pese estejam superavitários, estão aquém da meta e não acobertam a Reserva de Contingência de 25%. Para nós eles foram cruciais para extinguir um ano de BET e retornar as contribuições, causando enormes prejuízos financeiros, mas para o Conselho Deliberativo da PREVI, eles são robustos, perfeitos, altamente eficientes, tanto que tais números foram adequados e suficientes para respaldar a decisão de autorizar a Remuneração Variável para os Diretores em 2013 e 2014 e inclusive adiantamento de três salários fixos a partir de julho/15 para ser compensado no final do exercício, caso o desempenho seja julgado satisfatório.
Estranha essa maneira do CD favorecer os seus pares, não? Se faltou dinheiro para os associados devido à insuficiência do superávit para recompor a RC, resultando no corte do BET, de outra parte, para os Diretores a matemática é benevolente e foram agraciados com bônus com base nos mesmos balanços. Acho que essa forma arbitrária de decidir para pró-apaniguados, ao arrepio do artigo 21 da Resolução 26/2008, vai ser mantida até no caso de “déficit”. Isso são ilegalidades e imoralidades assombrosas. Caso fosse Diretor eu não aceitaria participar dessa manobra desonesta e aleivosa.

A simples antecipação do pagamento do reajuste a partir de julho/15, a concessão de prazo de 180 meses na reposição do ES são consideradas pretensões absurdas, impossíveis, agora para o enriquecimento ilícito e sem causa plausível dos Diretores, tudo é normal e as normas são desrespeitadas a toque de caixa.

Vamos abarrotar as caixas de mensagens dos componentes da CPI dos Fundos de Pensão, tão logo ela inicie os trabalhos, com denúncias de tudo que, a nosso ver, está errado na PREVI. É hora de passar a limpo o nosso Fundo de Pensão.

Anônimo disse...

Ao meu ver devido ao descaso da PREVI E DO BB que manda na PREVI, a unica solução é irmos para a frente do MOURISCO acampar lá e só sair com uma solução do ES, ADIANTAMENTO DOS 7%, IMPLANTAÇÃO DO TETO QUE A PREVIC DETERMINOU. Se alguem tiver alguma alternativa melhor que diga. Solicitar a alguma associação o fornecimento de quentinhas para os que estiverem acampados. Ou então deixar tudo do jeito que está como o PRESIDENTE DA PREVI E OS DIRETORES QUEREM.

Anônimo disse...


Senhores,

Se a Anabb emprestasse dinheiro aos associados, ela PERENIZARIA suas mensalidades e iria auferir renda extra em juros, mesmo que subsidiados.
DUVIDO QUE OBTENHAM AUTORIZAÇÃO PARA TAL PROPOSTA.
TERIAM QUE AUMENTAR OS JÁ POLPUDOS SALÁRIOS DE SEUS DIRETORES COMO NA PREVI COM REMUNERAÇÃO VARIÁVEL ETC ETC...

Anônimo disse...

OLHAR DE FORA DA CAIXA: O FOCO DEVERIA ESTAR EM SISTEMAS...

rafael campagnoli disse...

ENQUANTO LIA A NOTA DO EX PRESIDENTE DAN "EXPLICANDO" QUE O FIM DO BET ERA DE TODOS ESPERADO, BLÁ, BLÁ, BLÁ, JUSTIFICANDO O RETORNO DAS CONTRIBUIÇÕES ETC, ME PERGUNTAVA O PORQUÊ DE TANTA MALDADE JUNTA! E desejava, de todo o coração e com toda a minha força, que os responsáveis pela indevida apropriação pelo BB dos R$7,5 bilhões via Resolução 26 fossem punidos. Acho que está ficando melhor do que a encomenda! O bom seria que pudéssemos assistir no "Jornal da Lava Jato" ( JN da Globo ) a prisão de mais algum diretor ou dirigente de fundo de pensão, um daqueles que estufam o peito e se consideram acima de tudo e de todos. Toda a ruína dos injustos na maioria das vezes começa por conta da ostentação, soberba e orgulho. Atitudes quixotescas tem data marcada para acabar! Talvez eles amoleçam os corações e autorizem alguma migalha para os aposentados e assistidos do bilionário fundo da Previ.

Antonio Carlos disse...

Prezado Ari,

Será que existe alguma possibilidade dessa CPI dos Fundos ir adiante, com a nomeação de uma equipe tão enrolada em tantos problemas?

Anônimo disse...

Caprichosamente, os indicadores para fazer jus à remuneração variável não passam de metas brandas, pró forma, eis que serão cumpridas no "automático", sem qqer. mérito por excelência de gestão. Com isso, o adiantamento pode ser feito sem risco de devolução, visto que a hipótese de não atingimento de tais facilitadores, digo, indicadores, é impossível. Aliás, alguma peripécia poderá ocorrer tbém para que não haja a compensação do adiantamento, qdo. do pagto. integral, digamos, por questão de superação de metas.

Anônimo disse...

Ao colega que postou mais acima, às 14:37hs de hoje, tenho uma singela sugestão para acrescentar ao seu comentário. Identifique-se para agregar mais credibilidade à alternativa por Você colocada. Valeu?

Humberto disse...

Ao João Rossi Neto: mais uma vez são brilhantes e esclarecedoras tuas colocações a respeito da atual situação da Previ, especialmente no que tange a distribuição de bônus aos diretores da entidade, além de adiantamento salarial com base em suposto atingimento de metas.

Há algum tempo, certamente de maneira um tanto artificial, indaguei da possibilidade de nossos dirigentes sofrerem um questionamento judicial, pois certamente esses adiantamentos tipificam um ENRIQUECIMENTO SEM CAUSA, pois nosso fundo se apresenta deficitário desde 2013 e as nossas Reservas de Contingenciamento estão sumindo pelo ralo.

Então, penso que caberia aprofundar essa situação e promover uma devolução imediata desses valores recebidos indevidamente, com juros e correção monetária, sob pena de execução de seus bens, nos moldes daquilo que os advogados contratados pela Previ estão exigindo dos colegas que não obtiveram sucesso na Ação Cesta Alimentação.

Por qual motivo alguns, no topo da casta da Previ são beneficiados, embora mais uma vez afirmo estar nosso Fundo apresentando prejuízos, enquanto que outros, lá na base da pirâmide, não em termos de capacidade intelectual, moral ou profissional, mas apenas em termos de benefícios de aposentadoria são massacrados por essa tropa que está no poder?

Mais uma vez questiono esses critérios, que foram aprovados pelo CD, sem qualquer previsão estatutária, enquanto para a turma dos mais necessitados nem um mísero consolo em termos de antecipação de 7 por cento sobre os benefícios mensais, em vista da galopante inflação que nos atinge.

Certamente eles alegam que não existe previsão legal nem disponibilidade financeira para tal antecipação, e mais uma vez pergunto: para essa distribuição de bônus, renda variável, adiantamento por conta de cumprimento de metas, etc, existia alguma disposição legal em nossos estatutos e, pior que isso, disponibilidade financeira imediata no fluxo de caixa da Previ?

Deus do Céu, sao tantos os questionamentos que acho melhor parar por aqui, antes que comecem a brotar palavras de baixo calão para nominar essas e tantas outras atrocidades praticadas por esses dirigentes, haja paciência para aguentar tudo isso, mas uma hora dessas, como disse o Gonzaguinha naquela famosa canção: EXPLODE CORAÇÃO.

Humberto

Anônimo disse...


Pitágoras questiona:

100.000 associados x 38,50 = R$ 3.850.000,00/MÊS + CONSÓRCIOS, PLANO DENTÁRIO + CONSTRUÇÃO CIVIL.....

Um total de +ou- R$ 5.500.000,00/MÊS X 12 = R$ 66.000.000,00/ano

Onde vai parar essa grana toda?

Anônimo disse...

Aos colegas do Rio de Janeiro.

Peço que organizem um panelaço na porta da Previ no próximo dia 16.08.15. Data essa, inclusive sugerida pela oposição ao desgoverno do PT. Temos que apoiar a CPI dos fundos de pensão. Chega de tanta maldade em cima dos aposentados.

Anônimo disse...

AO ANONIMO DAS 20,56 hs: ALÉM DO PANELAÇO NA PORTA DA PREVI SUGIRO COMO UM COLEGA ACIMA DEU A DICA, DE UM ACAMPAMENTO NA PORTA DA PREVI.

paraguassu 76895203 disse...

O problema é que todos os que propõe tais "panelaços, acampamentos apitacos na porta do Mourisco são sempre os anônimos. Que se identifiquem para que possamos nos unir e partir pro ataque. Vamos disponibilizar nossos e.mails e/ou telefones (por meio seguro) e VAMOS AA LUTA e demonstrar pra eles que nos menosprezaram e que estamos vivos e mantemos nosso amor próprio elevado. Quem vai ter coragem?????

Anônimo disse...


No dia do panelaço, levarei uma vuvuzela das mais potentes na porta do palácio de cristal, pra perturbar o gaiteiro, mais uma panela de alumínio, que já está toda amassada mesmo, pro Marcel ver e crer que as coisas andam mal pros aposentados e pensionistas.

paraguassu 76895203 disse...

O problema é que quem sugere esses movimentos no Mourisco é sempre um anônimo. Isso tira a credibilidade e ninguém adere. Vamos nos identificar e partir pra luta, informando nossos e.mail e/ou telefones (de forma segura). Assim poderemos nos organizar e mostrar aos encastelados no palácio que estamos vivos, inconformados com essa administração incompetente, mentirosa e mal intencionada e que mantemos nossa estima em alta. Quem vai ter coragem????

Valim disse...

Caro Professor Ari Zanella.

Muitas verdades não podem deixar de serem publicadas.
Irei, se me permitir, sem subserviência, mas por ser o proprietário do blog, peço licença, ao chamar a responsabilidade dos escritos em vão. Não sei se estamos juntos ou dispersados, pois ninguém ajuda ninguém nas idéias aqui propostas, e em todos os blogs. Só jogam névoa, e mais névoa, sem atitudes e continuidade.

Eu quico, com isto, sem melindres, e sem objeto de rejeição que seria julgar-me muito pequeno, mas cumprindo minha obrigação pois não está aqui o paladino nem representante de ninguém, porém impossível não haver uma voz que assim se manifeste; contrário a falta de continuidade das idéias dos colegas.

A palavra certa para isso é FOCO. Alguém levanta uma idéia e ninguém corrobora a despeito de atitudes concretas, como a que foi levantada por nosso colega sr. João Rossi, que imediatamente aderi elogiando-o, e nada de sua parte, só palavras, possuidor de uma casta muito melhor do que a minha no blog. Sem inveja, sem ciúmes, sem ambição que digo isso, pois é um fato e merecedor de tal posição.

Não me venha falar que não gosto do sr; impossível, já até como uma formiga pedi-lhe algum cargo importante de Conselheiro. É só perguntar a Cecília Garcez.

Falando com analogia, adoro ver o Bernardinho, só falta xingar a mãe dos jogadores, mas na hora que as coisas estão feias não "queima" ninguém. Se me permitem não estou "queimando" ninguém só tentando ajudar na minha visão.

Li o sr. João Rossi conclamar uma manifestação, e a aderi imediatamente, onde um outro blogueiro também se posicionou. Fico a perguntar:
Queremos continuidade dos processos judiciais? Que sejamos iguais nas nossas proposições e aos de nossos colegas se é que os lemos.

Falam que a PREVI possui castas, é verdade, pergunto: nos blogs não há casta?
Fazem as nossas vontades na PREVI em atitudes, debatem-nas?
O momento é mais que propício para a ação e os comentários diminuem!!!. Ora aqueles que falam que estão morrendo, morram por uma causa justa!!!.

Conclamo a saírem numa passeata na PREVI sem contar com os cariocas, que sou também, mas se eles não agem nos agimos. Estou em Osasco.

No mais sr. João Rossi, conclamo a sua presença por que sua presença possui uma mensagem subliminar, e concreta, e direta de importância. Na cabeça deles viriam mais respeito. Entendeu?, não estou aqui a lhe criticar e sim a lhe precisar de sua supra importância diante de tal feito, antes do dia 16/08/2015, no qual estarei na Av. Paulista até última ordem, de verde e amarelo.

No mais um grande abraço e os meus maiores respeito e considerações. Abrace esta causa, lhe pedimos e traremos todo nosso apoio físico, espiritual, e a palavra será sua com eles, para engoli-los com suas argumentações.

Aguardando o seu apoio.

Valim disse...

Prezado Professor Ari Zanella.

Só tenho a obrigação de elogiar o sr. Paraguassu, pois tive esta idéia justamente numa postagem que acabei de remeter ao professor.

No mais: " Entre um Governo que faz mal e o Povo que o consente, há uma certa cumplicidade vergonhosa" VICTOR HUGO.

Vou aguardar o desenrolar da publicação ou não do meu texto, pois nele incluo o sr. João Rossi, que conclamou também a passeata na porta da PREVI.

Se depois quiserem, terão até meu tipo sanguíneo pois se entram na NASA, CASA BRANCA, PALÁCIO DO ALVORADA, não entrariam no meu chalé?

WILSON LUIZ disse...

PÉROLA DILMISTA

Declaração da presidenta Dilma em evento sobre o PRONATEC:

“Não vamos colocar meta. Vamos deixar a meta aberta, mas quando atingirmos a meta, vamos dobrar a meta”.

Claro, muito claro, claríssimo. Esta brilhante inteligência está na presidência de nosso pobre país.

AGENDA AGOSTO/2015
Dia 6 – pronunciamento da presidenta na televisão, convidado especial Lula - todos polindo as panelas
Dia 16 – todos os que tiverem condições, devem ir às ruas, nos protestos contra o descalabro que atinge a todos nós.

paraguassu 76895203 disse...

Jorge de Araruama, estamos precisando da tua garra!! Cadê você??????

paraguassu 76895203 disse...

Paulo Augusto Nascimento, precisamos da tua força. Cadê você????

paraguassu 76895203 disse...

Agostinho Gabriel da Silva, precisamos da tua força, cadê você?????

paraguassu 76895203 disse...

Ronaldo "FALCON" , precisamos da tua força. Cadeh voce????

paraguassu 76895203 disse...

Vamos convocar todos aqueles colegas que sabemos que firmarao coluna conosco. O momento eh critico e depende de nossa mobilizacao. A PREVI corre serio risco entregue nas maos de inescrupulosos PeTIstas de carteirinha. A hora eh agora!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Estarei la.
Duda

Jorge Teixeira - Araruama (RJ) disse...

O presidente Gueitiro gosta de se referir aos associados como verdadeiros donos do “PB-1”. Mas sempre tem o cuidado de não usar a expressão únicos donos do “PB-1”. Aliás, sobre isso, tenho uma interpretação um pouco diferente do presidente. O dicionário Aurélio define passageiro como uma pessoa que viaja num veículo. Atribui também a esse passageiro as expressões pouco importante e insignificante. Após a edição da malfadada resolução 26, em setembro de 2008, passamos a ser unicamente passageiros do “PB-1”. Embora digam que o veículo “previ” é de nossa propriedade, não temos a menor condição de definir os caminhos por onde ele possa “transitar”. Nunca conseguimos ocupar o volante desse possante. Somos apenas e tão somente meros passageiros, andando pra lá e pra cá, algumas vezes passando por vias tortuosas e esburacadas, que nos fazem sentir irados e desconfortáveis, já que o patrocinador “motorista” é quem define o caminho a ser seguido. Vale lembrar e ressaltar que o “combustível” usado para abastecer o “carro” é oriundo do bolso dos passageiros. Após anos e anos contribuindo, durante o período laboral e pós laboral, para termos segurança e tranquilidade após a aposentadoria, infelizmente, no meu ponto de vista, é isso que nos resta nos dias atuais. Já afirmei isso por diversas vezes e não vou cansar de repetir que essas aberrações aconteceram num governo petista, que deveria ser voltado primeiramente para os interesses da classe trabalhadora.

Anônimo disse...

Vamos sim apoiar o panelaço, vamos as ruas , vamos mostra que estamos velho mas não estamos mortos. Vamos lutar pelo que e nosso .

João Rossi Neto disse...

Caro Ari e colegas,

A PERDA DO GRAU DE INVESTIMENTO.

Pelo seu potencial econômico, o Brasil, inserido no grupamento dos Brics, emitia sinais de que poderia, como país emergente, deslanchar e vir a se tornar, num futuro próximo, uma potência mundial, sobretudo pela robustez do seu mercado consumidor.

Ocorre, no entanto, que essa trajetória promissora teve desvio de percurso e foi interrompida pela péssima gestão petista que nos seus doze anos no poder, pôs tudo a perder e o castelo dos sonhos desmoronou e a dura realidade é a total desorganização econômica, política, financeira, de corrupção e de confiança. Enfim, estamos em clima de terra arrasada.

A roubalheira sem controle e arraigada por todos os setores governamentais, está deixando atônitos os investigadores da PF e MPF com tantos esquemas sofisticados estruturados para os crimes e os responsáveis diretos ou indiretos são o Lula e a Dilma, que pecaram pela ação ou pela omissão.

Pelo vulto das trapaças, falcatruas e fabulosas fortunas surrupiadas, em especial na Petrobras, é inimaginável pensar que os dois governantes não sabiam de nada. Nem é possível sequer lhes conceder o benefício da dúvida.

No final das investigações, talvez se confirme aonde vai à responsabilidade de cada um. Se malandragem e desonestidade fizessem parte da pauta de exportação, teríamos um filão inesgotável a ser explorado e arsenais de ardis cavilosos para vender.

Os nossos ladrões são extremamente refinados e quase todos com passagens por renomadas universidades do exterior. Sobra sabedoria, cultura e falta caráter, coisa que vem de berço. Elemento frio e calculista que emprega os seus vastos conhecimentos em delitos escabrosos, a meu ver, não mereceria cela especial, parecendo-me que a lei é falha nesse sentido, ao conceder essa regalia.

O Petismo é uma doença insidiosa, transpira e respira mentira o tempo todo agarrado ao poder. Para petistas os meios espúrios justificam os fins ilícitos, tendo os roubos como tônica e meta, em cabal desrespeito à ética e aos valores morais. Tentam, sem êxito, tapar o sol com a peneira e justificar o injustificável. Oh, raça ruim assim lá na casa do c...hapéu!

À medida que são divulgados os indicadores econômicos, bate o desespero na Dilma. O fantasma do rebaixamento da nota do grau de investimento agora é real e estamos dependurados no BBB-, a milímetros do fundo do poço, que é a classificação mais baixa para países que não inspiram confiança de que os títulos do Tesouro de sua emissão serão honrados, ou seja, servindo apenas para investimentos especulativos, de elevado risco.

Causa inveja, mas a Alemanha ostenta o melhor grau de investimento que é a classificação AAA, enquanto que, como surpresa agradável, vemos o Chile como o grau AAA-, sendo o país mais confiável da América Latina, para vergonha do Governo da Presidente Dilma, se é que ainda resta algum resquício desse sentimento.

Anônimo disse...

JORNAL O GLOBO DESTA DATA: A PREVI ESTÁ NESSE ROLO ?VEJAMOS: "Os auditores observaram que as subsidiarias da Eletrobras e respectivos FUNDOS DE PENSÕES não possuem regras de controle sobre suas associações(SPEs) com grupos privados: O descontrole dos acionistas e os contratos firmados aumentam o risco, já que varias empresas contratadas por essas SPEs são as envolvidas em esquemas de corrupção na OLI(operação lava jato) ."

Usina de suspeitas
O alvo agora é a Eletrobras, nave- mãe de um grupo de 15 estatais responsáveis por mais de um terço da energia consumida no país. A Eletronuclear, cujo presidente ( licenciado) foi preso ontem, é uma das menores...
OGLOBODIGITAL.OGLOBO.GLOBO.COM

Anônimo disse...

Acho que o momento urge a mobilização contra o golpe fatal que o BB dará na CASSI, contando, agora, com a intromissão e o aval da ANABB. Digo golpe fatal, porque o sucateamento, que vem de longa data de forma velada, agora se revela pelos inúmeros descredenciamentos que vêm ocorrendo.É constrangedora e discriminatória a indagação feita quando da marcação de qqer. procedimento junto à rede credenciada, qual seja: de qual plano você faz parte, associado ou CASSI família? Após a resposta - obrigado, aguarde um momento... Na realidade, essa minha indignação, somada às outras,é contra tudo o que esse governo anti classe média está fazendo, bem como não vislumbro qualquer frente para abortar esse projeto maquiavélico e de cunho ideológico.

Anônimo disse...

Ser sócio da Anabb não traz nenhum benefício.Nunca nos defende em nenhuma causa com o BB e a Previ, o convênio odontológico é péssimo e a ação IR 1/3 está demorando muito mais por causa deles.

Ari Zanella disse...

12:24

Presta atenção:

"ELETROBRAS - possui 15 empresas subsidiárias com os RESPECTIVOS fundos de pensões..." Atentar que os fundos envolvidos são destas empresas estatais subsidiárias da ELETROBRAS. Não vamos agora imaginar que a PREVI está envolvida em tudo, não é por aí..

Anônimo disse...

Se não agirmos rápido não teremos como salvar a Cassi e a Previ.
A corrida e grande para roubar o máximo pois eles sabem que esta tudo por um fio.....

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:

Por favor, solicito Vossa honorável permissão para colocar essa postagem publicada em 29.07.15 - 10:33 hs., no não menos Ilustre blog do Dr. MEDEIROS. Muito obrigado.


A CASSI, sob o domínio do BB-SEBOSO, não está levando em consideração os INÚMEROS ANOS EM QUE AS NOSSAS CONTRIBUIÇÕES, ficaram ao seu TALANTE e BEL-PRAZER, para gerí-las da MELHOR FORMA POSSÍVEL. Seus principais dirigentes TIVERAM REMUNERAÇÕES PRINCIPESCAS e deveriam estar anunciando ESTABILIDADE e não APRESENTANDO o CAOS, bem como, ATERRORIZANDO a todos com A MORTE ANUNCIADA DA CASSI.
Mesmo NÃO TENDO O CORPO FECHADO, apesar dos 69 anos de idade, pouco usei e uso a CASSI (o mesmo acontecendo com vários outros associados, pois velhice não é sinônimo OBRIGATÓRIO de ENFERMIDADES e ALIENAÇÃO).
Sob essa DIVISA, "ELES NÃO PASSARÃO" LUTAREMOS ATÉ O FIM! Com CERTEZA NÃO SE ATREVERÃO!
Ainda bem que depois do MENSALÃO e do PETROLÃO, deve vir a do FUNDÃO.

Valim disse...

Prezado Ari Zanella.

Sabedores de que tudo é tudo e nada é nada, de esquerda e direita tudo é a mesma coisa, e de extrema -esquerda, e extrema - direita também; está tudo dominado.

Precisamos,sr. João Rossi, com sua experiência ao seu chamamento. Eu particularmente só irei com um representante que ninguém possa passar à perna em argumentações. Não estou aqui para dizer que sou burro, mas sou ignorante na totalidade de meandros de Fundos de Pensão Fechado, e certo que possuo muito mais sapiência do que muitos teatrólogos. O Ari e o Medeiros, podem estar nessa, para arrigimentação maior, pois como mesmo disse palavras que corrobora meu posicionamento já dito para Cecília Garcez em dizer a verdade, nada contrário quanto ao professor Ari Zanella e ao Dr. Medeiros onde nada lhes aconteceriam.

Digo a todos, pela pequena expertise que possuo como advogado e sempre estudando e aprendendo. "Tudo que sei é que nada sei". Sócrates.

No aguardo de seu chamamento.

JOSÉ BENEDITO MONTEIRO disse...


JOSÉ BENEDITO MONTEIRO disse:

Precisamos urgentemente nos organizarmos para eleger um elemento nosso na ANAAB, para podermos com os 100 mil sócios comandarmos a CASSI e a PREVI. Precisamos já formarmos as chapas e fazer a sua divulgação. Vamos eleger o Dr JOÃO ROSSI para Presidente da CASSI e o Dr. Medeiros para diretor de seguridade da PREVI. VAMOS DIVULGAR ESSA CHAPA QUE SERÁ SEM DÚVIDA ALGUMA VITRORIOSA PARA NOSSA ALEGRIA. E VOCE ARI TAMBÉM FARÁ PARTE DESSAS CHAPAS. MAS PRECISA SER AGORA. VAMOS QUE VAMOS PELA CHAPA LANÇADA.

Anônimo disse...

MESTRE, VAMOS PREPARAR O DEVER DE CASA ? QUE TAL HISTORIA ?

Pra começar o aluno pede licença para fazer uma pergunta ao pro-
fessor !! O que D. João Sexto disse para seu filho, D. Pedro, an -
tes de partir para Portugal ? Para ganhar tempo, pois ninguém ppo-
de tomar recuperação, vou adiantar : "Põe a coroa sobre a tua ca -
beça, antes que algum aventureiro lance mão dela " . Mestre, sem
querer passar o carro adiante dos bois, peço vênia para indagar so-
bre as eleições vindouras e se já não estaria na hora de lançar
nosso candidato. Pelo respeito que você conquistou, mercê de um
trabalho honesto e diuturno, comece a coordenação do certame. con-
sultando quem você acha conveniente, porque como dizia aquele fa -
moso locutor esportivo paulista : o tempo passa torcida brasileira.
Acho que você já tem na cabeça um bom nome que vai valer a pena
batalhar pela sua eleição, certo ?Um abraço.Divany Silveira- Sete
Lagoas- Minas Gerais.