BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

SEM BANDEIRAS DO BRASIL

     Minas Gerais e Pernambuco entregaram o ouro para o bandido. A Bahia já era esperado, deu mais de três milhões de votos ao PT, mas Marina Silva, uma grande decepção, perdeu em seu estado, o Acre, além de ter perdido no estado de Eduardo Campos a quem substituiu.
     A principal bandeira do PT era atacar o candidato tucano e seu partido o PSDB, notadamente o criador do plano Real, FHC. As mentiras prevaleceram de que os governos petistas foram os autores de todos os programas sociais criados no Brasil.
     Olhando as manifestações de rua nota-se a cor vermelha no PT, nenhuma bandeira do Brasil ou com as cores do Brasil. Será que mudamos a cor de nossa bandeira?
     Voltando ao quadro eleitoral, o Marcelino Maus traz dados interessantes de redução de quase quatro milhões de votos em relação a votos brancos e nulos do primeiro para o segundo turno. Cabe explicação do TSE, do ministro Dias Tóffoli. Eis o quadro do Marcelino:


Se a Marina Silva teve 21,32% de votos no 1.Turno;
Outros candidatos somaram 3,55%: resulta 24,87% a serem disputados.
Esses eleitores no 2.Turno não deveriam engrossar a soma de votos BRANCOS e NULOS ? 

Os Votos em Branco (4.420.489 do 1.Turno), repetidos e aumentados no 2.Turno
em 24,87%: 5.519.864; menos 1.921.812 divulgados: 3.598.052; ficariam "EM ABERTO" para o TSE "COMPLETAR" com o 13?

DIFERENÇA NO 2. TURNO: 
DILMA/AÉCIO: 3.459.141

BRANCOS E NULOS:
1.TURNO: 11.099.081
2.TURNO: 7.141.416
DIFERENÇA: 3.957.665 ... (36% resolveram escolher só no 2.Turno?) 

VOTOS APURADOS – 1. TURNO: 
115.122.883
VÁLIDOS 
104.023.802(90,36%)
BRANCOS 
4.420.489 (3,84%)
NULOS 
6.678.592 (5,80%)
ABSTENÇÃO 
27.698.475(19,39%)

VOTOS APURADOS – 2.TURNO:
112.682.849 
VÁLIDOS 
105.541.433(93,66%)
BRANCOS 
1.921.812 (1,71%)
NULOS 
5.219.604 (4,63%)
ABSTENÇÃO 
30.137.317 (21,10%)

Assunto para a PF resolver, pq o TSE já o fez.

MAUS 

11 comentários:

Anônimo disse...

"Pessoas perfeitas não mentem, não bebem, não brigam, não erram e não existem"

(Paulo Coelho)

Anônimo disse...

E a bolsa despencando! Estamos perdidos!

blogtreze disse...

Caro Dr. Ari, prometi no blog do D.D. Dr. Medeiros, evitar de postar matéria que gere discussão entre nós Previanos, pq o Dr. Medeiros deve ser preservado como nosso reduto da resistência e que canalize suas energias em ações que busquem soluções conciliatórias na Diretoria e Conselho da Previ.

Por isso peço licença para postar aqui matéria mais amena que muito retrata a situação do Apartheid que injustamente penaliza o NE desde os tempos de Cabral:

Leiam o que disse nosso querido Ary Fontoura, creio que imbuído das melhores intenções, motivo pq com mesmo propósito reproduzo:

"Eu deveria ficar profundamente triste com a vitória da Dilma e a derrota do Aécio, meu candidato. Eu que nesta página apregoei mudanças, que achava que deveriam ser feitas. Fui vítima como a maioria dos brasileiros que pagam impostos. Fui vítima do prestigio involuntário que dei ao programa eleitoreiro do Bolsa Família, pagando religiosamente os impostos a mim atribuídos, ousando lhes dizer que podem consultar minhas declarações de imposto sobre a renda e constatar que tudo o que possuo está lá declarado; que tudo o que tenho é descontado de mim além da minha própria renda. E lhes faço uma pergunta: Será que o Presidente Lula, e muitos outros políticos, e muitos outros eleitores, podem fazer o mesmo? Vivemos no País do jeitinho, do levar vantagem em tudo. Mas eu posso! Tudo o que ganhei e ganho está lá declarado como fruto do meu trabalho. Pago quatro meses de impostos por ano pro Governo se apossar e fazer assistencialismo às minhas custas. Sou contra a perenização do Bolsa Família. Deveria ser emergencial, jamais permanente. Ele mata a fome e escraviza! Usa a ignorância do povo e o prende numa armadilha desonesta.
Por isso, nem eu nem os que pagam impostos neste país temos o direito de chorar a derrota do Aécio. Temos que chorar pela nossa inoperância, pelo descuido de sermos honestos; de patrocinar esta fissura petista de manter o poder por vinte ou mais anos; da manutenção deste mar de lama que dia a dia cresce mais; de manter os ignorantes como boi a caminho do corte.
Hoje não é um dia de luto, é um dia de reflexão. Até que ponto vale a pena ser honesto? Até que ponto vale a pena ser brasileiro, ter esperanças?
E, para finalizar, como nas novelas, nossas velhas companheiras, quero lhes dizer que emoções mais fortes ainda estão por acontecer no capítulo de amanhã. Uma delas será quando o povo, personagem principal do folhetim, descobrir que vive a jornada de um imbecil, até o entendimento."

Permito-me acrescentar: O PT não tem escolha, é permanecer (matar para sobreviver) ou morrer (CPI, prisão).

Quanto a quem paga impostos, devo fazer justiça: O nobre povo NE também produz o suficiente para viver bem, mas para sustentar as Elites Políticas, o Governo Federal utiliza os tributos do SUL, SUDESTE e C-Oeste.

Ainda assim, o NE é essencial como mercado consumidor que alimenta as indústrias do SUL. Assim, seu povo JAMAIS será um fardo para a Nação. Isso é preconceito dos próprios Governantes do NE como forma de diminuir aquele povo.

MAUS

blogtreze disse...


O pior de tudo é que temos que considerar que os Pleitos à Presidência podem se resumir a um grande Torneio de Poker, onde o Blefe é a maior virtude. Nós estonteados eleitores, seríamos os dealers.

Pergunto-me: quem em sã consciência, além do Aécio, teria coragem (só mesmo o Aécio) de assumir o Brasil quebrado, dominado pelas Empreiteiras que braços internacionais, e ainda ter que enfrentar uma oposição Gigante e Matreira como PT e PMDB?

Ou será que o PMDB se "bandearia" para o lado do PSDB ?
Já fez isso no passado? Na era FHC o PMDB era o que ?
Abandona o namorado montado na "CG" e embarca no CAMARO ?

A propósito, aqui em PB-PR, haviam 45 carros na carreata do 13: 13 Fuscas, 13 Parati; 13 F100, 6 "cg"... Camaro e Kawasaki, tinha não.

MAUS

Pr.guima disse...

-É um mix de tristeza e revolta, assistir-mos o pt dividir o país entre "eles e nós". E o pior: com os impostos da metade da população manter a outra metade sob seu cabresto (alienada). Não necessariamente por culpa destas pessoas (humildes e até "miseráveis"), mas sim propositadamente (má-fé) por este governo que está aí, ineficiente, incapaz e desinteressado de criar condições que altere tal quadro.

Pr.guima disse...

-Qual será a bola da vez, já que a Petrobrás está quase "seca" a fonte? Alerta total aos fundos de pensão. Com a nova composição do congresso e o pmdb rachado, o custo pra manter a base governista será monstruoso. Só resta a sociedade para fiscalizar, já que as instituições aparelhadas pelo pt (todas) não são confiáveis.

Anônimo disse...

A quem interessa fabricar indigentes?A esquerda ou a direita?Quem se alimenta dessa situação? É triste, vamos ter que conviver com isso, o que afeta o país é a credibilidade, sem ela as portas se fecham, tudo fica difícil, com Aécio as coisas seriam bem diferentes, o país tem um grande potencial, não vejo muita esperança, com esse projeto de poder tudo está perdido.

João Rossi Neto disse...

Caros colegas,

DOMINGO NEGRO. PARTE DO POVO BRASILEIRO TROCOU A DEMOCRACIA PELA DITADURA. ESTAMOS COM CARA DE PALHAÇOS. ISSO É MASOQUISMO!

Realmente é um trabalho muito cansativo que os Governos Petistas executam, de fomentar os programas assistencialistas, repassando o dinheiro de quem paga impostos para quem não trabalha, via do Bolsa Família.

As esquerdas socialistas descobriram o veio inesgotável da “Indústria da Seca” e nunca vão libertar os beneficiários desses programas paliativos, simplesmente porque eles dão voto.

Regionalizar o desenvolvimento mediante incentivo fiscal para que os investidores venham montar indústrias no nordeste e outras fontes de ocupação, nem pensar porque é interessante manter o status quo, do cabresto e submissão do eleitorado.

Em consequência disso, politicamente o País está divido: Na parte de cima, o Norte e Nordeste; Na parte de baixo, os Estados do Sudeste e Sul.

De sorte que o Presidente não é do Brasil e sim do Nordeste, mercê da compra disfarçada do voto.

Possivelmente, a título de compensação pelo apoio maciço nos votos e para fortalecer o vínculo de dependência e os laços econômicos com essa população carente, a Dilma deve fazer um reajuste, em breve, nos valores da Bolsa Família, ainda mais que as apurações das urnas nordestinas demoraram e ficaram para o final, o que permitiu a dedução óbvia de que diferença para a Dilma iria aumentar por se tratar de reduto petista.

Enfim, está implantada a ditadura petista no Brasil e os roubos vão continuar graças à impunidade. O povo mineiro prestou um enorme desserviço a sua pátria, ao renegar e desonrar figuras maiúsculas como o Tiradentes, JK e Tancredo Neves ao endossar a corrupção, a falta de ética e honestidade dessa corja petista empoleirada no poder.

Nós, da PREVI, teremos duríssimos anos de dificuldades financeiras pela frente e não duvidem se pintar alguma contribuição extra para cobrir eventuais déficits, porque a BOVESPA vai de mal a pior. Quem planta ventos, colhe tempestades!

Anônimo disse...

Não encontro palavras que consigam descrever minha decepção. É tudo uma grande tragédia. Infelizmente o povo acreditou no fim do Bolsa Família. Quero transcrever um trecho de uma carta da alemã Ulla von Eck, preceptora de filhos de fazendeiros na década de 1880: "Neste país, os pretos representam o papel principal; acho que, no fundo, são mais senhores do que escravos dos brasileiros. Todo trabalho é realizado pelos pretos, toda riqueza é adquirida por mãos negras porque o brasileiro não trabalha, e quando é pobre prefere viver como parasita em casa de parentes e de amigos ricos, em vez de procurar ocupação honesta. Todo serviço doméstico é feito por pretos: é um cocheiro preto quem nos conduz, uma preta quem nos serve, junto ao fogão o cozinheiro é preto e a escrava amamenta a criança branca; gostaria de saber o que fará essa gente quando for decretada a completa emancipação dos escravos". RITZAK, Marly, A vida privada no Segundo Império pelas cartas de Ina von Binzer (1881-1883), São Paulo: Atual, 1999, p.42. Vovó Mafalda ( negra)

Anônimo disse...



Ilustre e triste Mestre. Vamos começar fazendo o dever para casa :
a operação "noves fora " de 45 é quanto ? O resultado não é bom, mas
indica que não precisaremos do tempo que Lula usou para retomar o po-
der. Mestre amigo, permita -me fazer um comentário a respeito do dia-
logo entre você e seu filho, que me pareceu ter uma cabeça melhor que
o pai, se isto for possivel . O caso é o seguinte : um bispo ciente que
um padre havia agredido um paroquiano, chamou o agressor e lhe per -
guntou: o que diz a bíblia sobre violência, meu filho ? O padre falou
que a biblia manda virar a outra face e eu virei , caro Bispo .Então,
por que houve a agressão ? Insistiu o Bispo. Posso continuar, pediu o
padre. Pode, já impaciente autorizou o Superior. A bíblia manda virar
a face e eu virei; mas depois disto, o livro maior é obscuro,não diz
mais nada. Então, querido e venerável bispo, eu enchi aquele sacana
de porrada, até ele urinar na roupa e ainda falei : vá reclamar pro
bispo ! Mas, há, também ,Mestrre Ari, aquela passagem de Cristo que
ao entrar no templo deparou com ambulantes vendendo e "catirando"
dentro da igreja. O que aconteceu? Os livros não contam mas comenta-
se que cristo tinha a mão de lenhador e só batia do umbigo pra baixo.
Para terminar, uma observação; é certo que não tem testemunha do que
falo, mas garanto com absoluta confiança que também não havia PT, re-
pito, não havia PETISTA.Diiga ao Yuri que sou pacifista, mas sigo cris-
to ! Divany Silveira- Sete Lagoas-MG

Goulart disse...

Caro aposentado e Mestre Ari Zanella, liguei para o 0800 da Previ, e me informaram que o prazo para renovação do ES, nas condições atuais, ou seja limite 145.000,00 e prazo 120 dias, termina em 29/10/14. A partir de 30/10/14, volta a vigorar o sistema anterior sendo limite de 130.000,00 e prazo de 108 meses. Mesmo com a volta do sistema anterior, durante a suspenção das parcelas do ES por seis meses, o saldo devedor aumentou muito. Por isso, vamos aguardar, e torcer que haja modificações nas normas do ES, se possível aumento de limite e prazo. Contamos com a competencia e possibilidade dos colegas eleitos da Chapa 3, Cecilia Garcez, Carvalho e o colega, Ari Zanella. Tudo de bom, aposentado de Cambé-PR.