BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

A MÃO QUE AFAGA É A MESMA QUE APEDREJA

     Não soa estranho porque todos conhecemos o partido, seu "modus operandi"; entretanto, não é a Contraf-CUT o braço sindical do PT? O presidente do BB é indicado pelo Palácio do Planalto, então a CUT deveria levar esta insatisfação diretamente ao Lula ou à Dilma para que o BB não realize esta maldade contra nós, associados da CASSI. É louvável este levante do Sindicato, no entanto, protestar no papel é muito menos produtivo. Eles têm os meios de impedir essa barbárie. O Lula, faz dez dias, esteve na CUT para discursar sobre um eventual golpe militar, na presença do Wagner Nascimento. Por que não o pressionaram sobre este aumento abusivo unilateral?

Contraf contesta em jornal intenção do BB de aumentar mensalidade da Cassi

  





A Contraf-CUT elaborou um Espelho especial Cassi com o posicionamento dos representantes dos trabalhadores e com informações completas sobre a intenção da direção do Banco do Brasil de obrigar a Caixa de Assistência a aumentar a mensalidade dos associados em 50%, passando a cobrar 4,5% dos salários dos ativos ou dos benefícios dos aposentados. Aquilo que havia sido divulgado como boato foi apresentado à Cassi pelos diretores indicados pelo banco, que além disso levaram proposta de suspender programas de saúde, tal como o PAC, plano que visa a dar tratamento adequado a cerca de 10 mil pacientes crônicos e reduzir o número de dias de internação. 

Veja aqui O Espelho especial Cassi, que também está disponibilizado na seção downloads do site WWW.contrafcut.org.br. A Contraf-CUT orienta os sindicatos a imprimirem o jornal e divulgarem nas agências do BB nesta sexta-feira 16.

O banco quer equilibrar a situação da Cassi onerando somente os associados e não aceita fazer qualquer desembolso. Esta é a informação extraoficial obtida pela Comissão de Empresa dos Funcionários do BB.

Mobilizar para impedir retrocesso

Os sindicatos e dirigentes eleitos da Cassi não aceitam solução que onere somente os associados. Defendem o aprofundamento da Estratégia de Saúde da Família, fortalecendo as Clinicassi, investindo na medicina preventiva, melhorando o atendimento aos associados e reduzindo despesas. Este é o modelo de saúde mais avançado existente no mundo hoje.

"O banco sabe muito bem que qualquer aumento de mensalidade depende de alteração estatutária, que só pode ser feita pelo voto dos associados. Em vez de dialogar e negociar com os representantes dos associados, quer apelar para corte de direitos. O movimento sindical não vai aceitar as pressões do banco e vai organizar a luta pelo fortalecimento e preservação da Cassi", adverte Wagner Nascimento, coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB. 



Fonte: Contraf-CUT

89 comentários:

Anônimo disse...

COLEGAS: POIS É, O MUNDO É MESMO PEQUENO, NÃO É MESMO?

Aqui mesmo, antes e após, as eleições, alguns colegas, como em outros blogs, desceram o cacete em quem não era simpático aos vitoriosos, àquela turma dos derrotados.
Digo para eles: E AGORA ZEZÉ????
Sinceramente, gostaria de ver-lhes as caras. Será que ainda os acho??? Ou estão escondidos na multidão??
GOSTARIA DE VÊ-LOS DAR AS SUAS CARAS A TAPAS... OU ENROLEM O RABO DA CASCAVEL E SENTEM EM CIMA E FIQUEM CALADINHOS.
Abs.

Anônimo disse...

Caros aposentados,

Me indiquem UM , Um só, sindicalista que administrou alguma empresa e essa se saiu a contento.
Estou com mais de setenta anos e nunca vi essas "sumidades" trabalhar, digo TRABALHAR, em algo que gerasse melhoria de vida, sem greves e agressões/maracutaia!
Mas com o poder nas mãos FERRAM, seus eleitores com a maior cara de pau, dizendo que não vivemos uma INFAME DITADURA, que mata silenciosamente as pessoa de bem.
Pelo menos uma vez na história sejam HONESTOS SENHORES "DEUSES" SINDICALISTAS.

Anônimo disse...

Olá Colegas!
Com relação à nossa CASSI, após receber o último Jornal da Unamibb, fiquei abismado com a notícia nele constante, e até mesmo esse mesmo periódico, em seu texto, fala que é "inacreditável", que por decisão da última Assembléia Geral do BB, fixou o salário dos presidentes da PREVI e CASSI em R$-55.842,38 e aos diretores dessas nossas entidades em R$-47.327,56 (3 diretores da CASSI e 6 da PREVI)), observe-se que isso é apenas salário, fora outras remunerações de representações indiretas e demais mordomias. Desse modo, não há Caixa e Fundo que se aguente.
Como vemos os Ministros do Supremo Tribunal Federal, passarão a partir de 2015, a receber o salário de R$-33.700,00, o que os farão, no mínimo, terem inveja desses nossos dirigentes.
É possivel que colegas eleitos decladuplicam seus salários ao se afastarem do banco para exercer essa notável função. É muita competência e devem ser respeitados.
Presidentes e/ou diretores das nossas entidades Cassi ou Previ, que ao se deslocarem às suas sedes para trabalhar, dirigindo o seu próprio BMW será motivo para deboche, pois o correto deve ser em Mercedes-benz, no mínimo.
É bem por isso que nas eleições de nossas CASSI e PREVI, a de briga, além de grande, é de gente grande. Quem estiver disposto, arrisque-se.
Abs.
Adilson

Anônimo disse...

Acreditar na Contraf Cut??????
Vocês estão de brincadeira!

Anônimo disse...

Isso é jogo de cena dileto Professor. O sindicalismo no Brasil perdeu a razão de ser quando o Lula assumiu. Se antes quando o PT não era situação essa vagabundagem já não trabalhava, imagine agora?
Para ser sindicalista o abostado precisa saber algumas frases sem necessariamente saber o significado. Então vejamos:
- Palavra de ordem;
- Fazer uma Plenária;
- Só nos resta recorrer a Greve;
- Relação capital x trabalho;
- Precisamos de Mobilização;
- Reunir os delegados sindicais;
- Entregar panfletos;
- Vamos ao enfrentamento;
- Incluir na pauta;
- Tomar uma cervejinha porque ninguém é de ferro (depois de ficar o dia inteiro a toa)

Com esse palavrório está diplomado um sindicalista dos bons. Daqueles com bagagem para assumir cargo de direção na Previ, Cassi, BB e coisa que se eqüivalha.

Ah! Já ia esquecendo! Tem que saber erguer o braço com a mão fechada quando estiver indo para a cadeia

;

Anônimo disse...



" CASSI NECESSITA DE BUROCRATAS OU 'BURROCRATAS' "

Mestre, as nossas entidades que deveriam ser sustentáculos para os
sseus associados, incentivadas pelo desmando que ora reina na esfe-
ra do governo federal, onde só se fala em aumentos para estancar o
déficit público, também querem seguir o mesmo caminho e aumentar
dia sim-dia também as nossas contribuições. Primeiro foi a previ (
não escrevo mais com letra maíuscula,pois não merece ! ) e agora a
CASSI que, após recomendar a utilização de medicamentos genéricos à
comunidade assistida, e de ter perdido a maior parte dos médicos
com renome, o que vem causando despesas adicionais aos sócios, se
arvora em autoridade monetária para sugerir aumento de contribuições.
Ora, amigos, se for para colocar apenas "postes" indicados por diri-
gentes que hoje são mais políticos do que funcionários de carreira,
não se precisa de diretoria, ganhando absurdos. Onde estão minhas
dúvidas : não tenho notícia de que foi feita uma auditoria por fir-
ma idônea e de gabarito para encontrar falhas no dia-a-dia da Cassi.
Também há que se convir que o know-how dos diretores tem de ser afe-
rido pois é de se esperar conhecimentos técnicos de quem está gerin-
do uma entidade deste porte, além de dedicação e honestidade, para
não gerar esta dúvida : a CASSI tem burocratas ou BURROCRATAS ?
Divany Silveira-Sete Lagoas-MG






Anônimo disse...

Acreditar em quem, então ???
Com os salários acima citados de diretores de Cassi e ou Previ, qual o eleito que vai "votar contra" ?
Pela situação de Cassi e o resultado da Previ, não é só sindicalista que não sabe administrar.
Ao menos a Contraf veio a público com a denuncia.
E os outros o que fizeram ? Reuniões ?

Anônimo disse...

Sr. Ari Zanella,
podes publicar?

Variedades

Lista de destaques

15/01/2015

Meta para esse ano: melhorar a qualidade de vida!

Sabe aquelas metas de início de ano que prometemos a nós mesmos? Geralmente uma delas é melhorar a qualidade de vida. Para os aposentados, mais do que aprimorar a saúde, o que se busca é aumentar o círculo de amizades para estar em interação constante. Nesse sentido, o educador físico é o profissional especializado em bem-estar que pode lhe ajudar a cumprir tais metas.

O educador físico Renato Mazzetelli, com ampla experiência, especializou-se no atendimento a pessoas aposentadas e idosas há cerca de 18 anos. Ele dá a receita para se manter sempre jovem e de bem com a vida. “Existe o envelhecimento físico e o envelhecimento social, ambos caminham juntos. Quando um deles passa por um momento difícil, o outro se fortalece. E o envelhecimento social pode acontecer na aposentadoria. A atividade física entra aí, como fator de interação, garantindo novas amizades, valorização e autoestima”, afirma.

Segundo Mazzetelli, pessoas que buscam as atividades físicas quando estão perto da aposentadoria – ou quando já estão aposentadas – ganham em qualidade e vida. A melhora na condição física garante independência e autonomia, e ajuda a superar o sedentarismo que pode causar doenças.

“É natural que em determinado momento da vida a pessoa perceba as mudanças e o enfraquecimento físico. Isso, além de trazer dificuldades para realização de algumas atividades, pode causar envelhecimento social, dificultar as interações. É aí que a relação entre o aposentado e o educador físico ganha importância”, afirma.

Para Mazzetelli, os profissionais devem praticar atividades físicas antes mesmo da aposentadoria. Entretanto, quem ainda não procurou o apoio de um profissional da área para orientação, ainda está em tempo. “O profissional de educação física deve ser procurado para que possa encaminhar a pessoa à atividade adequada. A idade chega, e algumas doenças acompanham o envelhecimento. O profissional de educação física pode ajudar nesse processo”, afirma.

Assim como Renato Mazzetelli, o também educador físico Eduardo Colmanetti atua orientando profissionais aposentados e pessoas idosas. Ele afirma que, nessa etapa da vida, é essencial que a pessoa mantenha um ritmo de atividades para que o envelhecimento não seja agressivo ao organismo, e para garantir melhor condição de vida na terceira idade.

Depois de trabalhar a vida inteira e se aposentar, é interessante que a pessoa esteja engajada em grupos de atividade física. A Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza saúde mental, física, social e espiritual, principalmente após a aposentadoria, e as atividades físicas permitem tudo isso. “Nunca é tarde para praticar qualquer atividade física. Algumas pessoas começam a fazer corridas aos 50 anos, e aos 60 participam de provas que, além da questão física, garantem qualidade na vida social”, conclui Renato.

Extraído do portal Previ.

Será que eles não sabem que estamos correndo atrás do DINHEIRO há muitos e muitíssimos anos, para ter uma MELHOR QUALIDADE DE VIDA?
QUE O DIGAM AS PENSIONISTAS!

Anônimo disse...

Mantidos os Pres. do BB, CEF E BNDES. Fonte: Fl. de hoje.

Anônimo disse...

Será que esses "paus mandados" do PT, pagam dizimo ao partido?
Só pode ser.

Anônimo disse...

Muita ingenuidade acreditar em sindicatos e governos!

Marcelino Maus disse...

Retificando o "embroglio" do post anterior - fica a dúvida se o anônimo falava dos Diretores da PREVI ou CASSI.

Refiro-me aos Diretores da CASSI, indicados ou eleitos, RATIFICO:
Talvez pouco importe, porque são todos "farinha podre do mesmo saco".
A meu ver, NENHUM Diretor da CASSI vale R$47.000,00 para não FAZER NADA - a CASSI sangra na corruPTção como TODOS os Fundos de Pensão e suas ESTATAIS, com a corja dos PeTralhas dilapidando tudo.

Dr. Ari, visto que pouco importa nossa indignação pelo descaso do BB, fica por sua conta deletar as duas postagens.

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:


A PREVI está alardeando, COMO SE FOSSE COISA DO OUTRO MUNDO (desculpe o trocadilho), o ótimo negócio que é ter um seguro na CAPEC. Tenho um na POUPEX que pagará o triplo do da CAPEC e, cuja prestação é menor em 1/3.
Quanto ao contracheque, eu, PARA NÃO DESAGRADÁ-LO, não quis dizer que o mesmo JAMAIS SAIRIA EM 13/14 de janeiro. O Mestre já notou que em abril/novembro (épocas de 13 salário) e também quando há reajuste salarial (qualquer que seja a época) o espelho não sai antes de 17/18? O Sr. por acaso já viu o SISTEMA BB. FUNCIONAR NO DIA 02 DE JANEIRO, QUARTA-FEIRA DE CINZAS, FERIADÕES, DIA DE ELEIÇÕES e outros???

Ari Zanella disse...

Meu caro Marcelino,

Acredito que o Anônimo das 04:08 está se referindo às eleições presidenciais.

Anônimo disse...

Ari,
Exatamente o que comentaste às 11:21.

Anônimo disse...

Acreditar em quem, então ???
Continuo apostando uma MC positiva contra uma negativa...

João Rossi Neto disse...

Caro Ari e colegas,

MESMO DEPOIS DA MAIOR REDE DE CORRUPÇÃO MUNDIAL, O GOVERNO DILMA AINDA TEM A DESFAÇATEZ DE ELOGIAR O TRABALHO DA GRAÇA FOSTER NA PETROBRAS. PIOR DO QUE ISSO, SÓ OS ELOGIOS TECIDOS AO PAULO ROBERTO COSTA, NO ATO DA SUA DEMISSÃO DO CARGO DE DIRETOR DA PETROLEIRA, FEITOS PELO EX-MINISTRO GUIDO MANTEGA, QUALIFICANDO SEUS ROUBOS POR BONS SERVIÇOS PRESTADOS! TUDO ISSO SÓ PODE SER DEBOCHE COM O POVO.

O Ministro de Minas e Energias, Sr. Eduardo Braga, disse a jornalista Mirian Leitão, na entrevista de hoje no canal globo News, o seguinte: “Ao ser perguntado se será sob o comando de Graça que vai ser feita a limpeza da Petrobras, Braga afirmou acreditar que ela é a pessoa adequada, porque é competente e conhece o sistema Petrobras como poucos", por isso ficará na Presidência da Petrobras.

Essa informação prestada sem medir os desdobramentos, basicamente é um ato falho e uma confissão de culpa, visto que se a Graça tem mesmo essa competência extraordinária e conhece como poucos o sistema da Petrobras, indubitavelmente ela sabia de tudo acerca da quadrilha organizada que operava o esquema criminoso e assaltava os cofres da Petrobras.

A Presidente Dilma de fato, neste momento turbulento, de escândalos devastadores, teria dificuldades para arranjar substituto para a “linda” Graça Foster, pois com a PF e o MPF no circuito, seria suicídio entrar nesse fogo cruzado, onde se misturam ladrões de todos os matizes.
Demais disso, é lógico que a Dilma precisa de alguém da sua absoluta confiança, na Presidência da Petrobras, para limpar as suas impressões digitais deixadas na autorização da compra da Refinaria de Pasadena, operação execrada pelo TCU que, por cálculos atuariais, chegou à conclusão de que houve um prejuízo a Petrobras no valor de US$ 792 milhões, processo enviado à operação Lava Jato da PF.

O Lula deve ter sido o mandante e maior responsável dessa compra fraudulenta, vez que a mesma ocorreu no seu primeiro Governo, do qual a Dilma era Ministra de Minas e Energias e Presidente do Conselho de Administração da Petrobras.

Acho que todos os envolvidos nestes desfalques de valores alarmantes ao erário público (Paulo Roberto Costa, Renato Duque, Nestor Cerveró, Alberto Youssef, Graça Foster, Dilma, Lula, políticos e os donos das empreiteiras) devem ser processados, levados às barras dos tribunais e presos sem nenhum privilégio. Lugar de ladrão é na cadeia!

Anônimo disse...

Se não tirar o desconto da previ do calculo da margem, não poderei renovar e pagar minhas dividas.Credor na minha cola, já não atendo mais telefone, e um inferno,ligam de 10 em 10 minutos.
Vocês terão noticias minhas e a previ vai para os jornais, acho que assim ajudarei muitos colegas.

Anônimo disse...

Se Graça Foster “é competente e conhece a Petrobrás como poucos”, não seria nenhum absurdo se inferir, no caso da operação lava jato, que ela foi omissa ou conivente com o que acontecia.

Henrique Soares disse...

Nem lançamento futuro, nem contracheque, mas muita esperança da esperança não acabar.

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:


A COISA TÁ FEIA na PETROBRÁS! Com Graça Foster no comando continuará MAIS FEIA AINDA!

Anônimo disse...

O propalado rombo na Cassi deve-se, principalmente aos altos salários dos diretores; aluguel de prédios além de sua realidade; contingente de empregados para não fazer nada, por aí vai... Afora tudo isso, ainda somos brindados com o descredenciamento de bons médicos e a negativa do plano em acatar relatório de facultativo competente na solicitação de exames,visto que os seus capazes auditores, sentados nas giroflex amparados por bons ar-condicionados, se acham na condição de julgadores do bem e do mal sem, no entanto, saberem a exata necessidade dos exames solicitados pelos médicos ainda credenciados que nos atendem.

Anônimo disse...

O SINICATO É UMA FÁBRICA DE BICHO PREGUIÇA. TEM DELES QUE CORTAM ATÉ O DEDO FORA PARA NÃO TRABALHAR. E O OBAMA AINDA DISSE QUE ERA O CARA, MAS ESQUECEU DE FALAR OU SÓ PENSOU: DE PAU

REPUBLIQUETA DE SINICALISTAS

Se gritar pega ladrão...

WILSON LUIZ disse...

Comenta-se que a CASSI vai instituir, somente para os assistidos, uma contribuição “extraordinária e provisória”, que seria de 1,50% sobre o benefício recebido, para “corrigir desequilíbrios financeiros”. Só pode ser mais uma maldade pra cima de nós, isto não vai resolver nada. Considerando-se que os benefícios que recebemos, anualmente, sejam em torno de R$ 10 bilhões(PREVI mais INSS), a arrecadação da CASSI seria R$ 750 milhões/ano, R$ 62.5 milhões/mês. Os 1,5% a mais representariam mais R$ 150 milhões/ano, R$ 12.5 milhões/mês, muito pouco para que a atual incompetente diretoria resolva qualquer coisa. O problema da CASSI é gerencial, precisa de mudanças, mesmo que tenha que contratar competentes executivos, fora dos quadros do Banco do Brasil, que já não são mais uma Brastemp.

QUEM PLANTA, COLHE

Escutei, no rádio do carro, presidente de uma dessas confederações pelegas de trabalhadores, dizendo que foi uma facada nas costas a presidenta ter encaminhado, ao congresso, medidas que diminuem direitos trabalhistas , já que ela havia prometido que não tomaria qualquer medida prejudicial aos trabalhadores, nem que a vaca tussisse. Disse, também, que havia orientado os trabalhadores a votarem na Dilma, e EXIGIA (quá quá quá) que a presidenta retirasse as tais medidas. Acho que ainda não lhe contaram que o que vale agora é o “esqueçam tudo que prometi”.

Anônimo disse...

Estelionato eleitoral circunstanciado e incontestável. Bem, mas aqui...no Brasil...no que se refere...pqp!!!!!!!!!!!

Anônimo disse...

PROFESSOR ACHO QUE ESTOU APAIXONADO PELA DILMA E AGORA?

Anônimo disse...

pois eh, dizem que muitas pessoas se apaixonam por seus algozes!!!!!kkkkkkk

Anônimo disse...

Para alguns, ao atingirem uma faixa etária mais elevada, a curiosidade pela procura do novo começa a ficar mais aguçada, chegando ao ponto em que tudo é válido na busca do prazer. Até mesmo admitir a hipótese de sentir-se atraído por um “sargentão”. Cada um com o seu cada um.

Anônimo disse...

Professor Ari,

Tenho um amigo em Brasília que jura de pés juntos que viu a Dilma voando no céu da capital numa vassoura. Acredita que existam bruxas?

Anônimo disse...

Mais uma vez (para variar..rs) , a PREVI pisa na bola. esperi ansiosamente o dia de hoje, 16.01, para renovar o Empréstimo Simples já para crédito em 20.01.2015, para evitar maiores surpresas. Minha margem consignável estava negativa em menos de 81 reais, e, mesmo com o pífio reajuste de janeiro, eu poderia renovar por 120 meses, no cenário atual. Embora tenha tirado a Cooperforte e liquidado a Crediscoop, estou meio desconfiado dessa nova margem consignável. Não espero nada do Marcel além de pioras. Pois bem: inexplicavelmente, embora tenha atualizado o "valor disponível", a PREVI não atualizou a margem consignável nem publicou o espelho de janeiro/15, simplesmente fechando mais m esta porta. Agora, renovação só nas novas "bases", e seja o que Deus quiser. Será que tem jeito de fazer pior...rs?

Everton disse...

Prepare o bolso Previ - lá vem mais uma do PT sobre nós. A conta, como a conta de luz vai bater agora na porta da Previ, via BB
Dilma quer que bancos públicos socorram empresa privada do setor naval com R$ 10 bilhões. O probleminha é que há alguns réus na Lava-Jato no meio do caminho…

Está em curso um troço realmente do balacobaco, que a Folha traz em sua manchete de hoje. Eu poderia dizer que é a cara do PT. E é. Mas também é a cara das piores práticas da ditadura militar. E o PT, como é sabido, mimetiza muitos procedimentos daquele período. O emblema talvez seja Delfim Netto, guru econômico da linha dura fardada e de Lula. Mas vamos ao ponto, que sintetizo em tópicos.

1: O governo petista decidiu estimular a indústria naval brasileira.

Anônimo disse...

Sinto que não viverei ate o dia 21.
DEUS me de força

Anônimo disse...

Anonimo 09,43 (espelho)
Relembrando o querido Chaves "desconfiei desde o princípio".
os "super dotados" da Previzinha, inteligentes que são..... irão liberar o espelho no site apenas após as 15,00 horas, quando fecharão para ajustes no ES. Sendo assim, ninguem renova até 16.01.
Até eu (semi analfabeto) em comparação às super cabeças da Caixa DESCOBRI o óbvio. Façam coisas mais complexas senão os velhinhos descobrem.

Marcelino Maus disse...

Contra-cheque ainda não disponível, mas as Consignações de Terceiros já refletem na margem ao simular a CARIM.

Quem conseguiu converter consignações em débito em conta deve ter a margem melhorada pelo INPC 6,23 - salvo outras fórmulas da MC 30% que incluírem débito que eu desconheça.

Aguardemos.
O novo ES, creio, só poderá ser gravado em 21/01/2015...pois deve haver créditos para 19/01/2015 rodando na modalidade atual.

Quem fiscaliza a PREVI e a CASSI?

Os PeTralhas ?

ANAPLABB ou a CHAPA 3 têm a obrigação de contratar AUDITORIA EXTERNA INTERNACIONAL às expensas da própria PREVI e da CASSI !

Pesquisem e informem o Custo da Auditoria - faremos uma Antinha para pagar.

Acionistas minoritários podem exigir AUDITORIA EXTERNA INTERNACIONAL no BB e na PeTeroubrás?

ANAPLABB, ANABB, Chapa 3, favor verificar O QUE REALMENTE "PODE" e "DEVE" ser considerado na MC 30%.
Contribuições à CASSI, CAPEC são computadas em face de LEI e "poderiam" ser excluídas ?
CONTRIBUIÇÃO é encargo, despesa?

Anônimo disse...

DILMA MEU AMOR EU NÃO AGUENTO MAIS

Anônimo disse...

A CASSI cobre o tratamento aos assistidos acometidos de Síndrome de Estocolmo? Tem gente amando os nossos algozes.

Anônimo disse...

O espelho não tá disponível para a CASSI bater a carteira?

Anônimo disse...

Será que a Previ não entendeu ainda que estamos de olhos abertos?

Ari Zanella disse...

VALOR ECONÔMICO PAG C03

Para aqueles que nos criticam:

Fundações discutirão investimentos polêmicos

Por Renata Batista | Do Rio

"Depois de lançarem um manifesto contra interferências políticas nas entidades no ano passado, diretores e conselheiros eleitos de fundos de pensão de estatais se reúnem segunda e terça-feira da próxima semana, em Brasília, para discutir a situação das entidades. De acordo com fontes que participam dessas articulações, a pauta inclui uma reunião na Previc e um debate sobre a precificação de ativos, além de discussões sobre o histórico de investimentos polêmicos.

"Queremos saber como esses projetos chegaram em cada entidade, se tiveram origem comum e se têm ligação com todas essas denúncias que existem por aí", explica um conselheiro eleito de um fundo com sede no Rio de Janeiro. Ele lembra o caso da exposição dos fundos ao Banco Espírito Santo, que não atingiu todos da mesma forma. "Quase todos perceberam o risco, mas só alguns conseguiram evitar o prejuízo. Por que?", questiona.

Em relação à precificação, há casos de investimentos iguais avaliados de forma totalmente diferente nas várias entidades, o que pode mascarar resultados e, no limite, até comprometer o pagamento de benefícios. Um dos casos mais emblemáticos que será avaliado é a Vale, que está na carteira de várias entidades. Outro investimento que deve ser alvo de um pente fino do grupo é a Invepar, holding da área de infraestrutura que tem entre seus sócios a construtora OAS. O terceiro investimento que mais desperta interesse é a Sete Brasil.

Na reunião de segunda-feira, o grupo de conselheiros e diretores - que inclui representantes de Petros, Previ, Funcef, Real Grandeza e Eletros - vai definir a metodologia que será usada nessa avaliação. Os conselheiros eleitos da Funcef, que são funcionários de carreira da área de auditoria da Caixa Econômica Federal, são os mais cotados para coordenar os trabalhos."

Ari Zanella disse...

Ainda no Valor Econômico

BNDES aprova aporte de 5,2 bilhões de reais para a SETE BRASIL a fim de viabilizar a entrega de sondas à Petrobras.

Na Folha de hoje, chamada de capa, diz que Dilma PRESSIONA bancos estatais a financiarem empresas fornecedoras da Petrobras.

Anônimo disse...

ESPELHO JÁ DISPONIVEL,
A MC DE JANEIRO CONSTANTE DO ESPELHO ESTÁ CONSIDERANDO A CAPEC

Jeanne disse...

Ja vi o contracheque dejaneiro/2015. Jeanne.

Anônimo disse...

Me ajudem:
MC 30% espelho janeiro (-204,31)
CAPEC espelho janeiro ( 341,43)
A Previ vai considerar a capec no cálculo da margem?
Em caso negativo minha disponibilidade de margem seria (341,43-204,31) =+137,12? Peço socorro a quem puder confirmar para mim.

Ari Zanella disse...

15:32

Falei agora com a PREVI, assessoria do Marcel. Eles me garantiram que a CAPEC somente fica negativa no espelho.
Quando for contratar o ES ela é somada à margem.

Então, a sua MC para fins de contratação do ES é 137,12 positiva, conforme o cálculo que você fez.

Anônimo disse...

Antecipo agradecimentos,
Consultei pelo site, agora, à Previ e já me responderam, vejam:

Senhor Valdevino,

Informamos que a contribuição com a CAPEC não impactará a margem consignável. Quanto ao cálculo, pedimos aguardar a divulgação da margem de janeiro/2015.

Permanecemos ÿ disposição.

Felipe Osório da Silveira disse...

Aqui ainda não está disponivel contra cheque

Anônimo disse...

Se a margem consignável do E.S. for a mesma contida no espelho/janeiro/15, estaremos perdidos. No meu caso, passou de pouco menos de R$ 81,00 negativos, em dezembro para mais de R$ 938,00 negativos. TUDO foi considerado: Cassi, Cassi/PAF, Previ contriubuição, CAPEC, mensalidade da AAFBB. TUDO!, excetuando uma pensão que ainda pago. Eu já tinha imaginado, mas não pensei que seria tão ruim. Que lástima!

Anônimo disse...

A DESCRIÇÃO DO ANÔNIMO DE 08:40 parece mais confissão pela riqueza de detalhe. Acho que já encontrou seu cada um...

Anônimo disse...

Boa tarde,

Querido Ary, estamos preocupados com o andar da carruagem na previ, ou estão doidos de pedra ou comeram algo que os fez passar muito mal. De R$ 142,00 negativos, meu marido foi para R$ 1.160,00 negativos. Isto mesmo R$ 1.160,00 negativos.
Deveremos interditar a previ com a maior urgência, como começamos a fazer esse processo, você saberia me dizer?

Um grande abraço,

Lú!

Anônimo disse...

Olá Prof. Ary!

No espelho deste mês, minha margem é negativa em torno de 7,00 e tenho CAPEC em torno de 29,00. Isto significa que terei apenas 21 reais disponíveis para renovar o empréstimo? O desconto da Cooperforte foi somente de 25 reais.
Agradeço sua atenção.
Um abraço.

Anônimo disse...

sete brasil......a bandidada sempre se socorre,protegem se uns aos outros, jah os brasileiros comuns, tadinho deles..........

Ari Zanella disse...

16:40

Isto mesmo: sua MC é de 22,00.

Não seria possível você retirar da folha este 25,00 da Cooperforte? Pelo menos, sua margem aumentaria mais um pouco.

Com 22,00 você consegue uns 1.500,00 no ES.

Ari Zanella disse...

Olá LÚ,

Só pode ter acontecido que seu marido não retirou os débitos de terceiros da fopag, como Cooperforte ou outros. Agora, todas as outras consignações de empréstimos impactam na MC.

Anônimo disse...

Anônima da 16:40

Prof. Ary, o que está impactando minha margem é o empréstimo CARIM, que pago há mais de 20 anos, pois tive que repactuar por mais 5 anos por causa do saldo devedor, algo que nunca havia acontecido nos empréstimos imobiliários da Previ.Isto aconteceu com poucos contratos. Tremenda injustiça. Pago em torno de R$1.600,00, que me fazem muita falta.Será que a ANAPLAB pode entrar com ação coletiva para tentarmos corrigir mais esta injustiça?
Grata.
Um abraço.

Anônimo disse...

Caro Ari,

Sua informação repassada às 13:24 (Fundações discutirão investimentos polêmicos) nos leva a acreditar que doravante será dado um BASTA nas interferências políticas aos fundos de pensão das estatais. Entra governo e sai governo e todos eles querem se abastecer com a grana da Previ, Funcef, Petrus, Postalis, etc. Os únicos que não recebem benefícios reais são os aposentados e pensionistas. Esses míseros 6,23% de reajuste está aquém da inflação real existente no Brasil, sempre maquiada para reajustar a menor os benefícios dos idosos.

Anônimo disse...

Meu pai também está perplexo com a margem consignável dele:em janeiro era de negativa em 606,82;agora pulou para -3.311,94!!!E ele se recusa a retirar a Cooperforte e Crediscoop;não porque queira continuar com a farra dos empréstimos como muitos falam,mas porque para ele é uma maneira de evitar ficar inadimplente.A Cooperforte já informou que a partir de abril quando ele completa 91 anos,qualquer nova contratação ficará sem a cobertura do seguro.Então,prá que retirar da fopag se ele não poderá mais renovar? Meu pai graças à Deus um homem ainda muito lúcido,não quis se pronunciar aqui.Faço o desabafo por ele.

Anônimo disse...

Caro anônimo 15/01/15 20:44

Deve ser a "Síndrome de Estocolmo", em que a vítima passa a ter boas relações e até a defender a sequestradora.
E, diga-se de passagem, a pessoa por quem você se apaixonou conhece bem as técnicas de guerrilha.

Anônimo disse...

Pensionista quer saber: eu sou obrigado a ficar na Cassi? Eu posso adquirir outro plano de saúde?
Agradeço por uma resposta.

Goulart disse...

Anonimo das 17:24, a ação da Carim, é bastante complexa, pois envolve o calculo de um perito especializado, e a execução/ajuizamento da mesma, exige mais complexidade. Se quiser maiores detalhes, caso seja de seu interesse, informar o seu email, que o colega aposentado que tem feito esta ação, o Dr. Moyses, aqui de Londrina-PR, e tem obtido êxito, ele é advogado, favor entrar em contato. Obs- isso se o colega Ari Zanella, permitir, e com o seu consentimento, informarei o meu email, lhe comunicando os dados necessários para concretização desta ação da Carim. Tudo de bom, Goulart, de Cambé-PR

Anônimo disse...

Querido Ary,

Meu marido tirou a cooperforte do contra cheque, não temos carim e o único empréstimo que temos é somente a Satélite no valor de 1.020,00. Outros são capec, cassi, contrbuição previ, anabb. somente estes descontos normais que vem todos os meses em folha. Penso que o impacto foi não pertencermos ao grupo que recebe o inss através da previ.
Mas aqui em casa nos sentimos mais seguros em não recebermos através da previ, pois o inss nos dá condições melhores de empréstimo.
Na verdade não temos do que reclamar. Melhor assim.

Um grande abraço,


Lú!

Felipe Osório da Silveira disse...

Caro Ari, enviei a documentação para a PREVI pra resgatar a CAPEC e pedir a pensão. Entrei em contato hoje falaram que vai demorar 60 dias para fazerem o 1º pagamento, minha mãe que ficou viuva a menos de um mês quase foi fazer companhia pro pai. Como que pode demorar tanto tempo assim, isso que ficou um filho de menor.

Anônimo disse...

A QUEDA DO AVIÃO DO EDUARDO CAMPOS FOI CULPA DO FALECIDO PILOTO.
NA CASSI VÃO JOGAR TUDO NA CONTA DO PRESIDENTE FALECIDO.
ENQUANTO ISSO EU AQUI NA PRAÇA DANDO MILHO AOS POMBOS

Anônimo disse...

PROFESSOR E SE DEPOIS EU ME APAIXONAR PELA GRAÇA FOSTER

CHAMA A SAÚDE MENTAL

Ari Zanella disse...

Caro Felipe Osório,

Calma porque é demorado mesmo. Em torno de 60 dias. É a burocracia. Serão pagos religiosamente aos beneficiários inscritos no cadastro da Capec.
Enquanto isso, não há outro jeito senão esperar.
Um abraço.

Ari Zanella disse...

LÚ,

Foi isto mesmo, a retirada do INSS.
Mas como você está conformada, melhor assim. Eu também, se pudesse, não pegava mais nenhum centavo do ES.

Fernando Lamas disse...

Saudações cordiais a todos.

Prezado Professor Ari, eu lamento muito que, por vezes, comentários debitam da Anaplab todo esse tumulto/tormento que envolve o ES, devido ao castigo, via MC que foi sobrecarregada, agora, por todas as consignações.
Respeito, claro, mas discordo dessa imputação, à Anaplab.
É público, inegável que tornou-se descontrolado o nível de consignações, há muito tempo, CONTRARIANDO A LEI que disciplina a matéria.
Combinado isso com descontroles pessoais da vida financeira que pode levar ao endividamento, veio o asfixiamento, o estrangulamento de alguns poucos ou muitos, há controvérsias, eis, então que veio a pequenina Anaplab, onde há lá, entre outros, alguém do tamanho moral e combativo, Gilvan Rebouças, em socorro desses necessitados e reclamar, por justiça.
Penso que nada disso aconteceria, se a Previ conversasse mais com os associados, várias alternativas apareceriam, pois, sem dúvida, com esse colosso patrimonial, operações conosco, jamais, abalam um futuro seguro, para todos.
Com todo o respeito, mas é como eu penso.
Aproveito, para desejar um ótimo e abençoado fim de semana, a todos.
Grato por tudo e PAZ E BEM!

"Deus aceita quem o teme e pratica a justiça, qualquer que a nação a que pertença."
At 10,35

Ari Zanella disse...

É isso aí Fernando. Até porque a ANAPLAB foi uma das últimas a patrocinar a Ação 30%. A PREVI já tinha muitos casos antes de nós.
Obrigado e um forte abraço.

rafael campagnoli disse...

ANABB FOI NOTIFICADA EXTRAJUDICIALMENTE PELO BB!
A ANABB informa que foi notificada pelo BB por inadimplência da COOP-ANABB. Que ironia! Na última edição da Revista da Anabb, o sr João Botelho critica colegas que exigem que a ANABB acione judicialmente o BB, Previ, Cassi etc para proteger os associados aposentados, principalmente. O BB não pensou duas vezes para jogar toda a sua força contra ela. Como, aliás, faz conosco no BB, na Previ ( voto de minerva ) e agora na Cassi! Simples assim!

Anônimo disse...

Não sei se acontece com vocês, mas ando recebendo muitas mensagens oferecendo planos de saúde para a terceira idade. Seria coincidência com a situação da Cassi? Parece que há algo sendo tramado nos bastidores!

Anônimo disse...

Goulart, gostaria que você disponibilizasse o seu email, também tenho interesse em entrar com a referida ação. Obrigada!

Anônimo disse...

PRO.ARI,

NOS ANOS ANTERIORES, O MEU AUMENTO DA PREVI INCIDIA SOBRE A SOMA
DO BENEFÍCIO DA PREVI MAIS O INSS, PORQUE ESSE ANO A PREVI SÓ CONSIDEROU
O BENEFÍCIO PREVI. EU TENHO DIREITO
ADQUIRIDO,ME EXPLIQUE PORQUE ACONTECEU
ISSO.
AGUARDO COM MUITA ANSIEDADE SUA
RESPOSTA, UM FORTE ABRAÇO.

Ari Zanella disse...

19:09

Já respondi na outra postagem. Porém repito: você poderá sair da CASSI ou fazer portabilidade.
Entretanto, não compensa.
Quanto mais envelhecemos, mais caro fica qualquer outro plano de saúde.
Pelo menos na CASSI, o máximo da contribuição é de 3% sobre os proventos (por enquanto...). É relativamente muito mais barato que os demais planos.

Um Anônimo postou na anterior esta oportuna complementação:

"Permita-me o professor Ari um adendo.
Conforme os estatutos da CASSI, o associado que pedir a exclusão do plano de associados, não poderá ser readmitido no mesmo, só sendo admissível o ingresso em outro como, por exemplo, o CASSI Família.
Então o professor Ari, com o zelo habitual, tem absoluta razão em alertar para que a decisão não seja tomada sem bastante reflexão."

Ari Zanella disse...

23:08

Não sei se você recebe a parte do INSS fora da folha, mas se recebe junto, houve a correção dos dois pelo mesmo índice: 6,23%.
No meu veio corrigido assim:

P300 PREVI ..........VALOR CORRIGIDO

P400 INSS ..........VALOR CORRIGIDO

Anônimo disse...

Recebi da Previ um e-mail pedindo que as (os) pensionistas que tivessem conseju entrasse em contato com a mesma. A data já passou. Estou achando muito estranho isso. Porque será? Ao meu ver, acredito ser para quando a gente morrer o conseju pague as contas. Só pode. A Previ não da ponto sem nó, e jamais fará algo de bom para nós. Aliás, NUNCA FIZERAM. É mal atrás de mal. Já não bastam a retirada do BET? Já não basta tantas desgraças nas nossas vidas? O quê mais esses diretores de m querem fazer?
Minha esposa faleceu há 22 anos, e eu tenho uma companheira com quem não me casei para não perder a pensão. Fico imaginando o que será da vida dela se eu passar para o andar de cima. Isso me angústia por demais a minha vida. Ela também não é mais moça. Temos uma filha com com 19 anos que já casou. E para as duas( companheira e filha) pago a mantença. Algum amigo recebeu o mesmo e-mail? Se recebeu poderiam me responder por favor? A minha companheira tem algum direito quando eu morrer? Me ajudem porque não gostaria que ela sofresse como eu. Eu fui casado com uma aposentada do BB. Recebi o seguro e pago a mantença. Tenho um comércio na qual aumenta a minha renda mas isso é pouco para quem é muito para mim.

Repetindo: a minha companheira tem algum direito por parte da Previ?
Grato.
Anselmo Duarte.

Anônimo disse...

Sou o anonimo das 19:09. Mas eu só tenho 29 anos. Fiquei viúvo recentemente. E me chega convites de planos bem em conta.

O que faço?

Ari Zanella disse...

Sugiro que não saias. Mesmo jovem, quem sabe mais tarde você volte a se casar, então ela também estará incluída no seu Plano, sem que você pague mais por isso.

Em todo caso, você decide. Eu não sairia.

Goulart disse...

Ao colega anonimo das 23:05 hrs. o meu email é rub.gp@hotmail.com, e caso necessite maiores esclarecimentos desta ação da Carim, passarei o email do Dr.Moyses colega advogado aposentado do BB, de Londrina-PR. Tudo de bom Goulart.

Anônimo disse...

Pretendo, nos próximos dias, fazer o financiamento da CARIM.
Tenho os contracheques separados(Previ e Inss). Dos quais somados se aplica os 25%, que vão me dar a prestação máxima que poderei assumir, e o limite máximo financiável.

Pergunto: Sou obrigado a unificar os dois contracheques, ou não precisa?

Tem alguém aí com o financiamento imobiliário e com os contracheques separados com caso semelhante?

Por favor informe!

Abraço.

Anônimo disse...

Prof. Ari,

Outrora os aposentados da PREVI recebiam o reajuste anual em seus benefícios. Que felicidade! Isso de acontecia há mais de 4 décadas.

Não alcancei esse período.

Atualmente, os "assistidos" também recebem o reajuste anual, pela PREVI, mas a diferença é que, mesmo com o reajuste nos benefícios, o poder de compra diminui.

Há outra diferença que percebemos nos diversos relatos deste blog: A angustia do parâmetro MARGEM CONSIGNÁVEL (MC).

Então, a conquista de MC positiva é sinônimo de sobrevivência?

Para alguns sim!

Quem não tem poder político para fazer frente aos desmandos administrativos, financeiros, de ingerência externa, e de inversões em de capitais em projetos duvidosos vai amargar, progressivamente, ao longo de sua velhice, eleições após eleições, um benefício cada vez menor.

Diz o ditado popular: "Todo político calça 40".

Quem continuar com a bunda na cadeira assistindo TV fará jus ao seu benefício decrescente.

Quem viver, verá.

james

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:


Na Peça Processual que vou ingressar no Judiciário (já está semi-pronta), contra a PREVI, protestando contra a MARGEM CONSIGNÁVEL, e pedindo a IMEDIATA RENOVAÇÃO DO ES, agora em 22/JANEIRO/2015, consta, entre outras coisas que, INDEPENDE DE NOSSA VONTADE RETIRAR AS CONSIGNAÇÕES DE TERCEIROS, pois os contratos foram firmados entre eles e a PREVI. A única Entidade que permite a retirada, é a excelente COOPERFORTE. Caso eu consiga sair vitorioso no meu pleito, deixarei o anonimato e colocarei meus dados pessoais, para que eu possa mandar cópia do processo para todos interessados.

Ari Zanella disse...

Ao Anônimo 1:12

Pelo que sei a CARIM se baseia na Margem Consignável 70%, portanto, a prestação tem que estar enquadrada nesta MC.

Ari Zanella disse...

Eu comungo do que disse o nosso amigo JAMES em seu comentário da 1:36.
É por aí mesmo, James.

Ari Zanella disse...

Caro Anselmo Duarte,

Como você é pensionista e por conseguinte a pensão é intransferível, infelizmente sua nova dependente NÃO TERÁ mais nada da PREVI. A única coisa que ela vai receber, caso você faleça, é a mantença (seguro) que você está pagando.
Espero ter respondido.

Anônimo disse...

Emérito Professor ZANELLA:


No meu entender, a PREVI, via CARIM, não poderá mais, nos EMPRÉSTIMOS IMOBILIÁRIOS, exceder os 30% da Lei. DOIS PESOS, DUAS MEDIDAS???!!! Que REDUZA OS EMPRÉSTIMOS IMOBILIÁRIOS PARA 30%, OU AUMENTE A Margem Consignável do ES PARA 70%. Vou denunciá-los, caso minha Peça Processual não SURTA O EFEITO DESEJADO (renovação do empréstimo pelos moldes antigos), no MP e a quem tiver disposto a ouvir e publicar, o TERRORISMO feito contra nós, pobres associados. Finalmente, não daria, por favor, ao invés de DELENDA CARTHAGO, ser FORA DILMA, FORA MARCEL?

Anônimo disse...

Anônimo da 17,24 do dia 16.
Olá Goulart!

Agradeço sua atenção. Há cerca de 3 anos, recebi mensagem de uma Associação, cujo nome não me recordo, ajuizando ação contra a CARIM, mas não pude aderir porque cobravam R$3.000,00 de custas processuais e não tenho condições de pagar por isto.
Então pensei na ANAPLAB, cujas ações não nos onera.
Um abraço.

Ari Zanella disse...

Meu Caro,

A ANAPLAB não entra devido ao seu alto custo. Além de ser uma ação INDIVIDUAL, os custos da PERÍCIA CONTÁBIL são elevadíssimos, hoje está entre 5 a 6 mil reais. O Judiciário hoje está cobrando até para respirar.

Anônimo disse...

Sr Ari,
Gostaria que o senhor me esclarecesse uma dúvida. Sou aposentada e - felizmente - até o momento, não precisei pedir ES, mas ultimamente tenho pensado na possibilidade. Acontece que recebo o benefício do INSS separadamente, inclusive em outra data. Gostaria de saber se, em recebendo os 2 benefícios juntos, eu teria aumentada a minha MC para efeito de empréstimo. Se sim, pretendo fazer esta solicitação, mas não tenho a menor ideia de como proceder. Estou certa de poder contar com a sua ajuda.

Ari Zanella disse...

Prezada aposentada,

Com toda a certeza aumenta a sua margem se retornar o INSS e PREVI juntos.
Para fazer isto, você tem que ligar para a PREVI no 0800-031-0505 ou 0800-729-0505 e perguntar como deverá proceder.
Se não conseguir, volte a me comunicar.

Beijos.

Ari

Anônimo disse...

Bom dia, Sr. Ari

Sou a aposentada acima.
Muuuito obrigada pela gentileza - e rapidez - da resposta. Eu sabia que podia contar com o senhor. Vou ligar ainda hoje. Adoro este blog; já aprendi muita coisa aqui. Pena que o descobri só depois de ter feito - há 2 anos e meio - um financiamento imobiliário pelo BB. Muito provavelmente, eu teria encontrado melhores condições pela Previ. Sei que a responsabilidade da escolha foi minha. A ignorância tem seu preço. Mas... nenhum coleguinha da minha agência foi capaz de me acenar - à época - com essa outra possibilidade... Nem mesmo a gerente da minha conta, antiga colega, que se diz minha amiga...
Grande abraço e, mais uma vez, obrigada.