BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

segunda-feira, 23 de março de 2015

A PREVI É NOSSA (GRUPO FACEBOOK)

Ademar Bispo23 de março de 2015 16:08

ROMBO DO POSTALIS CHEGA AOS EMPREGADOS

Caderno de Economia do Jornal O Estado de São Paulo de 23 de março de 2015

Cada servidor dos Correios pagará 25,9% do salário para cobrir déficit de R$ 5,6 bi........A conta é resultado de um déficit atuarial, no Postalis , controlado pelo PT e PMDB, provocado por investimentos suspeitos, pouco rentáveis. Também sob influência dos DOIS PARTIDOS, o Funcef, dos empregados da Caixa Federal, e a Petros da Petrobrás, contabilizam prejuízos bilionários.
.........partiu do conselho deliberativo do Postalis a decisão de impor aos funcionários a contribuição extra de 25,98% nos contracheques, por um período de 15 anos........
.........entre os investimentos que levaram o fundo a apresentar este déficit estão aplicações em títulos de bancos liquidados(Cruzeiro do Sul e BVA), ações de empresas do Eike Batista, investimentos atrelados à dívida da ARGENTINA e da VENEZUELA. O Postalis é investigado por participação nos últimos escândalos de corrupção do Pais(CPI dos Correios, Mensalão e Lava Jato)...........

E a p r e v i colegas??????????? Como ela está???????? Caderno de Economia do Jornal O Estado de São Paulo, de 20 de março de 2015 diz o seguinte:- já a PREVI, fundo de pensão dos funcionários do Banco do Brasil, ainda é superavitária, mas também sofreu com aplicações na Vale e na Petrobrás e registrou impacto negativo de R$ 7,8 bilhões em 2014. Os dois planos de benefícios da PREVI têm juntos R$ 168 bilhões de patrimônio. O déficit de 2014 consumiu parte do superávit do plano.............

VAMOS DEIXAR COMO ESTÁ PARA VER COMO É QUE FICA??????? Nas mãos de quem está a nossa PREVI? Quanto tempo vão durar os R$ 168 bilhões?




66 comentários:

Anônimo disse...

Essa de 15 anos pagando 25% do salário eu não iria admitir.
Tomaria duas providencias:
1. Denúncia por gestão temerária, fazendo com que os responsáveis tivessem que assumir a porcaria que fizeram;
2. Sairia do fundo e usaria o dinheiro na formação de poupança própria, sem interferência de (des)governos.
Pelo relato deu para ver que o tal do "espírito de porco bolivariano" esta contaminando a América Latina.

Anônimo disse...

2) O plano de equacionamento do déficit que entrará em vigor a partir de 01/04/2015 prevê contribuições extraordinárias de 25,98% sobre o valor dos benefícios de aposentados e pensionistas e, para os participantes ativos, sobre o Benefício Proporcional Saldado – BPS. Nesse percentual já estão contidos os 3,94% que vinham sendo praticados até o momento. A patrocinadora contribuirá na mesma proporção;

Fonte: http://novosite.postalis.org.br/esclarecimento-sobre-editorial-do-jornal-o-estado-de-sao-paulo-20032015/#.VRB13o5cqPI

Anônimo disse...

coleguinhas,

Está dito:
"Ainda é superavitária".

até quando?

Até quando os aposentados com valores acima da contribuição e a ilegal e imoral surrupiada do BB deixarem a Previ na me...........

Os bônus criminosos pagos aos que a estão enterrando!

As aplicações mirabolantes na bolsa de valores , tipo as que são indicadas pelo governo petralha/pmdb, pp, ou seria
mentira o que a imprensa divulga a toda hora a todo o dia.
Crime hediondo contra os aposentados do Postalis e os outros fundos que sucumbirão a administração burra de sindicalistas e outros coadjuvantes.

Rosalina de Souza disse...

Prezado Colega Ari Zanella,

Na data de hoje 23/03/2015 o gerente me disponibilizou o contra cheque do Paulo Person, meu falecido marido matricula 8161320-2 e no espelho de pagamento não há pagamento sobre a verba abono de 3.000,00.

Nem houve nenhum tipo de adiantamento, se houve pagamento através de C/C com acerto posterior, este foi feito em outra folha que não a do mês 09/1997.

Atenciosamente

Rosalina de Souza
Pensionista
Matricula 18.161.320-4

Anônimo disse...

SEMPRE DISSE QUE COLOCAR SINDICALISTA PARA TRABALHAR É LOUCURA. ELES NÃO SABEM O QUE É E NEM TEM COMPETÊNCIA PARA ESSA FUNÇÃO.

FORA PT, FORA SINDICALISTAS, FORA LARÁPIOS

Anônimo disse...

Se existe algum superávit na PREVI, não é por "causa de", mas "apesar de" vamos precisar de muita vigília, não podemos deixar esse pessoal à vontade como até então, o famigerado sigilo cobrado da diretoria é pra isso? Acobertar ingerência do governo?

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:



Por favor, não daria para perguntar a Sra. ROSALINA, qual à agência e de que forma ela conseguiu o contracheque? Estou tentando o meu desde 17/MARÇO/2015, e até agora NADA! Acho que por intermédio da agência dela conseguirei emitir o meu. Muito obrigado.

Anônimo disse...

Parabéns, meu irmão Ademir, pelo seu aniversário, nesta data.

Anônimo disse...

Rui Barbosa diz isto ali do lado, e Einstein dizia que repudiava esta questão de nacionalismos e outras baboseiras do gênero. Está na hora!

Lázara Rabelo disse...

Caro Ari,
Verifiquei em todos os espelhos da m/fopag do ano de 1997 e não existe esse abono de R$3000,00, nem como adiantamento. Mas no Rede-SOS surgiu esse debate, será que alguns o teriem recebido? e a colega Isa Musa, disse que irá verificar o que de fato aconteceu. E, sinceramente, se BB/PREVI tivessem nos pagado, teriam deixado a ação finalizar a nosso favor? Claro que não!
Um abraço,
Lázara

Unknown disse...


CUT,CONTRAF, etc. são atraso de vi
da p/qualquer fundo de previdência
Essa corja só quer levar vantagem.
Precisamos ficar muito alertas para que a PREVI não vá pelo mesmo
caminho do POSTALIS, imagine do jeito que está já não aguentamos,
pense se esses sindicalistas nessa
mesma m...da.

Anônimo disse...

Acho inadmissível que num país onde se diz ser democrático, uma minoria meta a mão na carteira da maioria e nenhuma providência é tomada.

E outra, esse negócio de raça não é prova de idoneidade de ninguém. Pizzolato era ligado ao Gushiken

Ari Zanella disse...

Querida Lázara,

Para os aposentados não houve nenhum pagamento como você disse.
O crédito foi realizado para quem estava na ativa. Se foi creditado como ABONO ou ADIANTAMENTO não importa.
O que importa é que a justiça nos estendeu o pagamento deste VALOR.
Um grande abraço a você, minha colega que muito nos ajuda na ANAPLAB.

Ari Zanella disse...

Anônimo das 19:17

Há agências que fornecem, outras não.
O Gerente da agência tem o poder de fazer o pedido "on line" (No sistema SISBB) e no dia seguinte o contracheque está à disposição para ser impresso na própria agência.
O que é necessário é apenas convencer o gerente de que não estamos fazendo nada errado.

NIVALDO ELIAS DOS SANTOS disse...

"SANGREM PRESIDENTE/DIRETORES DA PREVI"


Do R7

Em meio à relação conturbada com o Congresso Nacional, o governo vai ter que evitar outro conflito: a criação de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) dos fundos de pensão de estatais. Os deputados Rubens Bueno (PPS-PR) e Carlos Sampaio (PSDB-SP) conseguiram reunir 113 assinaturas, das 171 necessárias, para investigar indícios de aplicação incorreta dos recursos e manipulação na gestão de fundos de previdência complementar de funcionários de estatais e servidores públicos.

O requerimento para a abertura da CPI dos fundos de pensão pede que sejam esclarecidos os "prejuízos vultosos" dos planos ocorridos entre 2003 e 2015. Estão na lista para serem investigadas a Funcef (dos funcionários da Caixa Econômica Federal), a Petros (Petrobras), a Previ (Banco do Brasil) e o Postalis (Correios).

Na edição desta segunda-feira (23), o jornal O Estado de S.Paulo informou que funcionários dos Correios tentam evitar, por meio de uma batalha judicial e pela força das greves, que os participantes do Postalis tenham uma redução de 25,98% em seus contracheques a partir de abril de 2015 pelo período de 15 anos e meio.

A conta é resultado de um déficit atuarial de R$ 5,6 bilhões no Postalis - comandado por PT e PMDB — provocado por investimentos suspeitos, pouco rentáveis ou que não tiveram ainda rendimento passado ao fundo. Também sob influência dos dois partidos políticos, a Funcef e a Petros contabilizam prejuízos bilionários.

O deputado Rubens Bueno, líder do PPS na Câmara, disse que os funcionários dos Correios do País todo preparam vinda a Brasília nesta semana para pressionar os deputados a assinarem o requerimento da CPI dos fundos de pensão.

Funcionários pagam rombo de fundo de pensão dos Correios

Anônimo disse...

Os presos da Lava Jato que forem transferidos para o sistema prisional do Paraná, dentre outras coisas, terão que tomar banho coletivo. Além de ter que mostrar o "bigulim", não podem deixar o sabonete cair no chão.

Ah se o Sérgio Moro despertasse interesse pelo Bebê guloso e pela Previ. Faltaria papel higiênico na Direção Geral

Anônimo disse...

Todo poder emana do POLVO até que ele tome uma ducha no lava a jato.
Molusco fiédap...

Anônimo disse...

Tão dizendo, aqui na minha região, que é daqui para pior

Anônimo disse...

Colegas,

Recebi espelho/fopag setembro 1997.
Por requerimento.
Não há pagamento de 3.000,00.
Muito menos depósito em cc, para aposentados.

Ari Zanella disse...

Críticas pessoais eu só publico se tiver identificação. Afrontar os outros como anônimo não vale.

Anônimo disse...

Prof. Ari, no comunicado da Previ, no site, ela afirma que pagou aos aposentados duas parcelas do abono como adiantamento.
Quem pagava os funcionários da ativa era o Banco do Brasil.
A Previ está afirmando que pagou aos aposentados.
Nos espelhos de setembro e outubro de 1997 não consta nenhum adiantamento que me tenha sido creditado.
What about now ?

Anônimo disse...

Expulsão (ou retirada) do Patrocinio.
Bom ou mau. L ucro ou prejuízo ?

Ari Zanella disse...

22:15

Na ACP a PREVI/BB poderiam contestar com as alegações que querem fazer agora. Por que não fizeram? Perderam em todas as instâncias. A ação já está no "Trânsito em Julgado". Agora não adianta ficarem com ilações.
Agora chegou a hora de pagar.

Anônimo disse...



O DANado pegou 500.000,00 de bônus e ase aposentou. Sabidão, né?

Nós ficamos à deriva sem comandante, até que colocaram o de agora. O que fará de bom por nós esse novo esse novo comandante?

Rosalina de Souza disse...

Caro Colega das 19:17.

Minha Agencia é a 3421-5 Vila Brasilia-Aparecida de Goiânia.

O gerente que me atendeu é o Sr. José Emival Cardoso Labre- 2547-x.

Fiz um requerimento de 2 via de contra-cheque, solicitando cópia do contra-cheque mês 09/1997.

No requerimento os dados pessoais do meu falecido marido, matricula,CPF.

Em anexo enviei:

Carta de pensionista da Previ
certidão de óbito
xerox RG e CPF
Certidão de união Estável

Ele não protocolou a solicitação mas me pediu um prazo para a Ajur verificar e em 24/03/2015 liberou o contra cheque.

Fiz a solicitação dia 18/03/2015.

Atenciosamente

Rosalina de Souza
Pensionista
Matricula 18.161.320-4

Anônimo disse...




" GANHOU A CORRUPÇÃO, DISSE MESTRE ARI ZANELLA EM 20/10/2014"


"Admitir o mesmo grupo de governo por dezesseis anos no poder não
é sábio ,pobre de nós brasileiros " e continuou o Mestre : "Como
pode um país com tantos escândalos de corrupção da Petrobrás,
Eletrobrás e outras estatais,com participação direta do governo
central, reconduzi-los para novas aventuras ideológicas? Realmen-
te estarrecedor ! " No fim do seu desabafo, disparou : " Na PRE-
VI nada muda.Os indicados do BB saem fortalecidos,continuam os bô-
nus para a diretoria, o voto de minerva e a influência sindical ".
Colegas, resolvi republicar parte do texto do Mestre Ari porque me
deu uma nostalgia muito grande de estarmos completando neste mês
30 anos da eleição de Tancredo Neves e ainda vivendo as mesmas ma-
zelas que nos levaram a elege-lo para a presidência do Brasil. O
resto todos nós sabemos, inclusive que a corrupção está mais viva
que a saúva que atormentava a nação há cinquenta anos e que conse-
guimos controlar ; enquanto a corrupção . . .só Deus pode dizer !!!
Mas, temos de lutar pois já teremos eleições na PREVI e é hora de
cutucar a fera ! Cordialmente,Divany Silveira-SeteLagoas-mg

Marcelino Maus disse...

"...ações de empresas do Eike Batista, investimentos atrelados à dívida da ARGENTINA e da VENEZUELA."

Alguém tem dúvida que os Soviets e o E.I., têm ingerência na UNASRUR, que nada mais é que o Clube das Narco-Ditaduras ?

Os Milicos estão devendo explicações desde 2008/2010, quando o Mensalão estourou.

Marcelino Maus disse...

Primeiro, a BOA NOTÍCIA:
CPI dos Fundos de Pensão vai provar que os PeTralhas, funcionários vinculados a Sindicatos e infiltrados nas Diretorias do BB-CEF-Correios-PTroubrás e seus Fundos de Pensão desviaram mais de R$50.000.000.000,00 (cinquenta Bilhões) em 12 anos, apenas dos Fundos de Pensão.
Os desvios dos R$500 Bilhões ficam no âmbito das Estatais BNDES-BR-BB-CEF.
Segundo, a MÁ NOTÍCIA:
Nada vai acontecer com os PeTralhas apadrinhados.
Nos Fundos de Pensão das Estatais, Diretores não cumprem decisão judicial e não sofrem sanções como prisão civil, etc. (Vide a ILEGAL Resolução 26... etc.)
Enquanto o Molusco bebe Whysky Importado, seus secretários passam meses apreciando as latrinas da carceragem em Curitiba...
Senhores Diretores das Estatais e Fundos de Pensão PENSEM NISSO !

Anônimo disse...

Tenho a sensação de que todo aquele cenário da transição e os caras-pintadas tinha como pano de fundo de interesse este cenário que está aí. Era feliz E sabia... Por isso, nunca ajudei naqueles movimentos que terminou com a estranha diverticulite do saudoso Tancredo Neves.

Anônimo disse...

E so bla bla bla e nimguem marca nada na porta da Previ.
Mas temos que lutar......sentados nas poltronas, ah ah ah!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Prof.Ari,
O Sr.disse o mais importante as 22:32 dessa polêmica toda que é o trânsito em julgado.A Previ e o BB já perderam o momento de se defender.Ocorre que estão dizendo que ainda podemos perder a ação.O Sr. poderia solicitar a Isa que preste todos os esclarecimentos com urgência baseando-se inclusive na manifestação da Previ que consta no site.

Anônimo disse...

No saite da previ diz que os aposentados tambem receberam o abono de 3.000 em forma de adiantamento, metade no mes de set de 97 e outra metade no mes de out 97. Será verdade? TAMOFU

Anônimo disse...

No próprio site da Previ consta que os contracheques anteriores a junho/99 eram processados pelo BB.Como a Previ teria pago abono aos aposentados em 1997? Por que só agora ela está dizendo isso?

Anônimo disse...

Existe jeito de apagar as maracutaias antes da CPI chegar?
Agora esse caminhão de gente a toa dos fundos de pensão trabalharão. Borracha e corretivo na mão pessoal, se não a bocada acaba. Ass. A direção

Anônimo disse...

Prezado Ari!
Considerando a abrangência do seu blog, gostaria de fazer um desabafo/comunicado, referente à Ação IR Previ 1/3, movida pela ANABB.
Não bastasse a "burrada" que a associação fez no fim do ano, quando foi para a audência SEM as autorizaçóes dos funcionários, que eram necessárias desde despacho da justiça de abril/2014, no que retardou o andamento da ação em 120 dias, obrigando até mesmo o "presidente" da associação a solicitar diretamente aos associados a dita autorização, ocorre que o último despacho publicado no diário da justiça de 24/03/2015, ela mesma, a Anabb solicitou novo prazo de 90 dias!!! Como pode, uma associação para defender os funcionários, agir tão desleixadamente? Ora! Quem defende alguém, espera-se que esteja sempre munido de todas as garantias, de toda a documentação necessária!!! Que descaso!!! A própria associação dificultando o fim da ação!!! Se fosse dilação de prazo exigido pela justiça, para evitar eventual prejuízo a algum associado, sim, seria compreensível; mas pedido de dilação de prazo pela própria associação, que deveria promover a celeridade do andamento da ação?! Que tipo de defesa é essa??? Fica aqui meu desabafo. Certamente motivo de indignação para muitos outros associados.
A publicação está no site:
http://arquivo.trf1.gov.br/AGText/2010/0014400/00144606020104013400_8.doc

Anônimo disse...

Questão de administração.
O que nos diz a veterana diretora eleita nossa representante na diretoria de administração ?
Poderia confirmar se a Previ ou o Banco, pagaram o disputado abono.
Ou será que a lei da mordaça também impede a manifestação ?

Anônimo disse...

Só se esse abono foi pago extra-folha, diretamente na conta corrente, o que acho que a Previ não faria. Do contrário, cabe à mesma provar quando efetivamente foi creditado na folha em com qual código de "verba", pois tenho todos os espelhos da época e não localizei nada do tipo.

Anônimo disse...

Analisando melhor a manifestação da Previ sobre o abono, parece que há um JOGO DE PALAVRAS embutido ali, talvez para nos intimidar, pois muitos aposentados acreditam "piamente" nessas notas.
A Previ diz que o abono foi pago, mas não especificou POR QUEM (Previ ou BB) ou PARA QUEM (ativa ou aposentado). Leiam com atenção, é o que está literalmente escrito.

Ari Zanella disse...

É, de fato, muito estranha esta Nota no site da PREVI. Em primeiro lugar porque não houve esta contestação na fase de recursos do processo. Recebemos correspondência da Isa Musa, dizendo que os seus advogados estão averiguando o efetivo pagamento que teria sido realizado pela PREVI, em duas parcelas como adiantamento não compensado em setembro e outubro de ano de 1997. Aguardemos com serenidade. A verdade vai prevalecer.

Anônimo disse...

OLHA O TEXTO IMPORTADO DA VENEZUELA

É sempre importante ressaltar que, pelo princípio do mutualismo, ações judiciais infundadas geram custo alto para o patrimônio coletivo, além de poderem trazer prejuízos individuais. A depender do volume de processos, patrocinados individualmente ou de forma coletiva, e dos impactos decorrentes de decisões em desfavor da Entidade, o equilíbrio do plano de benefícios pode ser comprometido. Aliás, mesmo que no final a Entidade não seja condenada pela Justiça, terá de reaver gastos com o processo. Nesse caso, o participante que perder tem de arcar com custas e honorários de advogados.


E O BONO DE 500 MIL, E OS SEM TETO, E O RENDA CERTA?
DEIXEM DE HIPOCRISIA

Anônimo disse...

Aposentados,

Que a Previ/BB provem em juízo que pagaram, nominalmente, a todos os que estavam aposentados em setembro de 1997, o tal abono.

E tem mais por analogia deve pagar outros tantos benefícios concedidos aos da ativa, pelo simples fato de que o fundo de Pensão deixa Bilhões nas contas do BB, que dá lucro fácil e proporciona PLR e outros dividendos com o dinheiros surrupiados, pelo que dizem, dos aposentados, na trapaça da resolução 26 do petralha senador, cujo partido está até a últimas envolvido em roubo à Petrobrás.
Estou furibundo com toda essa sujeira!

Rosalina de Souza disse...

Prezado Ari Zanella,

Fica vergonhoso para uma Federação de Aposentados brincar com pessoas idosas, que estão buscando documentos para receber seus direitos.

O Contra Cheque é claro no mês 09/1997 não houve credito via folha de pagamento de abono.

Mesmo que tenha sido extra folha, em algum momento esse abono tem que aparecer no contra cheque dos meses seguintes como acerto.

a) Em qual mês foi feito o acerto na folha dos aposentados e pensionistas, pois da mesma forma que solicitamos o contra cheque do mês 09/1997 vamos solicitar o que comprova o pagamento.

Uma ação que durou quase duas décadas, depois de transitado e julgado é que por colegas aposentados é que se descobre um erro grosseiro desses.

Tem alguma coisa muito errada e o melhor mesmo é que a Federação, na pessoa da Sr.Isa Musa de Noronha faça os devidos esclarecimentos, já estamos cansados de sermos feitos de palhaços.

A nota da Previ é muito clara os funcionários da ativa receberam o ABONO, mas em momento algum fala que foi pago para seus aposentados e pensionistas, e é maliciosa na forma do texto, impondo medo aos participantes.

O caso é serio e requer atenção para desfazer esse mau entendido.

Atenciosamente

Rosalina de Souza
Pensionista
Matricula 18.161.320-4

Anônimo disse...

Atenção. novo lema da nossa gloriosa associação: se podemos complicar ainda mais a vida e a cabeça dos nossos mantenedores pessoa física para que vamos facilitar. que nota mal feita e confusa. Da.Isa não se aplicaria uma nova ação por tentativa de intimidação e assedio moral.

Anônimo disse...

Sofredores,

Quando esses sindicalistas safados irão para de assombrar os aposentados?

Anônimo disse...

Me lembro que na época do IGP-DI o Sérgio Rosa utilizou o mesmo estratagema para intimidar os aposentados e pensionistas. A Previ vai quebrar se utilizar o IGP-DI para reajustar os benefícios, dizia à época.
Sempre é a mesma ladainha para retirar direitos. Nos tiram por completos idiotas.
Isso me faz lembrar um conhecido japonês chamado TAKEO PARIU
Vão ameaçar suas progenitoras, seus...

Anônimo disse...

Previ x Faabb
Um dos dois vai ficar muito mal nessa história.

Anônimo disse...

Que vergonha meu DEUS!
A previ chegou a tal ponto.....

Anônimo disse...

É bom que a previ pague a quem tem direito, e respeite quem merece, não podemos ser intimidados a não buscar nossos direitos, por um momento pensei que estava morando no Líbano

Anônimo disse...

Ary e agora o que nos resta fazer depois de tanto trabalho?? Será que esse dinheiro vai mesmo ser pago ou não??

Anônimo disse...

Senhora Isa Musa, se a previ tiver de quebrar por pagar um direito meu, que assim seja, não vou abrir mão de um direito que me assiste

Anônimo disse...

Estão falando muita mentira nos blogs sobre o abono.Devem ser da Previ mas precisamos saber a verdade.Por favor Isa Musa, solicite parecer dos advogados da ação (altamente conceituados) e nos informe com urgência.

Anônimo disse...

Companheiro Ari,
Tenho as originais de fopags.desde 1987 e, verificadndo as de ago/set/out-1997, não há nada vinculado a abono, gratificação ou o que seja de R$3,000,00.

Ari Zanella disse...

Boa Tarde, colega das 15:01

Por favor, não me chame de "companheiro" porque isto remete a um certo partido no poder do qual quero distância.

O caso está sendo analisado pelos advogados da FAABB para verificação da autenticidade da afirmação da PREVI.

Se for uma inverdade da PREVI, Isa Musa promete prosseguir com a execução mas com plena convicção de que o valor ainda não nos foi pago.

Marcelino Maus disse...

sALVO MELHOR JUÍZO, SE a Previ sabia que o ABONO de 1997 havia sido pago...

TERIA FUNCIONADO AÍ (em 1999) a Indústria de Litígios do JURÍDICO DA PREVI que silenciou para o fato da quitação já ocorrida, para gerar HONORÁRIOS de fácil cobrança?

NÃO SERIA A PRIMEIRA VEZ... PREVI, ANABB, SRF, DG-BB aprontam várias situações "ENCOMENDADAS" com esse propósito.

Provado que a PREVI não pagou e que as Ações são Legítimas, retiro o que disse.

Anônimo disse...

Prezado Ari!
Infelizmente, sem notar má fé, considero que a divulgação do desfecho dessa ação, pela Sra. Isa Musa foi inconsequente. Deveria, antes, ter verificado a real situação da mesma. Se, de fato, a mesma seria executada, em benefício dos favorecidos. Essa falta de prudência tem causado muito desgaste em todos os aposentados e pensionistas. Sem contar a via crucis para obtenção do tal contra cheque de setembro/1997, agora possivelmente desnecessário (se não houver pagamento algum a ser feito).

Anônimo disse...

na fase de execução não cabe mais recursos.Se pagaram mal,que paguem 2 vezes.Porque não comprovaram o pagemento na inicial? Estão de brincadeira com os aposentados?A esta altura dos fatos cabe aos réus cumprirem a sentença e não tentar juntar ao processo uma eventual quitação.

Anônimo disse...

Depois que o japonês assumiu (no bom sentido), todo aquele nhen nhem nhem de que a comunicação com os beneficiários melhoraria caiu por terra.
CPI nesses subtraidores de direitos

Anônimo disse...

Trecho da ação do abono:

Vislumbrou o i. Perito, pois, a existência de prejuízo para os aposentados e pensionistas da PREVI, diante do abono de R$3.000,00 pagos em favor, somente, dos funcionários da ativa, no período em que ainda havia indexação de reajuste salarial, sem que tenha havido,contudo, ocorrência de qualquer reajuste extensível aos pensionistas no período de 96/97, por isso é conclusivo o laudo no sentido de que

“no período de 09/94 a 09/96, conforme demonstrado às fls. 1414 dos autos e já referido por este Perito às fls. 1708/1709, os percentuais de reajustes concedidos pela Previ e pelo Banco do Brasil, no período citado, foram iguais.
Entretanto, os funcionários do Banco do Brasil, em 1996 foram
contemplados com um abono de R$3.000,00 (três mil reais) não
repassado aos aposentados e pensionistas da Previ.
Esta é a diferença.

Conclusão: os funcionários da ativa receberam o abono em 1996.A Previ afirma que pagou aos aposentados em 1997 mas no acórdão que é de 2011 consta que o perito confirmou que não houve o pagamento

Anônimo disse...


SEM CHORUMELAS

Como já se passaram quase 20 ANOS, nada lembro sobre o provável recebimento do tal abono de R$ 3.000,00. Mas, por ser muito recente, lembro muito bem dos 500 MIL que cada direto da Previ levou no ano passado, sem precisar apresentar contra-cheque, nem outro documento qualquer.
Por isso, acho que a diretoria da Previ vai nos repassar esse valor sem fazer chorumelas. Pois 3.000,00 representam apenas 0,6% do valor que colocaram em seus bolsos há poucos meses.

Oh! quanta inocência sô!

Anônimo disse...


A JUSTIÇA É CEGA MESMO?

Se a Previ está dizendo que pagou o tal abono mas não o provou no transcorrer do processo, estará condenado a pagá-lo novamente, pois nada consta no contracheque da época. Por que não contestou e provou o pagamento antes? Agora é tarde para fazê-lo. O processo tá julgado nos "finalmente".

Anônimo disse...

PESSOAL, NÃO PENSEM QUE É PIADA! ESTÁ NO SITE DO ESTADÃO:

"Investimentos inadequados do Postalis devem ser investigados, diz Berzoini"


KKKKKKKKKKKKKKKK

Agora conta a do papagaio...

Anônimo disse...

Colegas,

Tenho lido nos blogs e no RedeSOS as manifestações a respeito do abono de R$ 3.000,00.

Alguns colegas aposentados disseram que receberam o abono em duas parcelas por meio de crédito em conta corrente, uma em set e outra em out/97, e não pela FOPAG.

Então, diante disso, não adianta pesquisar pelo contracheque se foi ou não feito o pagamento, deve-se, sim, olhar os extratos da conta corrente da época.

Quanto a mim, já aposentado em 97, não me lembro de ter recebido nada. Agora, como consultar esses extratos depois de tanto tempo...?!

De novo, entra-se na via Crucis de ter que ir ao banco pedir documentos antigos.

É f..., tudo isso. Quanto a Isa, não acho que ela tenha sido precipitada ou irresponsável pela divulgação do resultado da ação.

Afinal, trata-se de um trânsito em julgado, com afirmação clara do perito de que o abono não foi pago aos aposentados. Além disso, ela não divulgaria sem a orientação dos advogados que acompanham a ação.

Finalmente, fica uma pergunta importante no ar: por que a PREVI não disse, antes, tudo isso que ela divulgou no site...?

A coisa anda preta, colegas, muito preocupante mesmo, tende a piorar se a gente não se movimentar.
Lydio


Anônimo disse...

A PREVI diz que pagou a título de adiantamento o abono dividido em 2 parcelas,sendo uma em setembro/97 e outra e outubro/97. Pesquisando os meus holerites daqueles meses não consta nenhum adiantamento.Verifiquei de setembro até dezembro/97 e nada.Não estou entendendo mais nada. Tenho holerites desde 1995 em diante.
Lourival

Anônimo disse...

Muitos colegas disseram que não receberam a título de adiantamento o tal abono. Nos meus holerites também nada consta de setembro97 em diante. Tenho todos. A PREVI está nos enganando.
Carlos

Anônimo disse...

Será que o tal abono que a Previ diz ter pago, seria tipo "RENDA CERTA" ? Não a todos.

Anônimo disse...

18:56

Colega Carlos, mas o indicativo seria de que o pagamento teria ocorrido direto em conta corrente. Como as instituições financeiras são obrigadas a manter a movimentação em conta corrente microfilmada pelo prazo de 20 anos, então ainda daria tempo de solicitar cópia dos extratos daquele período citado pela PREVI (setembro e outubro de 1997).