BANNER

Acesse aqui!
atendimento@anaplab.com.br
Joinville/SC: (47) 3026-3937
S.J. Pinhais/PR: (41) 3035-2095

quarta-feira, 23 de julho de 2014

ESTOU TÃO TRISTE!

     Eu me entristeço quando vejo tantas pessoas precisando de um lenitivo e a madrasta PREVI lhes nega uma solução, trancando-lhes a porta no momento em que mais precisam.
     A PREVI é nossa (Ops...será?) e deveria ser a nossa mãe (ou o nosso pai) a socorrer os mais necessitados. Vamos considerar uma família que tenha 10 filhos. A qual deles seus pais terão maiores cuidados e preocupações? Certamente para com aqueles que lhes faltam mais para sobrevivência. Isto é lógico. Deus é assim. Ele tem especial predileção para com os órfãos, as viúvas, os desamparados, os doentes, os que sofrem...
     Na PREVI deveria ser assim do mesmo modo. E não é porque temos um padrasto que pensa que é o dono do mundo, acha que pode mandar e desmandar em nosso fundo de pensão. É ele quem diz: "A única obrigação de um fundo de pensão é pagar aposentadoria!"
E de fato é. Por que então o AERUS não está mais pagando as pensões? É claro que a PREVI não se compara ao AERUS, mas a ingerência do patrocinador sobre nós, desmonta qualquer esquema. Óbvio que o BB teria a obrigação de apenas pagar ao fundo, entretanto, desde 1997 vem nos saqueando, sendo recentemente de um modo aberto e escandaloso, através de resolução.
     Se deixassem todos os recursos conosco ninguém, ninguém mesmo, estaria passando privações. E ainda por cima tem diretor eleito por nós, adepto de Lula e Dilma, que só faz o que o carrasco BB manda. Por isso, como recompensa, além de diretor também é conselheiro em empresa participada. Com um salário destes eu, talvez, mandasse igualmente o ES para os quintos dos infernos, isto é, não me faria falta alguma.
     A todos quantos estejam em situação de penúria, recebam por favor, a minha solidariedade. Neste momento nada mais tenho a oferecer. Quanta tristeza!

106 comentários:

Anônimo disse...

Põe tristeza nisso Ari Zanella!Foi muito pior que o imaginado, desta vez temos que tomar vergonha na cara, tá parecendo mulher que gosta de apanhar, vamos nos dar o devido valor parar de mendigar na porta da PREVI e mudar de endereço, o MP cuida com muito respeito quem a eles recorre, não temos mais nada a negociar com a PREVI é só enrolação e enganação, ganharam tempo com nosso dezespero financeiro.

Anônimo disse...

Pois é Sr. Ari. É nesse estado que me encontro, de estrema penúria. Tudo me falta, mas a dignidade está de pé, graças ao bom Deus. É muito triste não ter o que comer, vestir, não poder comprar os remédios, ver filhos pedindo e ficar sem sofrer. Meu Deus...! como é doloroso ver filhos chorando pedindo comida. Ele quer tão somente o arroz com feijão. Mas nem isso eu tenho. Me sobraram 100 reais do meu salário comprar o quê com esse dinheiro? Passa tanta bobagem na minha cabeça. Mas ás minhas forças encontro no Senhor e sempre aparece alguém para me ajudar. Eu também estou triste, não só por mim, mas por todas nós pensionistas. As vezes, acho que essa gente da Previ não acreditam em nós. Mas eles iram pagar e caro por tanta maldades que fazem conosco. Até a essa hora sem conseguir dormir pois sinto fome e preciso do remédio para dormir. Amanhã\hoje estarei em estado desesperador pois não posso ficar sem o remédio de tarja preta que custa 20 reais. 3 dias sem esse remédio.

Bom dia a todos.

Henrique Soares disse...

Levando em consideração a PREVI, ANABB e AAFBB, das quais posso falar, eu sou triste. Poderia aqui contar caso por caso do meu relacionamento com essas instituições, mas além de triste, estou muito cansado. Lembro de uma frase do filme A ESPERA DE UM MILAGRE, essa frase se referia à injustiça: "Sempre foi assim e assim sempre será" - Nossas forças vibram em outro patamar. Como combater a injustiça se os algozes não tem consciência dela? É impossível. O vírus da vaidade do poder é o pior dos Cânceres.

Henrique Soares disse...

Recebia muitos emails de um dos nossos candidatos eleitos. Quando veio a vitória, aproveitei para parabenizá-lo pela conquista. Sabem qual foi a resposta?????????????????????

Anônimo disse...

Prof. Ari, o que recebo com a retirada do BET, não posso comprar os remédios da minha fliha que tem transtorno mental! O que faço?

Anônimo disse...

Esperei até o final, hoje procurarei os meus direitos.Chega de sofrer tanta humilhação.Pensei , repensei a noite inteira e cheguei a essa conclusão.Não gastei a toa o meu dinheiro, apenas não tive aumento de acordo que deveria ter. Previ emprestando para o governo e deixando aposentados e pensionistas passando fome.MUITO TRISTE.

Anônimo disse...

Eu sei que o amigo não gosta de escrever sobre política, mas a realidade das coisas está exatamente nisso, onde existir recursos bloqueie, pode ser útil para fins eleitoreiros. Porque que as ações que estão na justiça caminham a passo da cágado? Ainda mais se forem ações contra o governo. Antigamente em anos eleitorais, liberava-se tudo, para todos, afim de conseguir votos, hoje, retem-se tudo para possíveis utilizações eleitoreiras.

Josué Jorge Junior
Castro PR

Anônimo disse...

Henrique Soares...não preciso dizer mais nada, falou tudo colega!

Ari Zanella disse...

Antonia deixou um novo comentário sobre a sua postagem "DEFENSORES DE QUEM?":

Prof. Ari,
Tenho lido a respeito da situação financeira dos associados e das sugestões apresentadas e me ocorreu que talvez a ação dos 30% não seja suficiente para solucionar definitivamente o problema. Eles continuariam com o mesmo problema e a dívida em operação anormal só iria duplicar, ficando impagável. Pensei que talvez a Diretoria pudesse fazer pelos mais endividados o que os Bancos estão fazendo; comprar todos os débitos dos outros credores que tem desconto na folha e renegociar a dívida total com uma parcela que dê condições ao devedor de ficar com um valor suficiente para a sua subsistência. Ele ficaria impedido de fazer novos negócios até a situação se normalizar. Isso seria analisado caso a caso, conforme interesse do devedor. O que o Sr. acha?

Resposta:

Acho muito boa essa proposta. A Previ estaria fazendo na prática aquilo que prega na propaganda: educação financeira.
Só que, minha prezada Antonia, vão vir com aquelas desculpas de "os normativos não preveem" ou "não é possível atender tal pedido" e por aí vai.
Mesmo assim, fica anotada a sua bela sugestão.

Anônimo disse...

Prof. Ari , teve erro grave técnico, nessa negociação, pois para alguns, creio entendi assim, pode até piorar, renovar o ES para receber 300,00 como alguem citou vai resolver o que? e daí quitar de uma só vez as prestações suspensas, é benefício para a PREVI que salva o dela, estou tentando decifrar proposta de suspensão e as regras de renovação, acredito que deve ter uma forma de retirar do saldo devedor a ser quitado, as 06 prestações suspensas e acrescentá-las posterior a renovação no saldo devedor, ficou igual promoção de loja aumenta o preço e dá desconto.Por favor investiga para nós quantos são realmente os mutuários impedidos de renovar o ES, considerando que renovação de 300,00 não deve nem contar.

Claudio Almeida disse...


Prof.

O fato:

Em dezembro de 2013 o participante contratou o ES de R$ 130.000,00.

As prestações foram suspensas (com autorização da Diretoria Executiva)
até junho/14.

Hoje, o saldo devedor do participante é cerca de R$ 141.000,00.

A margem consignável do participante diminuiu em função da volta da contribuição.

Claro que o participante não pode renovar o ES por falta de margem.

A revisão do ES de 15.07.2014, ainda deixa a Previ numa saia justa, pois o saldo devedor do participante é incompatível com a margem consignável.

É preciso rever a "revisão" que foi feita de última hora, agora observando critérios técnicos e regulamentos.


Abraços.

Goulart disse...

Colega Ari Zanella, tambem estou decepcionado com tudo o que esta acontecendo, mesmo os eleitos recentemente, estão de mãos amarradas, estou bastante deprimido, porem, a vida continua, chego a pensar, me perdoe, que o mal esta reinando, a Previ, nossa pagadora, esta deitando e rolando. É muito triste e desolador, gostaria de estar comentando assuntos mais alegres, me perdoe o desabafo. Aposentado de Cambé-PR.

Anônimo disse...

Caro Ari, realmente é muito triste saber da situação de penúria dos nossos colegas aposentados e pensionistas. Não concordo com certos comentários emitidos pelos eleitos. O endividamento nosso vem se acumulando em razão do achatamento dos nossos proventos, ninguém merece ser julgado, ninguém é culpado. No meu caso, estou endividado, mas a minha situação é um pouco melhor. Quando vi a vaca indo para o brejo, estudei e resolvi seguir uma outra profissão que me ajuda bastante. Estou triste também com aqueles que votei (Chapa 3).

Anônimo disse...

Gente!

Do modo como as coisas estão sendo colocadas, até parece que alguém vai matar um deles.
Valha-me Senhor Deus!
HOY NO ME IMPORTA NADA, QUIZÁ LA VIDA...

Anônimo disse...

Parece que muitos não entenderam ainda que os consignados (todos, não apenas ES mas Cooperforte, Alpha,etc) são a causa da situação que a maioria se encontra de não poder sobreviver.Empréstimo só é bom quando usado para uma situação que não seja para complementar a renda.Se não tivéssemos esses débitos que só na Previ, sem contar o BB, chegam a 60% da renda não estaríamos nesse sufoco mesmo com o fim do BET.Por isso só resta reduzir o total de débitos a 30% da renda como determina a lei e o judiciário.Os colegas que são contra porque não terão mais crédito pensem que quanto mais dívida mais vão afundar mas pensem também que só entrarão com a ação aqueles que quiserem e quem preferir continue vivendo de empréstimo.

Anônimo disse...

Prof.Ari,
Foi muito oportuna essa foto.Eu acho que estou sempre com essa cara porque meu filho vive perguntando "que cara é essa?"
Mas o Sr. está oferecendo ajuda sim através da ANAPLAB com a ação dos 30% que vai salvar muita gente.

Anônimo disse...

essa é mais uma esculhambação da Previ e do BB com os aposentados. Será que porque estamos endividados não merecemos maior atenção do que quem não está? Quando esses mesmos aposentados estavam na ativa será que enrolaram e não fizeram o melhor para que o BB fosse o primeiro? E agora o BB é o primeiro, a Anabb é a maior da América Latina e nós aposentados apenas pé rapados, endividados com uma previ saqueada pelo governo e pelo BB.

Anônimo disse...

Prof.Ari, chorei ao ler seu Post, agradeço sua solidariedade, é muito bom poder contar com pessoas boas que se preocupam com a situação dos semelhantes, ainda há gente humana de verdade neste mundo cão.

Anônimo disse...

Acredito que a grande maioria que optaram pela suspensão das parcelas até junho ficaram sem poder renovar o ES.

Na verdade, o saldo devedor somado às parcelas suspensas causou esse caos, impedindo a renovação, porque o limite da MC só dá para um valor menor do que o que já está se devendo, enquanto que se essas parcelas não estivessem sido somadas ao saldo devedor e ficassem para o final do contrato conforme havia sido prometido pela Previ, todos poderiam ter conseguido tomar o ES.
Mas nada se faz em favor o aposentado.

Anônimo disse...

Caro Ari,
A Cecília informa que mil pessoas não foram contempladas com as melhorias do ES. Mas, mil pessoas é muita gente. Se para o pessoal da ativa o BB faz recomposição de dívida, por que não fazer a PRevi com os aposentados? Marcel, Dan, ponham a mão na consciência. A Previ não vai sofrer nada com isso. Quantas vezes vocês recebem do Planalto ordens de investimentos duvidosos para a Previ (como trem bala, Belo Monte etc.) e as cumprem sem retrucar? Vejam a situação de nossos colegas. Faltam-lhes o pão. Vocês não são gestores de uma S/A que precisa de grandes lucros. Vocês atendem vidas. Sejam magnânimos, defendam a causa dos menos afortunados. Lembrem-se de Deus.
Celio

Anônimo disse...

SEGUNDO AA PREVI SÓ OS DESCONTROLADOS NECESSITAM DO ES.

DEVEM SER A MAIORIA POIS NÃO CONSIGO ACESSAR O SITE DELA DE JEITO NENHUM

QUANDO É MESMO A ELEIÇÃO PARA DIRETORIA DE SEGURIDADE?

Anônimo disse...

Ari,
A nova sistemática do ES deve ter sido parida na ONU, em reunião reservada entre marcel / Bem Ki Moo. Não é possível tanta inteligência junta.

Anônimo disse...

Com a margem consignável negativa, ou próximo de nada, é impossível renovar-se o Empréstimo Simples.
Até 29/10/2014 a Diretoria da PREVI (Seguridade?)tem que reavaliar, reestudar e melhorar este problema, quiçá com apenas a dilatação do PRAZO, nossas prestações diminuirão, sem renovação de valores...

Salienta-se que, a diminuição da MC, e dos valores dos nosso benefícios deu-se pela açodada volta das contribuições e do fim do BET, juntos diminuiram 24,8% de nosso benefícios.

Afinal, quantos associados do Plano 1 estão sem poder renovar seu E.S., por falta de margem ?
Seriam uns 25 mil ?

Como se comportou nosso números no 2º trimestre de 2014 ? Favor publicarem no site.

Anônimo disse...

Caro Ari, qual é a média de tempo para o juiz deferir a ação do 30%?

Anônimo disse...

ATENÇÃO:
PEDIMOS “RENEGOCIAÇÃO” PARA HONRARMOS OS COMPROMISSOS DENTRO DE NOSSA CAPACIDADE DE PAGAMENTO”. (NADA)
ALGUNS, MERECIDAMENTE, RECEBERAM RECURSOS NOVOS COMO ÚNICA ALTERNATIVA E COM ELEVAÇÃO VALOR DA PARCELA E, ESTES, TAMBÉM QUERIAM RENEGOCIAÇÃO, resultando em INCREMENTO DA CARTEIRA DE ATIVOS DA PREVI E TENDO COMO ORIGEM DOS RECURSOS O NOSSO PRÓPRIO DINHEIRO. (CONTRIBUIMOS COM “CUSTO ZERO” E TOMAMOS A TAXAS ACIMA DA POUPANÇA E SELIC, GERANDO SPREADS PARA A PREVI).
PARA DESCANSO DOS BLOGS, SUGIRO:
SENHORES MEDEIROS, ARI, CARVALHO E SENHORA CECÍLIA QUE POSTEM EM SEUS BLOGS:
“ES”. JÁ DECIDIDO. ASSUNTO ENCERRADO. NÃO HAVERÁ MUDANÇAS. NÃO EXISTEM ESTUDOS A CURTO PRAZO PARA RENEGOCIAÇÃO DO SALDO DO “ES” PARA AQUELES SEM MARGEM. TOTALMENTE DESCARTADO.
CONCLUSÃO: NÃO CONTINUARÍAMOS SOFRENDO POR ESPERANÇA, PERSPECTIVA E ILUSÕES, QUE SE ESTENDEM A NOSSOS FAMILIARES, PERMANECENDO A DECEPÇÃO, FRUSTAÇÃO, DÚVIDAS, INCERTEZAS. HOJE, SÉCULO XXI, COMO JÁ NÃO EXISTEM CIDADÃOS QUE DESCONHECEM O DIA A DIA DA POLÍTICA NACIONAL, NÓS, TAMBÉM, COM TODA NOSSA IGNORÂNCIA, CONHECEMOS, UM POUCO, DESSA CAIXA DE PREVIDÊNCIA.
COM 23 ANOS DE VIDA, A LEI 5.764/1971 QUE NORMATIZA AS COOPERATIVAS COM EXTENSÃO ÀS ASSOCIAÇÕES, BRILHANTEMENTE, DETERMINA “TRATAMENTO IGUAL PARA TODOS E FORA O “FAVORECIMENTO”.
AQUI DESPEÇO. SE DEUS FOR PACIENTE E NÃO ME RECOLHER, ANO QUE VEM ESTAREI AQUI FALANDO COISAS DIFERENTES E OUVINDO AS MESMAS RESPOSTAS.
OBRIGADO PREVI: MEU BENEFÍCIO (2013: 62 ANOS / 2014: 63 ANOS: (GANHEI PRAZO DE 108 PARA 108 MESES.)
OBRIGADO PREVI: CONTRATO BILATERAL (108 MESES COM PRESTAÇÃO MENSAL): (GANHEI: PAGAMENTO DE UMA SÓ VEZ DE 06 PARCELAS MENSAIS QUE FORAM SUSPENSAS POR SUGESTÃO DA CREDORA (PREVI).

Anônimo disse...

A perda de 24% do benefício é um golpe duríssimo e é impossível o reequilíbrio financeiro em tão pouco espaço de tempo, pois seis meses de suspensão da cobrança do ES não são suficientes. Como disse antes, detesto fazer empréstimos. Se os fiz, foi por necessidade.

Anônimo disse...

Ari, Vinicius de Moraes já dizia: "Tristeza não tem fim, felicidade sim...".
É assim que funciona ( suspensão do ES, expectativa de dias melhores, etc = felicidade. Cobrança das prestações do Es, decepção com nossos representantes, etc= Tristeza.
Temos que buscar alternativas, pois o ES já está sacramentado.
Sobre essa estupidez que é a Parcela Previ, como pode um Plano que é de BENEFICIO DEFINIDO conceder beneficios, que após apurado , é reduzido pelos valores pagos pelo INSS?
O Benefício é Definido ou não?
Se é Definido é para ser pago nos moldes da apuração. Não cabe uma ação judicial para por fim a essa excrescência?

Anônimo disse...

Pessoal é o seguinte: chegamos de blá blá. Este é o fim. Com esse governo não sai mais nada, principalmente se perder as eleições. Natal vai ser mais magro que do ano passado. Lembram? Nem Ari, Medeiros, Cecília, Carvalhoetc. Só a DEUS poderemos pedir ajuda. Não adianta pedir a intervenção de ninguém. Chega.
Minha opinião.

Anônimo disse...

Então 23/07/14 11:56 anonimo eles recebem 51 mil a 80mil eles não precisam , não é mesmo?

Anônimo disse...

Caros Colegas,

Sei que para muitos endividados, a ação dos 30% será mt bom. No meu caso, estou endividada, mas pagando direitinho, só queria renovar o ES como forma de prolongar o prazo, pegar um troco, não pude, margem negativa. Duvido muito que apenas 1000 colegas estejam com a margem negativa!E esses nossos ES é uma ótima fonte de renda para a PREVI(como investimento), pois é debitado diretamente no contra cheque, então é garantia de retorno, mil vezes melhor do que as aplicações nos Sauípe da vida. E a forma de cálculo? por que a PREVI corrige o saldo devedor 2 vezes no mês? por que quando fazemos renovações, o ES anterior q está sendo liquidado não tem seu saldo reduzido?(está sendo pago antes final do prazo. Que os mais detalhistas tirem cópias dos extratos e refaçam estes cálculos!!!
Outro detalhe, Sauípe deveria ter um sistema,considerando os participantes os PB-1 como sócios remidos, com direito a 14 diárias anuais, pagando apenas o café da manhã!

Anônimo disse...

Fico pensando... será que a minoria que recebeu o RENDA CERTA teve que lutar tanto assim? e como foi que eles atenderam a minoria? essa PREVI subestima nossa capacidade de raciocínio, nossas ações deveriam ter começado em janeiro, levou-se muito tempo eles usaram a suspensão das prestações para ganhar tempo, aí ninguem entrou com ação, ficamos em "banho-maria" chega de cegueira, ajuda Ari , quem sabe faz a hora!

Anônimo disse...

Certos estão os que não votam.
Se os eleitos nada podem fazer, a não ser transmitir decisões, não são necessários.
O site da Previ transmite.
Não seria melhor ninguém votar para tentar mostrar, ao menos, que se deseja mudanças. Não é alto o custo de um "CEO" tupiniquim na Previ ?
Enquanto estiver funcionando o sistema atual, bom para o Banco, Governo, "diretoria" e "conselhos", o que mudarão ?
Boicote às regras atuais, talvez seja um meio de forçar mudanças favoráveis aos verdadeiros donos do bilionário fundo.
Sempre existiram as ilusórias promessas nas eleições e as velhas desculpas das regras, regulamento, voto de minerva etc.etc.etc., a impedir a "luta"
por melhorias e a conformar-se em retransmitir informações.
Muito pouco. Talvez não seja o que deseja o topo da pirâmide: mudanças.

Anônimo disse...

Análise consciente do Arnaldo da AFABB DF

1 - Não concordo que as sugestões da AFABB-RS vá minorar as agruras de nossos colegas aposentados e pensionistas:

a) Item 1 - a exclusão da contribuição da previ no cálculo da margem consignável aumenta o endividamento dos assistidos;

b) item 2 - a Previ, em seus comunicados (Notícias e Publicações) de 08/01/2014 (prestações jan/mar) e 26/03/2014 (prestações abril/junho), que as mesmas serão suspensas por três meses e se no final do período ainda existir saldo devedor remanescente, o valor poderá ser refinanciado por até seis meses. Temos que considerar que quanto mais prazos, mais juros e INPC serão acrescentados e,

c) item 3 - o aumento de prazo para 180 meses, mesmo com redução no valor da prestação mensal, é nocivo ao bolso de nossos sofridos colegas e pensionistas, porque aumentará, em muito, os valores dos juros e INPC adicionados ao saldo devedor.

2 - "A dívida boa para hoje é a mesma que rouba o amanhã" (Niall Ferguson):

a) inflação alta e persistentemente alta (6,5% a.a.) e acima do teto do centro da meta de 4,5% a.a.;

b) os aposentados já sentem os efeitos negativos da inflação ao ter o poder de compra de seu benefício corroído pela escalada dos preços;

c) a facilidade na demanda por mais empréstimos leva o endividamento a um nível perigoso e que poderá diminuir, mais ainda, o poder de compra das pessoas (medicamentos, alimentos, etc.), porque diminui/exaure sua capacidade pagamento e,

d) no momento atual, deve-se ter cautela em aumentar o endividamento e/ou efetuar novos, porque, no cenário econômico brasileiro previsto para 2015, estão previstos aumentos nas tarifas de energia elétrica (algo em torno de 15%) e de combustíveis (mínimo de 5%).

Abraços,

Arnaldo Fernandes de Menezes - AFABB-DF

Anônimo disse...

Prezado Ari, faço minha a pergunta do anônimo das 12:20.

Anônimo disse...

Esta atual dificuldade por que possam os aposentados e pensionistas foi ocasionada em grande parte pelo achatamento dos proventos oriundos da política nefasta que assola o nosso país. Ficamos 2 anos sem correção das aposentadorias (95 e 96), ainda estamos tendo aumentos anuais muito abaixo da inflação. Por isso estamos a mendigar a concessão de empréstimos cada vez mais caros. E, ainda tem gente achando que temos que economizar cada vez mais. Economizar o quê, se muitos já estão passando FOME.

Anônimo disse...

Acredito que ainda pode-se levar aos diretores da Previ o pedido de renegociação de dívidas nos moldes de outros fundos para amenizar o sofrimento dos infortunados que estão na miséria.
A Previ sabe exatamente quem está recebendo menos de UM SALÁRIO MÍNIMO de valor líquido no espelho, deve-se socorrer estes colegas com alguma medida em carater excepcional.

Anônimo disse...

Professor Ari,

Permita-me, mas eu acho que não foram apenas hum mil associados que não puderam usar o ES, conforme afirma D.Cecília aí, acima.
Não sou nenhum especialista em eleições, mas sinto que os mais de 24 mil votos que a Chapa 3 obteve foram oriundos dos aposentados, APOSENTADOS ENDIVIDADOS! E os motivos que levaram esses eleitores a optarem pela referida chapa, foram principalmente porque viram nos seus candidatos a esperança de solução para seus problemas financeiros.
Isso precisa ser dito porque, se ninguém discordar do que foi dito por aquela diretora eleita pela Chapa 3, futuramente poderemos ouvir dela afirmativas de que a sua vitória deveu-se apenas aos votos dos funcionários da ativa.
Aliás, por desconfiança de que ela nunca teve atenção para com os problemas dos aposentados, há de se imaginar que muitos votos recebidos pela Chapa 3 não foi em atenção a ela.

Um abraço.

Anônimo disse...

O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer.
Albert Einstein

Anônimo disse...

Todos que falam sobre os perigos do endividamento estão corretíssimos, inclusive o Juarez, e quem bem sabe dos danos do crédito fácil são exatamente os mais endividados, porém o que está acontecendo é que no momento para muitos a renovação do ES, mesmo migalhas, chega para pagar supermercado que estão devendo desde a suspensão do BET, a farmácia, os parentes, os diversos cobradores batendo a porta , tudo isso depositado na esperança da renovação do ES, o que não significa que o ES seria solução , a luta deve continuar pela melhoria dos benefícios sem deixar de lado a emergência que é o remédio e o alimento, porisso peço por mim e pelos colegas mais endividados libere o ES EM CARÁTER EMERGENCIAL, é caso de vida ou morte.

HELENO PINTO NOBRE disse...


PARA AQUELES QUE TEM DÚVIDA A RESPEITO DA QUESTÃO DO DIREITO CONSTITUCIONAL DE PAGAR 30% DO QUE DEVEMOS EU VOU DIZER :
MEU ADVOGADO ENTROU COM A AÇÃO EM 14/04/2014 ; CONCEDIDA A LIMINAR EM 06/05/2014 .
( MEU ADVOGADO ACHOU BASTANTE RÁPIDA ).
MAS ATÉ O MES DE JULHO ; ELES ; TANTO O BB MARGINAL ; COMO A PREVI BANDIDA AINDA NÃO DECIDIRAM CUMPRIR O QUE ESTA NA LIMINAR DE 06.05.2014 .

ENTÃO PARA QUEM ESTA INTERESSADO ;. ELES SABEM QUE NÓS TEMOS ESTE DIREITO ; MAS NÃO GOSTAM DE CUMPRIR O QUE A LEI DETERMINA .
DARIA PARA DIZER QUE SÃO HONESTOS ?
NÃO RESPEITAM NEM AS LEIS DO BANANÃO . BANDO DE MARGINAIS ; ESTA É MINHA CONCEPÇÃO .
MAS O MEU ADVOGADO VAI REQUERER OS MEUS DIREITOS E PELO QUE ELE ME DISSE ; ELES TERÃO QUE SER PENALIZADOS COM MULTA .
ESTOU NO AGUARDO ..DEVERIAM OBEDECER DESDE QUE FOI LAVRADA A LIMINAR ; SEGUNDO A INFORMAÇÃO DO MEU ADVOGADO .

EU JÁ ESTOU ESPERANDO DESDE 06.05.2014 .
TOMARA QUE VOCÊS CONSIGAM MAIS RAPIDAMENTE .
EU MORO AQUI NO FIM DO MUNDO . PELOTAS-RS ..
AQUI TUDO CUSTA A CHEGAR .!!! POR ISTO FIM DO MUNDO .!!!

APENAS ISTO ; HPN ; MATRIC. 3984740-3 ; PENA QUE NÃO REQUERI ANTES ; JAMAIS ANÔNIMO .!!!
VAMOS CONTINUAR LUTANDO PESSOAL ; POIS SE FOREM ESPERAR PELA PREVI ESTAMOS FERRADOS MESMO .
SÃO REALMENTE MAU INTENCIONADOS CAMBADA PETRALHA NO COMANDO .
ENQUANTO ESTIVEREM NO "PUDER" VÃO NOS FU... ( NEM VOU COMPLETAR O RESTO ) ; CADA UM QUE ENTENDA.
É AQUELA VELHA MÁXIMA ; PARA BOM ENTENDEDOR ; MEIA PALAVRA BASTA ;. QUEREM MAIS CLARO DO QUE ISTO ?? O ARI NÃO PERMITE .!!!!

Anônimo disse...

Prezado Ari,

Não é à toa que estamos passando pelo que estamos passando. Ontem postaram no blog 3 informaçoes sobre a "ajuda" que o governo mndou aPrevi dar à Eletrobras. Ajudinha de 4 bilhoes porque os bancos particulares
nao entraram na farra,porque não acharam boas as garantias. Ajudam a Eletrobras mas não ajudam os donos da Previ que estao endividados....Mas nós não merecemos...?Perdemos a capacidade de raciocinar e questionar...

Anônimo disse...

Concordo com o colega da Afabb-df de que não podemos aumentar o endividamento porque quanto mais empréstimo maior é o valor das parcelas e menor o valor que sobra do benefício e então é preciso mais empréstimo formando uma bola de neve.
Mas a questão é: o limite aceitável já foi muito ultrapassado, devidamente autorizados pela Previ e pelo BB que sabiam qual era a renda de cada um, e agora precisamos de uma forma para adequar o valor dos débitos a nossa renda e aí sim deixar de viver as custas de empréstimos.Sem essa adequação não sairemos dessa situação sozinhos.Estamos como carro no meio da lama que precisa ser empurrado para sair e depois seguir normalmente.Não adianta mais repetir porque entraram nessa mas sim encontrar uma forma de ajudar a sair e logicamente não entrar mais.

Anônimo disse...

Venho tentando renovar o ES desde ontem, não consigo pois o site está travando para o emprestimo, o 0800 está com a fila de espera lotada ou seja, mesmo que tem margem não está conseguindo renovar. A má vontade da Previ é tanta que nem uma informação sobre o que está acontecendo aparece no site.

Anônimo disse...

Eu ainda não entendi porque a gente pode ter o atual saldo devedor do ES, arcar com uma prestação altíssima, ficar sem salário líquido e não pode renovar por um prazo maior, diminuindo o valor das prestações e regularizando a margem consignável que deixaria de ser negativa, ou seja, podemos dever mais do que a nossa capacidade de pagamento e não podemos pagar dentro da mesma, sendo que o credor alongou o prazo de pagamento? Alguem pode me explicar?

Anônimo disse...

Estou decepcionadissimo, também Heleno, ja fui atras de um advogado. vamos todos entrar nessa . A previ é nossa e não mandamos nada de nada . Chega seus Hipocritas de ficar sofrendo. mas um dia prestarão as contas a Deus a ele voces não enganam. Comam seus salarios Fuiiiiiiiiiiii

Anônimo disse...

Colegas,

A situação anda brava, muito brava, parece que o fundo do poço é ainda mais embaixo.

Sem qualquer pieguismo, confesso que chego a lacrimejar os olhos quando leio comentários descrevendo as angústias vividas por cada colega.

É aquela família do interior de S.Paulo que luta com pai e mãe, vítimas de AVC; é o drama do Marcelino lutando pelo direito à sua casa; a pensionista que teve R$ 300,00 no espelho e precisa de comida e remédios; e outros tantos como esses.

Triste, muito triste, e nos martiriza ainda mais quando nos sentimos impotentes diante de tantas injustiças.

E ficam aqui algumas perguntas: que caminho tomar...? o que fazer...? a quem ou aonde recorrer...? de que armas ou recursos legais dispomos...?

Respondo de pronto que temos pouquíssimas opções, nossos dramas não sensibilizam as fontes às quais poderíamos recorrer.

Diretoria da PREVI ou do banco, Justiça, classe política, imprensa, nenhum desses ficará do nosso lado, temos que lutar sozinhos e contar somente com nossa união.

Por tudo isso, volto a dizer, e digo sem ilusões, no momento somente uma mobilização de massa pode fazer a diferença a nosso favor, um movimento de protesto e desespero na PORTA DA PREVI ou, preferencialmente, na Praça dos Três Poderes, em frente ao Palácio do Planalto.

E temos que agir rápido, antes que outras mazelas sejam consolidadas e concretizadas. Pensadas e imaginadas já foram, falta apenas aplicá-las, e eles, os nossos inimigos, aguardam apenas o momento oportuno.

Quanto a mim, Brasília fica difícil, fora dos planos porque não tenho recursos prá ir até lá.

Há poucos dias aqui na minha cidade me disseram que estou sonhando e vivendo de ilusões, pode ser, mas continuo pensando.

É o que tinha a dizer.
Lydio

Anônimo disse...

Eu também tenho margem e até agora não consegui renovar e o limite vai reduzindo a cada dia um pouco.

Carlos - Rio Pardo(RS) disse...

Sr. Ari - ES - No meu humilde entendimento, há controvérsias se compararmos informações do blog do Carvalho com o blog da Cecília.

No blog da Cecília, no dia 21.07.14 as 21:45, ela comenta que não são milhares que não podem renovar o ES (então entendo que se não são milhares,,,deve ser no máximo 1.999 pessoas, estou certo?),,,,mas...

já no blog do Carvalho, ele escreveu uma matéria hoje, dia 23.07.14, que MUITOS NÃO CONSEGUEM A RENOVAÇÃO DO EMPRÉSTIMO.
Eu acredito que a informação mais precisa com certeza é a do Sr. Carvalho.
Não era para ter essas divergências entre pessoas da mesma chapa3......estou certo?????
Abr.a todos.Carlos-Rio Pardo(RS)

Fernando Lamas disse...

Prezado Professor Ari, saudações cordiais ao senhor e a todos os colegas e às pensionistas.

DIGITALIZADA

Não é para menos: é de entristecer os vários depoimentos. Da minha parte, meus amigos, repito: vejo a recente revisão do ES como fato consumado, imutável e página virada.
Considero, absolutamente, fora de cogitação, qualquer revisão da revisão, EM QUALQUER NÍVEL.
A minha documentação eu já a enviei, digitalizada, para a única Associação, a Anaplab que, neste momento, oferece o serviço do ajuizamento, pela mensalidade e nada mais.
É o que penso.
É a minha decisão, em favor da minha família.

Grato e PAZ E BEM!

"Assim dia Javé: 'Procurem a mim e vocês viverão."
Amós 5,4-7.

Anônimo disse...

Ari,
Como se diz, quando falta o pão todos gritam e ninguém tem razão.
Estou vendo alguns comentários de tamanha ignorância que desconheço como pessoas que um dia foram aprovados no concurso do BB.
Criticam abertamente os eleitos da chapa 3, decididamente algo que de melhor que nos ocorreu ultimamente. Os eleitos da chapa 3 são a garantia de que o patrimônio da Previ será preservado. Decisões que não nós atendam serão, no mínimo, dificultadas. Atitudes impensadas poderão levar aos eleitos a se calarem. Lembrem se que já foram eleitos e não podemos retira-los do cargo. Claro que são pessoas idôneas, mas não são obrigados a aceitarem atitudes ignorantes. Precisamos respeita-los e incentiva-los pois enfrentam concorrência acirrada.
Celio

Henrique Soares disse...

Só mil não puderam renovar o ES? É MENTIRA. Só usa o ES os descontrolados? É MENTIRA. Se levarmos dez diferentes propostas coerentes à PREVI, eles nos atenderão pelo menos em uma delas. É MENTIRA.

Marco Orlando disse...

Ari,
Estou a 36 horas tentando o formalizar a renovação do E.Simples e não consigo. Sempre trava ao tentar acessar a tabela de valores.
Será que o padrão de qualidade da PREVI caiu tanto assim na gestão Dan e Marcel?
Onde está a competência do pessoal da área tecnológica/informática para resolver ou no mínimo ter a decência de informar o que está havendo.
Desculpe, mas imagine o stress que isto está provocando em colegas com 70, 80 ou 90 anos de idade.
Isso é crueldade e merece punição.

Marco Antonio Orlando

Ari Zanella disse...

Professor Ari, saudações cordiais !
O pessoal da ativa tem a informação de quanto é a reserva matemática de cada um.
Gostaria de saber, como faço para saber qual é o valor da minha reserva matemática, pois estou pensando em fazer a portabilidade da minha para outro fundo de previdencia.
Estou lhe perguntando, porque agora o senhor faz parte da diretoria.
Obrigado.

Resposta:

Meu caro, não faço parte da diretoria. Sou Conselheiro Consultivo Suplente do PB1.
Mas a Reserva Matemática de cada um é fornecida pela PREVI. Basta enviar solicitação pelo "Fale Conosco".

Anônimo disse...

Caros colegas,

Continuo confiando plenamente nos nossos representantes eleitos, para eles não deve ser nada agradável o ambiente na PREVI.

Ainda bem que os elegemos.

Temos que estar conscientes de que eles não podem, sozinhos, mudar as coisas por lá, a resistência é grande demais.
Se com eles está complicado, imagine como ficaria se a chapa1 fosse eleita.

Tenho por mim que não cabe criticá-los pela decisão que foi dada ao ES, sem eles não aconteceria nada e a coisa ficaria muito pior.

Vamos manter nossa união e mobilizados, se eles precisarem de nós, basta nos convocar.
Lydio

Marco Orlando disse...

Ari,
Finalmente a renovação foi concretizada.
Dica: Se você programar o crédito para o dia 01.08.2014, a primeira parcela será cobrada em 20 de setembro e você "respira" em agosto.

Marco Antonio Orlando

Anônimo disse...

Colega de 20:29.

O SISBB tem um aplicativo pra você consultar sua reserva matemática. Se não engano chama-se PREVI mesmo.

Camilo - Judiai disse...

Acho que nao é possivel a portabilidade aos aposentados.

Anônimo disse...

sei nao,temos que salvar a previ e o Brasil tb, pelo andar da carruagem estamos indo p o brejo. me desculpem os que tem nojo de politica.........

Anônimo disse...



'NA CRISE, QUEM DEVE AJUDAR , COMPARECE ? "

Grande Mestre, é de doer o coração ver tanta gente se lastimando ,
principalmente os portadores de doenças crônicas e mesmo querendo
ajudar, dado o número de necessitados, somos impotentes.Não tenho
perfil de incendiário nem comungo com oportunistas, mas vi tantos
colegas suando a camisa nesta questão da negociação, tal como acon-
teceu na eleição recente da Chapa 03, cujo resultado todos sabem .
Acontece que num evento da magnitude que envolve o ES não somente
pelos valores pecuniários mas principalmente pelo universo de in -
teressados, não entendo como a ANABB não se fez presente para . .
nos apoiar, a exemplo de Ari Zanella, Medeiros, D.Isa, Cecilia,Car -
valho e outros. Eu não sei , nem entendo muitas coisas que ocorrem ao
nosso redor, mas não adianta me explicar que nunca vou aceitar que uma
entidade que é sustentada por l00.000 ou mais sócios e num momento de
grande dificuldade, quando estes fieis contribuintes perdem 1/3 de sua
renda e necessitando negociar uma condição pelo menos humana para sseus
interesses e sobrevivência e você não vê, não ouve, não tem o apoio des-
ta entidade chamada de ANABB, em cujo quadro há colegas com mais de 20
anos de filiaçao e que poderia ser decisiva no nosso pleito. E tem mais,
sem querer aproveitar da situação, o retorno que ela nos dá é mínimo ,
mormente quando outras associações também patrocinam ações com muito
mais prestesa.Vejam o meu caso, quando pedi apoio a ANABB paara receber
diferença do FGTS, eu não tinha artrite, nem glicemia alta, cabelo cain-
do na testa e quando recebo o dinheiro, 20 anos mais tarde,cerca de R§
5.000,00 foi a conta de fazer O2 implantes dentários. Agora, pergunto :
Nestes 20 anos que durou a ação, quanto paguei ? Se tivesse contratado
um advogado particular seria muito melhor.Gente, não quero ser cansativo
mas solidariedade, espirito público, e interesse devem nortear toda en -
tidade, não acham ? Vamos pensar nisto para o futuro ? Um abraço,Divany
Silveira-SeteLagoas-MG



Anônimo disse...

Carlos do Rio Pardo, tá tudo discordando pois o Diretor Marcel declarou no dia 15-07 que" mais de 30 mil mutuários precisaram pedir a suspensão das prestações," naturalmente endividados, precisamos xecar esses dados.Recebi via e-mail com o título: PREVI Prestando Contas, "muitos" então são 30.000 caro colega.

Jose Hermano disse...

Caro Ari, estou com o comentario das 17:23 horas, como posso manter o valor das mensalidades no contracheque e não posso renovar, a PREVI tem que rever esses casos, com a renovação pelo saldo devedor, a prestação diminui. Informo tambem, que ganhei a ação da CESTA ALIMENTAÇÃO, a Dra. JUIZA ordenou no prazo de 24 HORAS, após recebimento ofício encaminhado e recebido pela PREVI em 19.03.2014, sob pena de MULTA de R$ 300,00/dia, e a mesma, ainda não incorporou a mensalidade.

Jose Hermano disse...

Tambem, esta havendo informações erronea a respeito do percentual dos que podem renovar ES, aqui em João Pessoa, na sala dos Aposentados, mais de 60% não conseguiram renovar devido MARGEM NEGATIVA. A diretor CECILIA da qual fui seu eleitor, informa que apenas MIL pessoa não puderam. Gostaria que você verificasse junto a PREVI, quantos renovaram e quantos ficaram de fora.

Anônimo disse...

Capa Olá! Zapping Nas ruas Grana Trabalho Dicas Defesa do Cidadão Editorial Vencer Show! Brasil Mundo Máquina Revista da Hora
Grana

Enviar por e-mail

24/07/2014
Comissão aprova aumento maior para aposentados

Clayton Castelani e Thâmara Kaoru
do Agora

Uma proposta que poderá garantir aumentos maiores aos aposentados ganhou força em Brasília.

Aprovado pela CAS (Comissão de Assuntos Sociais), um projeto de lei do Senado pretende dar reajuste acima da inflação para aposentados que recebem um benefício maior do que o salário mínimo.

O reajuste aprovado considera a inflação do ano anterior mais o crescimento dos salários dos trabalhadores, informado na Gfip (guia de recolhimento do FGTS e Previdência) do penúltimo ano.

Na prática, se já valesse neste ano, os aposentados que ganham salários maiores que o piso nacional teriam conquistado um reajuste de 9,43%.

Esse seria o resultado do aumento de 5,56%, que foi o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) de 2013, mais 3,87%, que foi o crescimento real dos salários em dezembro de 2012, em comparação com 2011.

Neste ano, porém, os aposentados só tiveram a correção da inflação, de 5,56%.

Rosália Maria disse...

Só vejo um caminho para mim, corda no pescoço ou pular do 9º andar. Tenho vivido miseravelmente, melhor morrer. Se alguém quiser morrer, entre em contato comigo, a gente comete o suicídio em frente ao prédio da Previ com cobertura das redes sociais.

Ari Zanella disse...

09:05

Nesta Comissão (Assuntos Sociais) eles aprovam. Mas quando chega no CAE (Comissão de Assuntos Econômicos) certamente será barrado. E ainda por cima tem o veto presidencial. Não se iluda.


Rosália Maria - Por favor, não diga uma coisa dessa, Menina!
Só posso admitir que você esteja brincando com coisa séria. A nossa vida é de Deus, somente Ele que a dá, poderá tirá-la. Creia Nele e suporte as provações pois o que VALE é a vida eterna.

Anônimo disse...

Muitos não tem margem para aumentar o limite mas estão nas faixas que tiveram aumento do prazo.Nesse caso não podem renovar pelo saldo atual mas com o novo prazo aumentado para reduzir as parcelas?

Anônimo disse...

Esse texto foi postado no Blog do Medeiros, aqui replicado porque vincula-se a outro aqui divulgado:

Marcelino Maus diz... e desdiz:

Dr. Digno e Amigos, bom dia.
Relendo postagens (as minhas e de colegas) percebi tensões sobre as mazelas do BB e da PREVI.
Devo me retratar quando utilizei os textos de "educação financeira" propalados em postagens de alguns colegas e citei as do Juarez (sem querer ser ataque pessoal), mas sei que isso incomoda, reconheço.
Penso que não devo pedido de desculpas por ter utilizado esse "gancho" para tocar no assunto mas, consciente do dever de "despoluir" minhas postagens em relação ao Juarez e outros que comungam e aqui repercutem essas idéias, venho aqui registrar meu reconhecimento pelo desconforto com a situação.
Importante salientar que via de regra, atacamos idéias sem conhecer os autores dos textos, tudo porque sofremos há décadas propaganda enganosa do BB e da PREVI, desde os Projetos do NMOA, Novo Rosto... etc.
Então quero registrar que 99% dos blogueiros são pessoas legais como o Juarez (conferi no Face, eh um cara nota 10, e deduzi só pelas fotos postadas).
Digo 99% porque não me incluo como legal, pois não interessa e não me interessa o que penso de mim).
Fica aqui um abraço ao Juarez e outros dessa linha de pensamento.
Outro abraço ao Medeiros, que conheci pela Chapa 3, neste Blog.
Fui Bancário 36 anos.
Quase todos nós fomos por mais de 30 anos...
Dr. Medeiros, acho que deveríamos chama-lo por outro nome, porque não simpatizo com nomes que lembrem alimentos, a não ser que extraiamos suas melhores qualidades:
A doçura do Pudim e as propriedades do Fermento.
Que por muitos anos fermentem nesse Blog boas e doces idéias.
Perdoe a brincadeira da comparação, mas é ilustrativa.
Séria mesmo é a Dignidade que vejo em muitas pessoas só pelo olhar, inclusive o seu, mesmo nas fotos, muito mais no comportamento neste Blog. Deveríamos chama-lo de Sr. Digno, sem a menor hipocrisia.
Peço a Deus que nos abençoe, a ti não, porque já abençoou.
Acordei meio feliz, esperançoso, mas preocupado por não conhecer o drama das Pensionistas, dos que têm apenas a Parcela Previ...
E os velhinhos do INSS que laboraram com salários de 2.000 a 4.000,00; o patrão recolheu por 2.500,00; e hoje ganham R$1.300,00?
Nós da PREVI ainda temos certo Privilégio, mas se não combatermos os Desmandos junto à PREVIC, a desordem vai deteriorar ainda mais a FUNCEF, PETROS... e as AEROS.
Que meleca!!!
Obs: alguém tem culpa, se revirarmos a história, a culpa do BB e PREVI deveria ser transferida ao Delfim, Simonsen, Sarney, Collor, FHC, Lula...

Estendo meus elogios ao Ari e a Cecília.
Paz e BEM.

Sempre nominei meus textos.

Marcelino Maus
F6752890

Não se assustem, meus 7 irmãos com ficha na polícia são Policiais... que sofreram muito mais para se aposentarem. Se eles lessem isso...

Anônimo disse...

ALERTA GERAL:

Salvo melhor Juízo, renovar o ES com pouco troco, PIORA a situação, pois o Saldo Devedor demora MAIS para diminuir...

O troco deveria ser de pelo menos igual a SOMA 3 a 4 Parcelas... para compensar.

É necessário que a PREVI reformule as condições e os ENCARGOS:
1) Teto de 150.000/130 ou 120 meses;
2) juros 3% a.a. com INPC debitado apenas em JANEIRO (pela média do Saldo Devedor).
3) parcelas de 1,1% do Capital; COM REAJUSTE em JANEIRO pelo INPC aplicado pela média do Saldo Devedor.
4) EM 10 anos o ES tah zerado.
5) com melhores condições, a carência de renovação pode ser de 12 ou 18 meses...

SOH NÃO MUDAM SE a falta de Boa Vontade esteja a orientar a PREVI.

Marcelino Maus
F6752890

Ari Zanella disse...

Meu caro Tarcísio,

Tive que suprimir os termos que sugeriam diretores (o pessoal da PREVI lê o blog)

tarcisio augusto bulhoes martins deixou um novo comentário sobre a sua postagem "ESTOU TÃO TRISTE!":

Rosália Maria, não cometa esta loucura...o melhor da vida é viver. Quanto ao colega que postou comentário sobre a ANABB, concordo plenamente com; DESFILIAÇÃO em MASSA. Tarcísio.

tarcisio augusto bulhoes martins disse...

Prof. Ari, a PACIÊNCIA é a MÃE de todas as VIRTUDES. Vamos engolir. Mas, me reservo ao direito de poder dizer pelo menos, que não votei no marcel(MINÚSCULO), graças à DEUS, e sua mão é pezada quando se trata de fazer justiça. Tarcísio.

Anônimo disse...

Prezado Ari,
E com relação aos 4 bi que a Previ vai injetar na Eletrobras, a mando do governo, ninguem diz nada...

Ari Zanella disse...

Pelo noticiário são a CEF e o BB.

A PREVI NÃO!!!

Ou você acha que o BB vai pegar da PREVI?

Anônimo disse...

Esta vendo prof Ari o que a NOSSA PREVI esta fazendo com os aposentados e pensionistas?
Precisamos ir para a frente da PREVI

Anônimo disse...

Rosalia querida, não faça isso. Entra com o desconto de 30% em folha que tudo irá melhorar. O Marcel não vai estar nem ai se vc pular do 9 andar. Deus esta vendo tudo e não pense que a velhice dele será um mar de rosas .Ainda ficaremos sabendo de muita coisa , Calma e que Jesus e Maria te protejam de praticar esse suicidio

Anônimo disse...

Parabéns Marcelino Maus é assim que se faz! somos humanos as vezes não queremos ouvir mas se analisarmos, o Juarez só quis ajudar, nós estamos vivendo um momento delicado, devemos olhar na mesma direçao, sómente assim atingiremos nossos objetivos.

Anônimo disse...

Divany Silveira- Sete Lagoas, seu comentário sobre a ANABB é a mais pura verdade, tão nem aí para o mundão de associados, não nos respeita, a ação do FGTS deixam os cálculos por conta da CEF e encerram a ação questionando apenas os honorários deles, no meu caso que mantive a ação quando o governo ofereceu negociar parcelado, levei prejuízo não acrescentou nada , por essa e outras concordo plenamente com voce e com o colega Tarcísio que sugere DESFILIAÇÃO EM MASSA da ANABB, diante da frieza num momento crucial para todos, devemos migrar para as Associações que estão nos apoiando agora, mesmo porque a mensalidade é quase o dobro das demais.

Anônimo disse...

Muito ajuda quem não atrapalha.Estamos no fundo do poço e precisamos de uma mão para subir.Criticar não ajuda nada ao contrário piora o estado emocional pois alguns até falam em suicídio.É sádico e desumano.Um simples apoio verbal como temos tido do Ari, Medeiros e Carvalho dá um ânimo enorme a quem está na pior.

Anônimo disse...

Sr. Ari Zanella,

Efetivamente não temos mais nenhuma informação/solução para os que não tem margem ou estão com dividas em todas as instituições financeiras que desconta na folha da Previ e no Banco do Brasil S/A.

Eu pergunto ao Colega sera que não estamos batendo na porta errada, alguma associação já pediu uma audiência com a Presidência do Banco do Brasil, quem sabe o Banco não compra a dívida da Previ em relação ao ES e alonga o prazo como uma especie de REFINANCIAMENTO DESCONTADO DIRETO NO CONTRA CHEQUE.

Perguntei uma vez e a resposta foi que a legislação não permite que o patrocinador faça desconto direto na folha, por isso é feito apenas os cdc com desconto na folha de pagamento.

Acho que o Banco teria como sanar esse problema, porque da diretoria da Previ não podemos esperar mais nada.

Anônimo disse...

Publicado por Assembléia Legislativa do Estado do Acre (extraído pelo JusBrasil)

Depois do Banco do Brasil ter anunciado há cerca de duas semanas que iria comprar as dívidas dos servidores públicos com financeiras e renegociar o pagamento destas, outros bancos manifestaram interesse em fazer o mesmo. Nesta segunda, 16, os superintendentes da Caixa Econômica Federal e Banco da Amazônia se reuniram com o deputado Moisés Diniz e representantes de sindicatos para apresentar propostas.

Um dos principais articuladores da idéia de instituições bancárias assumirem as dívidas dos servidores públicos, Diniz, comemorou o fato de outros bancos terem se interessado pela proposta. Inicialmente ele havia procurado apenas o Banco do Brasil por ser o mais antigo, deter a conta da maioria dos servidores públicos do Estado, dispor de uma grande rede de atendimento e ter uma função social.

De acordo com o Banco Central, os servidores só podem comprometer 30% de seus salários com descontos em folha de pagamento. A grande reclamação dos clientes das financeiras é a alta taxa de juros de mais de 2% ao mês já que até então não havia concorrência. Para o representante da Força Sindical, Gracindo Saraiva, com a inclusão dos bancos no negócio, só quem tem a ganhar são os trabalhadores. “A concorrência entre os bancos será boa porque reduzirá as taxas de juros”.

Anônimo disse...

Colegas, leiam em Olhar de Coruja, Leopoldina(mensagem perfeita).ela apresenta planilha e estudos feitos juntamente com o colega Gilvan(nota l0), onde prova a urgência do REALINHAMENTO DAS APOSENTADORIAS E PENSÕES PARA RECOMPOSIÇÃO DO NOSSO PODER AQUISITIVO. A planilha faz equiparação benefícios PREVI e INSS com quantidade de salários mínimos, sugiro que façamos o mesmo com os nossos benefícios, não é difícil é até gostoso, só pegar os valores do salário mínimo e com uma calculadora é rápido.Acho muito importante termos esses dados "concretos" para apresentarmos em qualquer tribunal ou mesmo que seja só para trocarmos informações aqui no blog. A Leopoldina usou o próprio contra cheque como demonstração, esses dados nos darão noção das perdas por grupos , o importante é não divulgar o "achismo" para não ser desacreditado adiante.

Anônimo disse...

Caro ARY ZANELLA, meu caloroso abraço de sempre! Boa tarde! Saúde a você e seus familiares!

Desculpe-me, mas resolvi ( com o seu "aprove-se"...) mandar uma mensagem simples, cristã, a essa colega ROSÁLIA MARIA, das 09:06 h de hoje, que está (pelo que concluí) em desespero. Peço a ela que não cometa essa "atitude" nefasta, danosa, contra a própria vida. Nem MARCEL, nem outro qualquer que esteja à frente do setor Seguridade da PREVI irá comover-se com tamanha desgraça de quem quer que seja. Pouco interessa a ele(s)o que uma pessoa fizer contra si. Todo administrador é frio, desumano e maquiavélico, pouco lhe importando a ruína de seus semelhantes-associados(segurados).
A vida, como dádiva de Deus, deve ser enfrentada com altos e baixos, risos e lágrimas, flores e espinhos, vitórias e derrotas, com Empréstimo Simples ou sem Empréstimo Simples, com dívidas e lucros, nunca tentar contra vida por isso. Tentar contra a própria existência é negar a Cristo e nossa vida vale exatamente esse esforço insano que enfrentamos no nosso cotidiano. É a "via crúcis' de cada um. Todos nós, como cristãos, devemos provar de todos os frutos - quer sejam doces ou amargos - experimentar quedas e sobressaltos, perdas e lucros , porque é exatamente esse conjunto de fatores que nos dá ânimo para preservar o que há de mais sagrado na face da Terra: VIVER. E a vida é bela por isso, Rosália Maria... Tenho 72 anos, Rosália Maria, e o meu diário está cheio de dores e alegrias, perdas e lucros, mas minha avó paterna sempre dizia isto que irei lhe transmitir agora : "Se a vida é um grande cansaço, prefiro viver cansada". Com esta lição de vida, minha avó Binoca viveu quase 100 anos...Portanto, não cometa essa atitude nefasta, ruinosa, porque você, minha colega desconhecida, só irá destruir as mais belas porções de bom e de útil que você produziu nessa arte de viver junto à sua Família e seus amigos. É o meu apelo!... Mas, por último, faça, JÁ,IMEDIATAMENTE , esta oração:

SANTANA, MÃE DE MARIA, MARIA, MÃE DE JESUS, VALEI-ME, SANTANA;VALEI-ME, MARIA; VALEI-ME ,JESUS (faça isto,como se estivesse rezando um terço normalmente).Gostaria de saber notícias suas através da do BLOG do generoso ARY. Coragem para vencer!...Coragem e Fé! Cumprimentos do Williams Silva Aposentado.Matric.9.843.050-5-Tel.86-3232-0775( Teresina-PI- e-mail: wj.silva@globo.com

Anônimo disse...

Caro Ari.

Discordo com o colega quando diz que o BB é que vai capitalizar a ELETROBRÁS, não a Previ. E os nossos 7,5 bi repassados ao BB. Desculpe se estiver errado.

Anônimo disse...

Professor Ari,

Assim como você está triste com toda nossa situação, acredito que todos estamos. Uns mais debilitados, outros ainda se segurando nos empréstimos e uma minoria com a vida equilibrada. Só que é igual aquele poema " primeiro levaram os comunistas, como não sou comunista não me importei, depois levaram o pessoal do Aerus, como não sou aeronauta também me calei..." Com a defasagem salarial ocasionada por reajustes pífios alcançará a todos.
SUGESTÕES:

1) Diretora eleita da Previ, Cecília, Carvalho, Medeiros e o Ari agendarem reunião com Vital do Rêgo em Brasília cobrando a não relatoria do traidor pimentel - chamando imprensa e parlamentares da oposição

2) Agendar para Novembro nova "novembrada" com participação dos eleitos e tentando reunir todas as associações

Zé Furtado

Anônimo disse...

Ótima idéia , Zé Furtado, só que tem que acontecer antes de outubro, tá esquecendo?

Anônimo disse...

È mesmo colega de 16:20! Como o bolso fala mais alto só pensei no 13° para custear a viagem e esqueci do poste e do monstro de 9 dedos querendo reeleição

Zé Furtado

Anônimo disse...

ALGUEM SABE QDO O INSS PAGARA A PRIMEIRA PARCELA DO 13 SALARIO?

Anônimo disse...

Reflitamos um pouco! Nossa situação hoje se mostra de tal forma, não pela simples condição do empréstimo simples - ES, e muito mais pela defasagem real de nossos benefícios que vêm ao longo de anos, mesmo quando ainda assalariados da ativa, sendo sistematicamente defasados pela inflação ao longo de décadas. Nunca tivemos uma recomposição de nosso poder de compra. Sempre nos vimos contingenciados a experimentar perdas e a aceitar, na expectativa de que um dia, tal situação viesse a se reverter. Agora, com a nossa idade avançada, quando pela ordem natural das coisas passamos a necessitar de maiores recursos para arcar com esses crescentes custos, seja de medicamentos e até mesmo uma alimentação diferenciada, é que percebemos com maior intensidade, a falta que os reajustes do passado estão nos impondo de maneira crescente.


Acredito que, de forma generalizada, o grau de endividamento de praticamente todos os aposentados seja grande. O ES é um exemplo. Assim como a outros, me atinge, na medida em que me vejo impedido de renova-lo por falta de margem consignável. Isso não mudou ao longo de anos em que dele nos servimos. Sempre o tivemos como um companheiro e toda vês em que havia uma possibilidade de renová-lo, o fazíamos, aumentando em consequência, nosso endividamento. Se o estávamos renovando, jamais nos questionávamos sobre em que condições? quais as taxas? sobre que valor? acrescido de juros? correção? Simplesmente queríamos renovar, era mais dinheiro em nossas mãos e nos dava folga temporária. Valeu a pena?


Me desculpem se pareço carrasco de nos mesmos. Entendo que a PREVI não é a única culpada por nossa situação. Com certeza temos lá dentro muita coisa que precisa, merece e deva ser esclarecida de forma a traduzir-se em maior transparência. Disso ninguém duvida.


Em raras oportunidades me manifestei aqui na rede. Sou um observador e vejo muitos comentários totalmente infundados e/ou desprovidos de bases sólidas. Refuto como, de extrema importância manter em bom nível nossas colocações, sempre no firme propósito de contribuir de alguma forma, para o atingimento de nossos objetivos maiores.


Luiz Humberto
24 de julho de 2014 15:47

rosaalegre0@gmail.com disse...

Solução Final: nenhum aposentado ou pensionista vota neste partido do mal PT. Fora PT fora Dilma, fora Lula Fora Rose.

luciene caldonazo disse...

Querido Ary,

Boa noite,

De nada adianta os aposentados e pensionistas irem na porta da previ se os grandalhões de lá vem com um chavequinho e um cafezinho e passa todo mundo para trás.
O que é preciso fazer é pressionar de verdade sem que alguém nos chame para a sala de reunião da previ.
O negócio é fazer a previ passar por maus bocados.


Um grande abraço,



Anônimo disse...

ARI ZANELLA,

Vamos ao que conta de verdade:

A maneira como Dilma governa o país é desaprovada por 50% dos brasileiros e aprovada por 44%. Esses percentuais preocupam mais a presidente do que índices que sinalizam seu favoritismo. A elevada desaprovação não se encaixa nos chamados retratos do momento que as pesquisas apontam e onde se enquadram as intenções de voto. A grande massa eleitoral decide nas últimas duas semanas, historicamente, quando são avaliadas propostas dos candidatos. Os governistas acham que estão bem na fita, só precisa reforçar na TV e os oposicionistas apostam que não é nada disso. Só que Dilma sabe que não pode falar o que vai fazer porque o brasileiro perguntará por que já não fez. E os oposicionistas ainda não mostraram nada de novo.

Anônimo disse...

O governo já socorreu as distribuidoras de energia com R$ 11,2 bilhões emprestados pelos bancos; agora, serão mais R$ 6,5 bilhões, metade de um pool de 10 bancos, metade do BNDES. Contudo, pelas previsões da área, até o pessoal da Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica, também o segundo socorro não será suficiente. Entre o primeiro e o segundo transcorreram pouco mais de três meses e há quem aposte que, antes do final do ano, será necessário o terceiro.

Anônimo disse...

ALGUEM SABE QDO O INSS PAGARA A PRIMEIRA PARCELA DO 13 SALARIO?

Fernando Lamas disse...

Prezado Professor Ari, saudações cordiais ao senhor e aos demais colegas e às pensionistas.

"VOU CHORAR DEPOIS, SE SOBRAR TEMPO."
1) Perguntado se havia chorado, assim respondeu, à repórter, um Oficial da Marinha, sobre uma grave explosão, com destruição, numa área de treino de tiro, no Rio de Janeiro, há cerca de 15 anos. Primeiramente, disse que trabalharia, para RECUPERAR O LUGAR e que "vou chorar..."

CHOVE EM VALINHOS
2)Situada numa das áreas mais desenvolvidas de SP, a minha querida Valinhos sofre, com a seca na região toda. Reservatórios rasinhos, dois dias semanais de racionamento. Coisa nunca vista. Mas, hoje, a chuva quebrou um jejum e banhou a natureza e REANIMA A ESPERANÇA DE NORMALIZAÇÃO, mesmo que lenta.

Meus amigos, quis colocar essas duas situações REAIS que sinalizam a recuperação, a reabilitação, para dirigir, a alguns poucos ou a muitos, há controvérsias, uma palavra de alento, em mais um momento de desorientação e desesperança, inconveniente, para idosos e longevos.
RECUPERAÇÃO e REABILITAÇÃO, sinônimos, pode ser o projeto de vida e reação e elementos há, para isso: as pessoas mais próximas e o judiciário, por exemplo.
É respeitável, tudo se respeita, mas não se admite, exceto diante de doença psiquiátrica, a afirmação de que a situação é tão grave que a vida perdeu, completamente o valor. Não é verdade!
Sobretudo, diante de qual drama o Altíssimo Senhor não pode chegar?
Caro Professor e meus amigos, creio que a próxima data, em que haverá melhorias, na nossa comunidade, será o dia 1º de janeiro próximo, com os reajustes dos Benefícios.
Desculpa, pelo alongamento e desejo a todos um bom fim de semana, abençoado e guardado pelo Ressuscitado.
Até segunda-feira, se Deus quiser.
PAZ E BEM!

"Ele vai enxugar toda lágrima dos olhos deles, pois nunca mais haverá morte, nem luto, nem grito, nem dor.
SIM! AS COISAS ANTIGAS DESAPARECERAM!"
Ap 21,1-8.

Anônimo disse...

Caro colega 18:53,
Agora na fopag de agosto.
Gracas a DEUS.

Anônimo disse...

Estou
cansada
meu Senhor, estou
cansada....estou cansada, meu Senhor... tão cansada...

Mostra-me a luz e estenda a tua mão
Estou cansada meu Senhor estou cansada...

WILSON LUIZ disse...

Caro anônimo 15:14 hs,

Discordo de sua discordada, não é o BB, ou a CEF, e nem a PREVI que vai pagar o rombo do setor elétrico. É VOCÊ, sou EU, somos TODOS NÓS, espere só o aumento da tarifa de energia elétrica que vai ocorrer no início do próximo ano, os reajustes que já estão ocorrendo, de 14, 18 e até 35% são só um aperitivo.

Anônimo disse...

Prof. Ari,

O Nobre amigo já percebeu que o número de acessos ao seu blog, reclamando da péssima mudança promovida no ES, é quase inalterado se comparar com a quantidade de visitantes que, pelo mesmo motivo, estão recorrendo a este seu espaço?

Isso é prova de que a D.Cecília, pessoa sobre a qual continuo cabreiro em relação a sua posição, se do nosso ou do lado da Previ/BB, equivocou-se ao afirmar que apenas hum mil devedores não puderam renovar o ES.

Um abraço.

Anônimo disse...

Quem optar crédito para 01/08 paga a primeira parcela em setembro. Em compensação, na renovação futura vai receber menos. Troca 6 por meia duzia.

Anônimo disse...

Professor Ari,

A ideia de os aposentados irem a porta da Previ protestar é antiga. Deveria ter sido posta em prática no momento em que o BET foi cortado!

Em todo caso, me junto a quem está sugerindo essa iniciativa, e reafirmo ser esta a única maneira de pressionarmos quem está nos humilhando.

Cordial abraço.

Helena disse...

É penoso para todos nós ler tantos comentários desesperados dos nossos colegas anônimos, ou não. Esse post, serviu para que todos nós pudêssemos desabafarmos as nossas dores, nossas tristezas. Como é bom ter alguém como o Sr. Ari. Que abre espaço para que possamos "falar tudo de ruim que esses dirigentes sem coração e sem alma fazem conosco. Chorei com o comentário da Rosália, pois essa colega está em total desespero há anos, pois a conheço do Face. Chorei com o hino cantado por essa anônima das 20:57. Se vcs soubessem como é triste e lindo ao mesmo tempo esse hino vcs iriam chorar também pois essa letra fala do nosso cansaço, das nossas lutas que enfrentamos no dia a dia.

Eu também me sinto triste, mas o quê podemos fazer? Não vejo mais nenhuma solução para nós.
Estou um pouco melhor pois foi vcs que me ajudaram num momento muito triste da minha vida. Eu entrei com a ação dos 30% e já terei a sentença deferida no dia 26 desse mês, e se Deus quiser eu vou ganhar pois é a lei. E lei tem que ser cumprida.

Entrem mesmo!! sem dó e nem piedade com essa ação pela ANAPLAB. Eu entrei bem antes com a Drª Vânia. É uma ação rápida, e o ganho é certo. Não quero e nem vou ficar devendo a eles (BB, Cooperforte, e Previ) quero pagar e vou pagar, mais dentro das minhas possibilidades. Eles precisam e TEM que alongar o prazo e fazer a enquadração dentro dos limites que eu possa pagar.

Ninguém aqui quer deixar de pagar nada. Queremos tão somente os nossos direitos. Não somos trambiqueiros e muito menos palhaços desse palco maldito chamado Previ.

Ari Zanella disse...

21:26

Pelo que soube da Cecília ficaram de fora uns 2.000 porque ou tinham margem negativa ou insuficiente para a renovação. O problema é que se não fosse do jeito que foi aprovado, não seria aprovado nada, ficaríamos todos sem solução.
Eu estou com a Cecília e duvido que haja outro na diretoria que esteja mais do nosso lado do que ela. Botar a culpa nela ou no Décio é não conhecer como funciona a PREVI.

Anônimo disse...

É difícil avaliar a quantidade que ficou de fora, pois para mim quem conseguiu renovar por valores insignificantes, não entram nos dois mil, pode se dizer que ficaram no mesmo, comparando no meu caso que desde janeiro até hoje acumulei dívidas equiparadas a perda do BET mais o acréscimo da contribuição PREVI que totalizam aprox. 1.000,00 por mes, portanto um déficit de 6.000,00, de que me adiantaria renovar o ES em valor menor?Estou levando em conta que a suspensão das prestações foram anuladas quando da sua cobrança imediata.

Anônimo disse...

Meu Deus, perdoai-nos por não dividirmos o mínimo
que tivermos com os irmãos que não têm nada...
Obrigada, Previ

Raimundo disse...

Prof. Ari,

Fineza informar-me o atual valor da Parcela Previ e por consequencia o valor do piso dos benefícios. pagos.Após 22 anos de BB estou neste patamar ou raspando a trave.

Anônimo disse...

Prof. Ari,
Gostaria de uma informação...suspendi meu ES durante os 6 meses(o valor devedor que era de + - R$92.000,00 passou para +-R$99.000,00),já havia pago 6 parcelas até dezembro 2013,o mês de junho foi descontado a 7ª parcel, logo o valor do débito ficou de R$98.000,00. Porém quarta -feira consultei no site já tinha acrescido +- uns R$100,00 e hoje (25/07/2014) consultei novamente acresceu +- 100,00, já estou c R$98.250,00 devedor...pode ir aumentando o valor assim,durante a semana?Esta correto isso? Ligo p Previ e nada d atenderem...
Att, Vilma.

Ari Zanella disse...

Vilma,

Quando estiver fazendo uma simulação do ES, se você clicar em "SALDO DEVEDOR" aparece a opção de EXTRATO do ES. Pelo extrato você sabe de todos os lançamentos. Talvez estes cem reais a mais todo dia sejam as parciais de um débito que vai ocorrer no fim do mês. Pode ser Juros, FQM, correção pelo INPC.