sexta-feira, 19 de abril de 2013

DECISÕES QUE NOS AFETAM

       Quando o assunto nos interessa cem por cento, a Caixa de Previdência dos Funcionários do BB procura dissimular. O que não interessa ao patrocinador, como bem diz o amigo João Rossi Neto, é tratado com a frieza da lei e com a lógica de se resguardar contra eventuais ações judiciais pela nossa caixa de previdência.
       Por falar em ação judicial, a Afabb-PR, do presidente Nereu João Lagos, emitiu comunicado não descartando essa hipótese, ao consumar-se o reajuste retroativo na véspera do aumento de junho, conforme último parágrafo da nota:

"Queremos também lembrar que durante o período da ditadura, de triste memória, o Banco resolveu também antecipar o reajuste dos seus funcionários da ativa, mas o fez pagando a inflação plena, do ano inteiro. Portanto, é de se esperar que agora, num regime mais democrático, seja adotado o mesmo procedimento, e jamais o que foi proposto e contra o qual nos insurgiremos, inclusive utilizando o único recurso que nos resta, que é o da JUSTIÇA."

       A Previ deveria agir com mais prudência. Sua diretoria primeiro, depois o Conselho Deliberativo, reunir-se e analisar qual a melhor solução para os assistidos. Por que não sondar as nossas lideranças ou entidades representativas dos assistidos sobre qual mês seria o melhor para o reajuste nesta transição. Razões não faltam para o mês de junho vencer. Agindo desta forma, a Previ evitaria uma série de contestações futuras. Que se utilize do bom senso. Sobre o tema, acabo de receber a ponderação do nosso grande Luiz Faraco:

"Prefiro a opção do reajuste pleno em junho/2013, deixando-se a mudança da data para janeiro/2014. Não tenho certeza, porem, se a autorização da PREVIC deva ser entendida como ação obrigatória a ser implementada de imediato pela PREVI, ou se seria simples sinalização de que a mudança pode ocorrer a partir da data sugerida, a critério do fundo. Caberia a respeito o pronunciamento oficial da PREVI."

Luiz Faraco - Florianópolis-SC 


       Concordo plenamente com o Faraco. Seria ótimo se a Previ atendesse os clamores dos assistidos. Mostraria maturidade e bom senso. Creio que a aprovação da Previc não traga implicitamente a necessidade de implantação imediata. Vamos lá, todos juntos, num só coração, pedir a nossa querida Previ que não retroaja este ano. Que venha o reajuste em JUNHO! Para felicidade geral de todos, digo e repito: J-U-N-H-O.

17 comentários:

Ari Zanella disse...

Coloquei uma enquete no topo ao lado esquerdo, sobre o tema em questão. Participem!

Anônimo disse...

Transcrevo abaixo parte de notícia publicada hoje, 19.04.13, no blog do Dr. Medeiros.
“O diretor Marcel Barros confirmou agora, em Porto Alegre, na apresentação das contas do exercício de 2012, o que já havíamos publicado ontem.
A PREVIC aprovou a antecipação do reajuste para janeiro, depois da via crucis burocrática, e a decisão chegou, efetivamente, nesta semana na PREVI, quiçás ontem mesmo”.

Anônimo disse...

Colegas,

O que se viu na reunião de Porto Alegre RS, foi uma declaração de submissão da Previ aos ditames/ordens do BB.
(Alguns colegas, ex-sindicalistas)
Em outros tempos defendiam os trabalhadores com unhas e dentes.
Após chegarem nos mais altos cargos da Nação Brasileira, nos tratam como meros indigestos.
Empurram as questões contra o BB.
Dizem que estão atentos a Res. 26, mas que não podem fazer nada senão cumprir o que a norma diz, mesmo sendo contraria a lei complementar.
Queixar-se do BB foi a tônica.
Se dizem defensores dos funcionários do BB, mas ao mesmo tempo dizem não ter poderes para contrapor à ditadura do BB, tendo em vista que sempre acabará no voto de Minerva.
Outro fato que chamou atenção foi a data da extinção do Plano 1 EM 2080.
Parece que vão ressuscitar o Matusalém para receber a última parcela do Fundo Previ.
No conto de "fadas" em que estamos vivendo, somos seguramente as bruxas malvadas que devem morrer logo e assim sobrar mais dinheiro para as megalomanias petistas, aos quais, suspeito, os dirigentes eleitos estão submetidos.
Tiveram a ousadia de dizer que o índice de aumento/correção que iremos receber em Maio, foi única e exclusivamente para atender a pedidos dos participantes da Previ, se meus ouvidos não me traíram.
Estou triste.
CENTO E SESSENTA BILHÕES, que devem durar até 2080, quando estarei com 150 ( CENTO E CINQUENTA ) anos E COM UMA SAÚDE DE DAR INVEJA.
As pessoas brincam com os sentimentos dos idosos, quando estão a receber salários de mais de QUARENTA MIL REAIS AO MES.
Desculpem ter me alongado, mas insisto ESTOU TRISTE.

Anônimo disse...

Na verdade este comportamento beira a canalhice, o desdem com que somos tratados e maltratados, falta de atenção, descaso, como se fossemos crianças sem precisarem darem explicações. Acho que temos que repensar o caso já que é um plano fechado o Previ 1 em alguma forma de retirar o BB do comando DA PREVI.

Anônimo disse...

Srs.,

Estamos mais próximos de JUNHO(2013) ou do JANEIRO(2013) próximo passado?
Em que data vale o bom senso/senso comum?

HELENO PINTO NOBRE disse...


INFELIZMENTE NÓS TEMOS QUE NOS SUBORDINAR AO MANDO; SEMPRE FOI ASSIM. QUANDO ASSUMI EM 06/06/1977; JAMAIS IMAGINARIA QUE O BB FICARIA TÃO SAFADO COMO É HOJE. E COM O PT NO COMANDO QUE EU ACHAVA QUE SERIA MELHOR DO QUE OS CALHORDAS DO PSDB;COM FHC E SUA MATILHA.! ELES SABEM QUE PODEM METER A MÃO POIS ; A VELHARADA NÃO ESTA NEM AHI E OS ANTIGOS APOSENTADOS QUE NÃO TIVERAM QUE ENFRENTAR O GOVERNO DO FHC ; 08 ANOS COMO EU QUE FIQUEI DE 1994-2004 RECEBI APENAS 10% DE AUMENTO EM 10 ANOS; ENQUANTO SE TIVESSE ME APOSENTADO EM 1999 ; POIS HAVIA COMEÇADO A TRABALHAR ( NÃO NO BANCO) COMPLETARIA OS MEUS 30 ANOS DE TRABALHO. COMECEI EM 05/1969 . POR 06 MESES TIVE QUE ESPERAR ; 05 ANOS. FOI UMA TREMENDA SACANAGEM. VOU MORRER ENGASGADO COM ESTA TREMENDA SAFADEZA.

O QUE EU VEJO É QUE NINGUÉM TEM PODER NENHUM DE RECLAMAR OU FAZER ALGUMA COISA; POIS SERIA EU A FAVOR DO REAJUSTE EM JUNHO/2013 E VAMOS RECEBER A MERRECA DE 3.82 % PORQUE OS SAFADOS ASSIM O QUEREM; EMBORA VENHA O RETRATIVO.

ELES DEVERIAM CORRIGIR DESDE JANEIRO; POIS SERÁ QUE NÃO HOUVE CORROSSÃO DO QUE TERÍAMOS DIREITO ???

ENTÃO A SACANAGEM É SEMPRE CONTRA NÓS MESMO . JÁ VOTEI NA ENQUETE. MAS VOU TE DIZER GRANDE ARI; QUANTOS IRÃO VOTAR NA ENQUETE.??? NINGUÉM DA VELHARADA ENTRE OS QUAIS ME INCLUO ;CHEGANDO AOS 62 ANOS NESTE MES DESTE ANO NÃO QUEREM NADA MESMO. VÃO VIBRAR COM OS 3;82% EM MAIO.

FAZER O QUE SE SOMOS PESSOAS TOTALMENTE ACOMODADAS ; E QUE ALGUNS COMO EU QUE BERRA; SABEMOS QUE O POVÃO ;DIGO OS APOSENTADOS NÃO TEM NINGUÉM A NOSSO FAVOR . POR ISSO METEM A MÃO., VELHO NEM GREVE PODE FAZER. QUEM MANDOU FICARMOS VELHOS. ELES SABEM MUITO BEM DISSO. FORAM PARA O PODER PARA METER A MÃO; COM TRENS BALA ; TRANSPOSIÇÃO DO RIO CHICO; COSTAS DO SAUÍPE E POR AHI VAI
SÓ BOLA NAS COSTAS DA VELHARADA.

ARI TALVEZ NÃO QUEIRAS EDITAR A MINHA LAMENTAÇÃO. JÁ SABES Q QUEM ESTA RECLAMANDO. O GRITÃO QUE NÃO SE ESCONDE. EU CUSTO A FALAR; MAS JAMAIS ANÔNIMO; HELENO PINTO NOBRE ; MATRIC. 3984730-3 . ACHO QUE O SEU MARCEL DEVERIA IR LA NOS ARQUIVOS DO BB VER SE REALMENTE EU TRABALHEI NELE. TE JOGO QUE ELE NÃO TRABALHOU TANTO TEMPO QUANTO EU; SE É QUE ELE CHEGOU A TRABALHAR NO BB ALGUMA VEZ .!!! JAMAIS ANÔNIMO E SEMPRE PERDENDO; POIS O BB?PREVI/ ANABBs; AAFABBs. PT E SUA TURMA SÃO CONTRA NÓS MESMO E NÃO ADIANTA TAPAR O SOL COM A PENEIRA .

ARI O MEU COMENTÁRIO ESTA NAS TUAS MÃOS. SE TENS AQUILO ROXO EDITA; SE NÃO ; VOU ENTENDER PORQUE NÃO EDITARÁS. TALVEZ TENHA FERIDO ALGUMS SENTIMENTOS. ELES NÃO NOS RESPEITAM E NÓS TEMOS QUE RESPEITÁ-LOS . ISTO PARA MIM É MUITA SACANAGEM .!! E TENHO O DITO .!!!!
JAMAIS ANÔNIMO .!!! BANDO DE BANDIDOS *( PEGUEI LEVE ) ;!!!!

Luis-BH disse...

Heleno, como sempre, magistral! "Peguei leve" foi a cereja do bolo. Disse tudo.

Ari Zanella disse...

O meu amigo Junior Machado parabeniza o colega Heleno Pinto Nobre, dizendo que ele sim tem caráter e age com muita bravura na defesa dos nossos interesses.

Anônimo disse...

Caro Heleno,

Grite mesmo, e muito, tem todo o meu apoio. Vejo que você está com mais pique do eu com os meus 70 nas costas.

Confesso que me sinto sem forças, derrotado e fracassado ao constatar que nesta idade não consegui o que tanto acalentava para meus tempos de aposentado.

Pensava numa vida mais calma e tranquila, vendo meus filhos crescidos e formados, netos rondando e me atazanando a paz. Pensei nisso tudo, vejo que só pensei, não consegui.

O que mais me constrange, às vezes -- na verdade, quase sempre --, é ter que recorrer aos filhos para fechar as contas do mes.

Eles sempre falam que eu os criei, eduquei e batalhei para que eles tivessem a formação e a estrutura que têm hoje, por isso eu não deveria me sentir como me sinto diante da ajuda deles.

Mas, a verdade é que dá uma dorzinha danada lá dentro da gente. Nunca pensei que chegaria a esse ponto.

Bem, é isso aí, um simples desabafo, uma inconfidência ao colocar aqui publicamente coisas tão particulares.

Minha intenção é que, ao contar isso abertamente aqui no blog, sirva de consolo para milhares de colegas que devem estar passando pelo mesmo drama.
Lydio

Unknown disse...

Colega Lydio,

Infelizmente parece que a maioria dos aposentados e pensionistas esta sendo obrigado a trilhar esse caminho, por força do evidente menosprezo da PREVI. Eu, já destituído de qualquer interesse em bens materiais -- exceto alimentação, saúde e moradia --, ainda consigo auxiliar um pouco meus filhos, mas vejo que a cada mes o dia 20 fica mais longe. Mas a esperança ainda existe por força do movimento de pessoas que não se acovardam, como os colegas Ari Zanella, Gilvan, Dr. Medeiros, Edgardo Rego, Carvalho, Isa Musa e outros tantos. Cedo ou tarde, mesmo que seja somente através da via judicial, retomaremos a posse do patrimônio esbulhado. Precisamos é, como dito em artigo recente do blog, manter a união e, com ela, persistir no bom combate.

Luiz Faraco - Florianópolis-SC

Ari Zanella disse...

HELENO PINTO NOBRE deixou um novo comentário sobre a sua postagem "DECISÕES QUE NOS AFETAM":


COMO FIQUEI ENTUSIASMADO ; PELO COMENTÁRO DOS MEUS QUERIDOS COLEGAS LYDIO ; LUIZ - BH E AO JOVEM JUNIOR MACHADO . QUERO AGRADECER A GENTILEZA QUE TIVERAM DE ME ELOGIAR .!"
EU NÃO PODERIA REALMENTE; DEIXAR DE AGRADECER OS ELOGIOS. ELES COMO O LYDIO QUE ME FALA QUE TEM AO REDOR DE 70 ANOS E TAMBÉM ENFRENTA SÉRIOS PROBLEMAS PARA MUITAS VEZES FECHAR O MÊS.
ISTO DÓI NO CORAÇÃO DE QUALQUER SER HUMANO .
A SITUAÇÃO DO JUNIOR MACHADO CUJA MÃE É PENSIONISTA E RECEBE 60% DO QUE SEU MARIDO RECEBIA .

É MUITA INGRATIDÃO DESTES INSENSATOS . ELES COMO ALGUÉM COMENTOU AQUI; COM SALÁRIOS DE 40.000 MÊS ; ENQUANTO NÓS VIVEMOS PENANDO PARA FECHARMOS NOSSAS CONTAS ; CADA MES EM QUE VIVEMOS.

EU COMO DISSE ANTERIORMENTE; QUANDO SAÍ DO BB EM 31/03/2004; RECEBIA BRUTO ; 2.400 REAIS;DO BB ; FUI REBAIXADO O INSS ME LARGOU COM 1.390;01 E ATÉ HOJE 19/04/2013; AINDA NÃO RECEBO O QUE RECEBIA EM 03/2004 ; 2.400; REAIS E HOJE RECEBO A MERRECA DE 2.312;84. AINDA PASSADOS 09 ANOS DE APOSENTADORIA E AINDA NÃO RECEBO O QUE RECEBIA EM 2.004.
É MUITA INJUSTIÇA E RECLAMO E FALO AQUI ONDE MORO PARA TODAS AS PESSOAS QUE POSSO FALAR; SEJAM AMIGOS; CONHECIDOS E ME CONSIDERO ALGUÉM QUE ESTA PRATICAMENTE SOZINHO ;AO RECLAMAR DE TODA ESTA TIRANIA.
TENHO CERTEZA QUE NÃO SOU SOMENTE EU QUE ESTEJA PASSANDO POR TUDO ISTO.!!MAS ;PORQUE OS OUTROS NÃO RECLAMAM ?? ESTÃO CONFORMADOS. !!VEEM A ROUBALHEIRA E SAFADEZAS PERPRETADAS E NINGUÉM RECLAMA.!!!

FICO TOTALMENTE INDIGNADO COM TODA ESTA SITUAÇÃO. VALEU ARI POR TERES EDITADO O MEU DESABAFO E DESEJO AOS MEUS COLEGAS DE INFORTÚNIO ; MUITA SAÚDE ; PARA PERSEVERAREM NESTA LUTA INGLÓRIA ;.!!

DE ORGULHOSOS TRABALHADORES DO BB QUANDO ASSUMIMOS A REVOLTADOS APOSENTADOS DA EMPRESA QUE DIGNAMENTE REPRESENTAMOS DURANTE ; NO MEU CASO QUASE 27 ANOS .
É DE DOER PARA CADA UM DE NÓS QUE ESTA ENFRENTANDO TODO ESTE SACRILÉGIO . VALEU GRANDE ARI ; TODOS NÓS TEMOS UM GRANDE APREÇO POR TUA PESSOA E MUITA SAÚDE PARA TI E TUA FAMÍLIA TAMBÉM E PARA O GRANDE GILVAN REBOUÇAS. ESTE É OUTRO HERÓI A QUEM DEVEMOS M MUITO NESTA SITUAÇÃO TODA.

VALEU COLEGAS; MUITO OBRIGADO DE CORAÇÃO. COMO SEMPRE BERRANDO E ENQUANTO VIVER VOU CONTINUAR BERRANDO; GOSTEM OU NÃO; JAMAIS ANÔNIMO ; HELENO PINTO NOBRE ; MATRICULA 3984740-3

ESTA MATRÍCULA QUE GANHEI EM 06/06/1977 QUANDO ASSUMI IRÁ PARA O TÚMULO JUNTAMENTE COMIGO

VALEU QUERIDOS COLEGAS E VERDADEIROS AMIGOS .!! UM ABRAÇO BEM APERTADO E MUITO OBRIGADO REALMENTE PELOS ELOGIOS.!!!!

Ari Zanella disse...

TEOR DA CORRESPONDENCIA ENVIADA HOJE À PREVI PELA FAABB:


À CAIXA DE PREVIDÊNCIA DOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL – PREVI



Senhores Diretores e Conselheiros,



O Conselho Deliberativo da PREVI aprovou, no dia 14.11.2012, alterações no Regulamento do Plano 1, que inclui, entre outras medidas, a FIXAÇÃO DO MÊS DE JANEIRO como o novo mês para aplicação do reajuste dos benefícios das aposentadorias e pensões.

Em face da notícia de que a PREVIC informou que a antecipação do índice de 3,82% no reajuste dos benefícios, retroativo a janeiro/2013, referente ao INPC acumulado do período de junho a dezembro/2012, encontra-se “apto” para ser implantado, desejamos ponderar com as instâncias decisórias da PREVI de que a adoção já em maio/2013 dessa nova alteração significa contrariar a Constituição no que se refere à irredutibilidade dos salários e benefícios prevista no texto constitucional (artigo 7o, inciso VI, da CF) eis que as notícias antecipam que a PREVI pretende aplicar o reajuste considerando tão somente a média do período de julho/2011 a janeiro/2012, sonegando, portanto, seis meses de inflação e nos impondo pouco mais de 3,%, (segundo dados do IBGE) embora pagando os atrasados do período.

Ponderamos que se o reajuste for mantido na mesma data de junho, de acordo com os índices inflacionários de agora a correção salarial será por volta de 7,2%.

Temos ciência de que a demora no trâmite da alteração da data de reajuste inexplicavelmente se deveu ao longo caminho que foi necessário percorrer dentro das instâncias decisórias, mas desejamos ponderar que a aplicação do reajuste agora, nos moldes do que tem sido noticiado significará grave agressão ao texto Constitucional que fere os princípios de moralidade e transparência que esperamos da diretoria e conselhos da Previ.

Esta Federação já envidou esforços para que a PREVI adotasse além do reajuste de Lei, anual, um reajuste adicional, com base na diferença entre a meta de rentabilidade prevista e a efetivamente alcançada, de modo a trazer benefícios reais a aposentados e pensionistas sem prejuízo da estabilidade do Plano e no entanto, causa-nos profunda estranheza constatar que ao contrário de procurar restabelecer o poder de compra, contemplar aposentados e pensionistas com reajustes reais compatíveis com a robustez dos recursos do Plano 1, a PREVI pretende usar subterfúgios regulamentares para submeter seus associados assistidos a taxas ínfimas que nem de perto refletem a inflação que já oprime toda a sociedade brasileira.

No passado não muito remoto, já nos rebelamos contra atos arbitrários da PREVI no que se refere ao aviltamento dos nossos benefícios de aposentadoria e pensão e não relutaremos de novamente buscar nos tribunais a reparação de possíveis danos por atos de gestão inconsequentes e temerários.

Nesta oportunidade estamos nos dirigindo também a PREVIC para que, como órgão normativo e fiscalizador, venha a obstar tais medidas prejudiciais aos beneficiários da PREVI.



Atenciosamente,

Isa Musa de Noronha

Presidente

isamusa disse...


A correspondência que enviei é preventiva, pois é imponderável que a PREVI reajuste pela média, conforme informa a AFABB PR. O correto seria implantar o reajuste com base na variação do índice de julho/2012 a janeiro/2013 e pagar a diferença retroativa a janeiro até maio (se forem pagar em maio), corrigindo monetariamente, de modo que em janeiro/2014 possamos ter ai sim, a variação janeiro a janeiro.
De sorte que o alerta vindo da AFABB PR de Curitiba e o telefonema que recebi do Ruy sobre o imponderável, merecia uma resposta da PREVI, daí a razão do meu e-mail aos diretores.
Att
Isa Musa

Anônimo disse...


" Joaquina de Pompéu não Morreu" Mestre Ari, fiquei feliz de ver a defesa que D. Isa Musa fez dos nossos interesses. Com a sua inteligencia e energia ela me fez lembrar de uma matriarca que viveu em Minas Gerais no seculo XVIII e que barrava as pretensões nefastas das autoridades portuguesas. D. Isa é Musa e Guerreira. Salve D. Isa. Cordialmente, Divany Silveira -Sete Lagoas-MG

Anônimo disse...


PROFESSOR ARI,

POR CONHECIMENTO DE CAUSA PODE-SE AFIRMAR O SEGUINTE:

É MELHOR POUCO, AGORA, DO QUE NADA NOS PRÓXIMOS ANOS!!!

JÁ IMAGINOU SE A DIRETORIA ENTENDER DE NÃO MAIS DAR OS MISERÁVEIS 3,8%, AGORA, E ADIAR A CONCESSÃO DO QUE PRETENDEMOS PARA DATAS FUTURAS, INCERTAS?

TOMARA QUE ELA, A DIRETORIA DA PREVI, NÃO DÊ OUVIDOS À D. ISA.

ESSA DE DIZER QUE É INCONSTITUCIONAL, CITAR ARTIGOS DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL PARA PROVAR QUE ESTÃO ERRADOS, ESTÃO ROUBANDO NÃO VAI FUNCIONAR NUNCA.

TAÍ A RES. 26 COMO EXEMPLO MAIOR DE DESRESPEITO A CF.

PORTANTO, CONTENTEMO-NOS COM O POUCO QUE ENTEDEREM DE NOS DAR.
E PRONTO.

Unknown disse...

Incrédulo li o comentário do anônimo de 20/04/13 00:02 hs. É a própria desesperança em pessoa. Perder faz parte do jogo da vida; abater-se diante de uma desgraça é próprio do ser humano. Já curvar-se aos desígnios de quem elegemos é no mínimo apatia e desinteresse, isto para não citar palavra que venha a levantar polemica. Aqui não é o salve-se que puder, mas todos unidos buscando amparar o grupo em sua totalidade.

Respeitosamente,
Luiz Faraco - Florianópolis-SC

Anônimo disse...

Não vejo nenhum sentido no que disse o colega das 00:02h de 20.04.2013.
Derrotismo total e completo, entregando os pontos sem luta.
Assim fica bravo lutar contra os poderosos que tanto nos oprimem.