BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

CRITÉRIOS POLÍTICOS - EXCLUSIVAMENTE

     Os "novos" ministros da presidente obedeceram fielmente  à recompensa do apoio que deram no pleito de outubro. Matematicamente houve pagamento pelo "serviço" prestado. A mediocridade continua na ordem do dia. Ministros totalmente incompetentes para os exercícios dos cargos, mas isto é o que menos importa.
     No momento em que o país se encontra num mar de lamas proveniente do oceano corrupção, conhecidas figuras carimbadas agora posam de exemplos nacionais. De se notar que a presidente "esperou" para não nomear ninguém que estivesse na relação da delação premiada. No entanto, fez o que dela sempre se esperou, premiando figuras que respondem ou responderam por acusação de desvios de verbas públicas.
     Vamos citar o caso do ex-governador do Ceará, Cid Gomes, nomeado para o Ministério da Educação.  Algumas célebres frases que proferiu enquanto governador do Ceará quando enfrentava uma greve dos professores estaduais do Ceará:
"Professor deve trabalhar por amor, não por dinheiro."
"Quem está atrás de riqueza, de dinheiro, deve procurar outro setor, não a vida pública."
     Leram bem isto, senhores e senhoras deputados e deputadas, senadores e senadoras? Viram bem ocupantes de cargos de estatais?
O pior de tudo é que o próprio Cid tem em seu currículo viagem à Europa, com a família em jato fretado, paga pelos cofres públicos do Ceará.
Uma investigação da PF, em 2010, sobre um suposto desvio de 300 milhões de reais do Ministério da Integração Nacional, entre 2003 e 2009, época em que o seu irmão Ciro chefiava este ministério, com o escopo de financiar campanhas políticas de ambos. Mais sobre o novo ministro entre no Google, no Wikipedia.
     Assim caminha a política brasileira. Ninguém sabe a verdadeira extensão da riqueza de todos os proeminentes líderes petistas. Dizem que Dilma adquiriu imóvel em Porto Alegre no valor de mais de 4 milhões. Lula e seu filho ninguém sabe o quanto ricos são. Um dia saberemos, se Deus quiser.

14 comentários:

Anônimo disse...

Ary,

Permita-me discordar muito de sua afirmação "... o que dela sempre se esperou, premiando figuras que respondem ou responderam por acusação de desvio de verbas públicas.". Isso eu nunca esperei e nem esperarei. Já manifestei minha indignação pela nomeação do Cid, haja vista que ele, para os Professores cearenses, se equivale ao Alvaro, para os Professores paranaenses.
Elias

Jorge Teixeira - Araruama (RJ) disse...

Segundo o portal UOL, que reproduz hoje matéria cujo título é “Novo ministro do Esporte omitiu da Justiça eleitoral empresa devedora”, “George Hilton foi expulso do PFL em 2005 após ser flagrado com dinheiro, segundo ele, doado por fieis da Igreja Universal do Reino de Deus”.

rafael campagnoli disse...

Infelizmente, o que acho é que ficar discutindo assuntos macro ( como sempre fizemos no BB ) não nos leva a nada! Só serve para ficarmos mais nervosos e irritados com o status quo. Precisamos sim focar exclusivamente naquilo que nos atinge direta e diuturnamente: MELHORIA DOS PROVENTOS, REDUÇÃO OU ISENÇÃO DAS CONTRIBUIÇÕES PARA QUEM SE APOSENTOU COM 30 ANOS OU MAIS NA ATIVA, DEVOLUÇÃO DO BET DE 2014, ALONGAMENTO DOS PRAZOS DE ES PARA REDUZIR PRESTAÇÕES MENSAIS, ETC ETC
Ou seja, nosso passado glamoroso de BB, com AABBs suntuosas, Previ devolvendo R$200 mil para alguns, CASSI invejada por todos, Cooperativas de Consumo entregando compras em nossas casas, Satélite Itanhaém com mais de 15 mil sócios etc, cujo presidente da época hoje é Conselheiro da Previ ...etc. etc.
acabou! Precisamos acordar que se não utilizarmos toda a nossa inteligência e união não manteremos nossos benefícios e nem melhoraremos nossas finanças. O resto, infelizmente, não nos pertence mais! Para a sociedade, ainda somos comparados a marajás, com duas aposentadorias, etc. Todos os meus amigos e familiares acreditam que me aposentei com mais de "22 mil por mês" ... Bom que fosse verdade, mas não é nem de longe!

Anônimo disse...

Novo ministro do Esporte foi flagrado com malas de dinheiro.
fonte: http://esportes.terra.com.br/jogos-olimpicos/2016/novo-ministro-do-esporte-foi-flagrado-com-malas-de-dinheiro,9ee12be3e9c7a410VgnVCM3000009af154d0RCRD.html

Daí, indaga-se: quais são os pré-requisitos para tal mister público...tem que ter passado?

Perderam a noção, a Petrobras pagará as dívidas das empreiteiras com fornecedores pra evitar crise no setor, inclusive de três envolvidas na operação Lava Jato, da PF.
fonte: folha UOL/hoje

Mais uma, mas não é a saideira, não, tem mais:

Cidade processa a Petrobras
Capital do Estado norte-americano de Rhode Island tem títulos lastreados em dívidas da estatal

Fonte: http://minasgerais.ig.com.br/?url_layer=2014-12-26/1965918.html

E a PREVI, não foi lesada? Vai entrar com ação indenizatória, ou apenas vai contabilizar o prejuízo? Ou, por ter indicado conselheiros, vai responder pelas indenizações, tbém?

Anônimo disse...

É difícil entender o povo brasileiro. Um aumento de vinte centavos nas passagens colocou o povo nas ruas deixando todos os políticos com o c.. na mão.
Agora, um tsunami de lama toma conta da nação, como nunca antes visto na história desse país e a população parece estar esperando o carnaval.

Anônimo disse...

“Todos os meus amigos e familiares acreditam que me aposentei com mais de "22 mil por mês”. Uma das razões não poderia ser que, quando na ativa, o colega comia sardinha e arrotava caviar?

Anônimo disse...

Não concordo com o comentário 14:42.Ocorre que antigamente funcis do BB eram muito bem remunerados.Uma vez alguns colegas comentaram que em cidades menores as pessoas mais importantes eram o Prefeito, o Juiz e o gerente do BB.Lembrem que fomos até chamados de marajás.A minha família também pensa que ganho muito mais do que é real.

rafael campagnoli disse...

ao anônimo das 14:42: conheço inúmeros "colegas que comem sardinha e arrotam caviar". Nunca foi o meu caso. Era cartorário antes de entrar no BB; meu pai era jardineiro de prefeitura e minha mãe dona de casa. Em 32 anos de BB nunca respondi nem pedido de informações sobre qualquer irregularidade. Ficha limpíssima. Meu primeiro carro zero ( um peugeot 207) adquiri em 2008, depois de 27 anos de BB e 4 de gerente geral! Tinha 2 imóveis: um financiado pela CEF (que tenho até hoje ) e outro pela Previ, que vendi há mais de 10 anos para ajustar orçamento, a mesma mulher e 2 filhos ... A maioria dos colegas do BB tem esse padrão e vivem despojados ... Mas que tem muita gente do tipo em todas as categorias, não só no BB, é um fato. Por certo pagamos o preço por outros ...E ainda auxiliava meus pais ( pagando( Cassi na época ) e irmãos ... A partir da minha aposentadoria, o padrão financeiro caiu demais, agravado pela perda de 25% dos proventos! Mas a visão que os outros têm de nós, do BB, é sempre essa. Arrotando ou não sardinha. Vão dizer que é caviar!

Anônimo disse...

Caro colega Rafael,

Não ligue para acidez do meu homônimo de 14:42. Sua história é igual a minha e de milhares. Trabalhei com pessoas que juntaram dinheiro levando para casa até papel higiênico do banco. Se alimentava com o pão que era fornecido também levando para o lanche noturno.
Infelizmente existem os moralistas que acham que todos que estão endividados foram perdulários. É igual a Teoria Marceliniana para justificar a não dilatação de valor e prazo do ES.
Siga em paz

Anônimo disse...

A verdade verdadeira é que nossa aposentadoria está, a cada ano que passa, perdendo o valor aquisitivo. Aposentei-em em 1991. Hoje, já estou perdendo, em termos de salário mínimo a bagatela de mais de 40 por cento do benefício inicial. PODE??????????

Anônimo disse...


Marido da Graciosa faturou R$ 614 milhões na Petrobrás

Publicado: 14 de dezembro de 2014 às 12:32


Brasília – Não adianta só tirar o sofá da sala, exigir a expulsão de toda diretoria da Petrobrás e botar um monte de gente na cadeia. O Brasil vai continuar sendo dilapidado enquanto o governo petista estiver no poder. A Dilma está cada dia mais atolada nos escândalos. Criar factoides como o da Comissão da Verdade na tentativa de tirar a corrupção das manchetes, agora que a lama chegou na sala principal do Planalto, também é paliativo. A presidente não pode negar, por exemplo, que não é da sua responsabilidade a nomeação de Graça Foster para a Petrobrás, uma dirigente que se mostrou incompetente e desastrada no comando da empresa. No período de dezembro de 2010 a dezembro deste ano, Foster conseguiu até então o inimaginável: desvalorizou a Petrobrás em 80,4%. Além disso, ainda mentiu cinicamente na CPI quando disse desconhecer as falcatruas na empresa, agora desmascarada pela ex-gerente Venina Velosa da Fonseca que diz que ela foi informada de tudo por mensagens na internet.

Graça, que é chamada carinhosamente de Graciosa pela presidente, conheceu a Dilma quando ela exercia o cargo de secretária de Energia do Rio Grande do Sul, quando ambas cuidaram do gasoduto Bolívia/Brasil (Gasbol), parceria que envolveu a BP e a Shell. De lá pra cá viraram amigas e confidentes. Dilma também é amiga de Colin Vaughan Foster, marido de Graciosa, de quem herdou o sobrenome. Colin é figura carimbada na Petrobrás. Frequenta com intimidade e desenvoltura os gabinetes dos diretores no suntuoso prédio da Avenida Chile, no Rio. Só nos últimos três anos, a C. Foster assinou 43 contratos com a estatal, dos quais 20 sem licitação para fornecer componentes eletrônicos para a área de tecnologia, exploração e produção.

Graça Foster, se sair amanhã da Petrobrás por causa dos escândalos, não tem do que se queixar. Além de gozar de todos os benefícios de uma rica aposentadoria com direito a bônus e salário integral, ainda terá uma vida confortável ao lado de Foster. A empresa do maridão, a C. Foster Serviços e Equipamentos faturou 614 milhões com a Petrobrás nos 43 contratos assinados.

Colin circula livremente pelos corredores da empresa apresentando-se como marido de Graciosa. Faz lobby em todos os setores e a sua empresa alimenta uma série de outras que formam um cartel no fornecimento de equipamentos. O casal é íntimo da presidente. Ao nomeá-la, Dilma sabia dos interesses de Colin dentro da Petrobrás e dos contratos da sua empresa. Mas nada disso pesou na escolha. Não pesou, inclusive, que se tratava de uma imoralidade, uma vergonha, uma aberração que só acontece numa republiqueta de bananas como a nossa.

Por isso, minhas senhoras e meus senhores, não adianta tirar apenas o sofá da sala. Precisamos, isso sim, extirpar o câncer da corrupção que corrói as nossas estatais, hoje ocupadas por sindicalistas incompetentes e despreparados fincados em cargos estratégicos do governo.

Os depoimentos na Justiça já apontam indícios do envolvimento da Dilma nos escândalos da refinaria de Pasadena, no Texas, quando esteve à frente do Conselho da Petrobrás. Agora, mostra sua conivência com a Graciosa e com toda patifaria na Petrobrás, como acusou o doleiro Youssef. Portanto, diante de tanto descalabro, não podemos continuar varrendo mais a sujeira para debaixo do tapete. Precisamos tirar o tapete, o sofá e descontaminar a sala. E o caminho, depois, é um só: o impeachment da Dilma.

Queiroga

Anônimo disse...

O ex-ministro dos esportes Aldo Rabelo é quem será o novo ministro de Ciência e Tecnologia ?
Se for, que ótimo !!!

Anônimo disse...

" REUNIÃO APÓS EXPEDIENTE DAS FERRAMENTAS NA OFICINA '"

Grande Mestre e colegas,não sei onde ouvi este evento que vou tentar
passar para vocês, mas se ajusta muito ao momento que estamos vivendo.
Após o final do expediente, as ferramentas resolveram colocar os "pin-
gos nos is " . Primeiramente, falou o prego que reclamou do martelo
que batia sem parar na sua cabeça, sempre com muita força. Mal havia
o prego reclamado, o serrote entrou de sola e disse que o prego era
um "pela saco " pois vivia quebrando seus dentes. O pinho que sempre
foi um elemento educado também desabafou e disse: vocês são uns folga-
dos, s enão escutem : o prego que agora acusa o martelo é o mesmo
que entra rasgando nas minhas entranhas. Quanto ao serrote, só posso
dizer que ele é um tarado sexual, já que faz questão de rasgar a
gente e as vezes chega a cantar de tão sádico.A lixa entrou muito so--
frida alegando ser parte fraca e não contava com apoio de ninguém a
não ser a cesta de lixo que a acolhia já bem gasta. A plaina ameaçou
entrar na conversa e foi logo contestada pelos instrumentos que a
têm como traíra, pois depois do esforço de todos, vem o dono e fala :
só falta passar a plaina para a peça ficar bonita.A velha serra, já
cansada de tantos serviços entrou em prantos protestando. Colegas, vcs
não sabem de nada, os caaminhões mal chegam e os "chapas" efiam todo
tipo de tora na minha boca, sem ao menos lavar a "bicha": chego a en-
gasgar de tão grossa é a peça.Mas minhas amigas, continuou a serra:
depois de tudo, nós fazemos cada peça que vai enfeitar as casas dos
ricos e grandes lojas. Devemos orgulhar do nosso cotidiano.
Colegas, perdoem a minha intromissão, mas vi colegas logo acima que-
rendo atirar pedras , mas nunca podemos esquecer que durante anos man-
tivemos o Banco do Brasil num patamar de lº mundo, e éramos referência
de moral e competência em todo o Brasil. As cousas mudaram e nossa si-
tuação mudou como quase tudo no mundo. Vejam vocês, e quantos profes-
sores de historia temos no grupo, o Iraque nadava em dinheiro e hoje
está dividido. Cuba , deu sorte, e vai mudar paara melhor, pois não
precisará enfrentar tubarão para fugir.A Venezuela tem de ser visi-
tada u urgente, antes de acabar. Quanto a nós, tivemos a competência
de formar um dos maiores fundos de pensão do mundo, com a participação
de todos, sem diferença. Logo, haverá eleições e temos de nos unir.
Divany Silveira-Sete Lagoas-MG

Everton disse...

Correspondência enviada à Previ
Estamos vendo vários investidores entrando com ação contra a Petrobrás, inclusive contra os seus diretores para resguardar os seus interesses como investidores e recuperarem o prejuizo por conta da má administração e corrupção instalada dentro dela.
Além disso, temos visto que a Petrobrás continua pagando as empresas envolvidas.
O que a Previ está fazendo para se resguardar dos seus prejuizos como participantes da Petrobrás?
Quando ela vai entrar com ação como os demais investidores?
E em relação aos conselheiros que ela possui e que passou pela Petrobrás indicados pela Previ e que não apontaram para a Previ toda essa situação? Eles não estão lá para resguardar os interesses da Previ?
Favor me darem uma posição o mais rápido possível.